Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
SEAD Atividade de Fichamento

Pré-visualização | Página 1 de 3

Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro 
Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro 
Atividade a Distância em Grupo – Artigo Científico 
Período - 2016/1º 
Disciplina: Seminários em Educação a Distância 
Coordenadora: Fabrícia F. S. Constantino 
Tutor a Distância: ANGELO DA ROCHA JARDIM REIS 
 
GRUPO: 4 
 
JOÃO PAULO DOS SANTOS BARRETO MATR: 16115060508 
MICHEL BERTOLASCE FRAUCHES MATR: 
JUAN-VICTOR MORAES DE ANDRADE MATR: 16115060412 
WANATAN OLIVEIRA DA SILVA PIRES MATR:16115060620 
LEONARDO FREITAS MATR: 16115060412 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
Orientações: 
 Transcreva no presente modelo (salve em seu computador modificando o GRUPO 
para o Número do seu Grupo e o PÓLO para o seu pólo); 
 O fichamento deverá seguir o seguinte modelo: 
 1. Assunto 
2. Referência Bibliográfica completa do próprio artigo (onde o artigo pode ser 
encontrado?). Obs.: Esta informação o grupo encontrará nas páginas iniciais do 
artigo. 
3. Resumo (evidenciando o esqueleto do texto em questão, apresentando rapidamente a 
organização lógica das idéias e a relação entre elas, sendo o mais fiel possível ao texto, 
limitando-se a compreender o conteúdo esquematizado). Obs.: Não copiem o resumo 
do trabalho, apresentem o resumo feito pelo grupo, ou seja, a compreensão do grupo 
sobre o artigo. No Guia da Disciplina, o grupo encontrará dicas para fazer um bom 
resumo. 
4. Relacione com outros trabalhos sobre o assunto em questão no artigo (o grupo 
poderá buscar em livros ou em artigos na internet) 
5. Comentários (opinião do grupo a respeito do tema, parecer e crítica sobre o artigo) 
 
 Após concluir a tarefa, envie a Atividade postando na plataforma. 
ASSUNTO 
 
Diga-me onde andas, que te direi quem és: identidades culturais na 
comunidade brasileira da marca Johnnie Walker 
 
RESUMO 
 
 Tendo em vista a acessão social das pessoas e a representatividade das marcas 
dos produtos, como símbolo determinante de classes sociais, o artigo tenta definir o 
perfil daqueles que se alinham a marca, por ela demonstrando interesse. 
 Nas palavras do autor: 
“Assume-se a noção de identidade como uma posição 
caracterizada por um conjunto de significados que insere os 
indivíduos em um sistema cultural, no qual as marcas 
desempenham um papel central nas interações sociais nele 
ocorridas.” 
 Objetivando delimitar um público específico a ser estudado, o autor buscou nos 
meios virtuais (comunidade virtual da marca Johnie Walker) estudar este grupo de 
pessoas e conseguiu estabelecer 16 identidades que representam os interessados na 
marca e ainda os agrupou e os dividiu em 03 grandes grupos denominados: Boêmios, 
Uncools e Carismáticos. 
 
1. Introdução 
 
A interpretação cultural de um individuo passa pela interpretação dos signos que 
este indivíduo porta e principalmente pela forma como o mesmo é visto dentro do 
círculo social a que pertence. 
As empresas através de pesquisas de Marketing buscam identificar os padrões 
no comportamento de consumo dos indivíduos e principalmente seu comportamento 
ante a apresentação dos produtos ofertados ao mercado. 
Visando interpretar estes perfis, o autor buscou na comunidade virtual Johnnie 
Walkes Brasil, uma página do facebook com mais de dois milhões de usuários, reponder 
a seguinte questão: “Como os consumidores da Johnnie Walker constituem suas 
identidades, mediante o modo como interagem em uma comunidade virtual de marca? “. 
Por fim a pesquisa então tem o foco de estabelecer como os consumidores se 
comportam ao incorporarem a marca Johnnie Walkes como signo marcário no 
estabelecimento de identidade. 
 
2. Cultura de Consumo e Identidade de Consumidores 
 
A cultura de consumo (CCT - Consumer Culture Theory) visa interpretar os 
fenômenos advindos da maneira como os consumidores geram e modificam os 
significados de seu consumo. Aqui a ênfase é como são realizadas as interações entre 
consumidores e empresas. 
 
Para entendermos o significado de identidade de consumidores, o autor busca 
explicitar que a identidade significa uma posição individual ou coletiva, caracterizada 
por um conjunto de significados que insere o indivíduo em um papel de pertencimento 
cultural ou de aceitação e validação de sua identidade. 
 
3. Comunidades Virtuais de Marca 
 
A comunicação contínuo no ambiente virtual dedicado a marca, a interação entre 
seus membros, organizados com o objetivo comum de compartilhar informações, 
realizadas em um único local intermediados pela tecnologia, a esse fenômeno 
denominamos Comunidade Virtual. 
 
4. Procedimentos Metodológicos 
 
 O método utilizado pelo autor para concluir perfis de usuários da marca Jhonnie 
Walker nas comunidades virtuais e como a utilização dos produtos da marca Jhonnie 
Walker impactam a imagem de seus respectivos consumidores, utilizou-se a técnica da 
netnografia da comunicação como estratégia metodológica. 
 O método netnográfico destina-se a compreender sistemas de significações de 
um determinado grupo social a partid da interpretação de suas práticas sociais e 
culturais, sobretudo mediante a observação e a imersão do pesquisador no grupo social 
estudado. 
 
 
5. Apresentação dos Resultados 
 
 Não é possível resumir os resultados obtidos pelo autor a não ser transcrever 
ipsis litteris os perfis definidos pela análise das redes sociais: 
 
“Aglutinadores 
Os aglutinadores constituem sua identidade por valorizar a 
companhia de pessoas ao seu redor e usam do seu jeito cordial para 
reuni-las. Encontraram-se, na pesquisa, referências a companhias, 
amigos, familiares ou outros membros como fatores importantes para 
uma boa experiência com o produto da marca. 
Altivos 
Os altivos são aqueles que se autovalorizam por meio dos signos 
da marca, para promover a si mesmos perante os outros, criando 
situações em que se tornam centro das interações. As passagens a 
seguir referem-se a duas interações publicadas por interagente a uma 
informação da marca sobre um de seus produtos de mais alto valor 
comercial e sua possibilidade de personalização no ato da compra. 
Bairristas 
Os bairristas são exaltadores de sua cultura local. Nas 
interações, demonstraram relacionar o signo da marca a símbolos 
dessa cultura. Na comunidade da Johnnie Walker, a marca faz 
menção a aspectos que dizem respeito ao país, certos estados ou 
cidades, o que é corroborado pelos consumidores como um valor 
local. 
Corretos 
Por defenderem uma atuação de acordo com regras 
institucionalizadas, os corretos revelaram-se como sendo sujeitos 
politicamente corretos, condutores sensatos de suas vidas. Essa 
identidade revela-se em situações em que os consumidores se 
demonstraram inclinados a atitudes equilibradas relacionadas à 
marca. Desafortunados Os desafortunados são aqueles que 
demonstram desânimo em suas interações. Apareceram, na 
comunidade, frustrados ou desestimulados diante das interações feitas 
pela marca. 
Escapistas 
Os escapistas buscam fugir da realidade ou rotina. Nesse 
contexto, revelam-se ao utilizar a marca como meio para essa fuga. 
Encontraram-se, nesse sentido, consumidores declarando o desejo de 
relaxar depois de uma jornada de trabalho estressante, 
acompanhados dos signos da marca. 
Espertos 
Embora demonstrem como são conhecedores das regras e 
práticas socialmente adequadas, os espertos agem de forma contrária, 
visando ao benefício próprio. Nesse caso, demonstraram tais atitudes 
na interação com a marca e seus signos. 
Experts
Página123