A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
APOSTILA DE TERMINOLOGIA pdf.pdf

Pré-visualização | Página 1 de 8

[Digite texto] 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
[Digite texto] 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
TERMOS GERAIS 
 
[Digite texto] 
 
Radiografia 
Uma radiografia é um filme ou outro material de base que possui uma 
imagem processada de uma determinada região anatômic a do paciente 
(produzida pela ação dos raios X no filme). 
 
Radiografar: É a produção de radiografias e/ou outras formas de imagens 
radiográficas. 
 
Radiografia VS. filme de raios X : O filme de raios X refere-se 
especificamente à parte física do material ond e a imagem radiográfica será 
exposta. O termo radiografia inclui o filme e a imagem. 
 
Imagens radiográficas : As imagens radiográficas podem ser obtidas, vistas e 
armazenadas como cópias físicas (radiografias) ou como imagens digitais, que 
podem ser manipuladas, vistas e armazenadas digitalmente. 
 
Exame ou procedimento radiográfico 
Um técnico/radiologista é mostrado posicionando o paciente para um exame 
de rotina de tórax 
1-Posicionamento da parte do corpo e alinhamento do raio central (RC) 
2. Seleção de medidas de proteção contra a radiação 
3-Seleção dos fatores de exposição (técnica radiográfica) no painel de 
controle 
4-Instrução do paciente para respirar e, em seguida, início da exposição 
5-Revelação do filme 
 
Posição anatômica 
Em posição vertical, braços aduzidos (para baixo), palmas para frente, cabeça 
e pés virados exatamente para a frente. Essa posição corporal específica é 
usada como referência para outros termos de posicionamento 
 
Observação : Quando se referir a uma parte específica do corpo em relação a 
outras partes, o técnico/radiologista sempre precisa pensar na pessoa em 
posição ortostática e anatômica, mesmo quando for descrever as partes de um 
paciente que está deitado; caso contrário, pode ocorrer confusão ao realizar a 
descrição. 
 
[Digite texto] 
 
Planos Corpóreos, Cortes e Linhas 
 
PLANO: SUPERFÍCIE EM LINHA RETA QUE -- UNE DOIS PONTOS 
Quatro planos comuns são usados em 
radiologia: 
 
Plano sagital 
 Um plano sagital é qualquer plano 
longitudinal que divide o corpo em uma parte 
direita e uma parte esquerda . 
O plano médio-sagital,por vezes chamado 
também de plano mediano , é um plano sagital 
que passa pela linha média dividindo o corpo em 
duas partes iguais, uma direita e uma 
esquerda.Ela passa aproximadamente através da 
sutura sagital do crânio. Qualquer p iano paralelo 
ao plano mediano ou mediossagital é chamado de 
piano sagital. 
 
Plano Coronal 
Um plano coronal é qualquer plano longitudinal que divida o corpo em 
partes anterior e posterior . 
O plano mediocoronal divide o corpo em partes anteriores e posteriores 
iguais. É denominado plano coronal porque passa aproximadamente através da 
sutura coronal do crânio. Qualquer plano paralelo ao plano médio coronal ou 
frontal é denominado plano coronal. 
 
Plano horizontal (axial) 
Um plano horizontal (axial) é qualqu er plano 
transverso que passa através do corpo em ângulo reto 
ao plano longitudinal , dividindo o corpo em porções 
superior e inferior. 
 
 
Plano oblíquo 
Um plano oblíquo é um plano longitudinal ou 
transverso que está angulado ou inclinado e não 
paralelo aos planos sagital, coronal ou horizontal. 
 
CORTE: UMA SUPERFíCIE DE "CORTE" OU "FATIA" 
Cortes longitudinais - sagital, coronal e oblíquo 
Esses cortes são feitos longitudinalmente na direção do eixo longitudinal do 
corpo ou de qualquer uma de suas partes, inde pendentemente da posição do 
corpo (em pé ou deitado).Os cortes longitudinais podem ser feitos nos planos 
sagital, coronal ou oblíquo. 
Cortes transversais ou axiais 
Os cortes são feitos em ângulo reto ao longo de qualquer ponto do eixo 
longitudinal do corpo ou de qualquer uma de suas partes. Imagens sagital , 
coronal e axial: As imagens por TC e de RM são obtidas nessas três inci dências 
ou orientações comuns. 
 
 
 
 
[Digite texto] 
 
PLANOS DO CRÂNIO 
Plano da base do crânio 
Esse plano transverso preciso é formado pela conexão d e 
linhas das margens infra -orbitárias (limite inferior das órbitas 
ósseas) às margens superiores do meato acústico externo 
(MAE, a abertura externa do ouvido). 
Algumas vezes, também é chamado de plano antropológico 
ou plano horizontal de Frankfort , como usado em ortodontia e em topografia 
craniana para medir e localizar pontos cranianos específicos ou estruturas. 
 
 
Plano de oclusal 
Esse plano horizontal é formado pelas superfícies de mordedura dos dentes 
superiores e inferiores com a mandíbula fechada (usa do como um piano de 
referência da cabeça nas radiografias dentais e de crânio). 
 
Superfícies e Partes do Corpo 
 
Posterior ou dorsal 
Refere-se à metade dorsal do paciente, ou aquela parte do corpo observada 
quando vemos uma pessoa de costas; inclui as plan tas dos pés e o dorso das 
mãos na posição anatômica 
 
Anterior ou ventral 
Refere-se à metade frontal do paciente, ou aquela parte do corpo observada 
quando vemos uma pessoa de frente; inclui o dorso dos pés e as palmas das 
mãos na posição anatômica 
 
TERMOS PARA SUPERFíCIES DAS MÃOS E DOS PÉS 
Três termos são usados em radiologia para descrever superfícies específicas 
dos membros superiores e inferiores como descritos a 
seguir: 
 
Plantar 
Refere-se à região plantar ou à superfície posterior 
do pé 
 
Dorsal 
Pé: Refere-se à parte de cima ou à superfície anterior do pé 
 
Mão : Refere-se à parte de trás ou à parte posterior da mão. 
Observação: Os termos dorso ou dorsal em geral referem -se à parte posterior 
ou vertebral do corpo. Entretanto, quando usado em relação aos pés, o dorso 
refere-se especificamente à superfície superior, ou aspecto anterior, do pé em 
oposição à sola, mas, para a mão, à parte de trás ou posterior é a superfície 
oposta à palma. 
 
Palmar (volar) 
Refere-se à palma da mão; na posição anatômica, é o me smo que superfície 
anterior 
ou ventral da mão. Fig. 1.42 Superfícies dorsal e palmar da mão. 
 
 
 
 
[Digite texto] 
 
 
INCIDÊNCIAS RADIOGRÁFICAS 
Incidência é um termo de posicionamento que descreve a direção ou trajetória 
do RC da fonte de raios X quando estes atravessam o pa ciente, projetando uma 
imagem no filme. 
 
 
TERMOS COMUNS DE INCIDÊNCIA 
 
Incidência Póstero-Anterior (PA) 
É a incidência do RC de trás para a frente. 
A combinação desses dois termos, posterior e anterior, em uma única palavra 
é abreviada como PA. O RC penetra na superfície posterior e sai na superfície 
anterior (incidência em PA). Obtém-se uma PA verdadeira quando não há 
rotação intencional precisando o RC estar perpendicular ao plano coronal do 
corpo e paralelo ao plano sagital , a menos que algum termo que qualifique 
como oblíqua ou em rotação seja usado para indicar em contrário 
 
Incidência ântero-posterior (AP) 
É uma incidência do RC de frente para trás, o oposto de PA. 
A combinação desses dois termos, anterior e posterior, em uma única palavra 
descreve a direção do RC, que penetra na superfície