Curso Básico de Astrologia vol. II   Marion D. March & Joan McEvers
275 pág.

Curso Básico de Astrologia vol. II Marion D. March & Joan McEvers


DisciplinaAstrologia645 materiais2.205 seguidores
Pré-visualização50 páginas
(força oculta, limitações, 
mente subconsciente, frustração, autodestruição). Esta é a Casa natural de 
Peixes no mapa plano; em conseqüência, você lida bem com as questões da 
décima segunda Casa, a menos que Netuno esteja mal aspectado no 
horóscopo. Com Touro ou Peixes em elevação, você tem um pronunciado 
senso de serviço pessoal e está sempre pronto a ajudar os desfavorecidos. A 
menos que Netuno esteja bem colocado, pode haver considerável solidão e 
desapontamentos na sua vida, porque freqüentemente você subestima ou 
superestima os outros; também tem dificuldade em se enxergar 
honestamente. Às vezes precisa de solidão para recarregar suas baterias. 
Mas também precisa se precaver para não se esconder dos outros ou fazer o 
papel de mártir. Com Áries no Ascendente, você avança com bastante vigor, 
como se quisesse esconder a sensibilidade e a vulnerabilidade que de fato 
sente, subconscientemente e bem lá dentro. Se o regente do Ascendente 
estiver colocado na décima segunda Casa, você terá a capacidade de se 
enxergar muito mais objetivamente, e campos como a psicologia ou o 
aconselha-mento podem ser muito bons para você. Senador Robert 
Kennedy, compositor Johannes Brahms, ator Sal Mineo. 
 
Como Delinear as Cúspides das Casas 
 
Na Introdução à Lição 13, delineamos rapidamente a cúspide da segunda 
Casa de Walt Disney. Para exemplificar um pouco mais, vamos examinar 
agora sua sexta Casa. Aquário está na cúspide, e o regente \u2014 Urano \u2014 está 
em Sagitário na terceira Casa. De acordo com nossas observações, ele orgu-
lhava-se do trabalho árduo, embora não fosse necessariamente bem organi-
zado nem tentasse fazer mais do que o tempo permitia e que, em conse-
qüência, fosse muito nervoso. Para ele em importante ter uma boa atuação; e 
ele poderia ter sido um reformador. Até que ponto isso se aplica a Walt 
Disney? 
Com um stellium em Capricórnio, definitivamente o trabalho era muito 
importante para ele, e o regente Urano em conjunção com o Sol deu ainda 
mais ênfase à sua sexta Casa. Urano na sua terceira Casa indica que algum 
tipo de comunicação desempenhava um papel importante no tipo de 
trabalho que ele executava. Como está em Sagitário, poderia acarretar 
algum tipo de reforma, ou pelo menos algo que lhe permitisse mirar bem 
alto, envolvendo algum objetivo idealista, o que sem dúvida inclui alguma 
forma de serviço humanitário. No caso de Disney, o resto do mapa nos 
mostra que a criatividade e os filmes eram sua maneira de trabalhar e prestar 
serviço. Ele era desorganizado, era muito nervoso? Ele tinha muita terra 
para ser realmente desorganizado, mas bastante mutabilidade para alimentar 
o nervosismo mental, e provavelmente ficava ocasionalmente irritado, pois 
há quadraturas suficientes no mapa para gerar todo tipo de 
tensão e desafio. Com o regente da sexta Casa na terceira, a possibilidade de 
trabalhar com um parente está enfatizada. O irmão de Walt, Roy, foi seu 
braço direito a vida toda. 
Para mais um exemplo, vamos olhar a décima Casa de Walt Disney, que se 
refere à carreira, posição na comunidade e um dos pais. Gêmeos está na 
cúspide e o regente, Mercúrio, está em Escorpião na terceira Casa. A primeira 
coisa que nos chama a atenção é que tanto o regente da sexta Casa do trabalho 
como o da décima Casa da carreira estão na terceira Casa das comunicações. 
Isso confirma novamente que, para Disney, algum tipo de comunicação era 
muito importante. Lembre-se: no delineamento, sempre é preciso haver 
confirmação. Nossas notas afirmam que Disney deveria gostar de trabalhar 
com os outros; na realidade, isso não é nem confirmado nem negado no seu 
mapa. Sabemos que em seu trabalho ele precisava lidar com muita gente, mas 
se gostava ou não, não sabemos. O Sol em Sagitário gosta de estar com os 
outros, mas Mercúrio em Escorpião pode igualmente gostar de solidão. 
Nossas notas indicam que poderia haver algumas mudanças de carreira. No 
caso de Disney, ele começou como cartunista e tomou-se produtor; expandiu-
se para a área da televisão e finalmente fundou seus famosos parques de 
diversões, Disneyland e Disney World, o que definitivamente mostra mais de 
uma carreira. Também afirmamos que Gêmeos na cúspide da décima Casa 
pode dar um excelente orador ou professor. Com o regente Mercúrio em 
Escorpião participando de um yod com o Meio-do-Céu (veja Lição 6) e a 
quinta Casa, vemos que sua capacidade de se expressar se canalizava mais 
para a área artística do que a oratória ou o magistério. 
Depois de examinar as cúspides e o regente, não se esqueça de observar 
que Netuno está na décima Casa, dando assim um colorido à sua carreira. 
Netuno é o planeta mais elevado do mapa. É o dedo, ou ápice, do yod. Está a 
0° (veja Lição 18). Está retrógrado (veja Lição 7), e é um dos mais 
importantes planetas do mapa de Disney. Também é preciso lembrar que 
Mercúrio, regente da décima Casa, está em recepção mútua com Plutão, 
regente da terceira, onde Mercúrio está colocado, unindo as duas Casas e os 
dois planetas de maneira muito harmônica, e permitindo que Disney usasse as 
características mais positivas desses planetas e dessas Casas. 
 
Recapitulação: Delineie a quinta Casa de Watt Disney. Nosso delineamento 
está no Apêndice. à página 259. 
Lição 15 
 
Aspectos ao Ascendente e 
ao Meio-do-Céu 
No Volume I de Curso Básico de Astrologia, dedicamos um bom número de 
páginas aos diversos aspectos formados entre os planetas. Também demos 
algumas palavras-chave para que você fixasse não apenas a forma de 
manifestação de cada aspecto, mas também o que sempre é preciso ter em 
mente ao aspectar. Por exemplo: aspectos ao Sol enfatizam o ser interior; 
aspectos à Lua envolvem as emoções; enquanto aspectos a Mercúrio são 
mentais, e assim por diante para cada planeta. Cada aspecto tem um certo sabor 
que pode ser expresso através de uma palavra-chave. A conjunção dá ênfase; a 
oposição dá autoconsciência; a quadratura desafia-o a agir; o trígono cria fluxo; 
o sextil proporciona facilidade; o quincúncio exige que você faça determinados 
ajustes. Tudo isso foi discutido na Lição 7 do Volume I. 
O Ascendente e o Meio-do-Céu não são planetas; são pontos do horóscopo, 
os dois ângulos mais importantes do mapa. O Ascendente mostra como você 
nasce no mundo, e é definido com base na hora e local exatos de seu 
nascimento. O Ascendente mostra sua personalidade exterior, seu 
temperamento natural, a forma como os outros o vêem e a forma como você 
gostaria que o vissem; em outras palavras, é a sua embalagem. Também 
representa o corpo físico e mostra como você aborda a vida, a sua aparência, 
postura e comportamento. Assim, todos os aspectos ao Ascendente são pessoais 
e afetam a sua perspectiva e o seu porte. 
O Meio-do-Céu é a cúspide da décima Casa, o ponto mais elevado ou mais 
ao sul; segue-se, portanto, que é também o ponto mais alto que você pode 
atingir em termos mundanos. É a sua reputação, o seu status e sua posição na 
comunidade; descreve sua profissão ou carreira, a fama e a promoção, as suas 
realizações mundanas. Revela toda e qualquer 
 
autoridade, como o seu chefe ou o governo. Na infância, representa a 
autoridade parental; assim, descreve um dos pais, aquele que, na sua mente, 
significava a autoridade (o outro é descrito pela quarta Casa). Como os nossos 
sentimentos interiores sempre são mais importantes que as manifestações 
exteriores, a faceta mais importante da décima Casa é que ela representa o seu 
ego e é, assim, uma força impulsionadora que o impele ou incita a ser alguém e 
a realizar alguma coisa. Todos os aspectos ao Meio-do-Céu trazem em si algo 
da energia do ego. No começo da vida, descrevem a carreira e a facilidade ou 
desafios encontrados no caminho. O tipo de profissão adequada ao indivíduo é 
descrito pelo signo da cúspide, o planeta regente e quaisquer planetas 
localizados na décima Casa. 
Classificamos