A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
3 pág.
Estudo Dirigido - Bioquímica do Sangue

Pré-visualização | Página 1 de 1

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO 
BIOQUÍMICA 2 – BIOMEDICINA 18/02/2013 
ALUNOS: ALBERTO GALDINO DA SILVA JR. 
 ANDREZA PÂMELA VASCONCELOS 
ESTUDO DIRIGIDO – BIOQUÍMICA DO SANGUE – Prof.ª MARIA DA PAZ 
 
01. Definir sangue. 
Tecido fluido formado por uma massa heterogênea de células diferenciadas 
suspensa em uma fase líquida denominada plasma. Características: pH = 7,4; 
viscosidade = 4,5; e densidade = 1048 – 1066. 
 
 
02. Enumerar os constituintes do sangue. 
PORÇÃO CELULAR (45%): glóbulos vermelhos (hemácias ou eritrócitos), 
glóbulos brancos (leucócitos) e plaquetas (trombócitos). PLASMA (55%): água, 
lipídeos, glicídios, sais minerais e proteínas. 
 
 
03. Relacionar as principais funções do sangue. 
Transporte de gases, defesa, coagulação, nutrição, regulação térmica e 
hídrica para tecidos e órgãos, manutenção do equilíbrio aquoso, ácido-básico e 
iônico. 
 
04. Diferenciar plasma de soro. 
O soro é a fase líquida do sangue coletado sem anticoagulante (fibrinogênio 
plasmático transforma-se em fibrina originando o coágulo). O Soro é o plasma 
sem fribrinogênio. 
 
 
05. Citar a composição química do sangue, enumerando os 
componentes orgânicos e inorgânicos. 
Componentes inorgânicos: Cálcio, magnésio, cloro, potássio, sódio, cobre, 
ferro, iodo e iodo combinado a proteínas. 
Componentes orgânicos: Glicose, albumina, globulinas, fibrinogênio, 
hemoglobina, uréia, creatina, ergotioneína, glutation, bilirrubina, fosfolipídios, 
ácidos graxos totais, lipídios totais, colesterol livre, ácidos (lático, pirúvico e 
cítrico) vitaminas (A, D, C, E, B1, B2, colina), enzimas (fosfatase ácida, 
fosfatase alcalina e amilase) e corpos cetônicos. 
 
06. Relacionar as funções das proteínas plasmáticas. 
Albumina: Função osmótica, transporte de ácidos graxos livres do fígado 
para o sangue periférico, transporte da bilirrubina até o fígado onde é excretada 
na bile, regulação da concentração plasmática de Ca2+ e hormônios esferoides, 
ligação com medicamentos. 
α1Globulina: Atua como uma ferroxidase (Fe+2  Fe3+). 
α2 Globulina: Forma complexos moleculares específicos e estáveis com a 
hemoglobina. 
β Globulina: Transporte de lipídios, e ligação e transporte do Fe3+, Cu+2 e 
Zn+2. 
γ Globulina: Imunoglobulinas (anticorpos) IgG, IgA, IgM, igE e IgD. 
Fibrinogênio: Coagulação sanguínea. 
 
07. Conceituar hemostasia. 
É um fenômeno fisiológico dinâmico, cuja função é manter o sangue fluido 
dentro do vaso, sem coagular e nem tão pouco extravasar. O sistema 
hemostático é o equilíbrio entre mecanismos pró-coagulantes e anticoagulantes 
aliado a um processo de fibrinólise. 
 
 
08. Relacionar os diferentes fatores da coagulação. 
Fator I - Fibrinogênio – Origem: Fígado e SRE, 
Fator II - Protrombina – Origem: Fígado, 
Fator III - Fator tecidual/Tromboplastina – Origem: Tecidos em geral, 
Fator IV - Cálcio – Origem: Tecidos em geral, 
Fator V - Proacelerina, Fator lábil – Origem: Fígado, megacariócitos, 
Fator VII - Procovertina, Fator estável – Origem: Fígado, 
Fator VIIIC - Fator anti-hemofílico A – Origem: SRE, endotélio, fígado, 
Fator VIIIvW - Fator von Willebrand – Origem: Endotélio, SRE, megacariócitos, 
Fator IX - Fator anti-hemofílico B – Origem: Fígado, 
Fator X - Fator Stuart-Prower – Origem: Fígado, 
Fator XI - Antecedente tromboplástico do plasma – Origem: Fígado, 
Fator XII - Fator de Contato/ Hageman – Origem: Fígado, 
Fator XIII - Fator estabilizador da fibrina – Origem: Fígado, megacariócitos, 
Precalicreína - Fator Fletcher – Origem: Fígado, 
Cininogênio de alto peso molecular - Fator Fitzgerald-Williams – Origem: 
Fígado, 
Proteína C – Origem: Fígado, 
Proteína S – Origem: Fígado. 
 
 
09. Descrever a ativação da coagulação pelas vias intrínseca e 
extrínseca. 
A via intrínseca ativa a coagulação através da ativação do Fator XII, que 
ativa o Fator XI, que por sua vez ativa o Fator IX, que ativa o Fator VIII, que por 
sua vez ativa o Fator VII - convertina sanguínea. 
A via extrínseca ativa a coagulação através de uma lesão tissular/ fator 
tecidual, liberando o Fator III – Tromboplastina que, junto com o cálcio, ativa o 
Fator VII – Proconvertina, ativando a convertina sanguínea. 
 
10. Descrever a ativação dos fatores e o processo de coagulação pela 
via comum aos 2 sistemas, a partir da ativação do fator X. 
A convertina sanguínea ativa o Fator X (Stuart-Prower). O Fator X, junto 
com o Fator V (Proacelerina), e a Cefalina ativam o Fator II Protrombina em 
Trombina. A Trombina ativa o Fator I Fibrinogênio em Fibrina. Por fim, o Fator 
XIII estabiliza a Fibrina, tornando-a mais estável. 
 
11. Reconhecer o papel estrutural do fibrinogênio na formação do 
coágulo e como se dá sua ativação. 
O Fibrinogênio é ativado à Fibrina, através da Trombina (Fator II ativado). A 
fibrina é estabilizada pelo Fator XIII. O Fator XIII converte o coágulo frouxo em 
coágulo compacto. A fibrina forma uma rede de fios no ferimento, na qual ficam 
retidos os glóbulos sanguíneos, originando assim o coágulo, que „estanca‟ o 
sangue. 
 
12. Mostrar o papel do fator XIII na conversão do coágulo frouxo no 
coágulo compacto. 
A Trombina ativa o fator XIII (Fator estabilizador da Fibrina) tornando o 
“plug” fibrina/plaqueta estável, pois no sítio da lesão vascular a fibrina 
inicialmente é instável. 
 
13. Descrever a função da plasmina na fibrinólise. 
 A Plasmina é uma importante enzima presente no sangue que degrada 
muitas proteínas do plasma sanguíneo, mais notavelmente os coágulos de 
fibrina. A degradação da fibrina é chamada de fibrinólise. Ela é uma protease 
serina que é liberada como plasminogênio (pró-fibrinolisina) na circulação e 
ativada pelo ativador de plasminogênio tecidual (AP-t), ativador de 
plasminogênio uroquinase (uPA), trombina, fibrina e fator XII. É inativada pela 
antiplasmina-alfa 2, uma inibidor de protease serina. É composta de duas 
cadeias polipeptídicas, leve (B) e pesada (A), com peso molecular de 75.000. A 
deficiência de plasmina pode gerar trombose, já que os coágulos não são 
degradados adequadamente.