Apostila de Química Geral (2013 )
71 pág.

Apostila de Química Geral (2013 )


DisciplinaCiências4.421 materiais272.276 seguidores
Pré-visualização19 páginas
Objetivos: 
Reconhecer a ocorrência de transformações; Executar reações químicas simples; Escrever equações químicas; 
 
Procedimento Experimental: 
1- Reação do cobre com solução de nitrato de prata (Procure não tocar a solução). 
a) Limpe um fio ou placa de cobre com palha de aço. 
b) Em um tubo de ensaio que contenha cerca de 5 mL de solução de nitrato de prata, coloque o fio ou a placa de 
cobre. Espere alguns minutos e observe. Anote as evidências da reação. 
 
 
 
 
 
 
 
 
\uf0b7 Escreva a equação molecular para a reação entre o cobre (Cu(s ) e a solução de nitrato de prata (AgNO3 (aq) ) 
produzindo prata (Ag (s) ) e solução de nitrato de cobre II (Cu(NO3)2 (aq)). 
 
 
\uf0b7 Escreva a equação iônica simplificada. 
 
 
2- Combustão do magnésio metálico 
a) Segure a extremidade de uma fita de magnésio com uma pinça metálica e coloque a outra extremidade na beira 
da chama de um bico de gás. Assim que iniciar a reação, coloque a fita de magnésio debaixo de um vidro de relógio, 
imediatamente. Anote as evidências da reação. 
 
 
 
 
 
\uf0b7 Escreva a equação química, considerando como reagentes Mg(s) e O2(g) e como produto o óxido de magnésio 
(MgO(s) ). Faça o balanceamento da equação. 
 
 
 
O óxido de magnésio quando adicionado a água transforma-se em hidróxido de magnésio (Mg(OH)2), que é insolúvel 
em água. A mistura é conhecida como leite de magnésia e é utilizada como antiácido. 
 
 INSTITUTO DE ENGENHARIA e TECNOLOGIA - IET 
 
Química Geral 
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO 
HORIZONTE 
3- Reação do ferro com solução de sulfato de cobre II 
Em um tubo de ensaio, coloque cerca de 5 mL de solução de sulfato de cobre II e cerca de 1 g de ferro pulverizado. 
Agite vigorosamente e observe. Anote as evidências da reação. 
 
 
 
 
 
 
\uf0b7 Escreva a equação molecular para reação entre o ferro (Fe(s) ) e a solução de sulfato de cobre II (CuSO4(aq) ) 
produzindo cobre (Cu(s) ) e solução de sulfato de ferro II (FeSO4 (aq) ). 
 
\uf0b7 Escreva a equação iônica simplificada. 
4- Reação da solução de nitrato de chumbo II com a solução de iodeto de potássio 
 
Atenção: os compostos de chumbo são tóxicos! 
 
A um tubo de ensaio contendo cerca de 1 mL de solução de nitrato de chumbo II, adicione, aos poucos e com 
agitação, 1 mL de solução de iodeto de potássio. Anote as evidências da reação. 
 
 
 
 
 
 
 
 
\uf0b7 Escreva a equação molecular para reação entre a solução de nitrato de chumbo II (Pb(NO3) 2(aq) ) e a solução 
de iodeto de potássio (KI (aq) ) produzindo iodeto de chumbo II sólido (PbI2(s)) e solução de nitrato de potássio 
(KNO3 (aq) ). 
 
\uf0b7 Escreva a equação iônica simplificada. 
 
Coloque a mistura do tubo e a água usada para lavá-lo no frasco de \u201cRefugos de chumbo\u201d. 
 
5- Descoloração da solução de permanganato de potássio por água oxigenada 
Atenção: Ambas as soluções devem ser manipuladas com cuidado. A solução de permanganato de potássio mancha 
as mãos e a roupa. A solução de água oxigenada pode causar queimaduras. 
 
a) Em um tubo de ensaio, coloque cerca de 2 mL de solução de KMnO4 e cerca de 2 mL de H2SO4. Agite. 
b) Adicione, lentamente e escorrendo pelas paredes do tubo, gotas de solução de água oxigenada, agitando sempre, 
até completa descoloração. Anote as evidências da reação. 
 
 
 
Escreva a equação molecular entre as soluções de KMnO4, H2O2 e H2SO4, considerando que são produzidos MnSO4(aq), 
K2SO4(aq), H2O(l) e O2 (g) . 
 
Obs. O balanceamento desta equação exige conhecimentos que estão além dos objetivos deste curso. 
 
 
 
 
 INSTITUTO DE ENGENHARIA e TECNOLOGIA - IET 
 
Química Geral 
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO 
HORIZONTE 
5- Interação do amido com solução de iodo 
a) A um tubo de ensaio contendo 2 mL de dispersão de amido, adicione gotas de solução aquosa de iodo. Agite e 
observe. 
b) Aqueça suavemente o tubo até ocorrer alguma alteração significativa. 
Se o tubo for aquecido demasiadamente o amido poderá decompor-se ou o iodo volatilizar. 
c) Resfrie o tubo sob água corrente e observe. Anote os resultados. 
 
 
 
 
 
 
 
 
Exercícios complementares: 
 
1) Faça uma lista das evidências de transformações químicas que você observou. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
2) Faça o balanceamento das seguintes equações moleculares: 
 
a) H2 (g) + O2 (g) \uf0ae H2O (g) 
 
 
b) Na (s) + O2 (g) \uf0ae Na2O (s) 
 
 
c) Na2O (s) + H2O (l) \uf0ae NaOH (aq) 
 
 
d) H2 (g) + Cl2 (g) \uf0ae HCl (g) 
 
 
 
e) Al(OH)3 (aq) + HCl (aq) \uf0ae AlCl3 (aq) + H2O (l) 
 
2) Faça o balanceamento das seguintes equações iônicas: 
 
1) Ag +(aq) + Cl
-
(aq) \uf0ae AgCl(s) 
 
 
2) Pb 2+(aq) + Cl
- 
(aq) \uf0ae PbCl2 (s) 
 
3) Na +(aq) + SO4 
2- 
(aq) \uf0ae Na2SO4 (s) 
 
4) Al 3+(aq) + SO4 
2- 
(aq) \uf0ae Al2 (SO4)3 (s) 
 
 INSTITUTO DE ENGENHARIA e TECNOLOGIA - IET 
 
Química Geral 
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO 
HORIZONTE 
3) Complete e faça o balanceamento das seguintes equações moleculares: 
 
a) H2 + Cl2 \uf0ae 
 
 
b) H2 + O2 \uf0ae 
 
 
c) C + O2 \uf0ae CO 
 
 
d) S + \uf0ae SO3 
 
4) Complete e faça o balanceamento das seguintes equações iônicas: 
i. Na+ + S2- \uf0ae 
 
 
ii. Fe2+ + Cl- \uf0ae 
 
 
iii. Ca 2+ + \uf0ae CaSO4 
 
 
iv. HCO3
- \uf0ae CO3
2- + H+ 
 
5) Faça o balanceamento das equações moleculares, que ocorrem em solução aquosa e escreva a equação 
iônica simplificada correspondente. 
 
 
 a) HI(aq) + KOH(aq) \uf0ae KI(aq) + H2O(l) 
 
 
 
 
 
 
 b) AgNO3(aq) + H2SO4(aq) \uf0ae Ag2SO4(s) + HNO3(aq) 
 
 
 
 
 
 
c) NaCl(aq) + AgNO3(aq) \uf0ae AgCl(s) + NaNO3(aq) 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 INSTITUTO DE ENGENHARIA e TECNOLOGIA - IET 
 
Química Geral 
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO 
HORIZONTE 
Experimento 10: 
REAÇÕES DE OXIRREDUÇÃO 
 
 Sabe-se que os ácidos corroem o ferro. Se um pedaço de ferro for colocado em contato com uma solução de 
ácido clorídrico ocorre a dissolução do metal, a liberação de gás hidrogênio e a produção de uma solução de íons 
Fe2+ e Cl-. 
Fe(s) + 2HCl(aq) \uf0ae FeCl2 (aq) + H2(g) 
 
 A equação iônica simplificada mostra que a reação ocorre apenas entre os átomos de ferro e os íons 
hidrônios da solução: 
Fe(s) + 2H
+
(aq) \uf0ae Fe
2+
(aq) + H2(g) 
 
 Observe que os átomos de ferro adquirem carga positiva e os átomos de hidro gênio perdem a carga 
positiva, tornando-se neutros. Isso pode ser explicado admitindo que elétrons são transferidos do ferro para os íons 
hidrônio: 
 
 
Fe: + 2H+ \uf0ae Fe2+ + H:H 
 
 Reações como essas, que ocorrem com transferência de elétrons entre os reagentes, são denominadas de 
reações de oxidação-redução, oxirredução ou redox. 
 Numa reação de oxirredução, elétrons são transferidos de um reagente (o redutor) para o outro reagente (o 
oxidante): 
 
Fe (s) + 2H
+
(aq) \uf0ae Fe
2+
(aq) + H2(aq) 
 redutor oxidante 
 
 
O oxidante (H+) e sua forma reduzida (H2) bem como o redutor (Fe) e sua forma oxidada (Fe
2+) formam pares ou 
semi-reações de oxidação-redução: 
 
Fe(s) \uf0ae Fe
2+
(aq) + 2e
-