apol curriculo e sociedade e didatica
18 pág.

apol curriculo e sociedade e didatica


DisciplinaCurrículo e Sociedade324 materiais1.883 seguidores
Pré-visualização4 páginas
de didática tradicional e o ensino de didática atualmente.
I. A didática desde seu principio dedicou-se a pensar a formação do aluno e a sua relação com o professor, sendo que sua concepção técnica de organização da sala e dos alunos surge na modernidade.
II. A didática tradicional ressaltava aspectos práticos: como elaborar cartazes, escrever no quadro, ordenar uma turma. E isso se deve pelo interesse em que o professor dominasse a técnica, que ele fosse neutro, sem participação política, afastado das questões políticas e da realidade do aluno.
III. A didática atualmente se dedica a elaboração das melhores técnicas de ensino e transmissão de conhecimento, não considerando o contexto histórico em que está inserida, mas analisando seu processo de desenvolvimento e pensando apenas neste.
IV. A didática moderna compreende a impossibilidade de neutralidade do professor, assim seu foco está na pratica mais critica do professor, em pensar a importnaacua de sua formação didática, pensar em como organizar os conhecimentos e como pode levar os alunos a organizarem-se em sala de aula.
São corretas as afirmativas:
	A	Afirmativas II e III, apenas.
	B	Afirmativa I, apenas.
	C	Afirmativas II e IV, apenas.
As afirmativas II e IV estão corretas. A afirmativa I está incorreta pois a didática tradicional ressaltava aspectos práticos: como elaborar cartazes, escrever no quadro, ordenar uma turma. E isso se deve pelo interesse em que o professor dominasse a técnica, que ele fosse neutro, sem participação política, afastado das questões políticas e da realidade do aluno. A didática era compreendida também como uma técnica de manejo de classe e como um curso de ensino ao professor de técnicas de ensino e por isso a Afirmativa II está correta. A afirmativa III está incorreta pois a os aspectos elencados como pertencentes a didática moderna pertencem na verdade as características da didática tradicional, sendo que a didática moderna compreende a impossibilidade de neutralidade do professor, assim seu foco está na pratica mais critica do professor, em pensar a importância de sua formação didática, pensar em como organizar os conhecimentos e como pode levar os alunos a organizarem-se em sala de aula, o que faz a Afirmativa IV correta.
 (LIVRO-BASE, p.15 \u2013 29 e Aula 1 \u2013 vídeo 3)
	D	Afirmativa IV, apenas.
	E	Afirmativa I, II e IV, apenas.
Questão 5/10
Leia a seguir texto de Dermeval Saviani:
[...] eu afirmava num texto de 1971, incluído no meu livro de 1980 \u2013 Educação: do senso comum à consciência filosófica -, que o melhor geógrafo não será necessariamente o melhor professor de geografia; nem será o historiador aquele que desempenhará melhor o papel de professor de história; ou o melhor literato, o melhor escritor, não será necessariamente o melhor professor de português. E por quê? Porque para ensinar é fundamental que se coloque inicialmente a seguinte pergunta: para que serve ensinar uma disciplina como geografia, história ou português aos alunos concretos com os quais se vai trabalhar? Em que essas disciplinas são relevantes para o progresso, o avanço e para o desenvolvimento desses alunos?Daí surge o problema da transformação do saber elaborado em saber escolar. Essa transformação é o processo por meio do qual selecionam, do conjunto do saber sistematizado, os elementos relevantes para o crescimento intelectual dos alunos e organizam-se esses elementos numa forma, numa sequência tal que possibilite a sua assimilação. Assim, a questão central da pedagogia é o problema das formas, dos processos, dos métodos; certamente, não considerados em si mesmos, pois as formas só fazem sentido quando viabilizam o domínio de determinados conteúdos.
(SAVIANI, Dermeval. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. São Paulo: Autores Associados, 2008. p.75.)
 
De acordo com o texto acima e os conteúdos abordados nas aulas e no livro-base, analise as afirmativas:
I. O que ensinar? Como ensinar? E para que ensinar? São questões que norteiam o trabalho pedagógico.
II. É possível saber qual a perspectiva teórica adotada pelos professores e pela escola a partir da forma como os conteúdos são apresentados aos alunos.
III. O saber escolar se caracteriza por ser o saber selecionado e sequenciado para ser transmitido e assimilado no espaço escolar num tempo determinado.
IV. Por serem desvinculados da realidade histórica os conteúdos selecionados para compor os currículos são neutros.
 
São corretas as afirmativas:
	A	
Afirmativas I e II, apenas.
	B	Afirmativa II, apenas.
	C	Afirmativas I, II e III, apenas.
Você acertou!
As afirmativas I, II e III estão corretas. \u201cO que ensinar? Como ensinar? E para que ensinar?\u201d São questões que norteiam o trabalho pedagógico. Também é possível saber qual a perspectiva teórica adotada pelos professores e pela escola a partir da forma como os conteúdos são apresentados aos alunos. O saber escolar se caracteriza por ser o saber selecionado e sequenciado para ser transmitido e assimilado no espaço escolar num tempo determinado. A afirmativa IV está incorreta, pois os conteúdos não são neutros, pois eles sempre estão vinculados à realidade histórica na qual estão inseridos (LIVRO TEXTO, pp. 155-156; 159)
	D	
Afirmativas II e IV, apenas.
	E	
Afirmativa III e IV, apenas.
Questão 6/10
\u201cAs indagações sobre o currículo presentes nas escolas e na teoria pedagógica mostram um primeiro significado: a consciência de que os currículos não são conteúdos prontos a serem passados aos alunos. São uma construção e seleção de conhecimentos e práticas produzidas em contextos concretos e em dinâmicas sociais, políticas e culturais, intelectuais e pedagógicas. Conhecimentos e práticas expostos às novas dinâmicas e reinterpretados em cada contexto histórico. As indagações revelam que há entendimento de que os currículos são orientados pela dinâmica da sociedade. Cabe a nós, como profissionais da Educação, encontrar respostas.\u201d
(ARROYO, Miguel Gonzáles; BEAUCHAMP, Jeanete (org.). Indagações sobre currículo: educandos e educadores: seus direitos e o currículo. Brasília: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, 2007. p. 9).
Após a leitura do texto dado e dos conteúdos abordados no livro com relação à elaboração curricular. Analise as afirmativas a seguir:
I. O currículo escolar não pode ser pensado distante da práxis pedagógica.
II. O fazer pedagógico está submetido ao currículo, sendo sua aplicação direta, sem passar pela análise e reflexão dos profissionais envolvidos na sua práxis.
III. Os conteúdos curriculares não possuem relação direta com aspectos sociais e culturais, são selecionados pela escola de acordo com seus interesses políticos.
IV. A práxis pedagógica deve ser pautada nos princípios estabelecidos pelo Projeto Político Pedagógico (PPP) da instituição, sendo que o currículo se concretiza no fazer. 
São corretas as afirmativas:
	A	
Afirmativas I e III, apenas.
	B	
Afirmativa I, apenas.
	C	
Afirmativas II e III, apenas.
	D	
Afirmativas I e IV, apenas.
As afirmativas I e IV são verdadeiras. O currículo escolar está intrinsecamente relacionado à práxis pedagógica e se concretiza nesta, por isso o fazer pedagógico deve ser pautado no PPP. A afirmativa III é falsa, pois o currículo possui sim uma dimensão ampla que o entende em sua função socializadora e cultural, trazendo em sua essência questões desta natureza. A afirmativa II é falsa já que mesmo a práxis pedagógica estando submetida ao currículo a seleção dos aspectos sociais e culturais que envolvem sua aplicabilidade estão condicionados a escolha e seleção da escola (Livro Base, p. 22 e 26).
	E	Afirmativa I, II e IV, apenas.
Questão 7/10
\u201cAgora, nesse início de terceiro milênio desponta a terceira grande transformação do saber de base gráfica, revolucionando a cultura e a comunicação entre os homens: a da informática. A escrita se refuncionaliza, na interação com diferentes signos e imagens. Encontramo-nos no início desta transformação, que não sabemos ainda como irá terminar, mas podemos ler alguns