A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
Avaliação AV1 Análise Textual

Pré-visualização | Página 1 de 2

Avaliação: CEL0014_AV1_201207122726 » ANÁLISE TEXTUAL
	Tipo de Avaliação: AV1
	Professor:
	REINALDO KELMER
	Turma: 9225/IQ
	Nota da Prova: 5,0 de 8,0        Nota do Trabalho:        Nota de Participação: 2        Data: 05/10/2012
	�
	 ��1a Questão (Cód.: 8345)
	Pontos: 0,0  / 0,5
	Uma das variações que devem ser observadas em relação à língua é a que se refere às modalidades falada e escrita. A esse respeito, constitui característica da língua escrita:
	
	 
	A adequação à reação do interlocutor.
	
	As repetições
	
	A fragmentação do texto.
	
	As mudanças de assunto
	 
	A construção do texto na ausência do interlocutor.
	
	�
	 ��2a Questão (Cód.: 8359)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	 A Coesão Referencial é uma característica do texto por meio da qual permite-se a retomada da informação. Marque a alternativa em que ocorra a adequada retomada do termo em negrito.
	
	
	 
A escola sugeriu que se fizesse um plano de recuperação dos alunos, para que elasconseguissem assimilar o conteúdo.
	
	 
    A peça "O fantasma da ópera" está há muitos anos em cartaz em teatros da Europa; isso se deve ao interesse das pessoas por ele.
	
	 Os rapazes que vieram de Fortaleza ficaram impressionados com suas praias, por issoele quer voltar logo.
	 
	As cartas devem esperar um dia, pelo menos, para que eu possa enviá-las.
	
	 
  Dizem que a crise estimula a criatividade, pois quem sobrevive a ele torna-se mais forte.
	
	�
	 ��3a Questão (Cód.: 13961)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Considere o período abaixo:
Como não dispúnhamos de capital, não pudemos investir na expansão da fábrica.
Esse período pode ser alterado, sem mudança na ideia original. Assinale a opção que contém o elemento adequado ao novo período, iniciando com: Não pudemos investir na expansão da fábrica...
	
	
	logo não dispúnhamos de capital
	 
	já que não dispúnhamos de capital.
	
	à medida que não dispúnhamos de capital
	
	embora não dispuséssemos de capital
	
	ainda que não dispuséssemos de capital.
	
	�
	 ��4a Questão (Cód.: 8346)
	Pontos: 0,0  / 0,5
	A Coesão Sequencial é o nome que damos ao tipo de articulação que permite ao texto a progressão da informação. Classifica-se "temporal" o tipo de coesão sequencial que:
	
	
	Usa numerais.
	
	Substitui as palavras
	 
	Organiza-se com partículas temporais
	
	Estabelece-se com sinônimos.
	 
	Emprega pronomes
	
	�
	 ��5a Questão (Cód.: 8364)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	 Leia o texto abaixo:
 
 E Millions Poet, o reality show do Islã, detonou uma discussão sobre os direitos da mulher no mundo árabe. Tudo começou quando a poetisa Hissa Helal, da Arábia Saudita, leu um poema dirigido àqueles que estão no poder a quem chamou de cruéis, bárbaros e cegos. O poema foi visto como um ataque a Abdul-Rahman AL-Barrak, clérigo saudita que proclamara uma fatwa, uma lei, defendendo a segregação das mulheres. A manifestação de Hissa atraiu a ira de extremistas, que começaram a ameaçá-la de morte. Mesmo assim, ela foi à final e ficou em 3° lugar (o vencedor foi Nasser AL-Ajami, do Kuwait, com 67% dos votos). Hissa, que ganhou US$600 mil de prêmio, admite ter ficado assustada com as ameaças. Mas diz que seu maior medo é outro. Eu me preocupo com as luzes da fama, o efeito que podem ter sobre minha existência simples, declarou, sem economizar no tom poético, à agência Associated Press. (Bruno Garattoni. Superinteressante, Ed. 278, maio/2010, Abril, p. 26)
 
 Tendo em vista a coesão sequencial, marque a alternativa que substitui corretamente o articulador em negrito do trecho: Mesmo assim, ela foi à final e ficou em 3°lugar...
 
 
	
	
	Porquanto
	 
	Não obstante
	
	Por isso
	
	Portanto
	
	  À proporção
	
	�
	 ��6a Questão (Cód.: 24001)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Leia o fragmento abaixo e identifique o tipo de texto em que ele se enquadra:
Saudados por ecologistas como arcas de Noé para o futuro, por serem repositórios de espécies animais e vegetais em extinção acelerada noutras áreas do país, alguns dos 25 parques nacionais do Brasil tiveram, na semama passada, a sua paisagem mutilada pelo fogo . /.../ Naquele dia, o incêndio começou no Parque da Serra da Capivara, no sertão do Piauí, calcinado há seis anos pela seca, e avançou pela caatinga, que esconde as pinturas rupestres inscritas na rocha, há pelo menos 31.500 anos, pelo homem brasileiro pré-histórico. (ISTO É, 22/08/1984)
	
	 
	narração
	
	conto
	
	diálogo
	
	injunção
	
	poema
	
	�
	 ��7a Questão (Cód.: 8341)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Leia o texto abaixo: "- Ela já foi? - Já. -Tem certeza? Olha lá no olho mágico. - Acabou de entrar no elevador. - Então pega o controle do ar condicionado, menina. Liga aí. Mas bota no 18. Comigo esquentando barriga nessa cozinha e tu passando roupa, capaz da gente desmaiar a 21. Não, bota logo no 16! - Isso aqui ta parecendo Bangu! - Só que ninguém pagou milhão pra viver em Bangu. - Diz que essa cobertura tá pra mais de milhão." ("As nêga". Uma história de ficção, por Antonia Pellegrino. Revista O Globo, ano 5, n. 295, 21 de março de 2010. p. 28) O texto reproduz uma situação do cotidiano, trata-se de um diálogo informal. Assinale a expressão que caracteriza a informalidade do texto:
	
	
	"Tem certeza"
	
	"Olha lá no olho mágico"
	
	"Ela já foi?"
	
	"Acabou de entrar no elevador"
	 
	"Isso aqui tá parecendo Bangu"
	
	�
	 ��8a Questão (Cód.: 23343)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Analise o seguinte fragmento textual:
A Bomba-Suja
 Introduzo na poesia a palavra diarreia. Não pela palavra fria mas pelo o que ela semeia. (Gullar, Ferreira. Toda Poesia, 1950 - 1980).
Por que a palavra diarreia, empregada em um poema, seria uma "Bomba-suja"?
	
	
	Porque as fezes são sujas e contaminam o poema, tornando-o pouco atraente em termos estéticos.
	
	A palavra diarreia traz para o poema uma atmosfera de sujeira e doença, muito comum na poesia do Ocidente.
	
	O poeta não considera adequado o emprego da palavra diarreia em um poema.
	 
	A palavra diarreia é uma Bomba-Suja porque seu emprego desconstrói a visão tradicional de linguagem poética.
	
	Porque a palavra diarreia não deveria ser empregada em um poema, pois não pertence à linguagem poética.
	
	�
	 ��9a Questão (Cód.: 9072)
	Pontos: 0,0  / 1,0
	 
Leia atentamente o texto que se segue:
Marco Polo descreve uma ponte, pedra por pedra.
− Mas qual é a pedra que sustenta a ponte? - pergunta Kublai Khan.
         − A ponte não é sustentada por esta ou aquela pedra - responde Marco −, mas pela curva do arco que estas formam.
         Kublai Khan permanece em silêncio, refletindo. Depois acrescenta:
           − Por que falar das pedras? Só o arco me interessa.
           Polo responde:
           − Sem pedras, o arco não existe.
(Italo Calvino. As cidades invisíveis. São Paulo: Companhia das Letras, 1990. Trad. Diogo Mainardi)
O texto acima reproduz um fictício diálogo entre Marco Polo e Kublai Khan. Percebemos que, enquanto o segundo deseja uma relação mais objetiva com a descrição de uma ponte, o primeiro indica a importância de se considerar os detalhes que a constituem.
Pode-se afirmar com relação à descrição:
	
	
	Indica como realizar uma ação.
	 
	 A classe de palavras mais utilizada é o adjetivo
	
	Apresenta-se no tempo verbal passado.
	
	Expõe ideias a respeito de um assunto.
	 
	Justifica-se uma opinião mediante argumentos.
	
	�
	 ��10a Questão (Cód.: 13936)
	Pontos: 0,0  / 1,0
	Leia o seguinte fragmento de texto e responda à questão.
 "Vem caindo devagar/ Tão devagar vem caindo/Que dá tempo a um passarinho..."
Assinale a opção que completa corretamente a afirmativa: o conectivo QUE estabelece, no período