Simulado macro economia 2
3 pág.

Simulado macro economia 2


DisciplinaMacroeconomia I6.721 materiais106.345 seguidores
Pré-visualização1 página
Simulado: GST0450_SM_201102340758 V.1 
	VOLTAR 
	
	
	Desempenho: 4,0 de 8,0
	Data: 03/12/2013 08:40:42 (Finalizada)
	
	 1a Questão (Ref.: 200486185103)
	3a sem.: CLASSICOS
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Considerando a teoria formulada por Keynes: 
		
	
	Se o nível de ocupação da capacidade produtiva estiver bem próximo ao pleno emprego, não há chances de o gasto do governo provocar alta dos preços. 
	
	A política fiscal é expansionista se o governo equilibrar seu orçamento, através do aumento de impostos e redução dos gastos. 
	
	A solução para crises econômicas não está do lado da oferta agregada, e sim no estímulo à demanda agregada. 
	
	Uma situação de capacidade ociosa na economia pode ser representada por uma curva de demanda agregada que corta a oferta agregada em seu trecho vertical.
	
	Uma expansão monetária não afeta significativamente a demanda agregada se a economia estiver operando bem abaixo do pleno emprego. 
	
	
	 2a Questão (Ref.: 200486259979)
	3a sem.: Economia Clássica
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Para os clássicos, as variações de preços:
		
	
	Devem ser combatidas
	
	São função da política do governo
	
	Impedem que se tornem compatíveis as diferenças individuais
	
	Dependem da política do governo
	
	Permitem o ajustamento entre oferta e demanda dos mercados
	
	
	 3a Questão (Ref.: 200486185091)
	1a sem.: MERCANTILISTAS
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	A visão mercantilista se apoiava em dois pilares teóricos que eram: 
		
	
	a quantidade de insumos existente em um país e a tecnologia. 
	
	a crença na intervenção do governo e o metalismo. 
	
	a importância do nível de emprego e da extração de metais. 
	
	a democracia e independência das colônias. 
	
	a função de produção e o estoque de capital. 
	
	
	 4a Questão (Ref.: 200486259579)
	4a sem.: Teoria Keynesiana
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	A demanda especulativa por moeda:
		
	
	está inversamente relacionada à taxa de juros
	
	está relacionada inversamente à renda
	
	está inversamente relacionada ao grau de incerteza
	
	não está relacionada ao grau de incerteza
	
	está relacionada diretamente à renda
	
	
	 5a Questão (Ref.: 200486259981)
	4a sem.: Economia Clássica
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	Em relação à teoria quantitativa da moeda: 
		
	
	É uma teoria da determinação do nível geral dos preços pela oferta da moeda
	
	Mostra que a velocidade renda da moeda varia com a produção do país
	
	Exprime a influência da moeda sobre as grandezas reais (emprego, produção)
	
	Determina o nível de produção da economia
	
	É determinante da oferta agregada
	
	
	 6a Questão (Ref.: 200486254889)
	1a sem.: Economia Clássica
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	O modelo clássico se contrapôs à ortodoxia anterior:
		
	
	por supor a liberdade de preços na economia.
	
	ao mostrar a constância da velocidade de circulação da moeda.
	
	ao considerar a moeda como totalmente elástica.
	
	ao se opor aos preceitos keynesianos.
	
	,pois atacou a doutrina mercantilista.
	
	
	 7a Questão (Ref.: 200486185105)
	3a sem.: CLASSICOS
	Pontos: 0,0  / 1,0 
	Avalie as proposições a seguir atribuídas ao pensamento clássico: I. O nível de emprego gerado em um país depende do seu mercado de trabalho. II. A oferta agregada depende da quantidade de fatores de produção disponíveis. III. A diferença entre variáveis reais e nominais não importa para sua teoria. A opção que apresenta a(s) afirmação(ões) correta(s) é: 
		
	
	III.
	
	II. 
	
	I. 
	
	II e III. 
	
	I e II. 
	
	
	 8a Questão (Ref.: 200486185107)
	3a sem.: CLASSICOS
	Pontos: 1,0  / 1,0 
	De acordo com a teoria dos clássicos: 
		
	
	Qualquer variável componente da demanda agregada tem a capacidade de estimular a economia. 
	
	O desemprego voluntário significa que um trabalhador só não tem emprego se não quiser aceitar o salário vigente no mercado de trabalho. 
	
	Os gastos do governo ou a quantidade de moeda na economia podem ser usados como forma de eliminar o desemprego involuntário. 
	
	A capacidade de produção da economia não pode ser alterada mesmo que se considere uma perspectiva de longo prazo. 
	
	O equilíbrio da economia não está relacionado ao nível dos salários, pois independe do mercado de trabalho.
	
	
	 9a Questão (Ref.: 200486262968)
	2a sem.: Teoria Clássica
	
	Explique o conceito da produtividade marginal do trabalho.
		
	
Sua Resposta: É o aumento de renda que se dá a partir do acréscimo do fator de produção trabalho
	
Compare com a sua resposta: É a relação entre a variação na produção e a variação na quantidade de mão-de-obra empregada
	
	
	 10a Questão (Ref.: 200486262964)
	4a sem.: Teoria Clássica
	
	Na teoria quantitativa da moeda, que tem por base a equação das trocas, qual é o efeito da expansão monetária?
		
	
Sua Resposta: O aumento de preços
	
Compare com a sua resposta: O efeito é a elevação dos preços, pois a velocidade de circulação da moeda é constante.