2 - Fisiologia Geral - muscular
103 pág.

2 - Fisiologia Geral - muscular

Disciplina:Ciências Sociais4.526 materiais27.304 seguidores
Pré-visualização4 páginas
(ACh) em receptores

colinérgicos situados nas células pós-ganglionares

A maioria dos neurônios pós-ganglionares simpáticos secreta
norepinefrina em receptores adrenérgicos (α ouβ) situados nas

células alvo.

A maioria dos neurônios pós-ganglionares parassimpáticos
secreta acetilcolina em receptores colinérgicos (muscarínicos

ou nicotínicos) situados nas células alvo.

Receptores nos Órgãos efetores

ÓRGÃO

EFETOR

RESPOSTA

PARASSIMPÁTICA

RESPOSTA

SIMPÁTICA

Coração
Diminui a Frequência

Cardíaca
Aumenta a Frequência Cardíaca

e a Força de Contração

Trato digestório
Aumenta a motilidade e a

secreção
Diminui a motilidade e a secreção

Pulmões Constrição dos bronquíolos
Dilatação dos bronquíolos

Pâncreas

Endócrino

Estimula a secreção da

insulina

Inibe a secreção de insulina

Pâncreas

Exócrino

Aumenta a secreção

enzimática
Diminui a secreção enzimática

Arteríolas

e Vênulas -----------------
Contrição, receptores α

Dilatação, receptores β2

ÓRGÃO

EFETOR

RESPOSTA

PARASSIMPÁTICA

RESPOSTA

SIMPÁTICA

Pupila do olho Contrição Dilatação

Glândulas

salivares
Secreção aquosa Muco. enzimas

Bexiga urinária Liberação da urina Retenção da urina

Tecido adiposo --------------------
Degradação da gordura,

receptores β

Rim
-------------------- Liberação de renina

Órgãos sexuais

femininos e

 masculinos

Ereção Ejaculação

(homem)

A medula da suprarrenal secreta catecolaminas

Medula

da

Suprarrenal

ou

Adrenal

 É um tecido neuroendócrino especializado que está
associado ao sistema nervoso simpático.

Forma a parte central da suprarrenal, que se situa no
topo dos rins.

Secreta principalmente epinefrina (adrenalina) 80% e
apenas 20% norepinefrina

A estimulação dos nervos simpáticos que vão até as
medulas adrenais causa a liberação de grandes

quantidades desses de adrenalina que distribui-se por

todo corpo.

NOREPINEFRINA

Causa a constrição de quase

todos os vasos sanguíneos do

corpo, causa atividade

aumentada do coração, inibição

do trato gastrointestinal,

dilatação das pupilas etc

EPINEFRINA

 A epinefrina possui um efeito

maior na estimulação cardíaca do

que a norepinefrina e também

causa somente uma constrição

fraca dos vasos sanguíneos dos

músculos em comparação com a

vasoconstrição muito mais forte

causada pela norepinefrina.

Reação de Luta ou Fuga

• Pressão arterial aumentada
• Fluxo sanguíneo aos músculos ativos aumentado
• Força muscular aumentada
• Glicólise aumentada
• Atividade Mental aumentada

Resposta ao estresse simpática

Farmacologia do SNA

NOREPINEFRINA

EPINEFRINA

METOXAMINA

Drogas simpatomiméticas ou

Adrenérgicas (mesmos efeitos da

estimulação simpática)

EFEDRINA

ANFETAMINA

ação simpatomimética indireta

(causa a liberação de norepinefrina

das suas vesículas nas terminações

nervosas simpáticas.

PROPANOLOL

METOPROLOL

bloqueadores da atividade

adrenérgica (bloqueadores dos

receptores beta)

PILOCARPINA

METACOLINA

Drogas parassimpatomiméticas (produzem
efeitos parasimpáticos disseminados)

NEOSTIGMINA

Drogas anticolinesterásicas (inibem a
acetilcolinesterase evitando a destruição
rápida da acetilcolina)

ATROPINA Drogas antimuscarínicas (bloqueiam a ação da
acetilcolina nos receptores colinérgicos do tipo

muscarínico)

Farmacologia do SNA

1. O que é neuroplasticidade cerebral?

2. O que uma lesão cerebral promove no neurônio?

3. Como o fisioterapeuta pode atuar de modo a minimizar

os efeitos de uma lesão?

SISTEMA

MUSCULAR

Tipos de músculos

Músculo Esquelético

Está unido aos ossos do esqueleto, o que capacita esses

músculos a controlarem os movimentos do corpo.

Músculo Cardíaco

É encontrado somente no coração e é responsável por mover

o sangue pelo sistema circulatório.

Músculo Liso

É o principal músculo dos órgãos e tubos internos como o

estômago, a bexiga urinária e os vasos sanguíneos.

Músculo Cardíaco

e

Músculo Esquelético

Músculos

Estriados

Estriações transversais

Formada pela

disposição/organização das

proteínas

Músculo Cardíaco

e

Músculo Liso

São descritos como

involuntários

Músculo Esquelético

São descritos como

 voluntários

Comparação dos três tipos de músculo

Esquelético Liso Cardíaco
Tipo de

músculo

Aparência ao

microscópio óptico Estriado Liso Estriado

Controle nervoso

 da contração

Neurônio Motor

Somático

Neurônios

Autonômicos

Neurônios

Autonômicos

Influência hormonal

na contração

Nenhuma Múltiplos

Hormônios

Adrenalina

(Epinefrina)

Localização
Preso aos ossos

Forma a parede

dos órgãos ocos e

tubos

Músculo do

coração

Velocidade da

contração

Mais rápida Mais lenta Intermediária

Via Motora Somática

Corpos celulares dos neurônios motores somáticos que

estão na medula espinhal ou no encéfalo com um único e

longo axônio mielinizados projetam-se até o músculo

alvo. A sinapse de um neurônio motor somático

(motoneurônio) em uma fibra muscular é chamada de

junção neuromuscular.

A fibra nervosa forma um complexo de terminais

nervosos ramificados que se invaginam na superfície

extracelular da fibra muscular. A estrutura toda é

chamada de placa motora

Placa Motora

BIOSSÍNTESE ACETILCOLINA E AÇÃO

Unidade Motora

Unidade Motora representa quantas fibras musculares são

inervadas por um motoneurônio

Músculo Esquelético

Constituem a maior parte da musculatura do corpo

 40% do peso corporal total

 Responsável pelo posicionamento e movimento
do esqueleto

 Prendem-se aos ossos por tendões constituídos de
colágeno

 A inserção do músculo é a fixação mais distal ou
com maior mobilidade

Músculo flexor- As porções centrais dos ossos conectados se

aproximam quando o músculo contrai e o movimento é chamado

de flexão.

Músculo extensor- Os ossos se afastam um do outro quando o

músculo contrai e o movimento é chamado de extensão.

Os pares de músculo extensor-flexor são denominados

grupos musculares antagonistas, pois exercem efeitos opostos

Ex: Bíceps Braquial e Tríceps Braquial

Os músculos esqueléticos são compostos por fibras

musculares

 Músculos funcionam em conjunto, como uma unidade.

 Um músculo esquelético é um conjunto de células
musculares, ou fibras musculares.

 O músculo inteiro é recoberto por uma bainha de tecido
conectivo.

 Fibras colágenos e elásticas, nervos e vasos sanguíneos
dispõem-se entre os fascículos.

Os músculos esqueléticos são compostos por fibras

musculares

 Uma longa célula cilíndrica com vários núcleos
próximos da sua superfície

 Cada fibra muscular esquelética é envolta por tecido
conectivo, com grupos de fibras formando uma

unidade chamada fascículo.

Fibra

Muscular

Endomísio é uma

camada de tecido

conjuntivo que encobre

uma fibra muscular

Perimísio é uma bainha

de tecido conjuntivo que

agrupa conjuntos de dez a

cem fibras musculares

individuais em fascículos

Epimísio é uma camada

de tecido conjuntivo que

envolve todo o músculo

Anatomia da fibra muscular

A membrana celular de uma fibra
muscular é denominada sarcolema.