A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
349 pág.
Em Seis Dias   Porque 50 Cientistas Preferiram Acreditar na Criação   John F. Ashton

Pré-visualização | Página 14 de 50

amplo e arborizado que se estende para sudoeste em direção a uma 
crista de colinas sete ou oito quilômetros de distância. Esta é uma região 
remota a que freqüentemente vêm. Geralmente, leva vários dias para encer-
rar a ritmo mais lento da natureza, mas aí já é possível ver a natureza, real-
mente ver e ouvir e aprender. 
Eu não estava vendo apenas o ponto de vista de que vale arborizado, no 
entanto. Houve uma outra visão também.Eu estava vendo a "visão" que se 
tornaria este capítulo, e eu queria saber como eu deveria descrever as idéias 
de que ela foi composta. Como palavras vieram juntos, descobriu-se que os 
dois pontos de vista não foram totalmente isolados uns dos outros. Threads 
de um tecido ficou com o outro até que não foi apenas um tecido. 
57 
 
Na visão da varanda, há muitas cores e matizes, variando de luz ao lon-
go do dia, e em condições diferentes do tempo, luzes e sombras de um pano-
rama em constante mudança. Ouvimos os sons audíveis de vento nas árvo-
res, batendo chuva, trovões e estalos que distinguem as chamadas de criatu-
ras da floresta. Pode-se também ouvir, se ouvir, a voz interior das aulas de 
ensino Criador através das coisas que Ele fez. Como ecologista cristão, eu 
preciso desses momentos de renovação entre as obras de nosso Criador. 
Essas montanhas e vales humilhar-me. A grande variedade de plantas e 
animais habitam mais de um milhão e meio de hectares de terras florestais 
circundantes montanha, prados, lagos, lagoas, rios e córregos. Eu quero sa-
ber como todas essas criaturas trabalhar uns com os outros. Esta é uma 
madeira dura e de curto folha pinhal misto. Árvores incluem variedades de 
carvalhos, ulmeiros, e nogueiras, além de árvores de goma doces e, claro, 
fica de curto folha de pinheiro, especialmente em relação aos riscos do 
sul. Wildflowers espirrar cores brilhantes em toda a paisagem da primavera 
ao outono. 
Aves de buntings e codornizes para roadrunners e perus são abundan-
tes, assim como muitas espécies de insetos, incluindo borboletas e gafanho-
tos, cigarras, abelhas, besouros e miríades mais. Os mamíferos incluem ta-
tus, esquilos, veados, ursos e coiotes. Anfíbios e répteis são comuns. À noite, 
muitas vezes eu sentar perto da lagoa e ouvir o coro sapo. Na parte da ma-
nhã, pequenos lagartos se expôr ao sol na varanda. 
Há tantas espécies, seria impossível ver ou reconhecê-los todos. Estou 
impressionado com, mas nunca vai entender completamente, o que está 
acontecendo entre eles também. No entanto, estou feliz pelo pouco que sei e 
espero para explicações adicionais. Para naquelas colinas descubro muitas 
relações maravilhosas entre diferentes criaturas. Existe um padrão entre to-
dos desta biodiversidade que pode me ajudar a entender a criação? É possí-
vel que eu pudesse conhecer o Criador melhor, também? 
Enquanto eu estava sentado na varanda em "High Sycamore", pensei 
sobre o significado de tudo isso. Por que Deus fez tal abundância? Por que 
 58 
 
houve tanta diversidade, tanta biodiversidade ? Qual foi o significado de tudo 
isso? O que isso tem a ver com os seis dias da criação? 
Pensando sobre biodiversidade 
Nos últimos anos, muita consideração e pesquisa tem ido para estudar 
a biodiversidade. Em geral, os estudos de biodiversidade têm-se centrado na 
conservação e como preservar os ecossistemas. Eles forneceram um enten-
dimento totalmente novo e abordagem para salvar espécies ameaçadas de 
extinção. Em vez de tentar salvar espécies individuais, a abordagem agora é 
salvar ecossistemas intactos, que são necessárias para a preservação e modo 
de espécies ameaçadas de extinção, bem como para aqueles não tão amea-
çada. 
A palavra "biodiversidade" foi usado pela primeira vez em uma confe-
rência no Instituto Smithsonian em setembro de 1986, e relatado na edição 
de novembro de 1986 da Revista Smithsonian. A idéia da biodiversidade foi 
compreendida muito mais cedo por alguns ecologistas, mas começou a se 
espalhar amplamente como resultado da conferência. 1 Desde então, tem si-
do cada vez mais utilizada e livros foram escritos sobre o assunto. 2 Então, 
qual é a idéia da biodiversidade? 
"Biodiversidade", obviamente, refere-se a plantas, animais e microorga-
nismos, de bactérias a fungos, que formam a sistemas-ecossistemas vivos. O 
que não são tão óbvios são outros significados que se tornaram ligado à pa-
lavra.Também se refere a diferentes populações de espécies, com seus con-
juntos exclusivos de genes e produtos de genes. 3 Ainda mais importante, 
inclui os serviços ecológicos coletivos fornecidos por essas espécies e popula-
ções diferentes que trabalham em conjunto para o outro, manter nosso pla-
neta saudável e adequado para vida. Baskin descreve a relação desta manei-
ra: "É o conjunto generoso de organismos que chamamos de" biodiversidade 
", uma web intrinsecamente ligada de seres vivos cujas atividades trabalham 
em conjunto para tornar a Terra um planeta habitável com exclusividade." 4 
Se eu tentasse listar completamente todos os serviços ecológicos, eu te-
ria, sem dúvida, falhar 5 e, além disso, seria tedioso para você. Mas alguns 
exemplos pode ser útil. Sabemos que as plantas e os animais mantêm os ní-
59 
 
veis atmosféricos relativamente constante de dióxido de carbono 6 e oxigênio 
através da fotossíntese e da respiração. Muitos decompositores manter o solo 
fértil. Serviços de biodiversidade purificar a água, desintoxicar toxinas, clima 
moderado, e polinizar flores. Todos os organismos fornecer habitats e nichos 
para outras criaturas. 
Algumas relações ecológicas são tão necessário que os organismos en-
volvidos não poderia sobreviver sem eles. Um exemplo disso é o relaciona-
mento mutuamente benéfico entre plantas e fungos micorrízicos. Tal como 
muitos como 90 por cento das espécies de plantas interagem tanto com fun-
gos generalizados que podem atender uma variedade de plantas, ou com ou-
tras pessoas que são altamente seletiva nas plantas com as quais intera-
gem. 7 Independentemente disso, estes fungos ajudam as plantas para obter 
nutrientes que de outra forma não faria ser suficientemente disponível. As 
plantas, por sua vez fornecem carboidratos para seus fungos. 
Vários experimentos 8 foram feitos para examinar a biodiversida-
de. 9 Evidentemente altamente comunidades biodiversidade são mais está-
veis, mais produtivos, têm maior fertilidade do solo e são geralmente me-
lhor. Sob estresse, no entanto, as populações de espécies individuais podem 
visivelmente variam em tamanho, mas, felizmente, serviços redundantes 
aparecem para cobrir falta imediata. No entanto, quando olhamos para o 
quadro geral, as comunidades de diversidade mais elevados são mais produ-
tivos e mais capaz de se recuperar do stress. 
Quando olhamos para o amplo retrato da biodiversidade, é claro que, 
assim como um corpo depende da divisão do trabalho entre as células, de 
modo que um ecossistema depende de divisão do trabalho fornecido pela bi-
odiversidade. Assim como existem vias metabólicas importantes em células, 
de forma que há caminhos "ecochemical" nos ecossistemas. O ciclo de azoto, 
entre muitas possibilidades, é um exemplo deste. Organismos diferentes, 
com diferentes sistemas enzimáticos, são elos essenciais nessas vias eco-
chemical. 
Serviços redundantes 
 60 
 
Um fenômeno interessante nos ecossistemas é a redundância de servi-
ços ecológicos. Isto significa que um serviço fornecido por uma espécie pode 
também ser fornecido por outras espécies. Alguns sugeriram que a redun-
dância pode fazer algumas espécies desnecessário.10 A pesquisa revela que, 
acima de um certo nível de biodiversidade vegetal, fertilidade do solo ou a 
produtividade não aumentou,