A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
19 pág.
artigo Bunge Internet 2008

Pré-visualização | Página 2 de 8

pesquisa, somente grandes 
fundações ligadas à pesquisa como o CNPq a Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de 
São Paulo (FAPESP), Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado Rio de Janeiro (FAPERJ), 
Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG) entre outras 
disponibilizavam esses serviços.
Em 1993 a internet avança muito com a criação Mosaic, que popularizou o acesso à 
internet e graças a ele os usuários poderiam acessar multimídia (textos, imagens, animações 
simples e gráficos). Já em 1995 Mosaic se tornaria Netscape Communications Corporation e 
lança seu browser Nestscape. Em agosto de 1995, para concorrer com Netscape, Bill Gates 
desenvolve mais famoso navegador da internet, o Internet Explorer (COLOGNI, 2002, p. 19).
5 Disponível em: <http://www.rnp.br/rnp/historico.html>. Acesso em: 28/05/2008.
3
Universidade do Vale do Itajaí - Centro de Ciências Sociais Aplicadas – Comunicação, Turismo e Lazer 
Curso: Comunicação Social – Relações Públicas - III Evento de Iniciação Científica – Itajaí, 2008/I
A partir de 1996, a internet passa a ser uma rede comercial, produzindo 10.000 
empregos com 400 provedores6. Com a inserção e-commerce (comércio eletrônico), o 
usuário pode adquirir produtos e serviços pelo site de diversas empresas e foi quando as 
empresas começaram a montar seus sites. 
Por volta de 1999, o acesso à internet evoluiu do acesso discado (dial up) que 
disponibilizava ao usuário a velocidade máxima de 56 k/s para a banda larga DSL 
Assymmetric Digital Subscriber Line ou "Linha Digital Assimétrica para Assinante", que 
permite ao usuário convencional chegar 1.10 Mbits/s, tornando-se este processo um passo 
importante na história da internet, pois possibilitou aos webmasters a evolução e ampliação de 
seus produtos e serviços.
Um exemplo dessa evolução da banda larga, com evolução da compactação de 
arquivos de áudio e vídeo, foi a criação de sites que possibilitam ao usuário compartilhar 
vídeos como o www.youtube.com, cujo serviço exige da conexão veloz para diminuir tempo 
de espera do usuário ao carregar um vídeo, acompanhando a evolução.
De 1999, a internet deixou de ser exclusividade dos computadores e se tornou parte 
dos celulares criando conceito de “convergência”. Hoje, o celular é um computador portátil, 
criando o segundo meio de acesso (internet) dando ao usuário opção de acessar de qualquer 
lugar (mobilidade).
Segundo Aldo Junior, em artigo publicado no site do jornal O Estadão, as
pesquisas realizadas em fevereiro de 2002 apontam que 21% dos domicílios 
brasileiros tinham acesso à internet representando 77% dos lares dotados de 
computadores, significando que 13,08 milhões de brasileiros tinham acesso 
em suas residências, apontando um salto de 48,6% em relação ao mesmo 
período. (SANTOS JUNIOR. 2003)
Quadro 1 – Quantidades de pessoas conectadas no Brasil 1997-2007
Data da 
pesquisa
População 
total IBGE
Internautas 
(milhões)
Percentual da 
população 
brasileira
 Nº de meses 
(base=jan/96)
Crescimento 
acumulado 
(base=jul/97)
Fontes de pesquisa 
internautas
2006/dez. 188,6 30,01 16% 106 2.508% InternetWorldStats
2005/jan. 185,6 25,90 13,9% 106 2.152% InternetWorldStats
2004/jan. 178,4 20,05 11,5% 95 1.686% Nielsen NetRatings
2003/jan. 176,0 14,32 8,1% 83 1.143% Nielsen NetRatings
2002/ago. 175,0 13,98 7.9% 78 1.115% Nielsen NetRatings
2001/set. 172,3 12,04 7.0% 67 947% Nielsen NetRatings
2000/nov. 169,7 9,84 5.8% 59 756% Nielsen NetRatings
1999/dez. 166,4 6,79 7.1% 48 490% Computer Ind. Almanac
1998/dez. 163,2 2,35 1.4% 36 104% IDC
6 Informação retirada site < http://www.rnp.br/rnp/timeline.html>. Acesso em 4/05/2008.
4
Universidade do Vale do Itajaí - Centro de Ciências Sociais Aplicadas – Comunicação, Turismo e Lazer 
Curso: Comunicação Social – Relações Públicas - III Evento de Iniciação Científica – Itajaí, 2008/I
1997/dez. 160,1 1,30 0.8% 24 13% Brazilian ISC
1997/jul. 160,1 1,15 0.7% 18 - Brazilian ISC
Fonte: Disponível: www.e-commerce.org.br / Acesso em 25 set 2007 fonte: pesquisas diversas / população: variações anuais 
estimadas. Internautas refere-se à quantidade de pessoas com acesso à internet nas residências, no trabalho ou locais públicos.
A internet foi meio de comunicação que cresceu em menor tempo, conforme o quadro 
acima, no qual podemos visualizar o desenvolvimento da internet no Brasil de 1,15 milhão de 
pessoas conectas em 1997 para 30,01 milhões em 2006, um crescimento de 2.508% em dez 
anos. 
Outro dado importante o Brasil aparece em 10° lugar7 no ranking dos países com 
maior número de internautas, ficando em média 22 horas e 24 minutos por mês conectado, ou 
seja, pesquisando, comprando, jogando, buscando informações, acessando fóruns, postando 
fotos, respondendo a enquetes, enviando e-mail (SAC, CONTATO, OUVIDORIA), 
demonstrando o potencial da internet para as organizações. 
Com essas estatísticas, grandes e pequenas empresas no Brasil investem e seus 
websites, com design agradável, fácil navegação, sistema de busca para agilizar o processo, 
enfim, ferramentas desenvolvidas para cativar, informar e interagir seus públicos. 
Assim, com este breve histórico da internet, podemos entender o crescimento da 
internet no Brasil e no mundo, demonstrando a velocidade de seu crescimento e aceitação. 
Nesse sentido, estudar ferramentas utilizadas na internet é relevante para o profissional de 
relações públicas.
Relações Públicas
Entre as competências, habilidades e funções atribuídas aos profissionais de relações 
públicas e válido lembrar que: “coordenar o desenvolvimento de materiais de comunicação, 
em diferentes meios e suportes, voltados para a realização dos objetivos estratégicos do 
exercício da função de Relações Públicas.8”, reafirma a capacidade do profissional de relações 
públicas, no assessoramento ao desenvolvimento e organização do web site.
“As relações públicas devem gerenciar a comunicação nas organizações e têm que ser 
encaradas como função estratégica [...]” (KUNSCH 1997, p.29), desta forma gerenciar a 
comunicação por meio da internet pode ter vantagens em relação a outros meios pois a 
internet “Mídia de massa, comunicação com imprensa, facilidade em localizar público-alvo, 
7 Fonte disponível em: <http://www.e-commerce.org.br/STATS.htm>. Acesso em: 25 set. 2007.
8 Fonte: Disponível em: http://www.conrerprssc.org.br/ acesso em 15/05/2008
5
Universidade do Vale do Itajaí - Centro de Ciências Sociais Aplicadas – Comunicação, Turismo e Lazer 
Curso: Comunicação Social – Relações Públicas - III Evento de Iniciação Científica – Itajaí, 2008/I
presença em tempo integral, a eliminação das barreiras geográficas, facilidade de busca 
informação [...] ”(PINHO 2003, p.33), permite um relacionamento com os públicos de 
interesse, de forma interativa, estabelecendo um processo de mão dupla.
O Site por ter todas as vantagens da internet é uma ferramenta que age de forma pró-
ativa sendo “Responder e antecipar de forma objetiva qualquer necessidade de informação da 
imprensa, órgãos públicos ou reguladores.” (CIPRIANI, 2006 p.47). Como também podendo 
divulgar a notícia em tempo real no site pelas ferramenta link notícia, pop-up, 
disponibilizando vídeo da matéria enviando release para jornalistas (Mala direta) entre 
ferramentas.
Para desempenhar a função de relações públicas é necessário ter conhecimento das 
ferramentas disponíveis para poder disponibilizar em seu website da sua instituição. Assim 
partindo do entendimento que já tem noção do potencial do meio “site”, o profissional