Libras.AV1.2013.2
4 pág.

Libras.AV1.2013.2


DisciplinaTópicos em Libras Surdez e Inclusão3.115 materiais87.337 seguidores
Pré-visualização2 páginas
Fechar 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 1a Questão (Ref.: 201202448282) Pontos: 0,0 / 0,5 
Existem três correntes educacionais com indicadas para escola de surdos: 
 I. Oralismo: O propósito terapêutico é tratar e reduzir os déficits, considerando que a criança precisa de 
treinamento auditivo e desenvolver a leitura orofacial. 
II. Comunicação Total: Os sinais são utilizados na estrutura gramatical do português e, enquanto filosofia, o 
bilinguismo pode ser incorporado. 
 III. Bilinguismo: A língua de sinais é considerada língua materna para o surdo, ao passo que a língua 
portuguesa é a segunda língua. 
 Está correto o que se afirma em 
 
 I e II, apenas. 
 
III, apenas. 
 
II e III, apenas. 
 I, II e III. 
 
I e III, apenas. 
 
 
 
 2a Questão (Ref.: 201202407522) Pontos: 0,0 / 0,5 
Um equívoco comum acerca das pessoas surdas e que se transformou em uma forma recorrente de identificá-
las, está em referir-se aos surdos como: 
 
 
Diferente 
 
Surdo. 
 
Sinalizante. 
 Deficiente auditivo. 
 Surdo-mudo. 
 
 
 
 3a Questão (Ref.: 201202448276) Pontos: 0,0 / 1,0 
Em pesquisa realizada por Góes (2002), puderam ser notadas como caraterísticas de construção do português 
 I. muitos erros de ortografia; 
 II. omissão de preposições; 
 III. terminação verbal não correspondente à pessoa do verbo; 
 IV. flexão inadequada de adjetivos e artigos; 
 V. uso correto do pronome do caso oblíquo. 
 Está correto o contido apenas em(QUESTÃO 54 DO CONCURSO PÚBLICO SEESP 2009) 
 
 III, IV e V. 
 
I,II. E III. 
 II, III e IV. 
 
I E II. 
 
I. 
 
 
 
 4a Questão (Ref.: 201202408007) Pontos: 0,0 / 1,0 
Segundo o que foi estudado sobre políticas linguísticas e educacionais que tipos de reflexões as políticas 
linguísticas e políticas de línguas expressas em leis podem suscitar: 
 
 
Sociolinguísticas e discussões sobre o preconceito no contexto norte-americano. 
 
Socioeconômicas e imediatistas. 
 Sócio-históricas e discussões sobre o preconceito no contexto brasileiro. 
 
Socio-históricas e sobre educação infantil. 
 Sociolinguísticas e discussões sobre o preconceito no contexto municipal. 
 
 
 
 5a Questão (Ref.: 201202448188) Pontos: 1,0 / 1,0 
A leitura e a escrita são certamente dois aspectos que preocupam os educadores de surdos. Devido aos 
resultados insatisfatórios obtidos com a maior parte dos alunos, Geraldi, 1993 (In: Góes, 1996) cita três 
práticas que o professor deveria privilegiar em relação ao Ensino da Língua Portuguesa. São elas:(QUESTÃO 52 
DO CONCURSO PÚBLICO DA SEESP) 
 
 
estudo de nomes ligados a categorias semânticas,verbos e outros elementos pertencentes a classes 
gramaticais. 
 
uso de sinais, na ordem do português, no uso de marcadores, e escrita de acordo com as regras 
gramaticais da língua. 
 leitura dos textos, produção de textos e análise linguística. 
 
início com palavras isoladas, depois utilização em estruturas frasais e em seguida em textos mais longos 
e complexos. 
 
símbolos gráficos, com combinações de símbolos associados a objetos e figuras que os representem. 
 
 
 
 6a Questão (Ref.: 201202448285) Pontos: 0,0 / 0,5 
A comunidade surda tem características próprias e a língua de sinais, como as outras línguas, tem a marca 
dessa cultura. As pessoas com surdez atuantes na comunidade surda participam então de duas culturas, a surda 
e a ouvinte. Isto é conhecido como 
 
 
bioralismo e biculturalismo. 
 bilinguismo e multiculturalismo. 
 bilinguismo e biculturalismo. 
 
bimodalismo e multiculturalismo. 
 
bimodalismo e biculturalismo. 
 
 
 
 7a Questão (Ref.: 201202411568) Pontos: 0,5 / 0,5 
Marque a alternativa em que a datilologia abaixo corresponde ao nome de uma parte do corpo humano: 
 
 
 Fígado 
 
Cérebro 
 
Coração 
 
Braço 
 
Cabeça 
 
 
 
 8a Questão (Ref.: 201202448133) Pontos: 0,0 / 1,0 
O artigo 4o da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB) explicita o dever do Estado para com a 
efetivação da educação escolar pública, indicando a oferta de atendimento educacional especializado gratuito 
aos educandos com necessidades educacionais especiais, preferencialmente na rede regular de ensino. O artigo 
59 irá explicitar, por sua vez, o papel dos sistemas de ensino para que a permanência do aluno da educação 
especial ocorra num processo de igualdade com os demais alunos. Desta forma, pode-se afirmar que os 
procedimentos que devem estar presentes nas formulações das políticas educacionais são: 
 I. currículos, métodos, técnicas, recursos educativos e organização específicos, para atender às suas 
necessidades. 
 II. terminalidade específica para aqueles que não puderem atingir o nível exigido para a conclusão do ensino 
fundamental em virtude de suas deficiências, e aceleração para concluir em menor tempo o programa escolar 
para os superdotados. 
 III. professores com especialização adequada em nível médio ou superior, para atendimento especializado, bem 
como professores do ensino regular capacitados para a integração desses educandos nas classes comuns. 
 IV. preparação para o trabalho, que deve ser realizada em articulação com os órgãos oficiais afins, para 
programas e benefícios permanentes. 
 V. acesso igualitário aos benefícios dos programas sociais suplementares disponíveis para o respectivo nível do 
ensino regular, para aqueles que comprovarem condições de continuidade em todas as etapas da educação 
básica. 
 Estão corretas APENAS as afirmativas:(Questão 31 do concurso público Sec. Est.Educação de São Paulo) 
 
 
II, IV, V. 
 I, II, III. 
 
III, IV, V. 
 
I, II, IV. 
 I, III e V. 
 
 
 
 9a Questão (Ref.: 201202448270) Pontos: 1,0 / 1,0 
A Convenção sobre os Direitos da Pessoa com Deficiência, promulgada pela Organização das Nações Unidas 
(ONU), fundamentada nos Direitos Humanos, no campo dos Direitos Econômicos, Sociais e Culturais, tem em 
seu Artigo 24 a confirmação de uma série de princípios sobre a educação inclusiva que agora estão garantidos 
no Brasil. Essa situação é possível porque a Convenção promulgada em 2006, pela ONU I. foi ratificada pelo 
Governo Federal Brasileiro em 2008 e tornou-se um Decreto Legislativo, após sua aprovação no Senado e na 
Câmara Federal. II. poderá ser incluída como Emenda Constitucional na atual Constituição Federal de 1988; no 
entanto, será facultado aos Estados e Municípios o seu cumprimento. III. foi ratificada no Brasil pelo Decreto 
Legislativo no 186 de 2008, que deverá ser aplicado como legislação vigente e válida para todo território 
nacional. IV. ainda não foi ratificada, pois o Brasil não concordou, em 2007, com seu Protocolo Facultativo, 
assim como com a exigência de inclusão escolar desde o ensino fundamental até o nível universitário, de 
pessoas com deficiências múltiplas. V. está em vigor no Brasil, assim como seu Protocolo Facultativo, e reafirma 
a necessidade deste Estado Parte de cumprimento da não exclusão de pessoas com deficiência do sistema geral 
de educação. Estão corretas APENAS as afirmativas(Questão 35 do concurso público da Sec.Est. de educação de 
São Paulo) 
 
 I, III e V. 
 
II, IV e V. 
 
II, III e IV. 
 
I, II e III. 
 
I, III e IV. 
 
 
 
 10a Questão (Ref.: 201202407523) Pontos: 0,0 / 1,0 
O termo ¿sujeito sinalizante¿, usado nesta disciplina, faz referência: 
 
 Aos professores que usam LIBRAS. 
 A todo sujeito que domina e é usuário assíduo da língua de sinais. 
 
A toda e qualquer pessoa surda. 
 
Aos surdos que aprenderam a língua de sinais em casa. 
 
Aos surdos, suas famílias e a alguns surdos oralizados. 
 
 
 
Período de não visualização
Michelly
Michelly fez um comentário
Muito bom
0 aprovações
Carregar mais