Aulas Conforto II
495 pág.

Aulas Conforto II

Disciplina:Conforto Ambiental e Eficiência Energética II27 materiais856 seguidores
Pré-visualização15 páginas
Disciplina: Conforto Ambiental e
Eficiência Energética II

Professora: Carolina Ribeiro

AULA: LUZ E COR

Conforto Ambiental

CONFORTO AMBIENTAL

“A qualidade do espaço é medida pela sua
temperatura, sua iluminação, seu ambiente, e o

modo pelo qual o espaço é servido de luz, ar e som.
Tudo dever ser incorporado ao conceito do espaço

em si.” Khan, Louis

Conforto Ambiental

CONFORTO AMBIENTAL

Elementos de Estudo da Iluminação

Luz

A iluminação (natural ou artificial) nos permite ver as
superfícies, formas e cores em um jogo de

LUZ e SOMBRA.

Luz e Sombra

Igreja de Saint Pierre – França – Le Corbusier

Luz e Sombra – Intenções Formais

Igreja de Saint Pierre – França – Le Corbusier

Luz e Sombra – Intenções Formais

Igreja de Saint Pierre – França – Le Corbusier

Luz

A Luz natural permite uma “mobilidade” estética ao
edifício, a medida que modifica a percepção das

superfícies ao longo do dia e das estações do ano.
Atualmente, as novas tecnologias da iluminação

permitem que a luz artificial seja dinâmica em cores,
intensidades e movimentos.

A Luz determina nosso limite visual e nosso entendimento
de escala.

Luz

Opera House Sidney _Austrália

Projeto de Jorn Utzon, inciado em 1959 e finalizada em 1973.

Luz

Opera House Sidney _Austrália

Luz

Opera House Sidney _Austrália

Luz e Visão

Como vimos nos exemplos anteriores, a LUZ promove
atenção, orientação e estabelece limites.

E ao pensarmos a LUZ como importante elemento de
projeto arquitetônico, quais são suas funções espaciais?

• Destacar

• Separar

• Conectar

• Definir hierarquias

• Orientação Visual

Luz e Visão

Capela de Notre Dame du Haut, em Ronchamp. Projeto Le Cobusier, 1950.

Luz e Visão

Capela de Notre Dame du Haut, em Ronchamp. Projeto Le Cobusier, 1950.

Luz e Visão

Ampliação da RONCHAMP – Capela do Convento

Conforto Lumínico

CONFORTO LUMÍNICO

 Para nós, arquitetos, a LUZ é uma arte aplicada e existe
um PARA QUÊ e PARA QUEM, assumindo assim limites

funcionais, construtivos e estéticos, conforme o PARTIDO
ARQUITETÔNICO.

Conforto Lumínico

CONFORTO LUMÍNICO

• Condições que um ambiente proporciona para o
desenvolvimento das tarefas visuais com o máximo de
acuidade e precisão visual; com o menor esforço e menor
risco de prejuízos à vista e acidentes.

• Estas condições estão associadas ao uso da luz natural e
da iluminação artificial.

Conforto Lumínico

Escritório Google

Propriedades Físicas da Luz

 Quando a luz chega a um objeto, a mesma pode ser:

 absorvida, refletida e/ou transmitida através do objeto.

Em geral, acontece uma combinação destas coisas.

• Absorção: quando a luz chega a uma superfície ou
objeto, ele pode absorver toda ou parte dessa luz.

Propriedades Físicas da Luz

• Reflexão: responsável por visualizarmos os objetos a
nossa volta. Um feixe de luz encontra uma superfície e
retorna ao meio de origem.

 ângulo de incidência = ângulo de reflexão

Propriedades Físicas da Luz

• Refração: ocorre quando um raio de luz é transmitido de
um meio transparente para outro, sofrendo desvio de
sua trajetória.

Concluindo

Luz e Cor

• Luz visível: conjunto de vibrações eletromagnéticas, com
pequena porção percebida por nós.

Elétrons “soltos” oscilam em movimento de onda, com velocidade
constante.

Espectro Eletromagnético

Espectro Eletromagnético

• Faixa de Luz visível: comprimento de onda entre 380nm
– 740nm e frequência 790THz – 405THz.

Espectro Eletromagnético

Espectro Eletromagnético

Dentro da faixa de Luz visível os diferentes comprimentos
de onda correspondem às diferentes cores das luzes que

somadas originam a “luz branca”.

Luz e Cor

• O olho humano não é igualmente sensível a todas as
cores do espectro visível. Elas também variam conforme
a intensidade de LUZ incidente.

• A melhor acuidade visual é para o espectro de onda de
555nm que corresponde a cor de amarelo-esverdeado.

• Para o vermelho e violeta nossa sensibilidade é muito
pequena.

Luz e Cor

• A Luz branca: é formada pela composição de 7 cores que
vão do vermelho ao violeta.

 Experimento de Isaac Newton

COR LUZ

Cor Luz:

• Ela é a própria cor.

• Sistema aditivo

• Formada pela adição de 3 cores

Primárias: vermelho, verde e azul

(sistema RGB)

EX: Luz Solar, monitor

de computador,

Lâmpada

fluorescente.

COR LUZ

Ryerson Image Centre - Toronto

COR LUZ

Ryerson Image Centre - Toronto

COR LUZ

Greenpix-China

COR LUZ

Time Square – Nova York

COR PIGMENTO

Cor Pigmento: a luz que refletida pelo objeto faz com que
percebamos este estímulo de cor.

• Substâncias sintéticas

• Três cores primárias

• Sistema subtrativo

COR PIGMENTO

COR PIGMENTO

COR PIGMENTO

COR PIGMENTO

 Catálogo e Produtos Pantone

COR PIGMENTO

 Lofts Yungay 2 – Chile. Antonio Menéndez e Cristian Barrientos

COR PIGMENTO

Luz e Cor

Os dois extremos da classificação das cores são:

• Branco, ausência total de cor, ou seja, luz pura;

• Preto, ausência total de luz, o que faz com que não se
reflita nenhuma cor.

Luz e Cor

Essas duas "cores" portanto não são exatamente cores,
mas características da luz, que convencionamos chamar

de cor.

Luz e Cor

Black & White House, Kwait – Agi Architects

Características Subjetivas das CORES

Significados psicológicos das Cores
• Vermelho (comprimento de ondas mais longas): energia,

força, fogo, paixão.
• Azul (comprimento de ondas mais curtas): harmonia,

monotonia, conservadorismo.
• Ciano: tranquilidade, paz, frescor.
• Verde: natureza, dinheiro, boa sorte.
• Amarelo: concentração, otimismo, alegraia, riqueza

(ouro).
• Magenta: sensualidade, feminilidade.
• Violeta: criatividade, sabedoria, espiritualidade.
• Laranja: energia, entusiasmos, criatividade.
• Preto: modernidade, sofisticação, raiva, morte, medo.
• Branco: paz, pureza, simplicidade.

Características Físicas das CORES

Temperatura de Cor Correlata (°K):

Expressa a aparência de cor da luz emitida pela fonte de
luz. Quanto mais alta a temperatura de cor, mais clara é

a tonalidade de cor da luz.

• Unidade: °K (Kelvin)

• 0 K°= -273°C

• As diferentes fontes de luz

possuem diferentes cores e cada

 fonte luminosa emite mais uma

cor do que outra.

Características Físicas das CORES

Temperatura de Cor Correlata (°K):

Em aspecto visual, admite-se que é bastante difícil a
avaliação comparativa entre a sensação de

Tonalidade