Edith Fiore   Já Vivemos Antes
123 pág.

Edith Fiore Já Vivemos Antes


DisciplinaAstrologia619 materiais2.143 seguidores
Pré-visualização50 páginas
«telha partida». 
Dr. F. \u2014 «Telha partida»? 
M. \u2014 Bom, essas palavras surgiram-me. Calculo que a discussão fosse sobre isso ... e os utensílios 
no saco, para e um ... não sei, eu estava cá fora, em frente daqueles ... edifícios ... e um deles parecia 
bastante alto, com dois andares, sabe. 
Dr.ª F. \u2014 Que tipo de edifício era? 
M. \u2014 Não consigo ver o ... não consigo descobrir. 
Dr.ª F. \u2014 Tornar-se-á cada vez mais claro. Um ... dois ... três ... quatro ... cinco. 
M. \u2014 Parece uma igreja grande ... enorme igreja antiga. 
Dr.ª F. \u2014 Que tipo de igreja mencionou? [Lembrando-me do sonho, pensei se poderíamos finalmente 
resolver o enigma.] 
M. \u2014 Enorme ... igreja gótica ... pelo menos, assim parece. 
Dr.ª F. \u2014 Pode dizer-me mais qualquer coisa sobre aquilo que o rodeia e sobre aquilo de que se 
consegue aperceber? 
M. \u2014 Estão ali algumas pessoas, senhoras de idade. Estou a dirigir-me para o altar ... parece que 
ando à procura de qualquer coisa. 
Dr.ª F. \u2014 Aperceber-se-á do que procura, após a contagem até três. Um ... dois ... três. 
M. [Grande suspiro.] \u2014 Estou à procura de um padre, ou de alguém dali ... um frade ou alguém que ... 
Dr.ª F. \u2014 Porque anda à procura de um padre? 
M. \u2014 Não sei qual é a relação entre tudo isto. 
Dr.ª F. \u2014 Ainda traz consigo o saco com os utensílios? 
M. \u2014 Sim. 
Dr.ª F. \u2014Após a contagem até três saberá porque anda à procura de um padre. Mantenha-se calmo e 
relaxado. Um ... dois ... três. Diga o que lhe vier A. cabeça. 
M. [Respirando pesadamente.] \u2014 Bom, vejo-o levantar a mão ou ... para o telhado. 
Dr.ª F. \u2014 Para o telhado? 
M. \u2014 Não tenha a certeza quem é; se é um padre ou ... 
Dr.ª F. \u2014 Vê alguém levantar a mão para o telhado? 
M. \u2014 Sim, parece que está a dar uma ideia geral ... apontando para trás, em direcção ... aquele lado, 
o lado direito. 
Dr.ª F. \u2014 E que diz ele? Após a contagem até três terá uma ideia geral do que ele está a dizer. Um ... 
dois ... três. 
M. \u2014 Não tenho ... acho que a única coisa ... vejo-me noutra cena, saindo de gatas de um buraco no 
lado do telhado ... é uma janela, redonda ou em forma de octógono ... e há uma escada até lá cima ... e eu 
estou cá fora, no telhado. Parece ser bastante alto ... telhas, outra vez. Acho que está mais alguém lá em 
cima. Esta é uma ... uma ... uma daquelas alas ... as igrejas antigas eram desenhadas em forma de cruz ... 
tinham uma longa entrada até ao meio e depois dois muros laterais ... duas coisas laterais ... e parece-me 
que eu fui de gatas através de um dos lados da esquerda, para chegar ao lado direito. Porquê, não sei. 
Dr.ª F. \u2014 Disse que havia mais alguém lá em cima? 
M. [Limpando as mãos às calças.] \u2014Hum-humm. Não sei porque é que tenho as mãos a transpirar. 
Dr.ª F. \u2014 Fique calmo e relaxado. Que se passa agora? Que faz agora? 
M. \u2014 Estou apenas a trabalhar nas telhas ... com aquilo que tirei do meu saco. 
Dr.ª F. \u2014 Explique-se como está a trabalhar. Que tipo de utensílios usa? Que faz com eles? 
M. \u2014 São utensílios de ferro. Ah ... utensílios de metal, com uma espécie de alavanca para levantar 
as telhas e substituir a madeira apodrecida e subsuperfícies danificadas, onde a água penetrou e para colar; 
tenho um pequeno martelo e um pequeno ... uma espécie de ... martelo de um lado e um utensílio para 
cortar ou lascar do outro. 
Dr.ª F. \u2014É esta a sua especialidade: arranjar telhados, telhas partidas? 
M. \u2014 Não sei. Parece que está alguém a dirigir ... e parece que há outra pessoa a falar comigo, mas 
não sei ... acho que está relacionado com o trabalho, mas não sei o que estão a dizer. 
Dr.ª F. \u2014 Vou contar de um a três e, então, saberá. Um ... dois ... três. Diga o que lhe vier à cabeça. 
M. \u2014 Quando eu acabar daquele lado, para ir para o lado direito. 
Dr.ª F. \u2014Porquê? Há alguma coisa do outro lado? 
M. \u2014 Sim. Porque eu não estou a trabalhar naquele lado, estou a trabalhar no ... lado esquerdo, para 
quem está virado para a frente. 
Dr.ª F. \u2014 E como se sente, enquanto está lá em cima a trabalhar? 
M. \u2014 Bom, parece que é alto e aos degraus e mais ou menos ... eu não ... tive uma sensação, logo 
que soube que isto era alto ... devia ver bem onde punha os pés. [A sua cara fica repentinamente coberta 
de gotas de suor.] 
Dr.ª F. \u2014 Que usa nos pés? 
M. \u2014Parece-me que estão atados. Há qualquer coisa que faz com que não escorreguem, mas eu não 
consigo perceber o que é. 
Dr.ª F. \u2014 Tem atada à sua perna algum tipo de sandália? 
M. \u2014 Sim, couro macio, para ... você vai precisar de ir até ali ... e um ... sem cair ... parece que está a 
ficar um bocado húmido. 
Dr.ª F. \u2014 Está a ficar húmido, porquê? 
M. \u2014 Deve estar a chover. 
Dr.ª F. \u2014 Veja se se apercebe daquilo que se está a passar. Que sente?
M. [Respirando agora rapidamente.] \u2014 Bom, a primeira vez que fui lá cima ... são cores que aqui não 
vejo com frequência ... é uma ... diferente, parece o Sul da Europa ... com aquele tipo de elevações ... e esta 
igreja parece ficar numa elevação. Há outros montes e sítios com casas e, sei lá que mais, em estuque ... 
nevoeiro, nevoeiro azul e neblina e ... 
Dr.ª F. \u2014 M. quanto tempo estava a trabalhar no telhado, até começar a chover? 
M. \u2014 Não sei. Não posso ... só ... não sei quanto tempo passou. Estava apenas a trabalhar neste 
lado e nas caleiras, vejo caleiras verdes de cobre ... 
Dr.ª F. \u2014 Conte-me mais coisas. De que se consegue aperceber? 
M. \u2014 Oh, estava só a olhar para as caleiras e à volta, para as cornijas da igreja, e sentia uma certa 
ansiedade. 
Dr.ª F. \u2014 Porquê? 
M. \u2014 Ao olhar para baixo. Ao olhar para baixo, pois é bastante alto. 
Dr.ª F. \u2014 Está a chover muito? 
M. \u2014 Não ... não. Só tenho consciência ... que é por causa da chuva ou neblina, ou qualquer coisa; 
mas elas estão molhadas. As telhas estão molhadas. E estou a ser particularmente cuidadoso. Mas é o meu 
trabalho ... e parece que sei ... andar por aqui. 
Dr.ª F. \u2014 Que está a fazer agora? 
M. \u2014 Estou a levantar-me e a atravessar para o outro lado, estou a fazer uma inspecção por alto do 
... do, ah ... parece que este padre usa um solidéu e um manto. 
Dr.ª F. \u2014 O padre também está no telhado? 
M. \u2014 Sim ... é ele que me está a dirigir.
Dr.ª F. \u2014 De que se apercebe agora? 
M. \u2014 Estou apenas a olhar para baixo, para o ... parece que tento encontrar a zona. Ele está de pé, 
na borda do telhado, ou ligeiramente para a esquerda, olhando para baixo, para mim. E eu tenho 
consciência da altura. [Tornando-se visivelmente preocupado.] 
Dr.ª F. \u2014 Como se sente? Reparo que está a cerrar os punhos e a esfregar as mãos. 
M. \u2014 Ah, só um pouco ... de humidade ... se é de estar a segurar ... 
Dr.ª F. \u2014 De que tem consciência agora? 
M. \u2014 Tenho consciência de ter perdido alguns utensílios, de ter rolado para o lado e ... de estar 
deitado, esticado ... não sei se estou a tentar recuperá-los ou não. 
Dr.ª F. \u2014 Tome nota do que se passa. Conte-me apenas o que se segue. De que se consegue 
aperceber? 
M. \u2014 Bom, de qualquer modo, há algumas telhas soltas, e aquilo entra nisto. Para onde diabo vai eu 
... eu não sei, parece ser apenas aquela parte ... a perda dos utensílios é qualquer coisa, cair e chegar até 
eles ... desistir e ... ficar suspenso, balouçando na caleira e as telhas e ... é uma ... e parece ter três andares 
de altura ... é mesmo alto! 
Dr.ª F. \u2014 Onde está agora? 
M. \u2014Eu ... estou pendurado naquela maldita, ah ... 
Dr.ª F. \u2014 Onde? 
M. \u2014 Estou pendurado naquela ... caleira e estou agarrado a algumas daquelas telhas, que estão 
soltas e partidas, mas elas não ajudam muito e estão a cair. 
Dr.ª F. \u2014 Onde está o seu corpo? 
M. \u2014 Estou na lado de fora, suspenso ... apenas ... parece-me que o braço na caleira ou ... uma mão 
na caleira e o outro braço no cimo do ... mas fico mesmo ali. Não me parece que vá ... cair. [Cara banhada 
em suor.] 
Dr.ª F. \u2014 Onde está o padre? Está aí? 
M. \u2014 Não ... Foi embora.