ENSINO CLÍNICO VI SIMULADOS
14 pág.

ENSINO CLÍNICO VI SIMULADOS


DisciplinaEnsino Clínico VI - Teórico431 materiais3.028 seguidores
Pré-visualização5 páginas
ENSINO CLÍNICO VI - TEÓRICO
	
	
	
	
	
	
	
	 1a Questão (Ref.: 201301249404)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	No Brasil na segunda metade do século XIX o jovem imperador D. Pedro II cria na praia vermelha o hospício Pedro II. Esse dispositivo tinha como principal função:
		
	
	Proporcionar ao paciente uma abordagem voltada para a clínica do sujeito;
	
	Excluir o ¿louco¿ do convívio social e inseri-lo no convívio familiar;
	
	Proporcionar ao paciente um tratamento médico adequado;
	 
	Excluir e isolar o "louco" do convívio social e familiar;
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201301274687)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Realizando uma comparação entre a obra do escritor brasileiro Machado de Assis - O Alienista - e a Lei da Reforma Psiquiátrica, nº 10.216, de 6 de abril de 2001, faça uma leitura atentiva do texto e assinale a opção correta. F. F. A., sexo masculino, 23 anos, solteiro, natural do Rio de Janeiro, encontrado na cama da enfermaria masculina, foi admitido no dia no 11/09/13, trazido pela irmã. Consta em seu registro de admissão: procedente de sua residência, apresentando sintomas de agressividade e agitação. Já esteve internado em outras ocasiões devido a problemas psiquiátricos. Vive com a mãe, a irmã e o irmão em casa própria. Não tem vida social ativa e apresenta dificuldade de relacionamento familiar. Em casa o paciente faz uso de medicamentos há 06 anos, mas a irmã não soube especificar quais. Relata ainda, fazer uso de substâncias psicoativas (álcool). Na sua história familiar existem antecedentes psiquiátricos (irmão com transtornos mentais). Mostrou-se calmo e calado durante toda a entrevista de enfermagem. A sua história patológica pregressa é de Esquizofrenia. Com isso, levando em consideração os caminhos e tendências das Novas Políticas de Saúde Mental, qual seria a melhor proposta de modelo assistencial para o caso, após sua alta hospitalar, construído de forma a evitar que a pessoa cuidada não seja excluída do processo da Reforma.
		
	
	(E) Os CAPSi são especializados no atendimento a crianças e adolescentes com transtornos mentais, dão resposta à demanda em saúde mental em municípios com mais de 200.000 habitantes. Funcionam durante os cinco dias úteis da semana, e têm capacidade para realizar o acompanhamento de cerca de 180 crianças e adolescentes por mês. A equipe mínima para estes serviços é de 11 profissionais de nível médio a superior.
	
	(B) SHRad - Serviços Hospitalares de Referência para Álcool e outras Drogas (SHRad) para municípios com população superior a 200.000 habitantes: estas unidades estão em fase final de regulamentação pelo Ministério da Saúde. Os principais objetivos dos SHRad serão o atendimento de casos de urgência/emergência relacionados a álcool e outras drogas (Síndrome de Abstinência Alcoólica, overdose etc.) além da redução de internações de etilistas e dependentes de outras drogas em hospitais psiquiátricos.
	 
	(C) CAPS ad - De acordo com a deliberação da III Conferência Nacional de Saúde Mental em 2001, que propôs a reorientação dos modelos assistenciais em saúde mental, a ampliação dos Programas de Redução de Danos (PRDs) e o cuidado proposto no CAPSad. (BRASIL, 2002), instituiu as práticas transversais de saúde ao conectar às forças sociais do território os serviços de saúde, promovendo múltiplas dimensões de cuidado e atenção para os usuários.
	
	(D) CAPS III, serviços de atendimento durante 24 horas, todos os dias da semana, inclusive feriados. Possuem no máximo cinco leitos, com acompanhamento noturno e internações curtas (de algumas horas a, no máximo, sete dias), com equipe mínima de 16 profissionais de nível médio a superior, e outras para atendimento noturno e de final de semana.
	
	(A) Programa De Volta Para Casa - integração social, fora da unidade hospitalar, de pessoas acometidas por transtornos mentais, com história de longa internação psiquiátrica (2 anos ou mais) ininterruptos.
		
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201301751266)
	Pontos: 0,0  / 0,1
	O Ministério da saúde criou os Serviços Residenciais Terapêuticos (SRT), por meio da Portaria 106/2000. Com referência a este serviço, assinale abaixo as alternativas corretas.
		
	 
	Os SRT são moradias inseridas preferencialmente na comunidade, destinadas a cuidar dos portadores de transtornos mentais, egressos de internações psiquiátricas de longa permanência e/ou que não possuam suporte social e laços familiares que viabilizem a sua inserção social.
	 
	Garantir um Projeto Terapêutico individual centrado na reinserção social.
	 
	Os SRT não precisam estar vinculados ao SUS e podem estabelecer convênios com entidades filantrópicas, associações e ONGs para a implementação e acompanhamento destes. .
	 
	Estes serviços são exclusivamente de natureza pública, vinculados diretamente ao gestor estadual.
	 
	O SRT deve estar vinculado ao CAPS ou programa de SM.
		
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201301248989)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Na europa no século XVII surgem as casas de internamento, na Itália e as de correção em Saragossa, na Espanha. Esses dispositivos foram na verdade os primeiros manicômios europeus. Os mesmos tinham como principal função:
		
	 
	Excluir o "louco", prostitutas, ladrões, mendigos e inválidos da vida social;
	
	Excluir somente as prostitutas e ladrões da vida social, pois esse seriam considerados a verdadeira escória social da época;
	
	Inserir os "loucos" na vida social;
	
	Inserir o "louco" na vida familiar;
		
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201301828731)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	O ministério da saúde estabelece as diretrizes para o atendimento nos serviços de saúde mental, normatizando vários serviços substitutivos. Essa portaria é de nº:
		
	 
	224 de 29 de janeiro de 1992
	
	244 de 29 de janeiro de 1991
	
	224 de 29 de janeiro de 1990
	
	244 de 29 de janeiro de 1994
	
	224 de 29 de janeiro de 1993
		
	1a Questão (Ref.: 201301249412)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	No inicio do século XX, é fundada nas terras doadas pela baronesa da Taquara em Jacarepaguá a Colônia Juliano Moreira (1924). Esse grande Nosocômio apesar de ser criado com os princípios mais modernos da época no que se refere a assistência psiquiátrica, reproduzia o conceito de assistência voltado para: 1- O isolamento social e a reclusão do portador de transtorno mental; 2- A utilização de métodos assistenciais baseados nos princípios do alienismo, com práticas pouco ortodoxas como castigos e privações. 3- O tratamento focado no sujeito, respeitando sua individualidade e sua cidadania. 4- A assistência como prática para se trabalhar a reinserção social dos pacientes internados. Marque a alternativa correta:
		
	 
	Estão corretas as afirmativas I e II;
	
	Estão corretas as afirmativas II e IV;
	
	Estão corretas as afirmativas I e IV;
	
	Estão corretas as afirmativas II E III;
	
	Estão Corretas as afirmativas I E III.
		
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201301829132)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Os CAPS, assim como os NAPS, os CERSAMs e outros tipos de serviços substitutivos, são atualmente regulamentados pela Portaria nº 336/GM, de 19 de fevereiro de 2002, e integram a rede do Sistema Único de Saúde, o SUS. Quanto ao que dispõe esta Portaria, NÃO é possível afirmar:
		
	 
	(C) CAPS I são para atendimento diário e noturno de adultos durante 7 dias da semana, atendendo à população de referência com transtornos mentais severos e persistentes.
	
	(B) Os usuários dos CAPS podem ter tido uma história de diversas internações psiquiátricas, podem nunca ter sido internados, ou podem já ter sido atendidos em outros serviços de saúde.
	
	(A) Para atendimento em um CAPS, pode-se procurar este serviço, ser encaminhado via Estratégia de Saúde da Família ou por qualquer outro serviço, desde que