A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
11 pág.
historigrafia

Pré-visualização | Página 1 de 4

Sobre Antonil é INCORRETO dizer:
		
	 
	Viveu na segunda metade do século XVIII.
	
	"... todos os gêneros produzidos junto ao mar podiam conduzir-se para a Europa facilmente e os do sertão, pelo contrário, nunca chegariam a portos onde os embarcassem, ou, se chegassem, seria com despesas tais que aos lavradores não faria conta largá-los pelo preço por que se vendessem os da Marinha. Estes foram os motivos de antepor a povoação da costa à do sertão." (Frei Gaspar da Madre de Deus, em 1797.) O texto mostra
	 
	o caráter litorâneo da colonização portuguesa da América.
	 3a Questão (Ref.: 201504443450)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 4)       Saiba  (0)
	
	Muitos autores que viveram ainda no período colonial escreveram sobre a história do Brasil e de algumas de suas regiões. Qual das alternativas abaixo NÃO apresenta um autor deste período?
	 
	Caio Prado Jr.
	
	 4a Questão (Ref.: 201505015894)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 4)       Saiba  (0)
	
	O texto abaixo é um trecho da carta ao rei de Portugal, onde Pero Vaz de Caminha descreve como foi o encontro entre Cabral e dois nativos que foram levados até a nau capitânia (embarcação do capitão). ¿O Capitão [Pedro Álvares Cabral], quando eles vieram, estava sentado em uma cadeira (...) e bem vestido, com um colar de ouro, mui grande, ao pescoço. (...) E eles entraram. Mas nem sinal de cortesia fizeram, nem de falar ao Capitão; nem a alguém. (...) Mostraram-lhes um papagaio pardo que o Capitão traz consigo; tomaram-no logo na mão e acenaram para a terra, como se os houvesse ali. Mostraram-lhes um carneiro; não fizeram caso dele. Mostraram-lhes uma galinha; quase tiveram medo dela, e não lhe queriam pôr a mão. Depois lhe pegaram, mas como espantados. (...) Viu um deles umas contas de rosário brancas; fez sinal que lhas dessem, e folgou muito com elas, e lançou-as ao pescoço; e depois tirou-as e meteu-as em volta do braço, e acenava para a terra e novamente para as contas e para o colar do Capitão, como se dariam ouro por aquilo. (...) Isto tomávamos nós nesse sentido, por assim o desejarmos!¿ Após a leitura do documento, marque a alternativa correta:
	 
	Um dos aspectos perceptíveis no trecho são as diferenças culturais entre indígenas e europeus.
	
	 5a Questão (Ref.: 201505015896)
	 Fórum de Dúvidas (4)       Saiba  (0)
	
	E relação à Carta de Pero Vaz de Caminha, marque a alternativa INCORRETA:
		
	 
	Foi reproduzida e amplamente conhecida já no ano de sua produção, espalhando-se por todo o reino português.
	
	 6a Questão (Ref.: 201505017144)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 4)       Saiba  (0)
	
	Estabelecendo uma comparação entre Vilhena e Antonil, podemos considerar qual das alternativas abaixo como CORRETA?
		
	 
	O escravismo é um tema abordado pelos dois autores, o que pode ser explicado pelo próprio ambiente em que viveram e a partir do qual escreviam, a cidade Salvador.
	
	 7a Questão (Ref.: 201505015054)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 4)       Saiba  (0)
	
	Qual das aspectos abaixo NÃO foi objeto de análise de Luís dos Santos Vilhena?
	 
	O desenvolvimento da pecuária no sul do Brasil.
	
	 8a Questão (Ref.: 201505017157)
	 Fórum de Dúvidas (1 de 4)       Saiba  (0)
	
	Um aspecto que mereceu acentuada atenção de Luís dos Santos Vilhena foi a composição social da cidade de Salvador no século XVIII. Sobre essa questão, analise as afirmativas abaixo e marque a resposta correta:
	 
	Em sua análise, Vilhena focou nas contradições sociais que caracterizavam Salvador naquele momento.
	
		1.
		Sobre a contribuição do IHGB para a historiografia brasileira, pode-se afirmar que:
		
	
	 
	Sua função era de conduzir discussões e, por meio da sua Revista, publicar documentos pertinentes aos estudos históricos.
	
	
		2.
		 Leia as frases abaixo que tratam sobre Varnhagen:
 I- Sua obra História Geral do Brasil  valoriza a presença e a colonização portuguesa no Brasil.
 II-Pretendeu produzir uma  "verdade histórica" sobre o Brasil e, assim como Ranke, quis narrar os eventos tal como se passaram.
Marque abaixo a letra que demonstra quais alternativas estão corretas:
		
	
	
	  Apenas I e II
	
	
	
	
		3.
		Von Martius possui importância fundamental para a historiografia brasileira pois:
		
	
	
	  trabalhou no sentido de produzir uma história nacional que oficializasse uma relação harmoniosa entre as raças brancas e as raças inferiores.
	
	
	
		4.
		A primeira instituição voltada para a escrita da História no Brasil foi:
		
	
	
	  IHGB
	
	
		5.
		São características da obra e do pensamento de Varnhagen, EXCETO:
		
	
	 
	A idealização do indígena.
	
	
		6.
		Leia com atenção o trecho abaixo: "Há uma complementaridade entre textos e formas de ação. Escritos e práticas se unificam politicamente. Esta opção metodológica lança luz sobre a atividade política dos "intelectuais" brasileiros do século XIX." (ALONSO, Ângela. Ideias em Movimento: A geração de 1870 na crise do Brasil-Império. São Paulo: 2009, p. 34.)
As palavras da historiadora Ângela Alonso nos oferecem uma interessante chave interpretativa para a compreensão do cenário político intelectual brasileiro do século XIX que privilegia:
		
	
	
	  a impossibilidade de separar política e produção letrada.
	
	
	
		7.
		Leia atentamente o fragmento abaixo:
"Assim, é no bojo do processo de consolidação do Estado Nacional que se viabiliza um projeto de pensar a história brasileira de forma sistematizada. A criação, em 1838, do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB) vem apontar em direção à materialização deste empreendimento, que mantém profundas relações com a proposta ideológica em curso." (GUIMARÃES, Manoel Luiz Salgado. Nação e civilização nos trópicos. Revista Estudos Históricos. Rio de Janeiro. N. 1, 1998. pp.5-27. p. 6)
De acordo com as considerações de Manoel Salgado, a historiografia brasileira nasce com uma dupla dimensão:
		
	
	
	 
	Intelectual e Política, já que o IHGB foi financiado pela Monarquia e tinha como missão escrever uma história oficial.
	
	
		8.
		Leia atentamente o fragmento abaixo: "Portanto, devia ser um ponto capital para o historiador reflexivo mostrar como no desenvolvimento sucessivo do Brasil se acham estabelecidas as condições para o aperfeiçoamento de três raças humanas, que nesse país são colocadas uma ao lado da outra, de uma maneira desconhecida na história antiga, e que devem servir-se mutuamente de meio e fim." (MARTIUS, Von. Como se deve escrever a história do Brasil. In: GUIMARÃES, Manoel Luiz Salgado. Livros de fontes de historiografia brasileira. Rio de Janeiro: Ed. UERJ, 2010. p.66).
De acordo com Von Martius, vencedor do concurso de projetos proposto pelo IHGB em 1842, a principal característica da história do Brasil que deveria ser levada em conta pelo historiador interessado em escrever a história nacional era:
		
	
	
	  A mistura pacífica entre as três raças, com especial atenção para a ação civilizadora do elemento europeu.
	
	
	Sobre a historiografia nacional brasileira do século XIX é INCORRETO afirmar que:
		
	
	
	 
	Utilizava como fontes históricas todos os tipos de documentação produzidos pela sociedade colonial, incluindo fontes orais e imagéticas.
	
	
		2.
		Capistrano pode ser considerado o primeiro esforço no sentido de se fazer, já em 1907, uma nova história colonial, pois:
		
	
	
	  Insere novas problemáticas na História do Brasil e as responde a partir de uma idéia de diversidade cultural.
	
	
	
		3.
		Capistrano de Abreu é considerado um marco na historiografia brasileira

Crie agora seu perfil grátis para visualizar sem restrições.