A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
39 pág.
EMBRAPA   Semeando o Cerrado  producao de mudas de plantas nativa do Cerrado

Pré-visualização | Página 1 de 5

www.rededesementesdocerrado.org.br
Produção de mudas de plantas 
nativas do Cerrado
Projeto Semeando o Bioma Cerrado
Edifício Finatec, Bloco “H” - Campus UnB
Cep: 70.910-900 - Brasília/DF
Telefone: (61) 3348-0423
E-mail: redecerrado@finatec.org.br
Patrocínio
Parceiros
REALIZAÇÃO
Núcleo de Proteção e Reabilitação Ambiental
Núcleo de Produção Vegetal
AGRADECIMENTOS
Aos servidores do Núcleo de Produção Vegetal da 
Granja Modelo do Ipê, responsáveis pela produção de 
milhares de mudas de espécies nativas do bioma Cer-
rado, cujo convívio e troca de experiências em muito 
contribuiu para a elaboração desta cartilha e aos profis-
sionais do herbário e do viveiro do Jardim Botânico de 
Brasília, com os quais temos compartilhado e adquirido 
conhecimentos na coleta de sementes e identificação 
de espécies, nossos sinceros agradecimentos. 
PARCERIA
Rede de Sementes do Cerrado
SEAPA/DF
Edifício sede: Setor de Áreas Isoladas Norte – SAIN 
Parque Rural
CEP 70620-000 – Brasília - DF
Fone 3051.6360 – Fax: 3347.9322
Home page: www.sa.df.gov.br
e-mail: nra.seapa@gmail.com
Governador do Distrito Federal
Agnelo Queiroz
Secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e 
Abastecimento
Lúcio Taveira Valadão
Subsecretário de Desenvolvimento Rural e 
Agricultura
José Nilton Campelo
Diretoria de Desenvolvimento Sustentável e Pro-
dução - DDP
Fernando Cleser Moreno de Almeida
Gerência de Tecnologia e Produção - GTP
Marília Tiberi Caldas 
Núcleo de Proteção e Reabilitação Ambiental - NRA
Juliana Lopes Rodrigues de Sousa Viana 
Núcleo de Produção Vegetal - NPV
Cláudio Silva
Equipe Técnica
Germana Maria C. Lemos Reis (Engenheira Florestal)
Marília Tiberi Caldas (Engenheira Agrônoma)
Júlio Otávio Costa Moretti (Engenheiro Agrônomo) 
Alba Evangelista Ramos (Bióloga)
Gilberto Cotta de Figueirêdo (Engenheiro Mecânico)
Juliana Lopes Rodrigues de Sousa Viana (Engenhei-
ra Agrônoma)
Rogério Ferreira do Rosário (Técnico em Agropecu-
ária)
Fotos: 
Equipe NRA
Direitos autorais reservados à SEAPA/DF.
Permitida à reprodução total ou parcial, desde que 
citada a fonte.
Núcleo de Proteção e Reabilitação Ambiental - NRA
SAIN Parque Rural Ed. Sede SEAPA
70.620-000 Brasília – DF - Tel. (61) 3051.6360
E-mail: nra.seapa@gmail.com
SEAPA/DF
Produção de Mudas de Plantas Nativas do Cerrado. Germana Maria C. Lemos Reis, Marília Tiberi 
Caldas, Júlio Otávio Costa Moretti, Alba Evangelista Ramos, Gilberto Cotta de Figueirêdo, 
Rogério Ferreira do Rosário, Juliana Lopes Rodrigues de Sousa Viana,– Brasília-DF: SEA-
PA, 2011.
 36 pg. : il
1. Propagação vegetal. 2. Viveiro de plantas. 3. Reabilitação Ambiental da Área Rural. I. 
Reis, Germana Maria C. Lemos. II. Caldas, Marília Tiberi. III. Moretti, Júlio Otávio Costa. 
IV. Ramos, Alba Evangelista. V. Figueirêdo, Gilberto Cotta de. VI. Rosário, Rogério Ferreira 
do. VII Viana, Juliana Lopes Rodrigues de Sousa. VIII. Secretaria de Estado de Agricultura, 
Pecuária e Abastecimento do Distrito Federal.
CATALOGAÇÃO
Brasília, 2011
Produção de mudas de plantas 
nativas do Cerrado
Diretoria Da reDe De SementeS Do CerraDo (2010 – 2012)
Presidente
Maria Magaly Velloso da Silva Wetzel
Vice-Presidente
Celúlia Maria R. F. Maury
Secretária
Regina Célia Fernandes
tesoureira
Carmen Regina M. A. Correa
Conselho Consultivo
Ana Palmira Silva
Manoel Cláudio da Silva Júnior
Alba Evangelista Ramos
José Carlos Sousa Silva
Conselho Fiscal
Sarah Christina Caldas Oliveira
Germana Maria Cavalcanti Lemos Reis
Antonieta Nassif Salomão
Luiz Cláudio Siqueira Jorge
Coordenador do Projeto “Semeando o Bioma Cerrado”
José Rozalvo Andrigueto
Projeto Gráfico, diagramação e ilustrações
Ct. Comunicação
AGRADECIMENTOS 
 
A Rede de Sementes do Cerrado é uma instituição jurídica de direito privado, sem 
fins lucrativos - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público - OSCIP, re-
gida por estatuto próprio e sediada em Brasília. Tem por finalidade a conservação, 
o manejo, a recuperação, a promoção de estudos e pesquisas e divulgação de 
informações técnicas e científicas do Bioma Cerrado.
A Rede de Sementes do Cerrado mantém contratos de cooperação e colabo-
ração com a Embrapa, IBRAM, Oca Brasil, CRAD/UnB, UFG, SEAPA, IFB, Eco 
Câmara, entre outros.
Nestes últimos anos a Rede tem desenvolvido os seguintes projetos: capacitação de 
pequenos agricultores da Bahia - MMA; levantamento de dados secundários do Rio 
São Francisco- MMA; XIII Feira de Sementes dos Índios Kraôs - USAID; recuperação de 
nascentes do DF- IBRAM/SEAPA e, no ano de 2011, iniciou o Projeto Semeando o Bio-
ma Cerrado, patrocinado pela Petrobras dentro do Programa da Petrobras Ambiental. 
Dentro deste projeto está prevista a realização de 24 cursos visando a capaci-
tação de 360 pessoas para o exercício das atividades em seis áreas temáticas: 
identificação de árvores do Bioma Cerrado; seleção e marcação de árvores ma-
trizes; coleta e manejo de sementes, beneficiamento, embalagem e armazena-
mento de sementes; produção de mudas de espécies florestais; viveiros: projetos, 
instalação, manejo e comercialização. Para cada curso realizado está prevista a 
elaboração de uma cartilha com as informações básicas dos temas.
A Rede de Sementes do Cerrado agradece a Secretaria de Estado de Agricultura, 
Pecuária e Abastecimento do Distrito Federal - SEAPA/DF pela cessão dos direitos 
autorais da cartilha - Produção de Mudas de Plantas Nativas do Cerrado. Também 
agradece aos membros do Núcleo de Proteção e Reabilitação Ambiental e aos 
membros do Núcleo de Produção Vegetal, responsáveis pelo brilhante trabalho 
de produção de milhares de mudas de espécies nativas para a recuperação do 
Bioma Cerrado e pela elaboração desta excelente cartilha que visa colaborar com 
o desenvolvimento dos elos da cadeia produtiva de sementes e mudas florestais 
de espécies nativas a adequarem-se à legislação e adotarem modelos eficientes 
de produção promovendo desenvolvimento sustentável.
 
Maria Magaly V. da Silva Wetzel
Presidente da Rede de Sementes do Cerrado
José Rozalvo Andrigueto 
Coordenador do Projeto
APRESENTAÇÃO 
 
O Cerrado brasileiro tornou-se grande celeiro de alimentos para o Brasil e para o 
mundo revelando-se grande produtor de grãos e de carne, entre outros. Entretan-
to, esse desenvolvimento da agricultura e pecuária ocasionou a perda de áreas 
naturais para a implantação das lavouras e em alguns casos o uso das áreas de 
preservação permanente e de reserva legal, comprometendo a quantidade e qua-
lidade dos recursos hídricos.
A responsabilidade socioambiental é de todos. E a atividade agrícola tem de estar 
muito comprometida com essa premissa. Assim, como principal usuária dos re-
cursos hídricos, deve contribuir para a manutenção de processos que garantam a 
oferta de água. Por isso, é de fundamental importância que os produtores rurais se 
engajem no desafio de revegetar as matas ciliares, fonte de água e biodiversidade.
Com esse intuito, a Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento do DF lançou o 
Programa de Reabilitação Ambiental da Área Rural do DF cujos objetivos abrangem a 
adimplência ambiental das propriedades rurais com destaque para a proteção de ma-
nanciais, revegetação das áreas de preservação permanente, incentivo à averbação 
e plantio das reservas legais, conservação do solo e uso das boas práticas agrícolas.
Um dos instrumentos utilizados no Programa é a capacitação de produtores ru-
rais em instalação e operação de viveiros de produção de mudas. Esta atividade 
pode representar um acréscimo na renda do produtor rural na medida em que ele 
passa a produzir e ofertar mudas ao mercado, além de utilizá-las na revegetação 
de suas propriedades para proteção dos recursos hídricos ou mesmo implantar

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.