CTI seção 3 Redes e Sistemas
26 pág.

CTI seção 3 Redes e Sistemas


DisciplinaCiência, Tecnologia e Inovação116 materiais106 seguidores
Pré-visualização1 página
*
*
Ciência, Tecnologia e Inovação
Seção 3: Redes e Sistemas
Profa. Elaine Tavares
*
*
Nenhum homem é uma ilha...
O jantar no tempo das cavernas
*
*
Nenhum homem é uma ilha...
Por comida na mesa depende de outras pessoas...
Divisão da carga de trabalho
Compartilhamento de criatividade
Resolução conjunta de problemas
Exploração de diferentes habilidades e experiências
*
*
Exercício	
Liste individualmente diferentes usos que você poderia dar para uma xícara.
*
*
Exercício	
Recepiente
Molde
Instrumento musical
Medida
Forma 
Dispositivo de escuta
Arma
*
*
O que é isto?
Fluência: capacidade de produzir ideias
Flexibilidade: capacidade de lidar com diferentes tipos de ideias
Brainstorming
*
*
Trabalhando em conjunto
O avanço tecnológico só tem significado se as pessoas tomarem conhecimento dele e se convencerem da sua importância.
Não se consegue isso sem: 
Capacidade de fabricação
Busca por peças 
Controle de qualidade
Busca de recursos financeiros e etc.
Coordenação
*
*
Trabalhando em conjunto
Inovação requer múltiplos participantes
Conexões entre empresas, com redes amplas
Clientes
Fornecedores
Colaboradores
Parceiros
Centros de pesquisa
Concorrentes
*
*
Trabalhando em conjunto
É uma questão de fluxo de conhecimento, e não de criar conhecimento.
A empresa sozinha não consegue dar conta de todos os campos de conhecimento
*
*
O modelo espaguete de inovação
*
*
O modelo espaguete de inovação
À medida que a inovação se torna mais complexa, as redes precisam se ampliar, muitas vezes para fora da empresa.
Recurso humano rico e global, interligado com ajuda das TICs.
Primeiro passo: equipes interdepartamentais.
Fases avançadas: ligações com agentes externos.
*
*
Tipos de redes de inovação
Bem de início: informal
Pessoas se juntam para compartilhar ideias
Objetivo: propriedades emergentes
O todo é maior que a soma das partes
Vantagens: 
Eficiência do conhecimento coletivo
Acesso conjunto a saberes distintos e complementares, reduzindo riscos, acessando novos mercados e tecnologias, para agregar competências e ativos complementares.
*
*
Benefícios
Aprendizagem compartilhada
Adaptação do que foi desenvolvido em outro lugar
Minimização dos riscos e ampliação do leque de coisas que se pode tentar
*
*
Tipos de redes de inovação
*
*
Tipos de redes de inovação
*
*
Redes por dentro das organizações
Como assegurar que as pessoas se comuniquem entre si, compartilhem ideias e criem umas com as outras?
*
*
Redes por fora das organizações
Inovação aberta
A existência de P&D em larga escala em um sistema fechado não é suficiente.
Um trilhão de dólares em P&D \u2013 como acompanhar?
Não é só mais em país desenvolvido.
Se abrir, comercializar conhecimento como produto. 
BBC backstage para desenvolvedores de software: conhecer tendências da Internet.
*
*
Redes rumo ao desconhecido
Mudanças descontínuas
Nova tecnologia que altera a base de conhecimento na qual a empresa opera.
Redobrar esforços para atender as necessidades dos clientes.
Se comportar como novo entrante do mercado.
O problema de empresas pequenas não é o tamanho, mas o isolamento.
*
*
Aprendizagem compartilhada
Há grande potencial para desafios e reflexões críticas estruturadas a partir de diferentes perspectivas.
Diferentes perspectivas podem agregar novos conceitos.
Geram novos questionamentos.
Ajuda a quebrar modelos mentais.
Como reduz risco, é ótimo para PME.
*
*
Rede de aprendizagem
Estabelecidas formalmente
Possuem metas de aprendizagem específicas
Possuem uma estrutura para operação
Mensuram resultados.
*
*
Design de redes
*
*
Competências pessoais
Achar \u2013 quem devemos recrutar e por que (fontes de financiamento, perícia, acesso a mercados e etc)
Formar \u2013 como estabelecer um relacionamento de trabalho?
Desempenhar \u2013 Como este relacionamento pode ser sustentável?
*
*
Caso P&G
*
*
Desafios gerenciais
Estágio inicial 
Reunir a rede e definir seu propósito.
Pode ser direcionado por crise e oportunidade.
*
*
Desafios gerenciais
Estágio de operação
Como estabelecer processos operacionais críticos sob o qual há apoio e consenso. 
Limite da rede
Tomada de decisão(onde, quando e quem)
Resolução de conflitos
Processamento de informação
Gestão do conhecimento
Motivação 
Compartilhamento de riscos e benefícios
Coordenação
*
*
Desafios gerenciais
Estágio de sustentação
Manter ou não
Reavaliar para manter motivação