aminoacidos e peptídeo 2016.ppt

aminoacidos e peptídeo 2016.ppt


DisciplinaBioquímica I55.745 materiais1.272.429 seguidores
Pré-visualização3 páginas
acidobásicos
O pI é calculado como sendo o valor médio entre os pKa dos compostos que dão origem à espécie neutra. 
Se o pH>que o pI, o total de cargas do AA sera negativo
Se o pH < que pI, o total de carga do AA sera positivo.
*
*
A curva de titulação mostra a mudança do estado de ionização. Conforme os prótons vão sendo removidos da molécula eles são primeiro removidos da carboxila que tem menor pKa. Quando o pH aumenta em direção ao pK do grupamento amina esse então perde seus prótons. 
O valor de pKa é uma medida da tendência para sofrer ionização (menor pKa => maior tendência para libertar H+).
O pI é calculado como sendo o valor médio entre os pKa dos compostos que dão origem à espécie neutra. 
Ao considerar a Ala em solucao fortemente acidoa (pH )), tem-se os grupos ácido e básico da molecula totalmente protonados. Co a adicao do NaOH, ocorre inicialmente a perda do proton do grupo \u3b1-COOH e posteriormente a perda do proton do grupo \u3b1-NH3+ 
O valor do pH no qual o AA fica eletricamente neutro corresponde ao pI. O valor do pI eh uma constante de um composto em particular em condicoes especificas de forca ionica e temperatura. Para um aminoacido monoamino e monocarboxilico o pI eh calculado :
pI = (pK1 + pK2)/2 
em que K são as constantes de dissociacao dos grupos acido e basico
Se o AA possui em sua cadeia lateral um outro grupo ionizavel o calculo do pI envolve a media dos pKas dos 2 grupos acidos ou os dos dois grupos basicos. 
*
*
*
*
*
*
*
Há rotacao livre em torno do carbono alfa de um determinado residuo de AA e o N aminico e o C carbonilico de tal residuo, mas não há rotacao significativa em torno da ligacao peptidica
*