SEMANA 1 RESPONDIDO
1 pág.

SEMANA 1 RESPONDIDO


DisciplinaDireito Penal II11.436 materiais288.177 seguidores
Pré-visualização1 página
SEMANA 1
O CONCRETO
Leia o caso concreto abaixo e responda às questões formuladas com base nas leituras
indicadas no plano de aula e pelo seu professor.
CARLOS, funcionário público de um determinado Ente Federativo, auxiliado por
seu irmão SÉRGIO, vendedor autônomo, no dia 14 de janeiro de 2016, apropriouse,
em proveito de ambos, de alguns Notebooks pertencentes à repartição pública
em que se achava lotado, os quais eram utilizados, diariamente, para a realização
de suas tarefas administrativas. Levado o fato ao conhecimento da autoridade
policial, instaurou-se o competente inquérito, restando indiciados CARLOS e
SÉRGIO, sendo o primeiro como incurso no art. 312, caput, e o segundo no art.
168, ambos do Código Penal. Pergunta-se: Está correta tal classificação?
RESPOSTA
O crime de peculato é um crime próprio, onde o tipo penal exige uma situação de fato ou de direito deferenciada por parte do sujeito ativo, mas podem ser praticados em coautoria, na impede seja um crime próprio cometido por uma epssoa que preecha uma situação fática ou jurídica pela lei em concurso com terceira pessoa, sem essa qualidade, ambos respondem por peculato. 
Essa conclusão se coaduna com a regra traçada pelo art. 30 do código penal por ser a condição de funcionário público elementar do peculato, comunica-se a quem participa do crime, desde que dela tenha conhecimento.
QUESTÕES OBJETIVAS
. 1) A respeito do concurso de pessoas, assinale a opção correta. (TRE-PI 2016 ? CESPE) R: D
a)As circunstâncias objetivas se comunicam, mesmo que o partícipe delas não tenha
conhecimento.
b)Em se tratando de peculato, crime próprio de funcionário público, não é possível a
coautoria de um particular, dada a absoluta incomunicabilidade da circunstância
elementar do crime.
c)A determinação, o ajuste ou instigação e o auxílio não são puníveis.
X d)Tratando-se de crimes contra a vida, se a participação for de menor importância, a
pena aplicada poderá ser diminuída de um sexto a um terço.
e)No caso de um dos concorrentes optar por participar de crime menos grave, a ele
será aplicada a pena referente a este crime, que deverá ser aumentada mesmo na
hipótese de não ter sido previsível o resultado mais grave.
2) Sobre a participação em sentido estrito, é correto afirmar que: (Polícia Civil ? PA /
2016)
a)adota-se, no Brasil, a teoria da acessoriedade máxima.
b)o auxílio material é ato de participaçao em sentido estrito, ao passo em que a
instigação é conduta de autor.
c)assume a condição de participe aquele que executa o crime, salvo quando adotada a
teoria subjetiva.
d)não há participação culposa em crime doloso.
e)na teoria do domínio do fato, participa é a figura central do acontecer típico
Desenvolvimento