Apol 1 – Administração de Conflitos e as Técnicas de Negociação e Liderança e Coaching
4 pág.

Apol 1 – Administração de Conflitos e as Técnicas de Negociação e Liderança e Coaching


DisciplinaAdministração Financeira e Contabilidade Pública39 materiais945 seguidores
Pré-visualização1 página
Apol 1 \u2013 Administração de Conflitos e as Técnicas de Negociação e Liderança e Coaching
Questão 1/5
Imagine a seguinte situação:
Aline é uma funcionária que atua há dois anos como vendedora em uma empresa que comercializa jóias em um canal fechado de TV.  Seu desempenho é muito bom, bate as metas com frequência, é pontual, mas, entretanto, perde muito tempo no atendimento e relacionamento com os clientes, sendo comum, ouvi-la dando conselhos aos clientes, ouvindo suas estórias e por vezes se emocionando com os mais carentes. Carlos seu superior, está muito incomodado com seu comportamento e vem sendo pressionado pelos colegas de Aline, que realizam mais atendimentos em comparação a ela.
É certo para Carlos que há um conflito instalado em seu departamento.
Após o seu contato com o cenário que se apresenta nesta empresa, a sua tarefa é a de fazer uma análise da situação pela visão das diversas correntes teóricas organizacionais.
Leia as assertivas abaixo e classifique como Falsas ou Verdadeiras e depois assinale a alternativa Correta.
I \u2013 A Escola Clássica diria que o erro estava no administrador, ou seja, em Carlos que não estava aplicando os princípios científicos para evitá-los.
II \u2013 O conflito se instalou para o Movimento das Relações Humanas pelo fato da empresa estar dando pouca atenção aos aspectos motivacionais de Aline e de seus colegas de trabalho.
III \u2013 Para o Estruturalismo o que acontece nesta empresa é a falta de um ajustamento completo entre a ordem dada pela empresa por meio da figura de autoridade de Carlos, com a liberdade dada a Aline.
IV \u2013 Para o enfoque Contingencial o processo de integração entre os fatores envolvidos na situação não é racional e automático e, portanto ainda precisa de direção.
Agora assinale a alternativa que contempla a resposta CORRETA.
Apenas as afirmativas II e III estão corretas.
Apenas as afirmativas I e II estão corretas.
Apenas a afirmativas III e IV estão corretas.
Nenhuma das afirmativas está correta.
Todas as afirmativas estão corretas.
Questão 2/5
A essência do coaching é encontrada no pensamento de alguns filósofos da Grécia Antiga, berço da filosofia ocidental. Filosofia é uma palavra de origem grega, composta por dois termos: philo e sophia . Philo deriva de phili, que significa \u201camor fraterno, respeito entre os iguais, amizade\u201d. Sophia significa \u201csabedoria\u201d. Portanto, filosofia é o \u201camor à sabedoria\u201d. A Grécia conquistou condição de destaque no campo da filosofia a partir do momento em que alguns cidadãos, insatisfeitos com as explicações que a tradição \u2013 baseada em mitos e deuses \u2013 lhes dera, passaram a refletir, questionar e buscar respostas para suas perguntas. Com isso, os filósofos gregos demonstraram que o mundo, os seres humanos, os acontecimentos naturais e as coisas da natureza podem ser conhecidos pela razão do homem e que a própria razão é capaz de conhecer-se. Foi por meio da filosofia que os filósofos instituíram para o ocidente europeu as bases e os fundamentos do que conhecemos por razão, racionalidade , ciência , ética , política e arte (Chaui, 2001). Ao estudar o pensamento dos filósofos, encontramos claramente em Sócrates, Platão e Aristóteles características que norteiam o processo de coaching.
Disponível em: LOTZ, Erika, Gisele. GRAMMS, Lorena Carmen. Coaching  e mentoring. Curitiba. Intersaberes. 2014 p. 25
Considerando as ideias acima, avalie as afirmações a seguir.
I. Os fundamentos da razão encontram-se na interpretação mítica e religiosa da natureza.
II. A essência do coaching deriva da valorização da razão e do conhecimento historicamente acumulado.
III. Os processos de coaching nada têm a ver com a filosofia clássica ou moderna.
É correto o que se afirma em:
I, apenas.
II, apenas.
I e III, apenas.
II e III, apenas.
I, II e III.
Questão 3/5
O fator chave na liderança situacional é a necessidade do líder desenvolver sua sensibilidade e percepção, diagnosticando sua equipe para que possa definir como irá se comportar, pois em qualquer situação em que uma equipe possa estar, a liderança sempre deverá realizar suas funções básicas de gerir, com atenção concentrada nos objetivos e nos resultados.
Disponível em: SINNOTT, Elizabeth. Programa de desenvolvimento de Líderes: Liderança e Motivação. Curitiba. Material próprio. 2013.
Segundo as ideias contempladas no texto é função do líder:
Comandar com rigor a sua equipe sem levar em consideração qualquer problema existente.
Tomar decisões independentemente  de qualquer diagnóstico.
Gerir a sua equipe com sensibilidade e percepção com foco nos objetivos e resultados a serem alcançados.
Cumprir as ordens da diretoria mesmo que considere que tal atitude pode prejudicar a empresa.
Alcançar os resultados previstos pela organização a qualquer custo, mesmo prejudicando o clima da empresa.
Questão 4/5
O líder-coach não tem objetivo de \u201dmudar\u201d a personalidade de ninguém, apenas ajudar a expandir o leque de respostas da pessoa, ou seja, além dos comportamentos que a pessoa já tem, ele treina outros para aumentar suas escolhas diante das circunstâncias. Quanto maior for o número de escolhas de comportamento que alguém tem, maior é a sua possibilidade de interagir com o meio ambiente de forma efetiva.
Disponível em: DI STÉFANO, Rhandy. O líder-coach - Líderes criando líderes. Rio de Janeiro: Qualitymark. 2012. p. 52
Considerando o texto apresentado, avalie as seguintes asserções e a relação proposta entre elas.
I. O papel do coach consiste em explorar ao máximo as potencialidades das pessoas para que elas façam as melhores escolhas na vida profissional.
PORQUE
II. Quanto maior for a capacidade do coach mais facilmente atinge o objetivo de mudar a personalidade dos indivíduos.
A respeito das asserções, assinale a opção correta:
As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa da I.
As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa da I.
A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
A asserção I é uma proposição falsa. E a II é uma proposição verdadeira.
As asserções I e II são proposições falsas.
Questão 5/5
Analise e compare os pensamentos sobre conflitos dos autores Cohen e Fink e  Fela Moscovici, a seguir:
Cohen e Fink, dizem que embora o conflito possa ser oneroso, em alguns casos é parte necessária para se chegar à consideração plena de pontos de vista legitimamente diferentes. E Fela Moscovici, afirma que o conflito em si, não é patológico nem destrutivo. Pode ter consequências funcionais e disfuncionais, a depender de sua intensidade, estágio de evolução, contexto e forma como é tratado.
Analise as afirmativas abaixo.
I. Os autores falam de coisas diferentes: tempo e dificuldades.
II. Os autores se complementam quando falam que, embora possa o conflito ser oneroso até se chegar à consideração plena de pontos de vista legitimamente diferentes, pois ele irá depender do estágio de evolução em que se encontra.
III. Para Moscovici o conflito em si, não é patológico nem destrutivo, já para Cohen e Fink os conflitos partem de pontos legitimamente diferentes e, portanto, sempre será a princípio destrutivo, mostrando que o pensamento dos autores são divergentes.
Agora assinale a alternativa que contempla a resposta CORRETA.
Apenas as afirmativas II e III estão corretas.
Apenas a afirmativa II está correta.
Apenas as afirmativas I e III estão corretas
Nenhuma das afirmativas está correta.
Todas as afirmativas estão corretas.
KENNEDY
KENNEDY fez um comentário
OBRIGADO
0 aprovações
KENNEDY
KENNEDY fez um comentário
ótimo material
0 aprovações
dan
dan fez um comentário
1- E / 3-C / 4- C /
0 aprovações
Carregar mais