Simulados Fisiologia do Exercício 80 questões (2016)
8 pág.

Simulados Fisiologia do Exercício 80 questões (2016)


DisciplinaFisiologia do Exercício6.818 materiais254.761 seguidores
Pré-visualização8 páginas
1a Questão (Ref.: 201407209207)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	Em um treinamento de corrida o preparador físico pede para que seu atleta realize 10 sprints (corridas curtas com alta velocidade) com duração de 5 segundos em uma rampa e entre esses esforços o atleta deveria descansar em todos os intervalos 3 min. Analisando o esforço, o tempo do treino e o tempo de recuperação, classifique o sistema de energia recrutado predominantemente durante o treino.

		

	 
	O atleta estava treinando predominantemente no sistema ATP-PC pois ele fez esforços de 10 segundos e teve tempo suficiente para recuperar as reservas de ATP-PC para o proximo esforço.

	
	O atleta estava treinando predominantemente no sistema glicolítico pois o treinamento teve uma duração de aproximadamente 15min no entanto retirando o período de recuperação só houve 50 s. de exercício efetivo.

	
	O atleta estava treinando predominantemente no sistema oxidativo e glicolítico pois esse período de treinamento teve uma duração de aproximadamente 15min., porém somente 50 s. de exercício efetivo.

	
	O atleta estava treinando predominantemente no sistema oxidativo pois o treinamento teve uma duração de aproximadamente 15 min.

	
	O atleta estava treinando predominantemente no sistema ATP-PC e Glicolítico pois não teve tempo suficiente para se recuperar no ATP-CP e acabou entrando no sistema Glicolítico.

		

	

	

	 2a Questão (Ref.: 201407712737)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	O treinamento aeróbico permite o aumento do débito cardíaco máximo, devido as adaptações geradas pelo treinamento. O gráfico abaixo evidencia esta alteração. Tendo como referencial as adaptações aeróbicas e a interpretação do gráfico abaixo, pode-se afirmar que:

		

	
	O aumento do débito cardíaco ocorre devido ao aumento da frequência cardíaca máxima, uma vez que o treinamento oportuniza esta adaptação.

	
	O débito cardíaco é determinado pelo produto da FC (frequência cardíaca )x VS (volume sistólico). Desta forma, observa-se que o coração hipertrofia sem ocorrer o aumento do volume sistólico, por meio do aumento da frequência cardíaca máxima.

	
	O aumento do débito cardíaco ocorre devido ao aumento de mitocôndrias que necessitam de maior volume sanguíneo. 

	 
	O débito cardíaco, após um período de treinamento, aumenta devido a aumento do volume sistólico gerado pelo aumento da câmara cardíaca. 

	
	O débito cardíaco aumenta devido o aumento na concentração de hemoglobinas.

		

	

	

	 3a Questão (Ref.: 201407211156)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	Qual o tempo necessário para restaurar 100% das reservas de fosfocreatina depletadas durante o exercício pelo sistema fosfagênio (ATP-PC) ?

		

	 
	Aproximadamente 5 minutos.

	
	Aproximadamente 10 minutos.

	
	Aproximadamente 48 horas

	
	Aproximadamente 1 minuto.

	
	Aproximadamente 24 horas.

		

	

	

	 4a Questão (Ref.: 201407720876)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	As enzimas são substâncias que participam em reações químicas, catalisando uma reação. Entretanto, a ação das enzimas também pode ser inibida. No que se refere às características enzimáticas e o tipo de inibição competitiva, assinale o item verdadeiro:

		

	
	Quando o pH do meio intracelular se altera também altera o funcionamento da enzima. Na inibição competitiva o sítio ativo da enzima altera a sua estrutura, impedindo a ligação com o substrato

	
	As enzimas não alteram a energia de ativação de uma reação. Na inibição competitiva o inibidor tem afinidade com o sítio ativo da enzima

	
	Temperatura e pH não alteram o funcionamento enzimático. A inibição competitiva permite que a reação não ocorra

	 
	A enzima não é consumida durante uma reação química. Durante uma inibição competitiva, o inibidor se liga ao sítio ativo da enzima

	
	A temperatura intracelular não altera o funcionamento enzimático. Ocorre competição entre inibidor e substrato em uma inibição competitiva

		

	

	

	 5a Questão (Ref.: 201407213979)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	Na natureza, todos os elementos possuem níveis de transferência energética. Ao abordarmos de forma ampla a Bioenergética, temos como base que:

		

	
	Capacidade da célula em converter glicose em proteína, para utilização em exercícios de curta duração.

	
	Capacidade da membrana plasmática de reter o ATP para ser utilizado em exercícios de longa duração.

	 
	Capacidade da célula de converter nutrientes alimentares (carboidratos, proteínas e gorduras) numa forma de energia biologicamente utilizável, de maneira contínua.

	
	Capacidade da membrana plasmática de converter Na+ em K+.

	
	Capacidade da célula de converter nutrientes gordurosos em ATP, para a utilização imediata como fonte energética.

		

	

	

	

		

	
	

	 1a Questão (Ref.: 201407724405)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	Apesar da Fosfocreatina subsidiar grande parte da energia do sistema anaeróbico alático, em momentos de rápida utilização de ATP, o sistema emergencial subsidiado pela enzima miokinase é capaz de ressintetizar moléculas de ATP e ainda sinalizar para a ativação de rotas metabólicas nas fibras I e II. A este respeito assinale a afirmativa correta

		

	
	Apesar do AMP resultante da reação da miokinase poder originar inosina monofosfato, esta molécula é integralmente reciclada a adenilosicunato a fim de formar ácido úrico

	
	A miokinase sintetiza ATP, a semelhança da fosfocreatina, á partir da energia proveniente da degradação da molécula de Arginino-fosfato

	
	Quase todo AMP formado na reação da miokinase nas fibras do tipo I, é transformado em amônia e inosina monofosfato, este último, integralmente transformado em amônia

	
	Nas fibras do tipo I, o AMP formado pela reação da miokinase produz adenosina, um poderoso agente vasoconstritor capaz de reduzir a oferta de oxigênio para fibra muscular e diretamente associado a fadiga

	 
	A miokinase é uma enzima responsável pela transferência de fosfatos entre duas moléculas de ADP e resulta na formação das moléculas de ATP e AMP e portanto impede a redução da razão ATP/ADP diretamente associada a fadiga

		

	

	

	 2a Questão (Ref.: 201407720848)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	Durante a transição do repouso para o exercício físico de intensidade vigorosa, ocorrem alterações metabólicas necessárias para continuar o movimento. Identifique o item que corresponde à transição de repouso para exercício de intensidade vigorosa.

		

	 
	As vias anaeróbias são fundamentais neste tipo de transição. Produzem energia necessária que garantem o início do exercício

	
	Em um exercício de intensidade vigorosa não existe déficit de oxigênio

	
	Durante a transição para exercício vigoroso, o consumo de oxigênio apresenta uma fase de aumento até à sua estabilização

	
	O retardo do consumo de oxigênio não depende do estado de treinamento

	
	O consumo de oxigênio estabiliza nos primeiros segundos de exercício

		

	

	

	 3a Questão (Ref.: 201407723161)
	Pontos: 0,1  / 0,1

	No ciclo de Cori, o lactato formado nos __(1)__ vai para a corrente sanguínea, e no fígado, através da __(2)__, forma __(3)__, que pode ser liberada para novamente ser usada como energia. A alternativa que melhor preenche as lacunas é:

		

	
	(1) músculos; (2) glicogenólise; (3) glicose.

	
	(1) músculos; (2) gliconeogênese; (3) glicogênio.

	
	(1) músculos; (2) gliconeogênese; (3) ácido graxo.

	 
	(1) músculos; (2) gliconeogênese; (3) glicose.

	
	(1) tecidos adiposos; (2) gliconeogênese; (3) glicose.

		

	

	

	 4a Questão (Ref.: 201407217437)
	Pontos: 0,0  / 0,1

	
A partir da análise e interpretação do gráfico acima, segundo os dados do mesmo, marque a alternativa mais correta:

		

	
	O gráfico demonstra que a contribuição do sistema aeróbio