Livro Completo   Quimica Ambiental
124 pág.

Livro Completo Quimica Ambiental


DisciplinaQuímica Ambiental1.313 materiais15.627 seguidores
Pré-visualização48 páginas
de trabalho assinada não dá alguns direitos ao trabalhador, como férias e 13º salário. 
 26 . (UNB/CESPE – MMA/IBAMA –2002) “ Os Estados devem adotar legislação ambiental eficaz.As 
normas ambientais, os objetivos e as prioridades de gerenciamento devem refletir o contexto ambiental e de meio 
ambiente a que se aplicam. As normas aplicadas por alguns países podem resultar inadequadas para outros, em 
particular para os países em desenvolvimento, acarretando custos sociais e econômicos injustificados”. – parte do 
princípio 11 da Declaração do Rio sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento (In : José Augusto Lindgren Alves, Relações 
Internacionais e Temas Sociais : a Década das Conferências,Brasília:IBRI,2001,p.356). 
QUÍMICA AMBIENTAL 
 
 
janeiro/2005 S. MEDEIROS 
 
 
73 
Considerando o texto, julgue os itens a seguir, concernentes à adoção e à aplicação de normas ambientais nos 
diferentes países do mundo. 
1 – O Protocolo de Kyoto é o exemplo mais palpável de uma norma internacional que alcançou consenso entre 
todos os países no combate ao efeito estufa. 
2 – Os desdobramentos da Conferência do Rio sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento ainda se fazem 
presentes hoje, diante da ampliação da consciência internacional em torno do tema do desenvolvimento 
sustentável. 
3 – As normas internacionais que se desdobram da Conferência do Rio, mesmo inspirados no princípio 11 da 
Declaração citada no texto, vêm sendo aplicadas de forma indistinta por países desenvolvidos e em 
desenvolvimento. 
4 – No Brasil, país anfitrião da Conferência do Rio, os esforços societários e governamentais, no que se refere à 
aplicação jurídica dos ganhos da proteção ambiental ainda não se fizeram notar. 
5 – A participação de organizações não-governamentais na discussão acerca da aplicação das normas de proteção 
ao meio ambiente, no Brasil e no mundo, demonstra o quanto a contribuição ao desenvolvimento do tema não 
pode circunscrever-se apenas ao espaço total. 
27 . (UNB/CESPE – MMA/IBAMA –2002) No âmbito do Protocolo de Kyoto, cada parte visa limitar e 
reduzir a emissão de gases, a fim de promover o desenvolvimento sustentável, buscando o aumento da eficiência 
energética em setores relevantes da economia nacional. Acerca desse tema, julgue os itens seguintes. 
1 – Gases atmosféricos, especialmente o gás carbônico, causam o efeito estufa, pois funcionam como uma capa 
protetora que, durante a noite, impede a dispersão total, para o espaço exterior, do calor absorvido pela Terra 
durante o dia, evitando, assim, o resfriamento excessivo da Terra(troposfera) e tornando possível a vida no 
planeta. 
2 – A camada de ozônio encontra-se na exosfera – acima de 500 km da superfície da Terra – e é quebrada com a 
incidência de raios infravermelhos, do que resulta o superaquecimento da mesosfera – entre 50 km e 80 km 
acima da superfície terrestre -, que é responsável pela manutenção da temperatura nas proximidades da 
superfície da Terra. 
3 – O dióxido de carbono (CO2), o metano (CH4), o óxido nitroso (N2O),os hidrofluorcarbonos (HFCs), os 
perfluorcarbonos (PFCs) e o hexafluoreto de enxofre (SF6) são gases de efeito estufa. 
4 – Uma das formas sustentáveis de se promover a fixação de carbono são os projetos silviculturais – 
florestamento e reflorestamento -, com práticas sustentáveis de manejo florestal, em áreas de florestas 
temperadas decíduas e de florestas de coníferas, de ocorrência natural nas grandes latitudes do hemisfério norte, 
onde ocorrem as maiores taxas de fixação de carbono. 
5 – O setor de transportes contribui com quota reduzida de emissão de gases, principalmente em razão da 
utilização de combustíveis limpos, com baixos níveis de emissão de dióxido de carbono. 
28. (UNESF-2002) Após a Rio-92, os principais problemas ambientais deixaram de ser motivo de preocupação 
apenas por parte de ecologistas radicais. Empresários passaram a investir no ecoturismo e muitas pessoas 
passaram a separar o lixo para a reciclagem. Identifique o material que faria parte do lixo não-reciclável : 
 
a) revista antiga d) garrafa de refrigerante (vidro) 
b) lata de óleo 
c) guardanapo e)garrafa de refrigerante (PET) 
 
QUÍMICA AMBIENTAL 
 
 
janeiro/2005 S. MEDEIROS 
 
 
74 
29. (UNESF-2002) Outro problema muito sério é o quase colapso em que o planeta, de uma forma geral , se 
encontra em relação ao abastecimento de água, um bem cada vez mais limitado.Que fato está relacionado com o 
estado de comprometimento dos recursos hídricos hoje observado ? 
 
a) Tratamento adequado dos esgotos domésticos. 
b) Lançamento legal de metais pesados como efluentes industriais. 
c) Controle das embalagens de agrotóxicos. 
d) Tratamento do chorume gerado nos lixões e aterros sanitários. 
e) Preservação das matas ciliares. 
30. (UNESF-2002/2) Um dos mais sérios problemas ecológicos do nosso tempo é a formação das chuvas 
ácidas. Em qual das regiões especificadas abaixo existe uma maior probabilidade da ocorrência desse tipo de 
fenômeno ? 
 
 a) 1 b) 2 c) 3 d) 4 e) 5 
31. (COVEST-PE/2004-GEO) Que fenômeno está sendo esquematicamente representado a seguir? 
 
A) Ciclo Hidrológico D) Formação de chuvas ácidas 
B) Inversão térmica em áreas industriais 
C) Produção de aguaceiros frontológicos E) Invasão de frente fria em áreas industriais. 
 
32. (COVEST-PE/2004-GEO)O setor agropecuário ainda causa alguns prejuízos ambientais na Região Sudeste 
do Brasil, a despeito dos avanços tecnológicos verificados nos processos de produção. Não podemos considerar 
como prejuízo ambiental: 
 
A) as queimadas nas zonas canavieiras, que provocam a poluição do ar. 
B) o uso intensivo, e muitas vezes incorreto, de agrotóxicos. 
C) a intensificação da inversão térmica, pelo assoreamento dos rios advindo dos processos erosivos. 
D) as técnicas incorretas de exploração do solo, que provocam seu esgotamento e sua erosão. 
E) a diminuição das áreas de vegetação nativa, substituídas por monocultura, com conseqüente perda de 
biodiversidade. 
QUÍMICA AMBIENTAL 
 
 
janeiro/2005 S. MEDEIROS 
 
 
75 
33.(FGV-SP/2004) “Fenômeno de origem complexa e ainda obscura. Suspeita-se de um componente 
antropogênico, quantificado pelo aumento da concentração na atmosfera d e gases, como o CO2, da 
queima de combustíveis fósseis, além da emissão espontânea de metano no processo digestivo de vários 
mamíferos.” Fonte: Folha de S. Paulo, Mais, 21/09/2003, p. 5. 
 O texto refere-se ao problema: 
 
a) do aquecimento global. d) das correntes marítimas. 
b) do buraco na camada de ozônio. 
c) das chuvas ácidas. e) das ilhas de calor. 
 
34. (COVEST-PE/2004-BIO) Numa floresta brasileira, importante remanescente de mata atlântica, ocorreu 
uma misteriosa e assustadora queda de folhas, além da queima da vegetação. Após um tempo de estudo, os 
pesquisadores concluíram que estes fatos estariam relacionados aos elevados índices pluviométricos registrados 
nas proximidades de uma metalúrgica circunvizinha à floresta e também à incidência de ventos no sentido da 
floresta, tratando-se, na base, de poluição atmosférica. Esta poluição atmosférica referida está relacionada à 
existência no ar de : 
 
a) dióxido de enxofre e dióxido de nitrogênio d) clorofluorcarbonos (CFCs) 
b) dióxido e monóxido de carbono 
c) chumbo e ozônio livres e) vapores de mercúrio combinados a compostos orgânicos. 
35.(PUC/MG-2000)A contaminação das águas apresenta conseqüências devastadoras.
Thalisson
Thalisson fez um comentário
Alguém tem o gabarito dessa onça?
0 aprovações
Thalisson
Thalisson fez um comentário
Cade a página 86, Quero é o gabarito,
0 aprovações
Jean Carlos
Jean Carlos fez um comentário
Como faço download?
1 aprovações
Mickaelly
Mickaelly fez um comentário
eu preciso desse download. como faço.
1 aprovações
Debora
Debora fez um comentário
Queria fazer download
2 aprovações
Carregar mais