A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
5 pág.
SIMULADO PEDAGOGIA NAS ISTITUIÇÕES NÃO ESCOLARES

Pré-visualização | Página 1 de 2

Parte superior do formulário
		
		
	
	  PEDAGOGIA NAS INSTITUIÇÕES NÃO ESCOLARES
	
	
	
	
	
	Desempenho: 8,0 de 10,0
	Data: 27/04/2016 17:25:38 (Finalizada)
	
	 1a Questão (Ref.: 201007270922)
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	as práticas educativas que ocorrem nas empresas, apesar de não ser um espaço de educação formal, devem incluir: 
		
	
	formas diferenciadas de educação
	
	atividades que atendem apenas as solicitações externas
	
	momentos de lazer
	
	um certo nível de intencionalidade e sistematização
	
	o conhecimento de outras empresas do ramo
		Gabarito Comentado.
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201007204840)
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	            Leia os textos abaixo e depois marque o item correto.
 Um conceito a que Paulo Freire deu a máxima importância, e que nem sempre é abordado pelos teóricos, é o de coerência. Para ele, não é possível adotar diretrizes pedagógicas de modo consequente sem que elas orientem a prática, até em seus aspectos mais corriqueiros. "As qualidades e virtudes são construídas por nós no esforço que nos impomos para diminuir a distância entre o que dizemos e fazemos", escreveu o educador. "Como, na verdade, posso eu continuar falando no respeito à dignidade do educando se o ironizo, se o discrimino, se o inibo com minha arrogância¿? Você, professor, tem a preocupação de agir na escola de acordo com os princípios em que acredita? E costuma analisar as próprias atitudes sob esse ponto de vista?                                                                                                                                     Márcio Ferrari (novaescola@atleitor.com.br).
Após refletir sobre o pensamento de Paulo Freire, registrado no parágrafo anterior e refletir sobre o seguinte pensamento de Andrea Ramal, que diz: ¿Vivemos numa era em que o conhecimento assume novas configurações. 
Ele se modifica permanentemente, sendo atualizado dia-a-dia pelas descobertas das ciências e por inteligência coletiva que produz saberes em conjunto, na grande rede do ciberespaço.
I- Segundo Paulo Freire o pedagogo precisa assumir um novo papel.
II- Segundo Andrea Ramal a tecnologia não permite que se sustentem mais o mestre ¿ transmissor.
III-  A tarefa do pedagogo se modifica e sua profissão se torna estratégica.
		
	
	 Estão corretas as opções I,II e III 
	
	 Estão corretas as opções II e III 
	
	 Todas as questões estão errada. 
	
	 Estão corretas as opções I e II 
	
	Estão corretas as opções I e III 
		Gabarito Comentado.
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201007204851)
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Leia a reportagem a seguir para responder a questão:
Ação de pedagogo extrapola sala de aula, de autoria de Luisa Alcantara e Silva da Folha de S.Paulo 
Engana-se quem acha que lugar de pedagogo é só na sala de aula. Atualmente, além de atuar em escolas, o profissional pode trabalhar em empresas de recursos humanos, editoras e até em museus e jardins zoológicos. Isso mesmo. Ele pode chefiar a equipe de monitores desses locais, montar a programação e ajudar a produzir as explicações sobre cada item --vivo ou morto -- do local. Contrariando a grande maioria que atua em escolas, a pedagoga Helena Quadros escolheu trabalhar com ambiente. Ainda na faculdade, na década de 80, ela começou a trabalhar no Museu Paraense Emílio Goeldi, em Belém (Pará), onde está até hoje, como coordenadora do núcleo de visitas. Nas duas primeiras semanas deste mês, ela recebeu 5.000 estudantes no local. Mostrou para eles um pouco do acervo, que, além de plantas, tem animais, como onça, jacaré e cobras. "Adoro saber que estou ensinando as pessoas a preservar a natureza", diz ela. De tempos em tempos, Helena é convidada para falar sobre a importância da pedagogia fora da sala de aula em sua cidade. "Ainda é a minoria que opta por outras áreas, que são tão importantes quanto a educação escolar(...).
A partir do exposto observa-se a importância da figura do pedagogo que atua em museu. Assinale a única opção que NÃO reflete a postura adequada do pedagogo que atua num museu. 
		
	
	Analisando a realidade colabora na construção da memória cultural. 
	
	É um colaborador na formação de um olhar histórico. 
	
	Dispensa a forma didática e adequada à linguagem dos visitantes do museu. 
	
	Contribui para a criação de um olhar crítico. 
	
	Cria estratégias para entender os espaços como instâncias educacionais. 
		Gabarito Comentado.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201007686665)
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	O fordismo, entendido como um regime de acumulação, marcou os cerca de 30 anos que se seguiram ao pós-guerra nos países de capitalismo central. Sobre o modelo fordista, podemos afirmar, EXCETO QUE: 
		
	
	Esse período foi denominado por muitos economistas de anos dourados e foi caracterizado por um conjunto de relações econômicas, sociais e políticas. 
	
	Neste modelo, as classes trabalhadoras foram arrancadas de sua pobreza ancestral e passaram a usufruir níveis de consumo (inclusive de escolaridade) comparáveis aos das classes até então privilegiadas. 
	
	O modelo fordista caracteriza-se pela presença da grande empresa e pela estrutura oligopólica, e é marcado pelo uso da máquina em grandes unidades produtivas e pela incorporação de grandes massas de trabalhadores. 
	
	Este período foi caracterizado por taxas elevadas, historicamente as mais altas, de crescimento da produção e da produtividade, por pleno emprego e intenso aumento do consumo. 
	
	O fordismo atingiu seu ápice nas décadas de 2000 a 2010 e foi fruto da articulação entre um padrão de estrutura produtiva e tecnológica.
		Gabarito Comentado.
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201007273075)
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	A produção flexível leva a um paradigma industrial que convive com o questionamento dos princípios fordistas de produção, com o abandono de equipamentos rígidos, voltados para a produção de produtos padronizados, e vê crescer a adoção de sistemas integrados de automação flexível. Surge então um novo modelo que operou uma revolução técnica mais radical e que causou mais impacto, uma vez que alguns de seus pontos básicos têm penetrado em escala mundial, mesclando-se ou mesmo substituindo o padrão fordista dominante.
 Esse novo paradigma industrial convive com o questionamento dos princípios fordistas de produção, o abandono de equipamentos rígidos, voltados para a produção de produtos padronizados, e vê crescer a adoção de sistemas integrados de automação flexível que apresentam as seguintes características 
I A descentralização no nível interno e na subdivisão da indústria. 
II A inovação com adoção de novos processos.
III  A integração entre etapas do processo produtivo.
IV  A Linha de montagem para reduzir os custos da produção.
V  A flexibilidade nos equipamentos que garantem a variação do processo. 
Após análise do texto e dos itens anteriores marque, abaixo, o único item incorreto, ou seja, aquele que não é uma característica do novo paradigma industrial. 
		
	
	IV
	
	V
	
	I e V
	
	I
	
	II e III
		Gabarito Comentado.
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201007802299)
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	Considerado pelos neoliberais como o vilão da crise, o Bem-estar Social foi colocado em questão e, por isso, são realizados cortes nas políticas sociais. As políticas sociais no neoliberalismo já não são mais para todos como no Bem-estar Social. São políticas só para os mais carentes. Os neoliberais acusam o Estado de Bem-estar de: 
		
	
	Ineficiente (porque atende somente a parcela da população mais carente).
	
	Eficiente (porque elimina as formas tradicionais, família e comunidade, de proteção social). 
	
	Anti Econômico, (porque provoca crise fiscal); 
	
	Antiprodutivo (porque desestimula o trabalho e o investimento, protegendo e financiando as

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.