A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
AV Regulação do Petróleo

Pré-visualização | Página 1 de 3

Avaliação: NPG1360_AV » REGULAÇÃO DO PETRÓLEO Tipo de Avaliação: AV 
 
Professor: ALEXSANDRE DE CASTRO Turma: 9001/AA 
 
1a Questão (Ref.: 711457) 
Com base na exploração de recursos energéticos petrolíferos no Brasil, se pode afirmar que: 
 
 O monopólio dos recursos energéticos é da União Federal, mas não do recurso mineral de petróleo. 
 No Brasil o monopólio do petróleo e do gás é da União Federal conforme está expresso na Constituição 
Brasileira. 
Todas as alternativas acima estão incorretas. 
 No Brasil a proteção e tutela de recursos originários da exploração petrolífera não inclui a proteção a 
exploração do hidrocarboneto gás natural. 
 
O Brasil protege apenas a exploração de campos de pré-sal e não de petróleo. 
 
 
 
2a Questão (Ref.: 711524) 
Leia a seguinte análise abaixo. A Sonansol participou de um consórcio com a Petrobras para a construção de 
um novo empreendimento petrolífero. Com tal experiência, resolveu concorrer a uma licitação para explorar 
petróleo em um campo demarcado em blocos conforme análise da ANP. Foi feita uma Rodada de Licitações com 
mais de 200 blocos com risco exploratório, sendo 30000 km em águas rasas e 50000 em terra. Sendo assim, 
100 empresas habilitadas, 85 apresentaram ofertas isoladamente ou em consórcio, sendo que 41 tiveram êxito 
e assinarão os Contratos decorrentes. As vencedoras ofereceram um Bônus de Assinatura que foi arrecadado 
de quase um bilhão e oitenta e nove milhões de reais (R$ 1.088.848.604,00). FIM Com base nisso, analise 
abaixo: 
 
 Dessa forma, o contrato decorrente será de partilha e permissão de bem público. 
 Neste caso o vencedor do certame irá assinar um contrato de partilha. 
 A licitação para a concretização de tal contratação é o contrato de autorização. 
Com isso, o contrato aplicado a modalidade licitatória de exploração acima será de concessão de 
petróleo. 
 Note-se que como houve postagem de um bônus de assinatura, o contrato será de permissão. 
 
 
 
3a Questão (Ref.: 711461) 
O Posto de Gasolina ¿Vai e Volta¿ vende combustível muito abaixo do valor praticado na média da região, além 
disso, em geral, nem dá nota fiscal aos clientes. Dona Zuzu foi abastecer em tal posto e notou que não havia na 
bomba abastecedora a identificação de qual era o fornecedor do combustível naquele posto. Após rodar com o 
carro, em dois dias, o veículo começou a engasgar, apresentando problemas técnicos. Buscou Dna. Zuzu o posto 
informando a questão, mas a empresa se recusou a comprovar de quem adquiriu o produto, além de não 
demonstrar que havia um teste de qualidade do combustível. O posto citou que ela havia pago um preço bem em 
conta, que a empresa não é obrigada a pagar mecânico para atestar a qualidade de sua gasolina. Sendo assim, 
Dna. Zuzu buscou a ANP, fez uma denúncia contra o posto. Agora, assinale a opção que resume o desfecho de tal 
história: 
 
 A ANP deverá enviar as informações ao Ministério Público, tendo em vista que não tem a obrigação de 
verificar sobre adulteração de combustíveis, mas sim ao Poder Judiciário. 
 A ANP não deverá analisar teste de qualidade apenas o Imetro ( Instituto de Pesos e Medidas ), pois o 
consumidor deverá buscar o Instituto e o Procon para tanto. 
 A agência de Petróleo e Gás deverá encaminhar para o Poder Judiciário as informações sobre a 
adulteração do posto, pois não tem o dever de fiscalizar a qualidade dos combustíveis. 
 A ANP deverá fiscalizar o posto e verificar apenas a regularidade contratual e os aspectos ambientais, as 
demais informações são verificadas pelo Poder Judiciário. 
A ANP deverá ao fiscalizar o posto verificar se há no estabelecimento um local com as informações sobre a 
qualidade dos combustíveis, informações adequadas sobre o revendedor e demais requisitos que atendam 
as especificações da legislação. 
 
 
 
 
 
4a Questão (Ref.: 711555) 
Em relação a Petrobras, marque a alternativa correta: 
 
 A Petrobras é uma sociedade sem fins lucrativos; 
A Petrobras é uma empresa que se fundamenta na lei das S.A sendo uma sociedade de economia mista; 
A Petrobras é uma empresa internacional apenas, sendo uma empresa que atua no Brasil sem ter como 
acionista majoritário a União; 
 Por ser uma sociedade sem fins lucrativos, atua sobre o controle da União Federal, sendo uma sociedade 
em comandita por ações. 
 A Petrobras é uma sociedade oculta, no qual não se enquadra na legislação de sociedade anônima, 
sendo uma autarquia federal no qual a União tem o controle. 
 
 
 
 
5a Questão (Ref.: 711557) 
 
Leia o texto abaixo: 
 
O Campo Frade é o primeiro projeto de exploração e produção de petróleo da Chevron no Brasil. A Chevron 
Brasil Upstream Frade, afiliada da Chevron Corporation, opera e detém uma participação de 51,7% deste 
campo em parceria com a Petrobras (30%) e a Japão Petróleo Frade (18,26%). 
A produção começou no Campo Frade em 2009, atingindo um pico de produção diária de cerca de 88 mil barris 
de petróleo e de um milhão de metros cúbicos de gás natural (38 milhões de pés cúbicos) em 2011. 
Os poços do Campo Frade ficam conectados a um navio plataforma de 370 metros de comprimento, a Unidade 
Flutuante de Produção, Estocagem e Transferência (FPSO), capaz de processar até 100 mil barris de petróleo 
por dia e armazenar até 1,5 milhão de barris de petróleo, bem como tratar e comprimir 3 milhões de metros 
cúbicos de gás natural (106 milhões de pés cúbicos). 
(...) 
Em novembro de 2011, foi identificado um afloramento no Campo Frade. A resposta da Chevron ao incidente 
foi rápida e responsável, dentro dos melhores padrões da indústria. Em março de 2012, um novo afloramento 
aconteceu a 3 km do primeiro. No mesmo mês, a produção foi interrompida no local, por iniciativa da Chevron, 
como medida de precaução. E a empresa continua trabalhando com as autoridades brasileiras até a situação 
estar totalmente solucionada. 
 
FONTE: https://www.chevron.com.br/negocios/exploracao-producao-petroleo/campo- 
frade.aspx 
FIM 
Com base nisso, nota-se que: 
 
A Petrobras ou a Chevron em relação aos danos ambientais responderá de forma objetiva, pois haverá a 
obrigação de indenizar independentemente da vítima ou o ente público comprovar o dolo ou a culpa da 
empresa. 
 A Chevron não é obrigada a indenizar em caso de dano ambiental, apenas a Petrobras pois é uma 
empresa nacional. 
 A perícia é utilizada em danos ambientais para afastar a obrigação de indenizar de uma empresa tal 
como a Chevron, pois a responsabilidade em danos ambientais é da espécie subjetiva, depende da 
demonstração do dolo ou da culpa da empresa. 
 A Petrobras atua em alguns empreendimentos em parcerias e em consórcio com empresas 
internacionais e multinacionais. Em tais empreendimentos ela nunca terá responsabilidade pelos riscos 
do negócio 
 A espécie de responsabilidade em regra para os danos ambientais que a Petrobras ocasionar na 
exploração do pré-sal são da espécie subjetiva, no qual o ente público terá que comprovar a culpa da 
empresa. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
6a Questão (Ref.: 711530) 
Leia com atenção o texto abaixo: Uma Rodada de Licitações deverá ofertar 389 blocos, totalizando 170 mil km², 
distribuídos em 11 Bacias Sedimentares: Barreirinhas, Ceará, Espírito Santo, Foz do Amazonas, Pará-Maranhão, 
Parnaíba, Pernambuco-Paraíba, Potiguar, Recôncavo, Sergipe-Alagoas e Tucano. Sendo apenas 1 bloco de pré- 
sal no Campo Libra. Além de tais blocos anunciados no dia 11 de janeiro de 2013, o CNPE autorizou, por meio 
da Resolução nº 4, publicada no Diário Oficial da União, licitação de blocos na Bacia Foz do Amazonas (09 blocos 
no Setor SFZA-AP1 e 56 no SFZA-AR1), 36 na Bacia de Tucano (Setor STUC-Sul) e 10 em bacias