Aulas Política (1)
18 pág.

Aulas Política (1)


DisciplinaCiência Política I24.734 materiais525.452 seguidores
Pré-visualização6 páginas
Política 
Introdução 
A política se relaciona constantemente com a sociedade, porque ela surge com a história. História é a realidade em 
constante processo de transformação, essa realidade é resultado da ação dos homens vivendo em sociedade. 
POLÍTICA/SOCIEDADE/HISTÓRIA. 
Significado do conceito 
Política \u2013 Significado Institucional: Esse significado se relaciona ao poder político, a disputa por esse poder político. 
Disputa \u2013 Partido, eleição, plano de governo, 
Política \u2013 Significado de Interesse: 
Partido. 
Histórico do conceito 
A política é Resultante de um extenso processo histórico. Ocorreram mudanças em sua concepção, e é conceito que 
esta em constante movimento. 
Grécia \u2013 Democracia; a palavra política vem da atividade social praticada pelos homens da Pólis. 
Platão: Para ele o politico era aquele individuo que possuía o conhecimento dos fins da Pólis, ou seja, para ele, era o 
individuo que oferecia luz para os homens que encontravam-se sem capacidade de enxergar as reais necessidades da 
Pólis. 
Aristóteles: Considerava que a atividade politica utilizava de todas as ciências, as quais em sua totalidade buscavam 
o bem , ou seja, para ele o fim ultimo da política era o BEM SUPREMO, portanto a sociedade só evoluiria a ponto de 
tornar-se a ideal (mais próxima da ideal), por meio da política. 
 
Pérsia/Egito NÃO IMPORTANTE\u2013 Havia um governante que exercia seu poder em relação a população, buscando 
determinados objetivos, na Grécia também havia a busca por tais objetivos, a diferença é que lá, a atividade politica 
se constituía na base da vida social. 
Na Grécia tem-se a abertura da prática do soberano para a prática do cidadão. 
Roma: Política centralizada, exercida por um Estado dominador, e voltada aos interesses particulares das Gens 
(Familias originais, de maiores riquezas {Patrícios}). O Estado Romano buscava a defesa dos interesses dos Patrícios 
(Nobres), portanto buscava instituir os objetivos destes para o restante da sociedade. Na politica romana não havia a 
interferência do público no privado. 
Em Roma ,ocorre a difusão da atividade religiosa cristã, que ao longo do tempo adquire significado politico, e a partir 
disso, ocorre o fortalecimento da Igreja. 
Idade Média: a atividade politica vai apresentar uma divisão: poder político (Nobreza) e poder civil (Igreja), por conta 
dessa divisão, surgem duas funções específicas \u2013 a dominação pela força e a direção pela persuasão. 
Surge aí uma nova concepção de Estado. O Estado passa a ser dominador e dirigente. Essa nova concepção de Estado 
para MAQUIAVEL deveria ser conduzida por um agente denominado de Príncipe. MAQUIAVEL: Escreveu o Príncipe, 
que tratava a maneira de como o agente assumiria o poder e manteria-se nele, utilizando-se de três maneiras para 
tomar o poder politico, sendo mérito, herança ou roubo, e com isso a política torna-se acessível a todos os 
indivíduos. 
Século XX \u2013 Gramsci foi um filosofo, jornalista e socialista que viveu na época da Itália fascista foi preso, passou 
grande parte de sua vida na cadeia, onde escreveu diversos livros. Pegou a ideia de Maquiavel de \u201cPríncipe\u201d, 
alterando-o para príncipe moderno, mas ele não pensa como príncipe moderno um individuo, e sim um partido 
politico, um agente que conduzirá o Estado. 
Marx: Política \u2013 é uma atividade que resulta da luta entre as classes. Para ele governo é o governo de um estado que 
representa nos interesses de uma classe. Para Maquiavel a questão principal era de que forma que o individuo ia se 
tornar um príncipe, para o Marx era de que forma as classes dominadas tornariam-se dominantes;para isso 
acontecer para ele teria que através de um processo revolucionário, deveria chegar no socialismo. 
 D. Quatro pontos essenciais em relação à política 
1º - Relação entre o Estado e a sociedade (Sociedade politica com civil), se dá basicamente de duas formas, que são 
elas \u2013 Armas (recebe a dominação o Estado, de agente de dominação), e a segunda forma é o Voto (o governo 
recebe a denominação de Agende de Consenso). Armas e voto configuram-se meios de atividade política. 
2º Diferença entre a sociedade política e a sociedade civil: A política \u2013 predomínio da ação do Governo. É na 
sociedade civil que se encontram ideologias e demais oposições a sociedade política, que resultam na criação de 
ONGS, sindicatos, etc. 
3º De que forma o governado se torna governante \u2013 o governado tem que adquirir o significado de agente político 
institucional, sendo assim, deve em primeiro lugar se organizar e mobilizar em torno de determinados interesses 
sociais, que leva ao desenvolvimento de objetivos políticos que visam transformas as reivindicações em direito. 
4º Contraposição entre liberdade e imposição \u2013 A liberdade se materializa no voto; porém,existe a imposição de uma 
estrutura econômica fundamentada nas classes sociais. 
Classes sociais: Classe obrigada a vender sua força de trabalho 
 Classe que pode comprar 
A política acaba sendo utilizada para a conservação dessa estrutura de classes, pois uma minoria possui maior 
representatividade política maior. 
 
 E. Diferença entre revolução e processo eleitoral 
Revolução: Imposição de um setor ou direção da sociedade civil para a sociedade política de modo violento através 
de armas. 
Processo eleitoral: é a compreensão da sociedade política enquanto em prolongamento da sociedade civil.(Saída do 
cidadão da sociedade civil para a sociedade política) 
 F. Organização e mobilização 
Essenciais para sociedade civil. 
Organização: Estrutura dotada de ordem e disciplina. 
Mobilização: Permite a transformação de interesses em direito, em objetivos políticos. Movimentos sociais: 
Oferecem um novo sentido a uma política desacreditada pela atuação das instituições públicas. 
Política governamental \u2013 existe a figura de um representante que se configura enquanto tutor dos interesses 
públicos. (fala em nome do povo e para o povo). 
Movimentos sociais: O povo é quem fala. 
Atividade política \u2013 a eleição é limitada, pois acontece em distantes espaços de tempo, e ocorre a restrição do objeto 
da escolha (quando se vota o voto é direcionado para um cargo, e não para os objetivos, ou seja, a responsabilidade 
de cumprir os objetivos cabe aos tutores eleitos que podem ou não, cumpri-los, e o que podemos fazer 
independentemente do cumprimento ou não, é esperar os anos até que chegue uma nova eleição). 
Nos movimentos sociais, também existe voto, mas é diferente daquele da sociedade política; esse voto, busca a 
maior representatividade possível (no movimento social). 
 
 
Perg. G. Política/cultura/ideologia 
Cultura enquanto legitimação ideológica \u2013 A cultura é introduzida na história com um peso conservador, ou seja, é 
introduzida como resistência às mudanças. 
Revolução Francesa \u2013 Choque de classes, e dai ocorre o processo da revolução. A nobreza é retirada do poder, e 
passa a atacar a burguesia que passou a ser a classe dominante, classificando a burguesia de inculta, falando que a 
burguesia pelo fato de não possuir bom gosto, refinamento, boas maneiras, valorizar os bens materiais em 
detrimento dos espirituais, ela colocaria a perder os valores da humanidade. No séc. XIX a burguesia desenvolve sua 
cultura, e no séc XX ocorrem diversas revoluções politicas e socialistas, assumindo o poder os operários, sendo assim, 
a burguesia perde o poder e passa a atacar o proletariado, utilizando o mesmo argumento da nobreza. 
Se o ambiente cultural pertence aos interesses politicamente dominantes, a classe dominante faz da sua cultura a 
cultura da sociedade, valores específicos se tornam universais. 
Cultura enquanto meio organizador \u2013 Gramsci desenvolve essa ideia \u2013 para ele a organização politica é feita através 
da organização