INSTRUMENTOS OPERATORIOS
9 pág.

INSTRUMENTOS OPERATORIOS


DisciplinaDentística5.225 materiais104.183 seguidores
Pré-visualização1 página
Instrumentos Operatórios
Conhecer como se classificam os instrumentos utilizados em Dentística
Para realizar um preparo cavitário você precisa de instrumentos que permitam acesso à lesão que afeta
a estrutura dentária, de forma que possibilite diferentes abordagens, em função do tipo de procedimento que
pretende realizar.
Os instrumentais utilizados em Dentística podem ser classificados como:
Instrumentos auxiliares1.
Instrumentos cortantes manuais2.
Instrumentos cortantes rotatórios3.
Instrumentos de inserção4.
Instrumentos condensadores5.
Instrumentos esculpidores6.
Instrumentos para polimento7.
 
1. Instrumentos auxiliares
A \u2013 instrumentos para exame clínico:
sonda exploradora1.
pinça clínica2.
espelho3.
 
B \u2013 instrumento para anestesia
seringa carpule1.
 
C \u2013 materiais para isolamento do campo operatório
lençol de borracha ou dique de borracha1.
porta dique de borracha (arco de Young)2.
perfurador de dique de borracha (perfurador de Ainsworth)3.
pinça porta-grampo4.
grampos5.
sugador de saliva6.
fio dental7.
lubrificante8.
godiva de baixa fusão9.
lâmpada a álcool10.
rolete de algodão11.
tesoura12.
caneta hidrográfica13.
 
D \u2013 materiais para profilaxia
escova de Robinson1.
taça de borracha2.
 
E \u2013 materiais auxiliares de restaurações proximais
matriz (metálica, poliéster)1.
porta-matriz2.
cunha3.
 
F \u2013 material para verificar contato oclusal
carbono para articulação1.
Instrumentos auxiliares
2. Instrumentos cortantes manuais
Suas partes constituintes são: ponta ativa ou lâmina, intermediário e cabo. Se o instrumento possuir
duas pontas ativas, é considerado instrumento duplo, se possuir apenas uma, instrumento simples. O
intermediário pode ter angulações. O cabo pode ser octavado e serrilhado para evitar que o instrumento
escorregue durante sua preensão.
A correta preensão dos instrumentos, juntamente com apoio em dentes do mesmo arco, permite um
máximo rendimento, com mínimo desgaste físico do operador. Geralmente utiliza-se segurar o instrumento
em posição de escrita, ou se precisar de maior força, em posição dígito-palmar (pouco utizada em
Dentística).
A \u2013 curetas dentinárias/colher de dentina
Servem para remoção de tecido cariado. Possuem lâmina em formato reto ou de disco
B \u2013 recortador de margem gengival
Servem para planificar o ângulo cavo-superficial gengival e para arredondar o ângulo axio-pulpar.
C \u2013 cinzéis
Servem para planificar e cortar o esmalte
D \u2013 machados
Servem para planificar e cortar o esmalte, e planificar as paredes V e L das caixas proximais de
preparos classe II
E - enxadas
Servem para acabamento de paredes internas da cavidade
Instrumentos cortantes manuais e suas partes constirutintes
3. Instrumentos cortantes rotatórios
Instrumentos empregados para cortar ou desgastar a estrutura dentária através da rotação promovida
por motores, geralmente de ar comprimido.
Podem apresentar haste regular ou haste longa, mais utilizados em endodontia. A ponta ativa pode ter
formato:
Circular: para emoção de tecido cariado e confecção de retençõesl
Cilíndrico: para corte na extremidade e nas laterais de paredes circundantesl
Tronco-cônico: para dar forma expulsiva nas paredes circundantesl
Cone invertido: para planificação de paredes pulparesl
A \u2013 pontas diamantadas
Possuem diamante como abrasivo na ponta ativa. Ação de abrasão. Utilizadas para desgaste de
esmalte, resina composta, amálgama, material para restauração provisória em alta rotação ou baixa rotação
(com uso de um mandril adaptador). Instrumentos com a indicação \u201cF\u201d ou \u201cFF\u201d são utilizados para
acabamento e polimento por possuírem grão de abrasivo menores.
B \u2013 brocas
Possuem lâminas na ponta ativa. Ação de corte. Utilizados para remoção de dentina cariada e
acabamento de preparos cavitários em baixa rotação (multilaminadas). Podem ser feitas de aço ou de carbeto
de tungstênio (carbide).
Instrumentos cortantes rotatórios
4. Instrumentos de inserção
Servem para inserir materiais para restauração ou proteção do complexo dentino-pulpar
A \u2013 porta amálgama
B \u2013 espátulas de inserção (para resina composta, cimentos)
C \u2013 aplicador de hidróxido de cálcio
Instrumentos de inserção
5. Instrumentos condensadores
Geralmente utilizados para condensar, compactar amálgama.
A \u2013 condensadores Ward
 
6. Instrumentos esculpidores
Utilizados para dar anatomia aos materiais restauradores inseridos na cavidade.
A \u2013 Brunidor n. 26
B \u2013 Brunidor n. 33 de Bennett
C - Brunidor Hollenback n. 6
D - Esculpidor Hollenback n. 3
E - Esculpidor discóide-cleóide
F - Esculpidor tipo Frahn
G - Espátulas de inserção
Instrumentos condensadores e esculpidores
7. Instrumentos para acabamento e polimento
A - Para amálgama:
Tiras de lixa de aço1.
Brocas multilaminadas (12 lâminas)2.
Pontas Abrasivas (marrom, verde e azul)3.
B - Para resina composta:
Tiras de lixa de poliéster1.
Brocas Multilaminadas (32 lâminas)2.
Pontas Diamantadas F3.
Pontas Diamantadas FF4.
Discos de Óxido de Alumínio5.
Pontas Abrasivas6.
Discos de Feltro7.
Instrumentos para acabamento e polimento
Quiz 
 1
Assinale a alternativa que contém apenas instrumentos auxiliares.
espelho, pinça porta-grampo, tira de lixa de poliéster, lençol de borracha, cunha
porta-amálgama, sonda exploradora, porta dique de borracha, matriz metálica, grampos,
pinça clínica, perfurador de dique de borracha, seringa carpule, porta-matriz
lençol de borracha, pinça porta grampo, cureta dentinária, escova de Robinson
Referências
Baratieri, L.N.; Monteiro Jr., S; et al. Odontologia Restauradora \u2013 Fundamentos e Técnicas. São Paulo:
Santos, 2010.