FIS   UNO
337 pág.

FIS UNO


DisciplinaVestibulando161 materiais314 seguidores
Pré-visualização50 páginas
térmica da água não depende da massa.
64. A água ganha calor da chama do fogão, através da panela, para manter sua tempera-
tura de ebulição e ceder energia para o macarrão e para o meio ambiente.
Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.
62. U. Católica-DF A energia térmica, sem muito rigor denominada genericamente calor,
pode ser transferida de um corpo a outro de várias formas, podendo provocar variados
efeitos nos corpos que a recebem ou perdem. A esse respeito, escreva V para as afirmati-
vas verdadeiras ou F para as afirmativas falsas.
( ) Quando se levanta, uma pessoa julga (ao contato dos pés nus) que o chão de madei-
ra do quarto apresenta temperatura superior à da maçaneta metálica (ao toque da
mão); isso se deve ao fato de que os metais são mais frios que as madeiras.
( ) Quando uma garrafa de vidro transparente contendo água é colocada ao ar
livre, exposta à radiação solar direta durante algum tempo, a água se aquece;
a causa desse aquecimento é a conversão de energia luminosa em energia
térmica.
( ) Quando colocamos um ovo para cozinhar, imerso em água quente, o ovo se aquece
devido à transferência de calor da água para ele, predominantemente por meio do
processo de condução térmica.
( ) O aumento de temperatura que a água sofre ao passar por um chuveiro elétrico
funcionando adequadamente se deve à passagem da corrente elétrica pela água.
( ) No interior do País é muito comum a utilização de moringas, ou bilhas d\u2019água,
feitas de barro; a alegação dos usuários é que elas mantêm a água fresquinha, a
temperatura inferior à do ambiente, sem necessidade de geladeira. A argumentação
apresentada é procedente, e se justifica pela evaporação.
63. UFMT Caju, que gosta de pescar, costuma moldar seus próprios chumbos de pescaria.
Para fazer isso, coloca um pedaço de cano de chumbo dentro de uma lata e deixa-o por
algum tempo na chama forte de um fogão.
Depois de derretido, o chumbo líquido é colocado dentro de uma forma. A partir dessa
fase, julgue as proposições.
( ) O chumbo cede calor para o ambiente e solidifica-se novamente, assumindo a for-
ma desejada.
( ) Durante a solidificação, a temperatura do chumbo varia, perdendo calor para o
ambiente.
( ) Durante a solidificação, coexistem as fases líquida e sólida do chumbo.
( ) No processo de solidificação, o grau de agitação molecular tende a permanecer
constante.
FÍSICA - Termologia, dilatação e transmissão de calor
IM
PR
IM
IR
Voltar
GA
BA
RI
TO
Avançar
15
64. UFR-RJ Sobre calorimetria de uma dada substância, são feitas as seguintes afirmações:
I. Calor sensível é o calor cedido ou absorvido, provocando apenas variação de tempe-
ratura.
II. Calor latente é o calor cedido ou absorvido, provocando mudança de fase.
III. Capacidade térmica é o quociente entre a massa do corpo e o calor específico.
IV. A quantidade de calor cedida ou recebida é o quociente entre a capacidade térmica e
a variação de temperatura.
Sobre as afirmativas acima, pode-se afirmar que:
a) I e II estão corretas; d) III e IV estão corretas;
b) I e III estão corretas; e) II, III e IV estão corretas.
c) II e IV estão corretas;
65. PUC-RJ A Organização Mundial de Saúde (OMS) divulgou recentemente um relatório
sobre o impacto na saúde humana da radiação emitida pelos telefones celulares. Neste
relatório, a OMS destaca que sinais emitidos por estes aparelhos conseguem penetrar em
até 1 cm nos tecidos humanos, provocando um correspondente aumento da temperatura
do corpo.
Considerando que o corpo humano é formado basicamente por água, estime o tempo
total de conversação necessário para que um usuário de 60 kg tenha um acréscimo de
temperatura de 1ºC. Os sinais emitidos pelos celulares têm, em média, uma potência de
0,4 W e só são gerados enquanto o usuário fala ao telefone. O calor específico da água
vale 1 cal/g.ºC. Considere que apenas 50% da energia emitida pelo celular seja responsá-
vel pelo referido aumento de temperatura (1 cal = 4,2 J).
66. UFSE A temperatura absoluta de um gás perfeito é uma indicação direta:
a) da quantidade de movimento média das moléculas;
b) da energia cinética média das moléculas;
c) do caminho livre médio;
d) da velocidade máxima das moléculas;
e) do número de moléculas por centímetro cúbico.
67. UFRN Quantidades de massas diferentes de água pura e óleo comum de cozinha (am-
bas nas mesmas condições de pressão e temperatura), podem ter o(a) mesmo(a):
a) capacidade térmica; c) densidade;
b) condutividade térmica; d) calor específico.
68. UFPR Um estudante coloca pedaços
de estanho, que estão a uma tempera-
tura de 25ºC, num recipiente que con-
tém um termômetro e os aquece sob
pressão constante. Depois de várias
medições, o estudante elabora o grá-
fico mostrado abaixo, que representa
as temperaturas do estanho em fun-
ção do tempo de aquecimento.
Com base no enunciado e no gráfico,
é correto afirmar:
( ) A temperatura de fusão do esta-
nho é 232ºC.
( ) Entre 100 s e 200 s do início da experiência, o estanho se apresenta totalmente no
estado líquido.
( ) Suponha que a capacidade calorífica dos pedaços de estanho seja igual a 100 cal/
ºC. Então, nos primeiros 100 s da experiência, os pedaços de estanho absorvem
uma quantidade de calor igual a 20,7 kcal.
( ) Entre 100 s e 200 s do início da experiência, o estanho não absorve calor.
( ) A temperatura do estanho no instante 300 s do início da experiência é igual a 673 K.
FÍSICA - Termologia, dilatação e transmissão de calor
IM
PR
IM
IR
Voltar
GA
BA
RI
TO
Avançar
16
69. UFMT Como a maioria das substâncias, a água pode existir como sólido, líquido, gás e
até atingir o estado de plasma. Sobre os estados físicos da água, julgue as afirmativas.
( ) Aquecido, o gelo pode se transformar em água líquida. Essa mudança ocorre a uma
determinada temperatura, normalmente 0ºC. Sob pressão normal, a água se man-
tém líquida até 100ºC.
( ) O calor necessário para transformar gelo em água líquida, ou esta em gás, é chama-
do Calor Latente.
( ) No interior das panelas de pressão de uso doméstico, o alimento é cozido rapida-
mente porque a alta pressão permite que a temperatura da água se mantenha acima
do seu ponto de ebulição normal.
( ) Quanto maior for a pressão que atua sobre um sólido, mais baixo será o seu ponto
de fusão, e a água não constitui uma exceção.
( ) A água, quando não suficientemente quente para ferver sob pressão normal, pode
entrar em ebulição ao ser reduzida a pressão ambiente.
( ) Quando se aquece um sólido suficientemente, ele vira líquido; quando se esquenta
suficientemente esse líquido, ele vira gás; quando o gás é aquecido suficientemen-
te, vira plasma. Em cada uma dessas passagens, a matéria em questão ganha ener-
gia, de modo que o quarto estado é o mais energizado de todos.
70. UFMT Observe o gráfico a seguir,
que mostra a evolução temporal da
temperatura de 5 g de uma substância
cujo calor específico é de 0,5 cal/gºC.
Essa substância precisa receber 50 cal/
g para passar do estado sólido para o
estado líquido e 100 cal/g para passar
do estado líquido para o estado de gás.
Com base no gráfico e nas informações
dadas acima, é correto afirmar que:
01. a substância sofreu duas mudanças de fase.
02. entre os instantes t1 e t2 , a substância passou da fase sólida para a fase líquida e
recebeu 250 cal.
04. a passagem para a fase gasosa aconteceu entre os instantes t4 e t5.
08. a fase líquida aconteceu entre os instantes t2 e t3.
16. para passar da fase líquida para a fase gasosa, a substância recebeu 500 cal entre os
instantes t3 e t4.
Dê, como resposta, a soma das alternativas corretas.
71. UERJ Suponha que uma pessoa precise de 2400 kcal/dia para suprir suas necessidades
de energia. Num determinado dia, essa pessoa, além de executar suas atividades regula-
res, caminhou durante uma hora. A energia gasta nessa caminhada é a mesma necessária