caderno de questoes lei 811290 140305072714 phpapp02
338 pág.

caderno de questoes lei 811290 140305072714 phpapp02


DisciplinaLei 8112/90159 materiais1.571 seguidores
Pré-visualização50 páginas
haja expressa previsão no edital, não impugnada pelo candidato antes de sua realização.
210. (Cespe Procurador TCDF 2002) Está em harmonia com o regime jurídico dos servidores públicos a ilegitimidade do veto a candidatos quando embasado em avaliação da saúde psicológica a partir de exame restrito a uma entrevista privativa.
211. (Cespe Auditor TCDF 2002) Durante o prazo de validade do concurso, havendo candidatos aprovados e vagas suficientes, a administração pública está obrigada a nomeá-los.
212. (Cespe Papiloscopista Polícia Civil PB 2009) De acordo com a Constituição Federal de 1988 (CF), no que diz respeito ao acesso às funções de cargos e de empregos públicos:
a) o candidato aprovado dentro do número de vagas em determinado concurso público perde o direito a nomeação se, dentro do prazo de validade do certame, a instituição vier a promover nova seleção, tendo os recém-aprovados prioridade na nomeação para o cargo público;
b) o provimento de cargo ou emprego público e de cargo em comissão exige prévia aprovação em concurso público de provas ou provas e títulos;
c) o prazo de validade de um concurso público é de, no máximo, dois anos, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período;
elyesley silva do nascimento
26
Lei nº 8.112/90 
d) apenas os brasileiros podem submeter-se a concursos públicos, não sendo permitida a estrangeiros a ocupação de cargos de provimento efetivo na administração pública;
e) o órgão responsável pela realização de concurso tem competência exclusiva para decidir a reserva de vagas destinadas a portadores de necessidades especiais, podendo, até mesmo, entender que não haja necessidade de reserva para determinado cargo.
213. (Cespe Técnico Administrativo em Educação 2011) O servidor que tiver exercício em outro Município em razão de ter sido removido tem, obrigatoriamente, prazo de trinta dias, contado da publicação do ato, para a retomada do efetivo desempenho das atribuições do cargo, incluído nesse prazo o tempo necessário para o deslocamento para a nova sede.
214. (Cespe Técnico Administrativo em Educação 2011) Os servidores efetivos cumprem jornada de trabalho fixada em razão das atribuições pertinentes aos respectivos cargos, respeitada a duração máxima do trabalho semanal de 44 horas.
215. (Cespe Analista Judiciário Área Administrativa TRT 21ª Região 
2010) Se determinado servidor não puder estar presente no dia da posse, ela poderá ocorrer mediante procuração específica.
216. (Cespe Administrador Ministério da Previdência Social 2010) No Brasil, o cargo de diplomata pode ser ocupado por um estrangeiro naturalizado brasileiro.
217. (Cespe Analista Judiciário Área Judiciária TRE-MT 2010) Não se admite que a posse no cargo público ocorra mediante procuração específica.
218. (Cespe Analista Judiciário Área Judiciária TRE-MT 2010) O prazo para o servidor empossado em cargo público entrar em exercício é de trinta dias, contados da data da posse.
219. (Cespe Analista Técnico Administrativo MS 2010) O ocupante de cargo em comissão ou função de confiança submete-se ao regime de integral dedicação ao serviço e pode ser convocado sempre que houver interesse da administração.
220. (Cespe Técnico Judiciário Área Administrativa 2010) A nomeação é forma de provimento originário, por meio da qual o indivíduo ingressa no serviço público, sendo cabível tanto para cargos efetivos quanto para cargos em comissão.
Cespe
27
Questões
221. (Cespe Técnico Judiciário Operação de Computadores TRE-MT 
2010) Constitui requisito básico para a investidura em cargo público a nacionalidade brasileira, não se admitindo, portanto, o provimento de cargos com cidadãos estrangeiros, independentemente da instituição.
222. (Cespe Técnico Judiciário Operação de Computadores TRE-MT 
2010) Após a publicação do ato de provimento, o servidor tem até o décimo quinto dia para tomar posse no cargo público.
223. (Cespe Analista Técnico Administrativo MS 2010) O servidor que irá exercer sua atividade em outro Município, por motivo de ter sido removido, redistribuído, requisitado, cedido ou posto em exercício provisório, terá, no mínimo, dez e, no máximo, trinta dias de prazo, contados da publicação do ato, para a retomada do efetivo desempenho das atribuições do cargo, incluído nesse prazo o tempo necessário para o deslocamento para a nova sede.
224. (Cespe Analista Judiciário Área Administrativa TRE-MA 2009) O servidor será exonerado do cargo ou o ato de sua designação para função de confiança será tornado sem efeito, se ele não entrar em exercício no prazo improrrogável de quinze dias, contados da data da posse.
225. (Cespe Juiz Federal TRF 1ª Região 2009 adaptada) O prazo para o servidor empossado em cargo público entrar em exercício é de trinta dias, contados da data da posse.
226. (Cespe Juiz Federal TRF 1ª Região 2009 adaptada) Posse é o efetivo desempenho das atribuições do cargo público ou da função de confiança.
227. (Cespe Analista Judiciário Área Administrativa TRE-MA 2009) A investidura em cargo público ocorre com a nomeação.
228. (Cespe Analista Judiciário Área Administrativa TRE-MA 2009) As universidades e instituições de pesquisa científica e tecnológica federais podem prover seus cargos com professores, técnicos e cientistas de outros países, segundo as normas e os procedimentos dessa lei.
229. (Cespe Procurador Bacen 2009) Se um indivíduo tomar posse em cargo público federal, mas não entrar em exercício no prazo legal, será tornado sem efeito o ato de posse.
230. (Cespe Técnico Federal de Controle Externo TCU 2009) A posse em cargo público, que poderá ser realizada mediante procuração específica, terá de ocorrer no prazo de trinta dias contados da publicação do ato de provimento, enquanto o prazo para o servidor entrar em exercício será de quinze dias, contados da referida posse.
elyesley silva do nascimento
28
Lei nº 8.112/90 
231. (Cespe Analista Judiciário Execução de Mandados TRT 17ª Região 
2009) O servidor que, após ter tomado posse, não entrar em exercício no prazo de quinze dias, será, então, exonerado.
232. (Cespe Analista Judiciário Área Administrativa TRT 17ª Região 
2009) São requisitos básicos para a investidura em cargo público, entre outros, o gozo dos direitos políticos e a quitação com as obrigações militares e eleitorais.
233. (Cespe Auditor Federal de Controle Externo Especialidade 
Medicina TCU 2009) Para o aprovado em concurso público, que seja nomeado, a Lei nº 8.112/1990 estabelece apenas um prazo máximo para que ocorra a posse no cargo, mas não fixa um limite temporal à entrada em exercício.
234. (Cespe Agente Administrativo do MDS 2009) Caso o servidor ocupante de cargo efetivo não entre em exercício no prazo estabelecido, ele pode ser exonerado de ofício.
235. (Cespe Auditor do Estado ES 2009) Em hipóteses excepcionais e plenamente justificadas, é possível o preenchimento de cargos públicos permanentes mediante contrato administrativo.
236. (Cespe Técnico Administrativo Ibram 2009) Ter a nacionalidade brasileira não é um dos requisitos básicos para a investidura em cargo público.
237. (Cespe Técnico Administrativo Ibram 2009) Pessoas portadoras de deficiência física não podem concorrer a cargo público.
238. (Cespe Técnico Administrativo Ibram 2009) A investidura em cargo público ocorre com a posse.
239. (Cespe Agente Administrativo FUB 2009) A posse em cargo público é ato pessoal do futuro servidor, o qual não pode ser delegado a outra pessoa.
240. (Cespe Agente Administrativo FUB 2009) A posse em cargo público deve ocorrer, em regra, no prazo máximo de trinta dias a contar da data de publicação do ato de provimento. A partir da data de posse, o prazo para entrar em exercício será de quinze dias, sob pena de exoneração.
241. (Cespe Analista Seplag/Seapa DF 2009) O servidor empossado já ocupa cargo público, ainda que não tenha entrado em exercício.
Cespe
29
Questões
242. (Cespe Técnico administrativo Anac 2009) É obrigatório o comparecimento
Bruna
Bruna fez um comentário
ASCENSÃO.
0 aprovações
Bruna
Bruna fez um comentário
esse gabarito esta correto? tem dizendo certo que ascenção e transferencia ainda estão vigentes na lei.
0 aprovações
Bruna
Bruna fez um comentário
E que a investidura ocorrerá com a nomeação .
0 aprovações
Carregar mais