lucro_real_e_lucro_presumido
11 pág.

lucro_real_e_lucro_presumido


DisciplinaEstágio Supervisionado I6.261 materiais25.507 seguidores
Pré-visualização5 páginas
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
FORMAS DE TRIBUTAÇÃO - Imposto de Renda 
LUCRO PRESUMIDO 
\uf0d8 Tributação em função das RECEITAS 
E GANHOS 
 
LUCRO REAL 
\uf0d8 Tributação em função do 
RESULTADO DO EXERCÍCIO, 
aplicado o regime de competência 
 
LUCRO ARBITRADO 
\uf0d8 Tributação em SITUAÇÕES 
ESPECIAIS, quase sempre por 
descumprimento de obrigações 
acessórias 
 
 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
FORMAS DE TRIBUTAÇÃO - Imposto de Renda 
LUCRO PRESUMIDO 
 é uma forma simplificada de apuração da 
base de cálculo do IMPOSTO DE RENDA, 
restrita àqueles contribuintes que não 
estejam obrigados ao regime de tributação 
com base no LUCRO REAL 
 
BRITO, Édson Viana. IMPOSTO DE RENDA-AS NOVAS REGRAS DE 
TRIBUTAÇÃO. São Paulo: Frase, 1996 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO - Base de Cálculo 
1. Resultado apurado pela aplicação de PERCENTUAIS sobre as 
RECEITAS que compõem o(s) OBJETO(s) SOCIAL(is) da 
empresa; 
 
 
Receita de VENDA (Mercadorias e Produtos) 
(-) Devoluções de Vendas/Descontos s/Vendas 
8,0% 
Revenda de Combustíveis derivados petróleo, 
álcool etílico e gás carburante (para consumo) 
1,6% 
TIPOS DE ATIVIDADES 
IR CSL 
PRESUNÇÃO 
12,0% 
12,0% 
Serviço de Transporte de Passageiros 16,0% 12,0% 
Serviço em geral, prestados pelas Sociedades 
Simples (Antigas: Sociedades Civis) 
32,0% 32,0% 
Serviço de Transporte de Carga 8,0% 12,0% 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
 Formação da Base de Cálculo - Outras Receitas 
1. GANHOS DE CAPITAL na alienação de 
ativos não circulantes; 
 
\uf0d8 VALOR DE AQUISIÇÃO, deduzido dos 
encargos de Depreciação, Amortização e 
Exaustão; 
 
\uf0d8 COMPROVAÇÃO DE AQUISIÇÃO DO BEM 
permite a dedução do custo, mesmo que 
não tenha sido registrado contabilmente 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
23/10/2013 
4 
LUCRO PRESUMIDO 
 Formação da Base de Cálculo - Outras Receitas 
2. RENDIMENTOS da aplicação de renda 
fixa; 
 
3. GANHOS LÍQUIDOS das aplicações de 
renda variável; 
 
4. RECEITA DA LOCAÇÃO de bens 
móveis ou imóveis, quando não for 
este o objeto social da empresa; 
 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
 Formação da Base de Cálculo - Outras Receitas 
5. RECEITAS FINANCEIRAS em suas 
diversas manifestações: 
 
\uf0d8 Juros Ativos, Descontos Financeiros 
Obtidos, Rendimentos Auferidos nas 
Operações de Mútuo, etc.; 
 
\uf0d8 Juros Ativos relativos a impostos 
restituídos ou compensados; 
 
\uf0d8 Receita de Juros sobre o Capital Próprio; 
 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
 Formação da Base de Cálculo - Outras Receitas 
6. VARIAÇÕES MONETÁRIAS ativas, 
consideradas no regime de caixa; 
 
7. MULTAS ou quaisquer outras vantagens, 
ainda que a título de indenização, em 
virtude de rescisão de contrato; 
 
8. VALORES RECUPERADOS, referentes a 
custos e despesas, salvo se a empresa se 
a empresa comprovar não os ter 
deduzido no exercício anterior; 
 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
 Atividades Diversificadas 
\uf0a7 A RECEITA BRUTA deverá ser apurada por 
atividade, aplicando-se o percentual 
correspondente a cada atividade; 
 
\uf0a7 Não sendo possível a identificação da 
atividade a que se refere a receita omitida, 
esta será adicionada àquela que 
corresponder o PERCENTUAL MAIS ELEVADO 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
 Condições para Utilização do Regime de Caixa 
\uf0a7 A empresa poderá optar pela utilização do 
REGIME DE CAIXA: 
 
\uf0d8Se mantiver a escrituração do LIVRO CAIXA: 
 
\uf076 Emitir nota fiscal quando da entrega do bem 
ou da prestação do serviço; 
 
\uf076 Indicar, no LIVRO CAIXA, em registro 
individual, a nota fiscal a que corresponder 
cada recebimento; 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
 Condições para Utilização do Regime de Caixa 
\uf0a7 A empresa poderá optar pela utilização do 
REGIME DE CAIXA se: 
 
\uf0d8 Mantiver a ESCRITURAÇÃO CONTÁBIL, na 
forma da legislação comercial e controlar os 
RECEBIMENTOS e PAGAMENTOS de suas 
receitas em conta específica, na qual, em cada 
lançamento, será indicada a nota fiscal a que 
corresponder o recebimento. 
 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
23/10/2013 
5 
LUCRO PRESUMIDO 
Serviços não Regulamentados \u2013 Limite R$ 120.000 anuais 
Art. 519. 
§ 4o A base de cálculo trimestral das pessoas 
jurídicas prestadoras de serviços em geral cuja 
receita bruta anual seja de ATÉ CENTO E VINTE 
MIL REAIS, será determinada mediante a 
aplicação do percentual de DEZESSEIS POR 
CENTO sobre a receita bruta auferida no 
período de apuração 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
Serviços não Regulamentados \u2013 Limite R$ 120.000 anuais 
 
\uf0a7 Atividade de SERVIÇOS HOSPITALARES 
 
\uf0a7Atividade de SERVIÇOS DE 
TRANSPORTE 
 
\uf0a7 Serviços de PROFISSÕES 
LEGALMENTE REGULAMENTADAS 
 
O benefício de redução da ALÍQUOTA de 32% 
para 16% não se aplica a: 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
Consequências da Utilização da Alíquota Diferenciada 
No mês em que ocorrer o EXCESSO DO 
LIMITE: 
 
\uf0d8 Cálculo da DIFERENÇA DO IMPOSTO 
postergado, apurado em relação a cada 
trimestre transcorrido; 
 
\uf0d8 RECOLHIMENTO DA DIFERENÇA APURADA 
em cada trimestre, até o último dia do mês 
subsequente ao trimestre em que ocorreu o 
excesso; 
 
 
 
 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
Consequências da Utilização da Alíquota Diferenciada 
i 
PERÍODO 
RECEITA 
 BRUTA 
Jan a Mar/09 35.800,00 16 % 5.728,00 
Abr a Jun/09 42.200,00 16 % 6.752,00 
Jul/09 26.300,00 
35.800,00 
78.000,00 
104.300,00 
Ago/09 21.700,00 
Set/09 24.800,00 
126.000,00 
150.800,00 
PERC. 
BASE DE 
CÁLCULO 
RECEITA BRUTA 
ACUMULADA 
02 
03 
01 
35.800,00 32% 11.456,00 - 5.728,00 01 = 5.728,00 
42.200,00 32% 13.504,00 - 6.752,00 02 = 6.752,00 
RECEITA 
BRUTA 
% 
Atual - Anterior 
TRIM = DIFERENÇA 
BASE DE CÁLCULO 
Ultrapassou o valor 
de R$ 120.00,00 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO 
Consequências da Utilização da Alíquota Diferenciada 
i 
35.800,00 32% 11.456,00 - 5.728,00 01 = 5.728,00 
42.200,00 32% 13.504,00 - 6.752,00 02 = 6.752,00 
26.300,00 32% 8.416,00 - - 0 - Jul = 8.416,00 
21.700,00 32% 6.944,00 - - 0 - Ago = 6.944,00 
24.800,00 32% 7.936,00 - - 0 - Set = 7.936,00 
(=) BASE DE CÁLCULO DO TRIMESTRE 35.776,00 
15,0 % 
5.366,40 
( x ) Alíquotas do Tributo 
(=) IMPOSTO DE RENDA DEVIDO 
RECEITA 
BRUTA 
% 
Atual - Anterior 
TRIM = DIFERENÇA 
BASE DE CÁLCULO 
DIFERENÇA 
a ser 
recolhida em 
31.10.09 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
LUCRO PRESUMIDO \u2013 BASE DE CÁLCULO 
Comércio e Serviços Gama Ltda. 
i 
Mercadorias 168.900,00 8 % 12 % 13.512,00 20.268,00 
OPERAÇÃO RECEITA BRUTA 
IR CSL Imp Renda CSL 
ALÍQUOTAS BASE DE CÁLCULO 
Serviços 204.600,00 32 % 32 % 65.472,00 65.472,00 
Rec. Juros 7.266,00 100 % 7.266,00 7.266,00 
BASE DE CÁLCULO 111.264,00 118.020,00 
Desc Financ 1.374,00 100 % 1.374,00 1.374,00 
Renda Fixa 12.720,00 100 % 12.720,00 12.720,00 
R. Variável 8.940,00 100 % 8.940,00 8.940,00 
V. Monet 1.980,00 100 % 1.980,00 1.980,00 
Lucimar Angela Frigeri - Gestão 
Fiscal 
23/10/2013 
6 
LUCRO PRESUMIDO \u2013 BASE DE CÁLCULO 
Comércio e Serviços Gama Ltda. 
i 
15,0 % 9,0 % 
16.689,60 10.621,80 
(=) BASE DE CÁLCULO 111.264,00 118.020,00 
( x ) Alíquotas do Tributo 
(=) VALOR BÁSICO DO TRIBUTO 
5.126,40 
(=) Adicional do Imposto de