A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
183 pág.
Ebook Ferramentas Digitais Para Jornalistas

Pré-visualização | Página 11 de 43

e o resultado das fotos ou 
vídeos for numeroso, leva muito tempo para passar os olhos sobre os resultados.
Para encurtar esse tempo, há um recurso que pode ser instalado gratuitamente no seu 
computador:
 Cooliris: http://www.cooliris.com
 É um freeware (programa de uso livre) que permite navegar pela coleção de todos os 
resultados integrados, como numa galeria de museu.
 Instalado o programa, sempre que se buscar fotografias no Google ou vídeos no You 
Tube, um dos extremos das imagens mostrará uma pequena seta. Clicar sobre ela ativa 
o programa. Há um botão de navegação que se move com o cursor para regular a 
velocidade de rastreio. Ao clicar numa imagem para aproximar (zoom in), obtemos o link 
correspondente. No sentido inverso, clicando na imagem ampliada, afasta-se a imagem 
(zoom out), que volta para a galeria.
 A imagem abaixo mostra uma pesquisa do Google sobre Bahia Blanca, usando o 
Cooliris.
 
BuSCa Na WEB 
• • • 39 • • •
capítulo 1
Onde encontrar áudio e som?
Áudios de entrevistas ou discursos, bem como efeitos de som, são muitas vezes necessários 
para jornalistas que gerenciam blogs, páginas da web ou fazem reportagens multimídia. Há 
também plataformas para acomodar ou compartilhar áudios que incluem voz, música e até 
efeitos sonoros. Alguns funcionam como buscadores, outros como redes sociais. Eles incluem:
1- FindSounds: http://www.findsounds.com/
 Busca áudio em inglês, espanhol, francês e alemão, e contém um banco de dados 
categorizados por assunto. 
 2- Archive: http://www.archive.org
 Já mencionado anteriormente, contém um banco de dados em MP3 que inclui gravações 
de concertos, antigos programas de rádio, música publicada por usuários, discursos 
famosos, entre outros. Um diretório ajuda a localizar conteúdo classificado por assunto. 
Alguns áudios podem ser baixados sem nenhum custo.
3- Radioteca: http://www.radioteca.com/
 Recurso de intercâmbio de áudio, classificado por assunto, data, autor e gênero. É muito 
usado por rádios comunitárias e jornalistas multimídia.
4- Radialistas: http://www.radialistas.net/
 ONG sem fins lucrativos com sede em Quito, Equador. Trabalha com ênfase em questões 
de gênero e cidadania. Opera como um centro de produção para atender os jornalistas e 
BuSCa Na WEB 
• • • 40 • • •
capítulo 1
produtores de rádio e multimídia de todos os continentes, priorizando América Latina e 
Caribe. Há várias coleções de clipes de rádio, para consulta e download.
5- Odeo: http://www.odeo.com/
 Plataforma para hospedagem de áudio e som. Funciona como buscador, rede social 
e diretório, já que seus conteúdos são classificados. Os usuários podem assinar canais 
temáticos e receber alertas quando novos conteúdos forem incorporados. Permite criar 
favoritos e playlists.
6- Gengibre: http://www.gengibre.com.br
 Rede social de áudio mantida por Cazé Pecini, apresentador da MTV Brasil. Usuários 
cadastrados gravam e compartilham áudios próprios por telefone ou pelo computador. 
Também podem gravar e hospedar ao vivo entrevistas feitas por telefone. É possível 
pesquisar por tags e baixar o que outros usuários gravam. Você pode usar o serviço, por 
exemplo, para propor perguntas e receber respostas em áudio, que podem ser baixadas 
e editadas.
Buscar música para programas de rádio e TV
Musicalizar roteiros de rádio ou TV costuma dar dor-de-cabeça aos jornalistas multimídia. Uma 
coleção especialmente pensada com esse fim é o banco de dados Free Play Music (http://
www.freeplaymusic.com).
Eu a recomendo não apenas pela sua interface amigável, como também porque permite buscar 
arquivos MP3 conforme as sensações que geram: tristeza, alegria, raiva, melancolia, etc. Ele 
contém material especializado, principalmente instrumental, que você pode acessar previamente 
pela opção Preview, e para baixar integralmente você precisa apenas posicionar o mouse 
sobre o link e, após clicar o botão direito, selecionar “salvar destino como”, permitindo até dois 
downloads simultâneos.
Para aceitar os termos de uso, é preciso ler as informações no link: http://www.freeplaymusic.
com/licensing/termsofuse.php
Recursos adicionais:
1- JustHearIt: http://www.justhearit.com/
 É um buscador de canções internacionais em vários idiomas.
2- Goear: http://www.goear.com/
 Plataforma para hospedagem e compartilhamento de músicas. É classificada por artista e 
gênero.
BuSCa Na WEB 
• • • 41 • • •
capítulo 1
Buscadores visuais 
“Existe vida depois do Google!”, foi a reação entusiasmada de um colega que num dos cursos 
online que oferecemos por meio do Centro Knight. Foi depois de conhecer o Bing (http://
www.bing.com), um buscador muito interessante, especialmente para buscar imagens, e 
o Kartoo (http://www.kartoo.com), que trabalha com mapas gráficos, capazes de criar 
“conexões” entre páginas mantidas em locais separados.
Os chamados “buscadores visuais” funcionam como os tradicionais, mas apresentam os 
resultados de maneira visualmente mais atraente, como é o caso do Quintura: http://www.
quintura.com/
Sua interface visual permite oferecer os resultados em tag clouds, ou nuvens de palavras-chave. 
É uma forma de classificação visual que permite descartar as categorias em sabemos não estar 
a informação que buscamos.
Ao lado dos mecanismos de busca visual, surgiram os buscadores da Web 2.0, que também 
coletam resultados dentro das redes sociais:
1- MiddleSpot: http://middlespot.com/
 Pesquisa na Web, Imagens, Notícias, Amazon e Twitter. Os resultados aparecem numa 
galeria onde você pode fazer zoom e organizar os elementos. Você pode escolher o 
número de colunas em que as informações serão apresentadas e onde procurar. A 
novidade para os que estão acostumados a “ler links” é que os resultados aparecem 
como imagens de página, embora haja a opção dos links na coluna da esquerda.
2- Kartoo: http://www.kartoo.com/
 Além de metabuscador, também busca imagens, vídeo, verbetes da Wikipedia e resultados 
da Web. Usa o Yahoo e o Google, criando um mapa visual onde os resultados são 
relacionados uns aos outros. Isto é útil se nós investigamos nomes de pessoas, empresas 
ou organizações, já que pode mostrar conexões desconhecidas entre fontes do nosso 
interesse. Os sites encontrados são representados por esferas maiores ou menores, 
segundo sua relevância. A busca pode ser refinada com temas e expressões propostas. 
Para ver os mapas de informação, é preciso clicar num pequeno botão à direita da janela 
de busca. É melhor não ficar na primeira camada: este é um mapa de resultados, mas por 
baixo há outras. Abaixo, à direita, usando o botão de “próximos resultados”, haverá outros 
mapas, com novas associações. Ao buscar o nome do prefeito da cidade onde eu moro, 
Bahía Blanca, chegam entre os resultados um post dele, de 2000, onde pedia ajuda para 
conhecer a história da sua família na Alemanha (http://boards.ancestry.co.uk/surnames.
breitenstein/64.63.65/mb.ashx). Ele foi encontrado pelo Kartoo, mas não seria difícil 
encontrá-lo também com a busca avançada do Google. 
BuSCa Na WEB 
• • • 42 • • •
capítulo 1
3- NeXplore: http://www.nexplore.com/
 Tem uma interface muito amigável. Além dos resultados da Web e de imagens, disponíveis 
em qualquer motor de busca, inclui wikis, blogs e podcasts, algo muito valioso para 
repórteres de rádio. O NeXplore permite navegar visualmente através dos resultados, 
sem omitir a lista de links. Quanto à organização dos resultados podem ser organizados 
em 3 formas: resumo, linhas, ou galeria. Quem busca formatos audiovisuais, os resultados 
de vídeo mostram uma lista em movimento, que pode ser atraente para quem use 
freqüentemente este tipo de pesquisa.
4- Viewzi: http://www.viewzi.com
 Buscador visual que usa vários serviços diferentes para fornecer os resultados como um 
metabuscador. Os resultados aparecem com o uso das setas