A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
35 pág.
Exercício Psicologia Escolar

Pré-visualização | Página 1 de 13

Exercício: SDE0158_EX_A1_201402096143_V1 Matrícula: 201402096143 
Aluno(a): GUSTAVO CEZAR DE ALBUQUERQUE Data: 06/02/2017 00:51:51 (Finalizada) 
 
 
 1a Questão (Ref.: 201402249670) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
No que concerne a atuação do psicólogo escolar, podemos afirmar que: 
I- O psicólogo que atua na escola deve ter conhecimento de diferentes áreas da psicologia. 
II- Os conhecimentos da área de educação interessam somente ao pedagogo. 
III- O psicólogo que atua na escola deve ter conhecimento do universo escolar e das principais questõess que perpassam a escola na atualidade. 
Após a leitura das alternativas acima, assinale a(s) correta(s): 
 
 
I, II e III 
 I e III 
 
II e III 
 
I e II 
 
Somente a alternativa III 
 
 
 
 
 
 2a Questão (Ref.: 201402249795) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
A Psicologia Escolar surgiu como campo de atuação no Brasil juntamente com os primeiros cursos de graduação 
em Psicologia, no ano de 1962. Ao longo do tempo o foco de atuação foi alterado. Sobre isso é possível afirmar 
que: 
 
 
O foco inicial de atuação da Psicologia Escolar era a prevenção de problemas de relacionamento 
interpessoal, sobretudo na interface ensino-aprendizagem. 
 
O foco inicial de atuação da Psicologia Escolar era a intervenção institucional, buscando identificar os 
fatores que interferiam na relação professor-aluno. 
 
O foco inicial de atuação da Psicologia Escolar era a intervenção institucional, buscando identificar os 
fatores que interferiam na relação ensino-aprendizagem. 
 
O foco inicial de atuação da Psicologia Escolar era a promoção de saúde e cidadania, tendo evoluído 
posteriormente para atenção aos problemas de aprendizagem. 
 O foco inicial de atuação da Psicologia Escolar brasileira era o ajustamento e a adaptação, em que o 
psicólogo diagnosticava os alunos com dificuldades de aprendizagem. 
 
 Gabarito Comentado 
 
 
 
 
 3a Questão (Ref.: 201402249648) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
Os sujeitos que compõem o espaço escolar podem apresentar diferentes patologias. No que tange à essa 
questão o psicólogo que atua na escola: 
 
 
deve conhecer as diferentes patologias para que possa identificá-las a fim de sugerir a transferência dos 
alunos para escolas especiais. 
 
as patologias são objeto de estudo do psicólogo clínico e este deve ser solicitado à comparecer à escola 
para identificar possíveis patologias nos alunos. 
 identifica patologias e dificuldades cognitivas nos alunos e atua orientando pais e professores. - CORRETA 
 
não precisa conhecer as diferentes patologias, já que não atua como psicólogo clínico. 
 
deve conhecer as diferentes patologias e tratá-las do próprio ambiente escolar. 
 
 
 
 
 
 4a Questão (Ref.: 201402249821) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
O psicólogo escolar atua na escola de forma preventiva. Isto significa que: 
 
 Traça estratégias de atuação que evitem a ocorrência dos problemas mais freqüentes ou atenuem sua 
intensidade. 
 
Resolvem basicamente os problemas já existentes na relação professor-aluno. 
 
Identifica e ajuda a resolver problemas ligados a dificuldades de aprendizagem dos alunos. 
 
Diagnostica os problemas apresentados pelos alunos e encaminha-os para tratamentos externos. 
 
Resolve problemas instalados antes que se tornem mais graves. 
 
 
 
 
 
 5a Questão (Ref.: 201402249748) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
Sobre o contexto de surgimento da Psicologia Escolar em países estrangeiros como Estados Unidos, França, 
Suíça e Inglaterra é possível afirmar que: 
 
 O conhecimento produzido pela Psicologia geral no campo da aprendizagem, da percepção e da memória 
auxiliou as reflexões do processo ensino-aprendizagem, possibilitando o surgimento da Psicologia Escolar 
no século 19. 
 A Psicologia Escolar teve, desde o início, produção de conhecimento específica às suas necessidades, sem 
conexão com a Psicologia geral. 
 
O trabalho do psicólogo escolar sempre buscou o atendimento exclusivo aos professores. 
 
A aplicação do conhecimento da Psicologia no universo escolar tinha o intuito de considerar os aspectos 
institucionais envolvidos nas dificuldades de aprendizagem dos alunos. 
 
O trabalho inicial (século 19) ocorria com professores e pais, com atuação institucional e preventiva. 
 
 
 
 
 
 6a Questão (Ref.: 201402249830) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
Sobre o surgimento da Psicologia Escolar afirma-se: I. Surgiu no ano de 1876, nos Estados Unidos, com a 
publicação de um artigo de Lightner R. Witmer sobre crianças com dificuldades de aprendizagem. II. Surgiu no 
ano de 1867, na França, com a publicação de uma pesquisa realizada por Alfred Binet sobre memorização. III. 
Surgiu no final do século XIX, a partir de pesquisas e práticas de profissionais norte-americanos e europeus. 
Está CORRETO o que se afirma em: 
 
 
Apenas II 
 
Apenas I e III 
 
Apenas I 
 
Apenas II e III 
 Apenas III 
 
 Gabarito Comentado 
 
 
 
 
 7a Questão (Ref.: 201402249657) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
No que concerne aos conhecimentos necessários a atuação do psicólogo na escola, podemos afirmar que: 
I- O psicólogo deve conhecer as diferentes patologias para poder identificá-las nos alunos. 
II- O psicologo deve conhecer os processos cognitivos de atenção, memória e pensamento para poder identificar dificuldades de aprendizagem relacionadas com 
esses processos. 
III- O psicólogo deve ocupar-se somente das questões relacionais, e o conhecimento sobre relações interpessoais é necessário a sua prática. 
Após a leitura das alternativas acima, assinale a(s) correta(s): 
 
 
I, II e III 
 I e II 
 Somente a I é verdadeira 
 
II e III 
 
I e III 
 
 
 
 
 
 8a Questão (Ref.: 201402249844) Fórum de Dúvidas (0) Saiba (0) 
 
A Psicologia Escolar é uma área de atuação profissional que teve seu surgimento impulsionado, sobretudo, pela 
necessidade de: 
 
 Ampliar a compreensão sobre o processo de ensino-aprendizagem. 
 
Orientar professores que não conseguiam atuar com educação inclusiva. 
 
Orientar pais de crianças que apresentavam desajustes de conduta. 
 
Orientar professores que não conseguiam atuar com portadores de necessidades especiais. 
 
Construir alternativas à dura realidade do fracasso escolar. 
Leia um trecho do relato da psicóloga escolar Flávia Asbarh no Boletim Eletrônico da ABRAPEE sobre o Projeto 
Político Pedagógico: ¿A origem dessa pesquisa está em alguns questionamentos que surgiram no decorrer de 
minha atuação como psicóloga escolar em escolas públicas. Nas diversas escolas pelas quais passei, algumas 
questões sempre me incomodavam: