A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
HISTORICISMO JURÍDICO. SOCIOLOGISMO JURÍDICO.

Pré-visualização | Página 1 de 1

*
*
DIREITO
INTRODUÇÃO AO ESTUDO DO DIREITO
Prof. Thiago Menezes
*
Historicismo 
Novalis (3 linhas de pensamento): 
1) A realidade é história (desenvolvimento, racionalidade e necessidade) e todo conhecimento é história (Croce; Hegel);
2) Momento histórico está em relação direta com Deus – Ele inclui os valores transcendentes na história;
3) Organismos globais sucessivos (épocas ou civilizações).
Debate sobre o problema crítico da história: possibilidades das ciências históricas. 
 
*
*
Historicismo Jurídico
Rejeição da moderna teoria jusnaturalista;
Revisão do racionalismo histórico do direito natural;
Direito representa a manifestação do povo;
Fundamento último de validade: busca o espírito popular de um momento histórico;
Importância da dimensão histórica na relação jurídica.
*
*
Historicismo Jurídico
Gustav Hugo: estudo metódico e comparativo dos direitos nacionais – formulação de uma história do Direito universal, base da ciência da legislação.
Savigny: 
Direito como manifestação da livre consciência do povo – espírito popular;
Compreensão do Direito como fato social (suscetível de demonstração segundo as regras causais);
Há correspondência entre fato e norma, sem integração entre esses elementos.
*
*
Sociologismo
Tendência a compreender fenômenos diversos como fatos sociais.
Ex.: Moral, religião, Direito etc.
Sociologismo Jurídico:
Compreende como fatos sociais as decisões judiciais. 
Fuga de uma ideia abstrata da “vontade do legislador”. 
*
*
Ofensiva sociologista
Eugen Ehrlich 
Incompletude do ordenamento jurídico positivo;
Realidade Jurídica (pluralista):
1) Normas abstratas do Direito estatal (leis);
2) Normas de Direito da sociedade extraestatal;
3) Regras de deicisão judicial (litígios).
Sociologia jurídica: 
Investiga fatos sociais que o Direito se baseia; 
É a verdadeira ciência do Direito.
*
*
Escola do Direito Livre
Hermann Kantorowicz
Contesta a primazia da lei – reação ao juspositivismo cientificista;
Normas jurídicas brotam espontaneamente de grupos sociais;
Concepção voluntarista (técnica advém da vontade do juiz)
Defende que a jurisprudência de assente no direito livre
*