Convict Conditioning (Condenado Condicionado) - Paul Wade (Traduzido) - 05 Flexão plantando bananeira
21 pág.

Convict Conditioning (Condenado Condicionado) - Paul Wade (Traduzido) - 05 Flexão plantando bananeira

Pré-visualização5 páginas
Flexão Plantando Bananeira 
 
Forma Perfeita = Força Perfeita 
 
Flexão plantando bananeira é um movimento difícil. Inevitavelmente você desenvolverá 
seu próprio estilo. A melhor forma de aprender é progredir lentamente através dos dez 
passos, ordenhando de cada exercício tudo que ele puder ensinar sobre equilíbrio, 
controle muscular, coordenação e produção de força. Eis alguns apontamentos técnicos 
que o ajudarão a aperfeiçoar sua técnica durante a jornada. 
 
Flexões plantando bananeira podem ser feitas tanto com as costas contra uma parede 
quanto \u201clivre\u201d \u2013 sem apoio. Este último estilo exige que o atleta despenda tanta energia 
com o equilíbrio quanto com a força. O objetivo principal do Condicionamento do 
Condenado é o desenvolvimento dos músculos e potência, então o sistema foca-se na 
versão com apoio na parede. Se estiver interessado na versão sem apoio, domine os 
passos iniciais contra a parede primeiro; isto lhe dará potência mais do que o suficiente 
para a versão sem apoio. 
 
Os primeiros passos gradualmente treinarão seu corpo e mente para se adaptar ao 
equilíbrio e ficar de ponta cabeça. Eles também o ensinarão a se virar contra a parede e 
descer de forma segura. Resista à tentação de correr para os passos mais glamourosos e 
domine os preliminares primeiro. 
 
Quando jogar os pés para cima, não deixe as mãos muito próximas da parede. Uma 
distância 15 a 25 centímetros \u2013 às vezes mais \u2013 será muito mais estável. As mãos devem 
ficar com uma abertura na largura dos ombros. Homens treinados com pesos podem 
ficar tentados a colocar as mãos em posição mais larga do que isto, mas fazer isto o 
deixará menos estável e tornará seu movimento menos eficiente. 
 
Durante a flexão em parada de mão, não force seus cotovelos para fora como faria no 
desenvolvimento militar. Eles assumirão seu ângulo natural; seja diretamente à frente de 
seu peito ou diagonalmente para fora. Qualquer deles estará ótimo. Faça o que seu corpo 
quiser! 
 
Não mantenha o corpo reto. Ele se curvará um pouco, com os pés terminando um pouco 
mais atrás do que a cabeça. Isto é devido ao equilíbrio natural do corpo invertido e 
representa uma boa técnica. Não arqueie excessivamente suas costas, mas não tente 
deixar seu corpo reto como ferro. Mantenha uma curvatura suave. 
 
No início, haverá uma tendência de bater as costas esticadas contra a parede com todo o 
peso corporal. Isto é um hábito ruim. Eventualmente, você quer chegar ao estágio onde 
apenas seus calcanhares toquem a parede. Se tiver seguido os apontamentos acima e suas 
mãos estiverem a curta distância da parede com seu corpo apresentando uma curvatura 
suave, os calcanhares automaticamente se tornarão o ponto de contato com a parede. 
Você não deverá se forçar em nenhuma postura estranha. 
 
 
 
Com
apen
com
em p
 
Algu
trein
meia
ades
para
 
 
Prim
 
Exe
 
Enco
chão
colo
part
apro
coto
107)
impu
dina
lenta
boca
exig
 
m o tempo
nas o suf
m o passar
parada de
uns caras
no. Isto t
as grossa
sivas em 
a cima e p
meiro P
ecução 
ontre um
o perto d
que o top
ir da par
oximadam
ovelo resp
). Agora,
ulsiona a
amicamen
amente e
a fechada
ido, dobr
Fig
o, seus pé
ficiente p
r do temp
e mão com
s acham q
torna as 
as e fazen
paredes d
para baixo
asso: Pl
ma parede
a parede
po de su
rede. Posi
mente na
pectivo e 
, empurr
a outra 
nte acima
estique su
a e resp
re as pern
g. 107: Traga
és devem
para mant
po, você 
m muito 
que há al
 flexões 
ndo os e
de tijolos
o. Você p
lantar B
e sólida. 
. Isto ser
ua cabeça
icione su
a largura 
estique a
re forte 
perna p
a em dire
uas pern
ire suave
nas e trag
a seu joelho m
 tocar a p
ter o equ
estará há
 pouco es
lguma fri
mais difí
exercícios
s onde pr
pode prec
ananeir
 Coloque
rá para su
a no trave
uas mãos 
dos omb
a outra pe
com sua
ara cima
eção à pa
as até qu
emente p
ga-as para
mais forte be
parede ap
uilíbrio. S
ábil a se 
sforço se d
icção ent
fíceis. Vo
s contra 
raticavam
cisar desta
ra de Ca
e um trav
ua cabeça
esseiro. S
 firmeme
bros. Trag
erna, de f
a perna 
a de ma
arede. Um
ue o corp
pelo nar
a baixo so
em perto do c
penas com
Se lentam
mover pa
desejar. 
tre seus c
ocê pode 
paredes 
m para aju
a dica ou 
abeça na
vesseiro, 
a. Apoie-
Sua cabeç
ente em a
ga seu jo
forma qu
 mais fo
aneira qu
ma vez q
po fique 
iz. Após 
ob contro
cotovelo resp
m uns pou
mente ten
ara a ver
calcanhar
 aliviar q
lisas. Já 
udar seus
 não. Veja
a Parede
almofada
se em su
ça deve f
ambos os 
elho mai
e o joelho
orte enqu
ue ambas
ue tenha
alinhad0
 perman
ole. 
pectivo e estiq
ucos quil
ntar usar 
rsão sem 
res e a pa
qualquer 
 vi atleta
s calcanh
a como v
e 
a ou toal
uas mãos 
ficar entr
 lados da
is forte b
o fique fo
uanto si
s as per
a \u201cencont
0 (fig. 108
necer ass
que sua outr
los de pre
 menos p
 apoio de
arede dur
 fricção u
as colarem
hares desl
você vai. 
lha dobr
 e calcanh
re 15 e 2
a cabeça a
bem próxi
ora do ch
multanea
rnas se m
trado\u201d a p
8). Mant
im pelo 
 
ra perna. 
essão \u2013 
pressão 
e flexão 
rante o 
usando 
m fitas 
lizarem 
ada no 
hares e 
5 cm a 
abertas 
imo do 
hão (fig. 
amente 
movam 
parede, 
tenha a 
tempo 
 
 
 
Fig
 
Raio
 
Para
espe
bana
pouc
repe
acim
um p
 
 
Obj
 
Inici
Inte
Em 
 
 
Ape
 
A m
\u2013 o 
apre
g. 108: Uma v
o-X do e
a qualque
ecífica qu
aneira de
co prátic
entina mu
ma da cab
pouco com
etivos d
iantes: 
rmediári
Progressã
erfeiçoan
maioria da
 principa
ender o n
vez que tenh
exercício
er pessoa
ue precisa
e cabeça n
ca, os vas
udança d
beça, o qu
mo estab
de Treino
30 se
os: 1 min
ão: 2 mi
ndo sua
as pessoa
al proble
ivel de fo
a \u201cencontrad
o 
a que de
a ser dom
na parede
sos sangu
de gravid
ue signific
bilizadore
o 
egundos 
nuto 
inutos 
a Técnica
s pode pl
ema é co
orça corre
do\u201d a parede,
eseje abo
minada é a
e é a intr
uíneos e 
dade. Dur
ca que o e
es. 
 
a 
lantar ba
onseguir 
eto exigid
, estique lent
ordar as 
a posição 
rodução p
 órgãos d
rante as 
equilíbrio
ananeira 
atingir a
do para em
tamente suas
paradas 
 invertida
perfeita n
do torso 
 paradas 
o é testad
de cabeça
a posição
mpurrar/
s pernas de fo
 de mão
a \u2013 ficar d
nesta hab
e cabeça
 de cabe
do. Os om
a na pare
o inicial! 
/impulsio
forma que o c
o, a prim
de ponta 
bilidade. C
a se acos
eça, o cor
mbros tam
ede por a
 A dificu
onar a fim
corpo fique a
meira hab
 cabeça. P
Com apen
tumarão 
rpo inteir
mbém trab
alguns seg
uldade es
m de enco
alinhado. 
bilidade 
Plantar 
nas um 
 com a 
ro está 
balham 
gundos 
stá em 
ontrar a 
 
 
pare
acim
 
 
Pas
 
Exe
 
Agac
aber
flexi
de s
colo
Even
Ice 
cons
gent
 
Fi
ede. Se ac
ma até que
so Dois:
ecução 
che-se co
rtura apr
ionados. C
seus coto
cando m
ntualmen
as perna
stanteme
tilmente s
Fig 110: 
ig. 4: Flexion
char que
e chegue 
: Parada
om os joe
oximadam
Curve-se
ovelos (fi
ais e mai
nte o pon
as contra
nte (fig.
seu peso 
 Incline-se pa
nando os coto
e isto é d
 lá. 
a em Ala
elhos sep
mente da
 para fren
ig. 109). 
is peso so
nto de equ
aídas pa
. 110). Q
 para trás
ara frente, po
ovelos e omb
difícil, peç
avanca 
parados. P
a largura
nte, posic
Agora gr
obre as m
uilíbrio ir
ra cima 
Quando 
s até que s
osicionando 
bros, desça o 
ça a um 
Posicione
a dos omb
cionando
radualme
mãos enqu