A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
7 pág.
Avaliando Aprendizado_Redação e Produção para Áudio (Rádio) 2015.2

Pré-visualização | Página 1 de 2

REDAÇÃO E PRODUÇÃO PARA ÁUDIO (RÁDIO)
	
	Simulado: CCA0326_SM_V.1 
	Fechar 
	Aluno(a): CAROLINE 
	Matrícula: 
	Desempenho: 0,3 de 0,5
	Data: 27/11/2015 16:04:15 (Finalizada)
	�
	 1a Questão (Ref.: 201403137684)
	11a sem.: A Linguagem Radiofônica
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	A notícia para Rádio:
	
	
	Deve ser apresentada apenas na voz de um único locutor 
	
	Aprofunda nos fatos e emite a opinião do locutor.
	
	Não apresenta sonoras.
	
	Complementa a nota, com tempo de exposição curto de no máximo 1 minuto e 30 segundos.
	
	É formada por um módulo básico de informação com tempo de 2 minutos e 30 segundos.
	
	
	�
	 2a Questão (Ref.: 201403139579)
	16a sem.: Redação
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	A alternativa mais correta de frase para um texto de um radiojornal é: 
	
	
	? QUEM SERÁ O PRESIDENTE
	
	(?) QUEM SERÁ O PRESIDENTE?
	
	QUEM? SERÁ O PRESIDENTE
	
	Quem será o presidente?
	
	QUEM SERÁ? O PRESIDENTE
	
	
	�
	 3a Questão (Ref.: 201403135802)
	7a sem.: A Linguagem do Radiojornalismo
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Não devemos escrever em um texto de Rádio:
	
	
	Uma abertura interessante e informativa; 
	
	Palavras concretas como "chuva" ou "neblina" em vez de palavras abstratas como "mau tempo"; 
	
	Repetição de palavras. 
	
	Sentenças ou frases curtas; 
	
	A forma correta da pronúncia do nome de uma pessoa ou de um determinado lugar; 
	
	
	�
	 4a Questão (Ref.: 201403146252)
	16a sem.: NOTÍCIA E REPORTAGEM EM RÁDIO
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	A respeito da linguagem sonora no rádio, é correto afirmar que: (Senado/2008)
	
	
	É indispensável nos noticiários e debates, mas não deve ser utilizada nos programas de variedade, pois dá um "ar" de formalismo que pode afastar o ouvinte.
	
	É a linguagem que utiliza expressões métricas e rimas.
	
	Deve estar presente nos programas de variedades, mas é dispensável nos noticiários.
	
	 É a linguagem utilizada pelo locutor durante os programas musicais para prender a atenção do ouvinte.
	
	 É a linguagem resultante da combinação de elementos verbais (o texto) e não-verbais (sonoplastia, desempenho da voz), voltada para o entretenimento e a informação.
	
	
	�
	 5a Questão (Ref.: 201403812278)
	16a sem.: CLONE: Produção para rádio
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Produzir programas de rádio que irão integrar a grade de programação das emissoras requer especial atenção. De acordo com o que foi visto durante o curso, marque a alternativa INCORRETA, sobre os fatores que devem ser levados em conta ao se produzir um programa de rádio.
	
	
	( O ineditismo. Devem ser levadas ao ar apenas idéias que ainda não foram experimentadas por outras emissoras.
	
	( O perfil da emissora. O programa não pode destoar da programação mas deve acrescentar novidades.
	
	( As demandas que chegam à radio diariamente pro telefone, cartas e emails
	
	( A viabilidade dos quadros serem produzidos com a frequência programada
	
	( O perfil do público daquele horário
	 REDAÇÃO E PRODUÇÃO PARA ÁUDIO (RÁDIO)
	
	Simulado: CCA0326_SM_V.1 
	Fechar 
	Aluno(a): CAROLINE 
	Matrícula: 
	Desempenho: 0,1 de 0,5
	Data: 04/10/2015 23:59:42 (Finalizada)
	�
	 1a Questão (Ref.: 201403135794)
	2a sem.: O Rádio como Meio de Comunicação
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	Qual foi a primeira emissora de Rádio a obter autorização para transmitir publicidade?
	
	
	Rádio Tupi;
	
	Rádio Nacional;
	
	Rádio Globo;
	
	Rádio Sociedade do Rio de Janeiro;
	
	Rádio Clube do Brasil.
	
	
	�
	 2a Questão (Ref.: 201403133482)
	3a sem.: REDAÇÃO E PRODUÇÃO PARA ÁUDIO (RÁDIO)
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	A suíte, recurso utilizado em radiojornalismo, pode ser definida como:
	
	
	Desdobramentos dos fatos ocorridos no dia anterior, através do recurso da emoção e da edição.
	
	Estratégias desenvolvidas pelos profissionais de rádio para atrair mais ouvintes.
	
	Nenhuma das respostas.
	
	Desdobramento para a notícia que vem sendo divulgada.
	
	Formas de interpretação das notícias pelos ouvintes.
	
	
	�
	 3a Questão (Ref.: 201403133466)
	3a sem.: REDAÇÃO E PRODUÇÃO PARA ÁUDIO (RÁDIO)
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	Em radiojornalismo, a decupagem é um processo que visa facilitar e agilizar o trabalho de:
	
	
	Redação
	
	Edição
	
	Apuração
	
	Transmissão
	
	Locução
	
	
	�
	 4a Questão (Ref.: 201403137663)
	2a sem.: Linguagem Radiofônica
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	Qual a inspiração inicial do Jornal da Manhã de Roquette Pinto?
	
	
	Releases de Assessorias de Imprensa.
	
	Jornais impressos.
	
	Programas de auditório.
	
	Notícias de outras emissoras.
	
	Programas de televisão.
	
	
	�
	 5a Questão (Ref.: 201403133484)
	3a sem.: REDAÇÃO E PRODUÇÃO PARA ÁUDIO (RÁDIO)
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	Sobre a redação para rádio, marque a alternativa correta:
	
	
	Na hora de redigir um texto para rádio, é preferível usar o tempo presente do que o tempo futuro.
	
	Nenhuma das respostas.
	
	Para redigir um bom texto para rádio, é preciso conhecer, sobretudo as figuras de linguagem, já que os adjetivos são bastante utilizados.
	
	Na hora de redigir um texto para rádio, é preciso ter em mente o encadeamento da produção da notícia e optar por palavras rebuscadas.
	
	Para redigir um bom texto para rádio, é preciso utilizar muitos adjetivos para atrair, com isso, a atenção dos ouvintes.
	 REDAÇÃO E PRODUÇÃO PARA ÁUDIO (RÁDIO)
	
	Simulado: CCA0326_SM_V.1 
	Fechar 
	Aluno(a): CAROLINE 
	Matrícula: 
	Desempenho: 0,3 de 0,5
	Data: 27/11/2015 16:12:28 (Finalizada)
	�
	 1a Questão (Ref.: 201403141435)
	16a sem.: A LINGUAGEM RADIOFÔNIA
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	(PETROBRÁS) Entre os diferentes formatos de difusão de informação em rádio encontra-se o Boletim, que pode ser melhor definido como: 
	
	
	Mídia com informações sobre fatos de uma mesma área, com divulgação de notícias exclusivas desta, entrevistas, análises e opiniões sobre o conteúdo apresentado. 
	
	Transmissor de fato relevante que deve ser divulgado com rapidez, entrando durante outros programas, muitas vezes não respondendo todas as perguntas fundamentais do jornalismo, devido seu caráter emergencial. 
	
	Informação de grande importância ou impacto, que deve ser divulgada com urgência, interrompendo qualquer programação, com apresentação dos detalhes e todos os desdobramentos e dados já obtidos.
	
	Veículo que apresenta assuntos de diversas áreas divididos em editorias, com informações detalhadas dos fatos, com reportagens, podendo ser gravadas ou ao vivo, podendo conter comentários interpretativos ou opinativos. 
	
	É um noticiário apresentado com horário e duração determinados, característica musical de abertura e encerramento, texto elaborado e assuntos variados, podendo ser de caráter local, nacional ou internacional. 
	
	
	�
	 2a Questão (Ref.: 201403135837)
	5a sem.: O Rádio como Meio de Comunicação
	Pontos: 0,1  / 0,1 
	Qual o prazo para a duração da concessão de emissoras de Rádio?
	
	
	20 anos.
	
	5 anos;
	
	8 anos;
	
	10 anos;
	
	15 anos;
	
	
	�
	 3a Questão (Ref.: 201403135523)
	5a sem.: REDAÇÃO E PRODUÇÃO PARA ÁUDIO (RÁDIO)
	Pontos: 0,0  / 0,1 
	Sobre redação e produção para rádio, pode-se dizer:
	
	
	Nenhuma das respostas.
	
	As notícias não precisam ser checadas, já que qualquer informação veiculada em rádio é verdadeira.
	
	Em rádio, o jornalista não precisa fazer contato com as fontes.
	
	As falas devem ser longas e faz-se uso dos adjetivos.
	
	A reportagem, em rádio, contém pelo

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.