A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
701 pág.
História das Relações Públicas

Pré-visualização | Página 4 de 50

Públicas e o 
momento de reabertura política no Brasil: Uma 
análise através da perspectiva da Pesquisa 
Histórica (1979-1985) 
Marcello Chamusca e Márcia Carvalhal 
(Portal RP-Bahia; UNIFACS; Faculdade 
Isaac Newton/BA) – 2008 
Reconhecimento e Valorização: história e 
memória de uma campanha que movimentou 
profissionais, estudantes, instituições de ensino 
e entidades de classe em todo o país em 2006 
e 2007 
Simone Vaisman Muniz (UniRio) – 2008 A memória da Comunicação em instituições 
biomédicas: considerações sobre os efeitos da 
Comunicação Organizacional em mudanças na 
relação biomédico-paciente 
Yuji Gushiken (UFMT/MT) – 2008 O moderno planejamento em relações públicas 
na fragmentação narrativa do mundo 
contemporâneo 
Helaine Abreu Rosa e Mary Sandra 
Guerra Ashton (FEEVALE/RS) – 2008 
Relações Públicas e Turismo: uma reflexão 
sobre a Comunicação na Pós-Modernidade 
Diana Costa de Castro (UCB/DF) e O discurso imagético do destino Brasil antes e 
Cláudia Peixoto de Moura (Organizadora) 
16 
Priscila Chiattone (UNIOESTE/PR) – 
2008 
depois da criação do Ministério do Turismo. 
Patricia Spinola (SP) – 2008 As Relações Públicas de artistas da música no 
Brasil: trajetórias pioneiras 
 
b) temáticas relacionadas à trajetória do ensino de Relações Públicas: 
 
AUTOR(ES) TÍTULO DO TRABALHO 
 
Ediene do Amaral Ferreira e João 
Carissimi (UNIVALI/SC) – 2004 
A Trajetória do Projeto Experimental Estágio do 
Curso Relações Públicas da Universidade do 
Vale do Itajaí/SC 
Eugenia Maria Mariano da Rocha 
Barichello (UFSM/RS) – 2004 
Ensino das profissões midiáticas: trajetória do 
Curso de Comunicação da UFSM 
Odilon Sergio Santos de Jesus 
(UEFS/BA) – 2004 
Relações Públicas e Modernização: o curso 
especial da EBAP 
Júlio César Lobo e Joanita Nascimento 
Souza Neta (UNEB/BA) – 2004 
Descaminhos das Relações Públicas na Bahia: 
bastidores de uma institucionalização 
(Questionando a forma de implantação do 
primeiro curso universitário de Relações 
Públicas da Bahia) 
Cintia da Silva Carvalho (FEEVALE e 
ULBRA/RS) e Helaine Abreu Rosa 
(FEEVALE/RS) – 2005 
A trajetória do curso de Relações Públicas da 
FEEVALE: dos primórdios à 
contemporaneidade 
Márcia Formentini, André Gagliardi e 
Tiago Mainieri de Oliveira (UNIJUÍ/RS) – 
2005 
A trajetória das Relações Públicas na região 
Noroeste do RS 
Ediene do Amaral Ferreira (UNIVALI/SC) 
– 2005 
O ensino das Relações Públicas em Santa 
Catarina 
João Carissimi (UNIVALI/SC) – 2005 Sônia Bandeira (1965-1999): a trajetória de vida 
da relações públicas em Santa Catarina 
Gustavo Eugênio Hasse Becker 
(ULBRA/RS) – 2005 
Inventário bibliográfico em monografias de 
Relações Públicas 
Vagner de Carvalho Silva (PPGCOM – 
PUCRS/RS) – 2005 
As Relações Públicas Internacionais nos 
currículos de Relações Públicas do Rio Grande 
do Sul 
História das Relações Públicas 
17 
Henrique Wendhausen, Marcello 
Chamusca e Márcia Carvalhal (FTC-
Salvador/BA) – 2006 
Panorama Histórico das Relações Públicas na 
Bahia 
Rudimar Baldissera, Silvana Padilha 
Flores e Marlene Branca Sólio (UCS/RS) 
– 2006 
35 anos do Curso de Relações Públicas da 
Universidade de Caxias do Sul – UCS 
Elizabeth Huber Moreira e Mônica Elisa 
Dias Pons (UNISC/RS) – 2006 
Um olhar sobre a história do Curso de Relações 
Públicas da UNISC – Universidade de Santa 
Cruz do Sul 
Tiago Mainieri de Oliveira e Felipe Rigon 
Dorneles (UNIJUÍ/RS) – 2006 
Empreendedorismo e Comunicação: o perfil e a 
formação empreendedora dos egressos do 
Curso de Comunicação Social da UNIJUÍ 
Enoí Dagô Liedke e Daniela Esmeraldino 
Colissi (UFRGS/RS) – 2008 
Uma Contribuição para a Memória do Curso de 
Relações Públicas da UFRGS 
Waldyr Gutierrez Fortes (UEL/PR) – 
2008 
O pioneirismo de Cândido Teobaldo de Souza 
Andrade na pesquisa em Relações Públicas no 
Brasil 
 
Nos dois quadros acima é possível identificar mais de 40 autores1 com 
textos selecionados. Destes autores, treze (13) pesquisadores participaram mais 
de uma vez do evento da REDE ALCAR. São eles: Cintia da Silva Carvalho 
(FEEVALE/RS e ULBRA/RS), Helaine Abreu Rosa (FEEVALE/RS), Marcello 
Chamusca (Portal RP-Bahia), Márcia Carvalhal (Portal RP-Bahia), Ediene do 
Amaral Ferreira (UNIVALI/SC), João Carissimi (UNIVALI/SC), Laura Maria Glüer 
(Centro Universitário Metodista IPA/RS),Marlene Branca Sólio (UCS/RS), 
Rudimar Baldissera (FEEVALE/RS e UCS/RS), Tiago Mainieri de Oliveira 
(UNIJUÍ/RS), Carla Lemos da Silva (PPGCOM-PUCRS), Gisele Becker 
(FEEVALE/RS), Yuji Gushiken (UFMT/MT). 
Com a participação de diversos autores houve a representação de várias 
Instituições, conforme demonstram os quadros anteriores. Igualmente, 
representam os seguintes estados brasileiros: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, 
Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Distrito Federal, Goiás, Mato 
Grosso e Bahia. 
Cláudia Peixoto de Moura (Organizadora) 
18 
Desde 2004, primeiro encontro do GT História das Relações Públicas, as 
propostas dos participantes foram abordar a questão do ensino (construção dos 
cursos / experiências), a questão das entidades representativas (processos 
institucionais / ABRPs / Sindicatos / CONRERPs), a questão dos organismos 
públicos e privados (políticas de comunicação / uso de instrumentos), e a questão 
dos autores de Relações Públicas (suas idéias / personalidades). Os diversos 
assuntos elencados estão contemplados nesta obra. 
Outra sugestão foi a organização de um Encontro de Professores de 
Relações Públicas, a ser realizado na seqüência do evento da REDE ALCAR. O 
evento ocorreu em 2005, denominado Fórum de Professores de Relações 
Públicas, com o objetivo de abordar “Os Reflexos das Diretrizes Curriculares no 
Ensino de Relações Públicas”. Para tanto, a profa. Dra. Sidinéia Gomes Freitas 
(USP) foi convidada como palestrante, em virtude de sua experiência e vivência 
no MEC, inclusive na elaboração das Diretrizes Curriculares dos Cursos de 
Comunicação Social. Houve uma retomada de questões do passado e uma 
avaliação da situação atual, focando a formação na área. O debate foi norteado 
por uma pauta. 
O Fórum contou com a presença de professores que participaram do 
encontro da REDE ALCAR, de 2005, e de outros docentes de instituições de 
ensino localizadas no estado do Rio Grande do Sul. A pauta estabelecida gerou 
muitas discussões. O texto de Abertura do Fórum e o artigo apresentado por 
Sidinéia Gomes Freitas finalizam esta publicação. 
Também gostaria de destacar a participação de quatro sites que 
colaboraram com a divulgação do GT História das Relações Públicas, nos 
encontros ocorridos. São eles: 
- www.comunicacaoempresarial.com.br : de Wilson da Costa Bueno, 
- www.mundorp.com.br : de Rodrigo Cogo, 
- www.portal-rp.com.br : de Waldyr Gutierrez Fortes, 
- www.rp-bahia.com.br : de Márcia Carvalhal e Marcello Chamusca. 
A obra História das Relações Públicas: fragmentos da memória de uma 
área é uma documentação contendo todos os textos selecionados para os 
 
1 Os dados dos autores, registrados em nota de rodapé junto aos textos, apresentam a situação 
acadêmica e profissional de cada participante no período em que ocorreu a seleção de seu artigo 
para o encontro da REDE ALCAR. 
História das Relações Públicas 
19 
encontros ocorridos de 2004 a 2008. Quero registrar o meu agradecimento a 
todos que participaram das cinco edições do GT. Somente o interesse