Direito Administrativo exercícios
52 pág.

Direito Administrativo exercícios


DisciplinaIntrodução ao Direito I86.569 materiais502.379 seguidores
Pré-visualização30 páginas
por agente público sujeito ao regime celetista.
B) Diz-se originário o poder de polícia conferido às pessoas políticas da Federação que detêm o poder de editar as leis limitativas da liberdade e da propriedade dos cidadãos. Poder de polícia delegado é aquele outorgado a pessoa jurídica de direito privado, desprovida de vinculação oficial com os entes públicos.
C) No exercício da atividade de polícia, a administração só atua por meio de atos concretos previamente definidos em lei. Esses atos devem ser praticados sob o enfoque da proporcionalidade, de forma a evitar a prática de um ato mais intenso e extenso do que o necessário para limitar a liberdade e a propriedade no caso concreto.
D) Os atos de polícia podem constituir-se em consentimentos, ou seja, quando a administração responde afirmativamente a um pedido para o exercício de atividade econômica em via pública, está praticando um ato de polícia. Nesse caso, apesar de consentir, o Estado impõe condicionantes de forma a limitar a liberdade do agente econômico.
E) A coercibilidade é a característica do poder de polícia que possibilita à administração praticar atos, modificando imediatamente a ordem jurídica.
(AUGE/MG AUDITOR INTERNO CESPE/2008) Acerca dos poderes dos agentes públicos, assinale a opção correta.
A) Caracteriza-se como excesso de poder a conduta abusiva dos agentes que, embora dentro de sua competência, afastam-se do interesse público que deve nortear todo o desempenho administrativo.
B) A avocação, como elemento que decorre do poder hierárquico, autoriza a autoridade superior a avocar para si, de forma indiscriminada e com a frequência que entender necessária, as funções originariamente atribuídas a um subordinado.
C) A CF autoriza o TCU a sustar atos normativos do Poder Executivo que exorbitem do poder de regulamentação.
D) No exercício do poder de polícia, a administração pode restringir o uso e o gozo da liberdade e da propriedade em favor do interesse da coletividade.
E) No exercício do poder disciplinar, o administrador se sujeita ao princípio da pena específica, estando estritamente vinculado à prévia definição da lei acerca da infração funcional e da respectiva sanção.
(IBAMA ANALISTA AMBIENTAL CESPE/2008) A atividade de fiscalização ambiental é típico ato administrativo que expressa o poder de polícia, pois diz respeito à restrição, à limitação, ao condicionamento e à ordenação de atividades desempenhadas por particulares.
(IBAMA ANALISTA AMBIENTAL CESPE/2008) A administração pública pode exercer o seu poder de polícia por meio de atos administrativos gerais, de caráter normativo, ou por meio de atos concretos, como o de sancionamento.
(IBAMA ANALISTA AMBIENTAL CESPE/2008) O poder de polícia é delegável a particulares e a outros órgãos e entidades públicas, apesar de decorrer da imperatividade do poder estatal e da própria força de coerção sobre os administrados.
(IBAMA ANALISTA AMBIENTAL CESPE/2008) Os atos praticados com esteio no poder de polícia administrativa possuem os atributos da presunção de legitimidade, autoexecutoriedade e imperatividade.
A respeito do poder de polícia, julgue os seguintes itens.
(MC TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR DIREITO CESPE/2008) O fundamento do poder de polícia é o princípio DAC predominância do interesse público sobre o particular.
(MC TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR DIREITO CESPE/2008) O estado de direito desenvolveu-se com base nos princípios do liberalismo, em que a preocupação reinante era a de garantir a segurança pública ao indivíduo, mediante a forte intervenção do Estado para assegurar a ordem pública.
(MC TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR DIREITO CESPE/2008) A noção de Estado de polícia se confunde com o poder de polícia, instrumento jurídico que freqüentemente se realiza mediante o abuso de direito.
(MC TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR DIREITO CESPE/2008) A polícia administrativa tanto pode agir preventivamente, a exemplo da atuação orientadora aos comerciantes sobre o risco de expor à venda produtos deteriorados ou impróprios para o consumo, como pode agir repressivamente, apreendendo os produtos vencidos dos estabelecimentos comerciais, por exemplo.
(MC TÉCNICO DE NÍVEL SUPERIOR DIREITO CESPE/2008) A polícia judiciária é uma expressão do poder de polícia da administração pública, sendo a primeira um gênero da qual o segundo é espécie.
(PGE/PB PROCURADOR CESPE/2008) Um secretário de segurança pública estadual editou resolução determinando o horário de funcionamento de bares e restaurantes no estado. Na resolução, ficou determinado que o horário noturno poderia ser prolongado até às 24 horas, e que os estabelecimentos que não cumprissem a determinação estariam sujeitos a multa. Nessa situação, a resolução editada pelo secretário de segurança pública deve ser considerada.
A) legal, visto que está respaldada no poder de polícia da administração pública.
B) legal, pois atinge todos os bares e restaurantes de forma igualitária.
C) inconstitucional, visto que a matéria somente poderia ter sido abordada em lei estadual própria, de iniciativa do Poder Legislativo do estado.
D) ilegal, uma vez que a competência para editar tal resolução é privativa do governador do estado.
E) inconstitucional, pois a matéria somente poderia ter sido disciplinada pela União.
QUESTÃO 12
(PGE/PB PROCURADOR CESPE/2008) No que diz respeito aos meios de atuação do poder de polícia, julgue os próximos itens.
I Segundo entendimento majoritário na doutrina e na jurisprudência, admite-se a delegação do poder de polícia a pessoa da iniciativa privada prestadora de serviços de titularidade do estado.
II A autorização é o ato administrativo vinculado e definitivo pelo qual a administração reconhece que o particular detentor de um direito subjetivo preenche as condições de seu gozo.
III A licença não pode ser negada quando o requerente satisfaça os requisitos legais para sua obtenção.
IV O alvará pode ser de licença ou de autorização. Estão certos apenas os itens
A) I e II.
B) I e III.
C) I e IV.
D) II e III.
E) III e IV.
(DETRAN/DF ANALISTA DE TRANSPORTES CESPE/2008) O Estado pode delegar o exercício do poder de polícia a uma empresa privada.
(TCE/AC ANALISTA DE CONTROLE EXTERNO CESPE/2008) O poder de polícia administrativa do Estado 
A) depende de prévia autorização do Poder Judiciário, já que o ato administrativo não se torna efetivo sem a intervenção de outro Poder.
B) deve dirigir-se aos interesses da coletividade e não aos de um único indivíduo.
C) autoriza a cobrança de tarifa.
D) pode restringir a liberdade de indivíduo ou de sua propriedade apenas por meio de autorização de autoridade competente, independentemente da existência de lei. 
E) autoriza a intervenção do Estado nas relações privadas, visando proteger interesses individuais.
6 \u2013 Abuso de poder
6.1 \u2013 Excesso de Poder e Desvio de Poder
À luz da jurisprudência e doutrina dominantes, julgue os itens:
(PC/ES AGENTE DE POLÍCIA CESPE/2008) Se um delegado de polícia, mediante fundadas suspeitas de que um motorista esteja transportando em seu caminhão certa quantidade de substância entorpecente para fins de comercialização, determinar a execução de busca no veículo, sem autorização judicial, resultando infrutíferas as diligências, uma vez que nada tenha sido encontrado, essa conduta da autoridade policial caracterizará o crime de abuso de autoridade, pois, conforme entendimento doutrinário dominante, o veículo automotor onde se exerce profissão ou atividade lícita é considerado domicílio.
(PC/ES AGENTE DE POLÍCIA CESPE/2008) Caso, no decorrer do cumprimento de mandado de busca e apreensão determinado nos autos de ação penal em curso, o policial responsável pela diligência apreenda uma correspondência destinada ao acusado e já aberta por ele, apresentando-a como prova no correspondente processo, essa conduta do policial encontrar-se-á resguardada legalmente, pois o sigilo da correspondência, depois de sua chegada