Curso Básico de Astrologia vol. II   Marion D. March & Joan McEvers
275 pág.

Curso Básico de Astrologia vol. II Marion D. March & Joan McEvers


DisciplinaAstrologia645 materiais2.204 seguidores
Pré-visualização50 páginas
definir as diferenças mais 
sutis. 
 
 
Para sua conveniência. apresentamos na página ao lado uma tabela completa 
de duades. O princípio é fácil de entender: cada 2 r/: ° do signo assume um 
matiz de outro signo, desta vez não por elemento, mas pela ordem dos signos 
do zodíaco. A primeira duade de 2 h° de Áries é puro Áries, a segunda duade 
de 2 14° assume uma nuança de Touro, a duade seguinte uma nuança de 
Gêmeos, e assim por diante através dos 12 signos. 
Usando novamente o horóscopo de Disney, seu Ascendente em Virgem 
estava na duade de Gêmeos, proporcionando destreza e capacidade de co-
municação, reforçando seu Sol de terceira Casa. Suponhamos que Disney 
tivesse um irmão gêmeo, nascido 4 minutos mais tarde. O Ascendente, nesse 
caso, teria aproximadamente mais 1°, estando em 25° 53' de Virgem. Ainda 
estaria no terceiro decanato de Virgem, o que não ajudada muito; entretanto, 
estaria na duade de Câncer,funcionando num nível diferente da duade de 
Gêmeos de Disney. 
 
Recapitulação: Delineie as duades da Lua e do Ascendente de Farrah Fawcett. 
Compare a resposta com a nossa no Apêndice, à página 258. 
Lição 13 
 
Os Nodos Lunares 
No Volume I, Lição 3 \u2014 "Planetas", fornecemos uma breve descrição dos 
nodos da Lua. Explicamos que não são planetas, porém planos da longitude 
celestial onde a Lua cruza a órbita do Sol (a eclíptica). Dissemos que o nodo 
Norte (também chamado Cabeça do Dragão) é considerado um ponto de ganho, 
aumento e acréscimo de confiança \u2014 o ponto onde você absorve ou recebe, o 
ponto no horóscopo em cuja direção você deve se esforçar para seguir, no 
sentido de se realizar. O nodo sul (ou Cauda do Dragão) é um ponto de 
liberação ou abandono; é onde você precisa dar ou onde lhe tomam. A sua 
colocação no horóscopo é onde você pode tomar a saída mais fácil. 
Como usamos os nodos lunares no curso para principiantes e no 
delineamento básico, gostaríamos de dar-lhes mais algumas frases-chave para 
ajudá-lo a compreender a natureza desses pontos sensíveis do mapa. 
Se você visualizar um dragão, vai entender que a cabeça é onde ele começa 
a absorver ou ingerir. Quando come, o alimento é ingerido pela boca. 
localizada na cabeça. É assim que funciona o nodo norte; é o ponto onde se 
absorvem novos conhecimentos, novas idéias e ideais, tudo que é novo \u2014 
portanto, é um ponto de ganho ou aumento. Quando você aumenta seus 
conhecimentos, automaticamente aumenta a sua confiança; quando você 
aumenta sua confiança, adquire segurança interna e finalmente atinge o nível 
mais elevado de paz ou realização interior prometido pelo horóscopo. 
Se o nodo norte, ou Cabeça do Dragão, é o ponto de absorção, é óbvio que o 
nodo sul, ou Cauda do Dragão, é o ponto de doação ou eliminação. Mas não 
estamos eliminando o conhecimento adquirido através do nodo norte \u2014 ao 
contrário, estamos liberando o que já temos, o conhecimento. as idéias, as 
atitudes, a moral que já são parte de nós, baseados em nosso passado, em 
nossas memórias, em nossa infância ou, se desejarmos usar uma abordagem 
esotérica, em nosso passado em outras eras. Parece que o lugar onde "nos 
tomam" ou "doamos" não é um lugar bom para fugir ou 
procurar a saída mais fácil, mas pensem nisso: não é verdade que a maioria de 
nós prefere ficar com o que já sabe, ou o que é familiar, em vez de buscar o 
novo e, assim, desconhecido? Não nos apegamos tanto quanto possível aos 
confortáveis sapatos velhos antes de comprar sapatos novos, que podem nos 
apertar ou espremer os pés? Esse é um lado do problema. O outro se baseia 
no fato de que a maioria das pessoas acha mais fácil dar de bom grado do que 
receber de bom grado. Aceitar, sem sentir uma sensação de obrigação, parece 
mais difícil que dar, que faz com que nos sintamos bons e importantes. Se 
você mantiver isso em mente, vai compreender por que tendemos a fugir para 
o nodo sul em vez de usar o nodo norte para crescer e evoluir. 
Nas efemérides, podem ser encontrados dois tipos de nodos. Todas as 
efemérides americanas trazem o que comumente se denomina os nodos 
verdadeiros. Esses nodos avançam alternadamente para a frente e para trás. 
Em um mês, podem retrogradar de 2 minutos a 216 graus. Porém, em com. 
junto, seu movimento é sempre retrógrado. A maioria das outras efemérides 
apresentam os nodos médios. Esses nodos sempre se movem para trás e 
sempre num passo médio de aproximadamente 3'h minutos por dia ou 10 
minutos a cada três dias. 
Nenhum nodo é mais "verdadeiro" que o outro. A órbita da Lua em torno 
da Terra não tem um movimento regular, por causa das oscilações chamadas 
perturbações. Os nodos médios são calculados como se não houvesse 
perturbações, igualando a órbita através de uma proporção "média". Os nodos 
verdadeiros são recalculados a cada vez que há uma oscilação na órbita, 
projetando uma nova órbita para cada perturbação. Neil Michelsen, que 
produziu as American Ephemerides, prefere o "nodo verdadeiro", porque ele 
nem pensaria em usar a posição "média" da Lua, embora esta seja muito mais 
fácil de calcular. 
A diferença de uma para outra efeméride pode ser de alguns graus. O nodo 
norte médio de Walt Disney está a 11°55' de Escorpião e o nodo norte 
verdadeiro a 13°20' de Escorpião \u2014 o nodo norte médio de Farrah Fawcett 
está a 8°27' de Gêmeos e o seu nodo verdadeiro a 9°46' de Gêmeos. 
Como em nosso delineamento dos nodos damos mais importância à 
posição por Casa do que aos aspectos, achamos que os dois sistemas são 
bons. 
À medida que você se aprofunda na astrologia, pode ser bom ler alguns 
livros muito interessantes sobre os nodos da Lua, baseados numa 
interpretação mais esotérica ou cármica. Isabel Kickey toca no assunto no 
livro Astrology, a Cosmic Science. O livro de Martin Schulman Karmic 
Astrology \u2014 the Nades and Reincarnation e o de Bernice Prill Grebner, 
Lunar Nodes \u2014 New Concepts \u2014 examinam a questão em detalhes. Esses 
livros apresentam a posição dos nodos nos diferentes signos do zodíaco, as 
posições por Casa e os aspectos com os planetas natais. 
Achamos que nada disso é necessário no delineamento básico inicial. Na 
verdade, isso poderia colocar ênfase demasiada em algo que deveria ser 
 
interpretado apenas como um ponto ou área sensível do mapa, até você estar 
pronto para fazer um delineamento muito mais profundo. 
Entretanto, achamos realmente necessário examinar as posições ocupadas 
pelos nodos, dando a maior ênfase às Casas, e depois examinar o signo, para 
interpretar a sua forma de expressão. 
Exemplo: o nodo sul de Hermann Hesse está a 4° de Virgem na sua nona 
Casa, e o nodo norte a 4° Peixes na terceira Casa. Sua resposta inicial e mais 
automática, portanto, seria a expressão através da nona Casa (mente superior, 
filosofias e crenças), à moda de Virgem, um pouco crítico em relação a si 
mesmo e aos outros, sempre analisando e sempre dissecando tudo. No fim das 
contas, entretanto, para atingir seu potencial máximo, é preciso que ele use o 
nodo norte e comunique (verbalmente, por escrito ou pintando) seus 
sentimentos, emoções e espiritualidade. No caso de Hesse. isso se tornou mais 
fácil porque Saturno e a Lua em Peixes são o braço, ou ponto focal, de sua 
quadratura T (Lição 6). 
Farrah Fawcett tem o nodo norte na décima segunda Casa a 8°26' de 
Gêmeos (ou 9° n 46'). Ela está se expressando através do seu trabalho da 
sexta Casa, onde tem o nodo sul em Sagitário. Sua realização definitiva, 
entretanto, virá quando alcançar, ou se sintonizar, com o nodo norte na 
décima segunda Casa. Quando se interpreta qualquer ponto sensível, a décima 
segunda Casa deve ser vista como o subconsciente, e muitas vezes o ser 
interior ou oculto. Quando ela realmente olhar para dentro de si mesma à 
moda de Gêmeos (intelectual, distanciada, mental), vai encontrar paz de 
espírito e verdadeira segurança interior. 
O eixo nodal, unindo um par de Casas,