Resumo de Processo Penal.Completo
28 pág.

Resumo de Processo Penal.Completo


DisciplinaDireito Processual Penal I17.202 materiais132.514 seguidores
Pré-visualização10 páginas
procurador-geral, e este oferecerá a denúncia, designará outro órgão do Ministério Público para oferecê-la, ou 
insistirá no pedido de arquivamento, ao qual só então estará o juiz obrigado a atender. 
 
MATERIAL ART. 22, I CF/88 + PRIVATIVA QUE SE PODE DELEGAR A FUNÇÃO DO ESTADO ART.24 CF/88, CONCORRENTE, 
QUANTO AO PROCESSAMENTO, CUSTAS, DESDE QUE SEJA POR LEI COMPLEMENTAR. 
 
Art. 22. Compete privativamente à União legislar sobre: 
I - direito civil, comercial, penal, processual, eleitoral, agrário, marítimo, aeronáutico, espacial e do trabalho; 
II-.... 
Parágrafo único. Lei complementar poderá autorizar os Estados a legislar sobre questões específicas das matérias relacionadas neste 
artigo. 
 
FORMAL (REVELAÇÃO)-IMEDIATA, LEI É A FORMA MAIS RÁPIDA DE REVELAÇÃO DO DIREITO. 
Resumo das aulas de Processo Penal, elaborado pelos acadêmicos Edson Araújo e Filipe Brito, este humilde trabalho 
deve ser encarado como auxiliar nos estudos. 
 22 
TRATADOS E CONVENÇÕES INTERNACIONAIS, SOMENTE OS QUE VERSEM SOBRE DIREITOS HUMANOS, APROVADOS EM 
DOIS TURNOS E POR 3/5 DOS VOTOS DE CADA CASA, SO ASSIM TERIA FORÇA DE EMENDA CONSTITUCIONAL. 
 
MEDIATAS-COSTUMES 
 
PRINCÍPIOS GERAIS DO DIREITO-PREMISSAS MÁXIMAS QUE SERVEM PARA CRIAR NORMAS. EX: OUÇA-SE A OUTRA 
PARTE, CONTRADITÓRIO. 
São regras que se encontram na consciência dos povos e são universalmente aceitas, mesmo que não estejam 
escritas, como por exemplo, é em razão dos princípios gerais que se entende que o recurso de apelação da defesa 
devolve toda a matéria ao tribunal. 
DOUTRINA-OPINÕES BASEADAS EM MÉTODOS CIENTÍFICOS. 
 
JURISPRUDÊNCIA-CIVIL LAW \u2013 BRASIL E O COMON LAW \u2013 EUA E REINO UNIDO 
 
SÚMULA-CONJUNTO DE PRECEDENTES 
 
SÚMULA NÃO TEM FORÇA DE LEI, POIS É UMA FONTE DE JURISPRUDÊNCIA, ENTÃO SERÁ UMA FONTE FORMAL 
MEDIATA JURISPRUDENCIAL (A FONTE MATERIAL CONTINUA COM A UNIÃO), ESTA É A CORRENTE MAJORITÁRIA NO 
BRASIL. A CORRENTE MINORITÁRIA NA VISÃO DE NUCCI TERIA FORÇA DE LEI, POIS SERIA UMA FONTE FORMAL E 
IMEDIATA (A FONTE MATERIAL SERIA DA UNIÃO E DO STF). 
 
SUMULA VINCULANTE TEM FORÇA DE LEI, CONFORME O ART 103-A DA CF, ASSIM É FONTE FORMAL E IMEDIATA, HÁ 
QUEM CONTRAPONHA A ESTA FALANDO QUE ESTA AFRONTA O PRINCÍPIO DA LIVRE CONVICÇÃO E INDEPENDÊNCIA 
DO JUIZ, MAS SE O JULGADOR ENCONTRAR NO CASO ALGO QUE CONTRASTE COM O CONTIDO NA SÚMULA 
VINCULANTE PODERÁ ESTE NÃO UTILIZA-LÁ, ESTA DESCISÃO DEVERÁ ESTAR FUNDAMENTADA. 
 
Art. 103-A. O Supremo Tribunal Federal poderá, de ofício ou por provocação, mediante decisão de dois terços dos seus membros, 
após reiteradas decisões sobre matéria constitucional, aprovar súmula que, a partir de sua publicação na imprensa oficial, terá efeito 
vinculante em relação aos demais órgãos do Poder Judiciário e à administração pública direta e indireta, nas esferas federal, 
estadual e municipal, bem como proceder à sua revisão ou cancelamento, na forma estabelecida em lei. 
 
§ 1º A súmula terá por objetivo a validade, a interpretação e a eficácia de normas determinadas, acerca das quais haja controvérsia 
atual entre órgãos judiciários ou entre esses e a administração pública que acarrete grave insegurança jurídica e relevante 
multiplicação de processos sobre questão idêntica. 
 
§ 2º Sem prejuízo do que vier a ser estabelecido em lei, a aprovação, revisão ou cancelamento de súmula poderá ser provocada por 
aqueles que podem propor a ação direta de inconstitucionalidade. 
 
§ 3º Do ato administrativo ou decisão judicial que contrariar a súmula aplicável ou que indevidamente a aplicar, caberá reclamação 
ao Supremo Tribunal Federal que, julgando-a procedente, anulará o ato administrativo ou cassará a decisão judicial reclamada, e 
determinará que outra seja proferida com ou sem a aplicação da súmula, conforme o caso. 
 
Analogia 
Resumo das aulas de Processo Penal, elaborado pelos acadêmicos Edson Araújo e Filipe Brito, este humilde trabalho 
deve ser encarado como auxiliar nos estudos. 
 23 
Não é uma fonte do direito como muitos, equivocadamente, pensam e, diferentemente do Direito Penal, é 
admitida no Processo Penal tanto quando for in bonam partem (para favorecer o réu) ou in malam partem (para 
prejudicar o réu). 
São exemplos de analogia: a) a regra do art. 28 do CPP, na falta da propositura da transação penal e da 
suspensão condicional do processo, poderá o juiz remeter os autos a Procuradoria de Justiça; b) o perdão judicial por 
homicídio culposo tipificado no CP, também é aplicado por analogia ao homicídio culposo do art. 302 do Código de 
Trânsito e c) não conseguindo precisar o local da infração e tratando-se de réus com domicílios diferentes, prevalece à 
prevenção também por analogia. 
 
 
LEI PROCESSUAL NO TEMPO ART. 2º CPP, É IRRETROATIVA, SEM EXCEÇÃO, SUA APLICAÇÃO É IMEDIATA INCLUSIVE AOS 
PROCESSOS QUE ESTEJAM EM CURSO, MESMO TRAZENDO PREJUÍZO OU SITUAÇÃO MAIS GRAVOSA PARA O RÉU. 
 
 Art. 2º A lei processual penal aplicar-se-á desde logo, sem prejuízo da validade dos atos realizados sob a vigência da lei anterior. 
 
NO ESPAÇO ART. 1º CP LEI PENAL 
 
Anterioridade da Lei 
 
 Art. 1º - Não há crime sem lei anterior que o defina. Não há pena sem prévia cominação legal. (Redação dada pela Lei nº 7.209, 
de 11.7.1984) 
 
LEI HÍBRIDA, hipótese de a lei PROCESSUAL ter conteúdo PENAL, só interessa a data do fato. 
Se anterior à lei, esta só poderá retroagir em seu benefício; se posterior, a lei o alcança, seja 
benéfica ou prejudicial. Aplica-se, nesse caso, o disposto nos arts. 5º, XL, da CF, e 2º e 
parágrafo único do CP, segundo os quais a lei penal não pode retroagir, salvo para beneficiar o 
agente. EX: INTERROGATÓRIO DO RÉU; 
 
19/09/2013 
 
FONTES 
 
Fonte é o local de onde provém o direito. 
 
FONTE MATERIAL \u2013 SÃO AS ENTIDADES CRIADORAS DO DIREITO, O ESTADO, COMPETE PRIVATIVAMENTE À UNIÃO 
LIGISLAR SOBRE O DIREITO PROCESSUAL. (CF, ART. 22 I), LEI COMPLEMENTAR FEDERAL PODE AUTORIZAR OS ESTADOS A 
LEGISLAR EM PROCESSO PENAL, SOBRE QUESTÕES ESPECÍFICAS DE INTERESSE LOCAL. 
FONTE FORMAL - SÃO AS FONTES REVELADORAS DO DIREITO, DIZEM RESPEITO AOS MEIOS PELOS QUAIS O DIREITO SE 
EXTERIORIZA. 
A) IMEDIATA= A LEI 
B) MEDIATA= COSTUMES E PRINCÍPIOS GERAIS. 
 
Resumo das aulas de Processo Penal, elaborado pelos acadêmicos Edson Araújo e Filipe Brito, este humilde trabalho 
deve ser encarado como auxiliar nos estudos. 
 24 
ESPÉCIES 
A) Material ou de Produção: são aquelas de criam o direito. 
B) Formal ou de cognição: são aquelas que revelam o direito. 
 
-INTERPRETAÇÃO SUJEITO MEIO E RESULTADO 
 
-INTEGRAÇÃO - ANALOGIA É FONTE DO DIREITO PROCESSUAL PENAL APENAS ADMITIDA EM BENEFÍCIO DO RÉU IN 
BONAM PARTE. 
 
EX: ART. 28 QUANDO JUIZ DISCORDA DO PEDIDO DE ARQUIVAMENTO EXCLUSIVO DO MP PODE MANDAR PARA O PGJ, 
APLICA-SE ANALOGIA NO CASO DE TRANSAÇÃO PENAL QUE DEVERIA SER PROPOSTA PELO MP MAS NÃO FOI PEDIDO, O 
JUIZ PODERÁ PEDIR AO PGJ QUE FAÇA A TRANSAÇÃO PENAL, OUTRO EXEMPLO É O PERDÃO JUDICIAL NOS CASOS DE 
HOMICÍDIO CULPOSO DE TRÂNSITO ENVOLVENDO A MORTE DE UM PARENTE QUE NÃO ESTÁ PREVISTO NA LEI, 
REFORMATIO IN MELUS É PERMITIDO MESMO NÃO PEDIDO PELA PARTE DESDE QUE SEJA PARA BENEFICIAR. 
 
Art. 28. Se o órgão do Ministério Público, ao invés de apresentar a denúncia, requerer o arquivamento do inquérito policial ou de 
quaisquer peças de informação, o juiz, no caso de considerar improcedentes as razões invocadas, fará remessa do inquérito ou peças 
de informação ao procurador-geral, e este oferecerá a denúncia, designará outro órgão do Ministério Público para oferecê-la, ou 
insistirá no pedido de arquivamento, ao qual só então estará o juiz obrigado a atender. 
 
LEI PROCESSUAL NO TEMPO ART. 2º CPP, É IRRETROATIVA, SEM EXCEÇÃO, SUA APLICAÇÃO É IMEDIATA INCLUSIVE AOS 
PROCESSOS QUE ESTEJAM EM CURSO, MESMO TRAZENDO PREJUÍZO OU SITUAÇÃO MAIS GRAVOSA PARA O RÉU. 
 
 Art. 2º A lei processual
silvio
silvio fez um comentário
imcompleto
1 aprovações
Carregar mais