UC5   Introdução ao Agronegócio
128 pág.

UC5 Introdução ao Agronegócio


DisciplinaAgroindústria e Agronegócio80 materiais1.346 seguidores
Pré-visualização26 páginas
Centre International de Hautes Etudes Agronomiques Méditerranéennes/
Institut Agronomique Méditerranéen, 1991.
MOURA, D.; TYBUSCH, T. M.; TAVARES, M. F. F. A agricultura familiar e a agricultura de precisão. 
IV Coloquio Transformaciones Territoriales, Montevideo, Uruguai, 2002.
NASSAR, A. M. Certificação no agribusiness. In: ZYLBERSZTAJN, D.; SCARE, R. F. (org.). Gestão da 
qualidade no agribusiness: estudos e casos. São Paulo: Atlas, 2003. p. 30-46.
______. Inserção internacional do agro \u2013 caminho sem volta. Disponível em: < http://www.
beefpoint.com.br/cadeia-produtiva/comercio-internacional/insercao-internacional-do-agro-
caminho-sem-volta-70410/>. Acessado em: 4 fev. 2014.
NEVES, M. F.; CASTRO, L. T. (orgs.). Marketing e estratégia em agronegócio e alimentos. São Paulo: 
Atlas, 2003. 365 p.
PAOLINELLI, A. Conhecimento e inovação são as chaves para uma agricultura competitiva e 
sustentável. Revista Agroanalysis. v. 34. São Paulo: Fundação Getulio Vargas, fev. 2014.
PEARCE, D.; TURNER, R. K. Economics of natural resources and the environment. New York: 
Harvester Wheatsheaf, 1990.
PORTER, M. E. Estratégia competitiva: técnicas para análise de indústrias e da concorrência. 
Rio de Janeiro: Campus, 1980. Disponível em: <http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-
40142012000100006&script=sci_arttext>. Acessado em: 
Curso Técnico em Agronegócio
136
QUEIROZ, T. R.; ZUIN, L. F. S. Agronegócios, gestão e inovação. São Paulo: Saraiva, 2006.
ROMEIRO, A. R. Sustainable development and institutional change: the role of altruistic 
behavior. Texto para Discussão, IE/Unicamp, n. 97, 2000.
ROMEIRO, A. R. Desenvolvimento sustentável: uma perspectiva econômico-ecológica. Estud. 
av. vol. 26. n. 74. São Paulo, 2012.
SAES, M. S. M.; FARINA, E. M. M. Q. O agribusiness do café no Brasil. São Paulo: Milkbizz, 1999. 
230 p. 
SALCEDO, S. Políticas de agricultura familiar brasileiras são exemplo mundial. Disponível em: 
<http://www.dw.de/pol%C3%ADticas-de-agricultura-familiar-brasileiras-s%C3%A3o-exemplo-
mundial/a-16978799>. Acessado em: 10 abr. 2014. 
SCHNEIDER, S. Agricultura familiar e desenvolvimento local. In: FROELICH, J. M.; DIESEL, V. 
Desenvolvimento rural: tendências e debates contemporâneos. Ijuí-RS: Unijuí, 2006.
SCHREINER, J. M. Abertura da Tecnoshow 2014 marcada por anseios e crescimentos 
do setor. Disponível em: <http://www.agrolink.com.br/noticias/ClippingDetalhe.
aspx?CodNoticia=195735>. Acessado em: 9 abr. 2014.
SISTEMA FAEP. Novo Código Florestal. Disponível em: <https://s3-sa-east-1.amazonaws.com/
comunicacao/novo-codigo-florestal-principais-mudancas.pdf>. Acessado em: 14 abr. 2014. 
SPERS, E. E.; NASSAR, A. M. Competitividade do sistema agroindustrial do feijão. In: FARINA, 
E. M. M. Q.; ZYLBERSZTAJN, D. (coord.). Competitividade do agribusiness brasileiro. São Paulo: 
PENSA, 1998. p.102- 250.
SOUZA, E. L. L.; AZEVEDO, P. F.; SAES, M. S. M. Competitividade do sistema agroindustrial do 
milho. In: FARINA, E. M. M. Q.; ZYLBERSZTAJN, D. Competitividade do agribusiness brasileiro. São 
Paulo: USP/PENSA, 1998. p. 273-471.
UNICA \u2013 UNIÃO DA INDÚSTRIA DE CANA-DE-AÇUCAR. Disponível em: <http://www.unica.com.
br/>. Acessado em: 2 fev. 2014.
USDA \u2013 UNITED STATES DEPARTMENT OF AGRICULTURE. Disponível em: <http://www.usda.
gov/wps/portal/usda/usdahome>. Acessado em: 21 jan. 2014.
ZYLBERSZTAJN, D. Apoio à instalação dos fóruns de competitividade nas cadeias produtivas couro/
calçados, têxtil, madeira/móveis e fertilizantes. Pensa-USP-FEA-FIA, 2002.
ZYLBERSZTAJN, D.. Revisando o papel do Estado. In: ZYLBERSZTAJN, D.; SCARE, R. F. (org.). 
Gestão da qualidade no agribusiness: estudos e casos. São Paulo: Atlas, 2003. p. 80-90.
ZYLBERSZTAJN, D.; NEVES, M. F. (org.). Economia e gestão dos negócios agroalimentares: indústria 
de alimentos, indústria de insumos, produção agropecuária, distribuição. São Paulo: Pioneira, 
2000
SGAN 601 MÓDULO K - EDIFÍCIO ANTÔNIO
ERNESTO DE SALVO - 1º ANDAR - BRASÍLIA
DISTRITO FEDERAL - CEP: 70830-021
FONE: + 55 61 2109 1300
WWW.SENAR.ORG.BR/ETEC
WWW.SENAR.ORG.BR
	Introdução à Unidade Curricular
	Tema 1: Agronegócio
	Tópico 1: Importância do Agronegócio
	Tópico 2: Contextualização Histórica 
	Tópico 3: Definição de Agronegócio 
	Tópico 4: Agricultura Familiar
	Encerramento
	Tema 2: Panorama Geral do
Agronegócio no Brasil e no Mundo
	Tópico 1: Panorama Geral Mundial do Agronegócio 
	Tópico 2: Panorama Geral do Agronegócio Brasileiro
	Encerramento
	Tema 3: Meio Ambiente e 
Desenvolvimento Sustentável
	Tópico 1: Definição de Desenvolvimento Sustentável
	Tópico 2: Agronegócio Sustentável
	Tópico 3: O Mercado de Orgânicos
	Tópico 4: O Consumidor de Produtos Saudáveis
	Tópico 5: O Novo Código Florestal
	Encerramento
	Tema 4: Desafios do Agronegócio
	Tópico 1: Mudanças Climáticas
	Tópico 2: O Mercado de Fertilizantes Brasileiro
	Tópico 3: Consumo Mundial de Fertilizantes
	Tópico 4: Histórico da Utilização de Tecnologia 
na Agricultura Brasileira 
	Tópico 5: Agricultura de Precisão
	Tópico 6: Sementes geneticamente modificadas (GM)
	Tópico 7: Logística
	Encerramento
	Referências Básicas
	Referências Complementares
	_GoBack