A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
23 pág.
INTRODUÇÃO_A_PSICOLOGIA_TURMA_ADM_CONTABEIS_E_NUTRIÇÃO_FITS__2013

Pré-visualização | Página 1 de 2

INTRODUÇÃO A PSICOLOGIA 
Prof. Gabriel Anderson S. A. Alves - FITS 
Psicologia = Psykhé (Alma) + Lógos (Estudo) 
Psicologia 
- Profissão 
- Disciplina Acadêmica 
- Ciência 
Psicologia é a ciência que estuda o comportamento 
humano (comportamento: qualquer ação motora ou 
verbal) e os processos mentais (pensamento, 
inteligência, memória, etc...), nos aspectos 
conscientes (intencional e deliberado) e inconscientes 
(casuais e incontroláveis). 
CIÊNCIA: 
 Método científico: 
objeto: fenômenos 
naturais: não 
transcendentais (ficam fora: 
espíritos, aura, encostos, 
etc); 
método: observação 
controlada (sistematizada) 
de dados sobre o tema 
investigado; 
 critério de verdade: 
teste empírico baseado em 
evidências; 
produto: tese, teoria. 
• Teoria Científica: 
– É baseada num Quadro Teórico 
de Referência (idéias articuladas 
coerentemente); 
– Exemplos de teorias científicas: 
• Teoria da Gravidade 
(Newton), da Relatividade 
(Einstein), do Inconsciente 
(Freud), das Motivações 
Humanas (Maslow)... 
ASPECTOS BÁSICOS 
IMPORTANTES PARA A 
PSICOLOGIA: 
1) Pessoa x situação 
2) Natureza x criação 
3) Estabilidade x mudança 
4) Diversidade x universalidade 
5) Mente x corpo 
 PESSOA X SITUAÇÃO: 
ATÉ QUE PONTO O COMPORTAMENTO É… 
(ERRO FUNDAMENTAL DE ATRIBUIÇÃO E 
TENDENCIOSIDADE AUTO-SERVIDORA?) 
resultado de 
processos internos 
a qualquer pessoa 
como: 
pensamentos, 
sentimentos, 
motivações, atitudes, 
valores, personalidade 
e genes? 
causado por fatores 
externos à pessoa 
como: 
 incentivos, punições, 
características do 
ambiente, presença de 
outras pessoas, regras 
da sociedade e 
determinantes 
culturais? 
NATUREZA X CRIAÇÃO: 
A PESSOA QUE NOS TORNAMOS É… 
(FILHO DE PEIXE PEIXINHO É?) 
produto de 
tendências inatas 
características 
hereditárias que 
herdamos de nossos 
pais e que se 
combinam nos genes 
que possuímos e que 
vão amadurecendo 
com a idade? 
um reflexo de nossas 
experiências de vida 
e da maneira como 
fomos educados: 
As vivências peculiares 
que tivemos e as 
influências que 
sofremos: os valores, as 
tradições, os modelos, 
etc? 
 ESTABILIDADE X MUDANÇA: 
SERÁ QUE AS CARACTERÍSTICAS QUE 
DESENVOLVEMOS DURANTE A 
INFÂNCIA… 
(PAU QUE NASCE TORTO MORRE TORTO?) 
são mais ou menos 
permanentes e 
fixas, definindo 
nossa 
personalidade para 
o resto de nossa 
vida? 
são capazes de 
mudar ao longo dos 
anos, tornando as 
pessoas mais 
flexíveis e 
adaptáveis às 
diferentes fases de 
suas vidas ? 
 DIVERSIDADE X UNIVERSALIDADE: 
QUAIS AS CARACTERÍSTICAS QUE 
FAZEM COM QUE… 
1. todos os 
seres 
humanos 
sejam 
iguais 
entre si? 
3. tais 
características 
sejam 
exclusivamente 
suas e de mais 
ninguém? 
2. sejam 
iguais 
apenas a 
algumas 
pessoas? 
MENTE X CORPO: 
Quais são as bases biológicas (atividade 
do sistema nervoso) para as nossas 
experiências subjetivas (pensamentos e 
sentimentos)? 
Doenças psicossomáticas? 
PRESSUPOSTOS: 
1. A Psicologia desenvolveu-se num contexto 
histórico-social (Onde e quando o conhecimento 
foi produzido?); 
2. A Psicologia é empírica (baseada em evidências 
observadas e não em achismo); 
3. A Psicologia é teoricamente diversa (há 
diferentes Teorias Psicológicas: 
Comportamental, Psicanalítica, Humanista, 
Cognitivista...); 
4. O comportamento é determinado por causas 
múltiplas (as questões são complexas e não se 
resumem a: João bebe porque é sem-vergonha!); 
PRESSUPOSTOS: 
5. Nosso comportamento é moldado por nossa 
herança cultural (crenças, valores, tradições 
e costumes dos nossos grupos sociais); 
6. Hereditariedade e Meio Ambiente 
influenciam mutuamente o comportamento 
(tendências genéticas + condições do 
ambiente); 
7. Nossa experiência do mundo é 
extremamente subjetiva (cada um constrói 
uma visão do mundo a partir do seu ponto de 
vista). 
EXEMPLOS DE TEMAS ESTUDADOS: 
Há uma diversidade de objetos de estudo da Psicologia e são 
exemplos de temas estudados: 
 Os transtornos mentais: neuroses, psicoses, o retardo 
mental; 
 O processo de aprendizagem; 
 As etapas do desenvolvimento infantil : afetivo, motor, 
social, moral, etc.; 
 As diferentes motivações para um comportamento 
humano; 
 O papel da linguagem no pensamento humano; 
 A memória e o esquecimento seletivo; 
 A criatividade (causas, conseqüências, barreiras e 
estímulos); 
 A influência do grupo no comportamento do indivíduo, e 
vice-versa; 
 A influência de nossos valores e atitudes em nossas 
percepções. 
O QUE NÃO É PSICOLOGIA? 
 Práticas adivinhatórias: tarô (cartas), astrologia (mapa 
astral), horóscopo (previsão para os signos), búzios 
(conchas), runas (pedras), numerologia (nomes e 
datas), iridologia (leitura da íris dos olhos), 
cafeomancia (leitura em borras de café), florais de 
Bach (essências), quiromancia (leitura das mãos), etc. 
 Tais práticas não podem ser usadas em nome da 
Psicologia, pois não possuem critério científico 
comprovado e, caso isto ocorra, os profissionais 
podem ser punidos por charlatanismo e desempenho 
inadequado da profissão. 
IDEIAS ERRÔNEAS SOBRE A 
PSICOLOGIA 
 Receio em conversar com um psicólogo por temer que 
seus pensamentos e sentimentos mais secretos sejam 
devassados pelo olhar de raio x do profissional. 
 Erro em crer que algumas pessoas já nascem 
psicólogas, por serem boas em dar conselhos. 
 Desinformação ao acreditar no poder mágico dos 
testes psicológicos. 
 
FILOSOFIA E PSICOLOGIA 
 
 
 AS ORIGENS DA PSICOLOGIA SE REMONTAM AOS GRANDES FILÓSOFOS DA GRÉCIA ANTIGA: 
SÓCRATES, PLATÃO E ARISTÓTELES; 
 FORAM ESTES FILÓSOFOS QUE FIZERAM AS PERGUNTAS FUNDAMENTAIS SOBRE A VIDA 
MENTAL: O QUE É CONSCIÊNCIA? AS PESSOAS SÃO INTRINSICAMENTE RACIONAIS OU 
IRRACIONAIS? 
 ESTAS PERGUNTAS SÃO OS ELEMENTOS FUNDAMENTAIS DA PERSPECTIVA COGNITIVA NA 
PSICOLOGIA NOS DIAS ATUAIS. 
 ANTES DE 300 A.C., ARISTÓTELES TEORIZOU SOBRE TEMAS COMO APRENDIZAGEM E 
MEMÓRIA, MOTIVAÇÃO E EMOÇÃO, PERCEPÇÃO E PERSONALIDADE. 
 HIPÓCRATES, CHAMADO DE O “PAI DA MEDICINA”, ESTUDOU AS FUNÇÕES DO ORGANISMO 
VIVO E SUAS PARTES. SEUS ESTUDOS ABRIRAM AS PORTAS PARA A PSICOLOGIA BIOLÓGICA. 
 
 FOI HIPÓCRATES QUE TEORIZOU SOBRE OS TEMPERAMENTOS (HUMORES). PARA 
ELE, O HOMEM POSSUÍA FLEUMAS, BILE NEGRA, BILE AMARELA E SANGUE 
 FLEUMÁTICO – MUITA FLEUMA (Cérebro) 
 SANGUÍNEO – EXCESSO DE SANGUE (Coração) 
 COLÉRICO – BILE AMARELA (Fígado) 
 MELANCÓLICO – BILE NEGRA(Baço) 
 
Quando os humores estivessem desequilibrados, o corpo e a mente 
seriam afetados de maneira previsível, dependendo de qual dos quatro 
humores estivesse em excesso. 
 
FILOSOFIA E PSICOLOGIA 
 Paciente com excesso de sangue, tinha um PERSONALIDADE SANGÜÍNEA – seria uma 
pessoa otimista, exagerado, impulsivo, volúvel e alegre, mas também aumentava a 
propensão para: epilepsia, angina, disenteria e artrite. 
 A pessoa com excesso de Fleuma, teria uma PERSONALIDADE FLEUMÁTICA, ou seja, 
uma pessoa triste, lenta, sem ânimo, indeciso, desconfiado, cumpridor. Isto resultaria 
em dores de cabeça, resfriados, AVC. 
 A pessoa que tinha excesso de bile amarela teria PERSONALIDADE COLÉRICA, teria 
um temperamento ardente, sarcástico, impaciente, prepotente, vaidoso, insensível. 
Seria propenso a ter úlceras na boca, icterícia e distúrbios estomacais. 
 A pessoa com excesso de bile negra teria a PERSONALIDADE MELANCÓLICA, ou seja, 
seria um pessoa triste, vingativo, inflexível, idealista, confuso, habilidoso. Isto 
contribuiria para