introcucao a farmacologia
91 pág.

introcucao a farmacologia


DisciplinaFarmacologia Farmacêutica538 materiais4.165 seguidores
Pré-visualização7 páginas
1Profa. Christianne Brêtas Vieira Scaramello
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
2
ORIENTAÇÕES DO MÓDULO DE FARMACOLOGIA/DISCIPLINA MICAI:
A nota para aprovação nas disciplinas Medicina Integral da Criança e do
Adolescente (MICA) e Medicina Integral do Adulto e do Idoso (MIAI) é 6,0 (seis) e a
nota mínima em cada módulo para aprovação é 5,0 (cinco). Não será
permitido ao aluno realizar reposição de prova em turma na qual não esteja
inscrito. Caso o aluno obtenha nota inferior a 5,0 em algum módulo, deverá fazer
a Verificação Suplementar (V.S.) do respectivo módulo e a nota para aprovação
nesta V.S. será 5,0. A responsabilidade de marcação da data da V.S. será do
Coordenador do módulo e a sua aplicação ficará sob sua responsabilidade ou de
outro professor por ele indicado. A V.S. deverá ocorrer no período previsto no
calendário letivo, ou seja, nas duas semanas subseqüentes ao término das aulas
das disciplinas MIAI e MICA (21ª ou 22ª semana). Se o aluno não obtiver a nota
mínima 5,0 na V.S. do(s) módulo(s), estará automaticamente reprovado na
respectiva disciplina (MICA ou MIAI). A vista de prova e/ou revisão de prova
poderão somente ser solicitadas pelo aluno até 15(quinze) dias após a divulgação
dos resultados das avaliações dos módulos.
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
3
BIBLIOGRAFIA UTILIZADA:
ü GOODMAN & GILMAN, As bases Farmacológicas da Terapêutica, 11ª ed. Mc
Graw Hill.
ü KATZUNG, Farmacologia Básica e Clínica, 10ª ed. Lange.
ü RANG & DALE, Farmacologia, 6ª ed., Elsevier.
ü SILVA, Farmacologia, 7ª ed., Guanabara Koogan.
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
4
INTRODUÇÃO
À
FARMACOLOGIA
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
5
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
6
II \u2013 Subdivisões da farmacologia e áreas relacionadas
Farmacoepidemiologia
Farmacovigilância
Farmacoeconomia
Assistência farmacêutica
Psicofarmacologia
Farmacologia clínica
Farmacologia veterinária
Biofarmacêutica
Toxicologia
Química médica
Farmacogenética
Farmacogenômica
Ciência farmacêutica
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
7
III - Farmacologia e Farmácia: aspecto histórico
Desenvolvimento de fármacos
\u2022 Conhecimento da fisiologia / bioquímica normais
\u2022 Conhecimento da fisiopatologia
\u2022 Proposição de alvos farmacológicos
\u2022 Planejamento/Desenvolvimento de novas moléculas: relação estrutura X atividade
\u2022 Ensaios biológicos: \u201cIn vitro\u201d \u201cEx-vivo\u201d \u201cIn vivo\u201d
\u2022 Testes pré clínicos em animais: 2 a 6 anos
\u2022 Testes clínicos em seres humanos
Fase 1: Pessoas sadias
Fase 2: Seleção de pacientes
Fase 3: Estudos amplos \u2013 doentes com doses definidas
Fase 4: Avaliação do processo \u2013 acompanhamento pela Vigilância Sanitária de
medicamentos liberados no mercado
\u2022 Assistência Farmacêutica
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
8
IV \u2013 Estudo da Farmacologia
MEDICAMENTO DISPONIBILIZAÇÃO DO FÁRMACO
FÁRMACO NA CIRCULAÇÃO SISTÊMICA
TECIDOS BIOTRANSFORMAÇÃO
ELIMINAÇÃO
INTERAÇÃO FÁRMACO \u2013 RECEPTOR
EFEITO FARMACOLÓGICO
ADMINISTRAÇÃO
ABSORÇÃO
DISTRIBUIÇÃOFase Farmacodinâmica
Fase Farmacocinética
Fase Farmacêutica
Etapas entre a administração de um fármaco e a produção de seu efeito:
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
9
IV \u2013 Estudo da Farmacologia
FARMACOCINÉTICA O que o corpo faz com o fármaco
Absorção \u2013 Distribuição \u2013 Biotransformação \u2013 Eliminação
Farmacocinética Clínica e a racionalização de esquemas terapêuticos
FARMACODINÂMICA O que o fármaco faz com o corpo
Interação fármaco-receptor \u2013 Mecanismo de ação dos fármacos
Efeitos farmacológicos desejados x indesejados
C
on
ce
nt
ra
çã
o
Estado de equilíbrio estável
(4 t1/2)
1
2
0
1 2 3 4 5 6
Tempo
(múltiplos da meia-vida de eliminação)
JANELA
TERAPÊUTICA
C.m.t.
C.m.e.
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
10
MECANISMOS
DE
INTERAÇÃO
MEDICAMENTOSA
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
11
Classificação das interações medicamentosas de acordo com o índice de risco
Classificação Característica / Conduta
A Nenhuma interação conhecida
B Nenhuma ação necessária
C Monitorar terapia
Benefício > risco
Ajuste de dosagem
D Considerar modificação da terapia
Benefício > risco ?
Ajuste de esquema terapêutico
Agentes alternativos ?
X Evitar combinação
Benefício < risco
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
Mecanismos Farmacodinâmicos
Quando um fármaco interfere na ação de outro:
- Interações aditivas ou sinérgicas
- Interações antagônicas (fisiológicas ou farmacológicas)
12
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
13
J Pharm Pharmaceut Sci (www. cspsCanada.org) 9 (3): 427-433, 2006
Prevalence of Potential Drug-Drug Interactions and its Associated Factors In a Brazilian
Teaching Hospital.
Joice Mara Cruciol-Souza and João Carlos Thomson
Departamento Tecnologia de Alimentos e Medicamentos; Universidade Estadual de Londrina (UEL);
Londrina-PR, Brazil. Departamento de Cirurgia; Hospital Universitário da Universidade Estadual de
Londrina (HU da UEL); Londrina-PR, Brazil.
Received, July 31, 2006; Revised December 21, 2006;
Accepted December 22, 2006; Published, December 31, 2006
______________________________________________
Características Casos Controles
Idade (anos) 12 \u2013 98 (51.5 ± 21.4) 12 \u2013 97 (50.6 ± 19.2)
Número de prescrições 1 \u2013 4 1 - 3
Número de medicamentos 2 \u2013 20 2 - 17
Número de códigos ATC 1 - 8 1 - 8
Total (1785) 887 898
Tabela 1. Características das amostras de prescrição
CONCLUSÕES: Pacientes do sexo feminino [(OR)=1.23 (P=0.035)], do setor de cardiologia
[OR=7.87 (P=0.0000)], hospitalizadas no final de semana [OR=1.24 (P=0.039)], com idade superior a
55 anos [OR=1.5 (P=0.0008)], e recebendo 7 ou mais medicamentos, incluindo digoxina [OR=16.79
(P=0.0000)], devem ser monitoradas cuidadosamente em função da significativa correlação com
DDIs em potencial.
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
14
Digoxina
Monitorar ECG
\u2022 Bloqueadores \ufffd-adrenérgicos (tipo C)
Verapamil, diltiazem (tipo D)
Redução condução / automaticidade SA ou AV
Redução da contratilidade
\u2022 Diuréticos kaliuréticos (tipo B)
Aumento do efeito da digoxina
Risco de intoxicação digitálica
\u2022Diuréticos poupadores de potássio (tipo C)
Redução do efeito da digoxina
Create PDF with GO2PDF for free, if you wish to remove this line, click here to buy Virtual PDF Printer
15
Exemplos Incidência
Ipratrópio e \ufffd2 agonistas 30 %
AINEs e metotrexato 16 %
AINEs e varfarina 10 %
\ufffd-bloqueadores e verapamil 7 %
Nitratos orgânicos e sildenafil 5 %
2.468 pacientes de 65 a 85 anos,
998 sujeitos a interações medicamentosas potenciais
2334 casos categorizados em 4 tipos (A \u2013 D)
119 casos tipo D
Efeitos adversos severos e perda de efeito farmacológico dificilmente evitadas por ajuste do esquema terapêutico
Exemplos de interações do tipo D e a freqüência média de incidência observada