A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
22 pág.
ATLAS HISTOLOGIA

Pré-visualização | Página 1 de 2

Atlas de Histologia Tecidual Atlas de Histologia Tecidual 
Módulo IMódulo I
Sandra Iara Lopes SeixasSandra Iara Lopes Seixas
Terezinha de Jesus Terezinha de Jesus SirotheauSirotheau--CorrêaCorrêa
Atlas de Histologia Atlas de Histologia 
Tecidual Módulo ITecidual Módulo I
Sandra Iara Lopes Seixas
Professora Adjunta do 
Departamento de Morfologia da 
Universidade Federal Fluminense
Terezinha de Jesus Sirotheau-
Corrêa
Professora Titular do Departamento 
de Morfologia da Universidade 
Federal Fluminense
TecidosTecidosTecidosTecidosTecidosTecidosTecidosTecidos EpiteliaisEpiteliaisEpiteliaisEpiteliaisEpiteliaisEpiteliaisEpiteliaisEpiteliais
Tecido EpitelialTecido Epitelial
*
NN
EPITÉLIOEPITÉLIO
LÂMINA PRÓPRIALÂMINA PRÓPRIA
**
Fig.01: EPITÉLIO DE REVESTIMENTO CÚBICO EPITÉLIO DE REVESTIMENTO CÚBICO 
SIMPLESSIMPLES. 
A seta aponta para uma célula cúbica (Tracejado); 
os núcleos (N) esféricos são indicados pelas 
cabeças de setas; a luz do túbulo renal marcada 
pelos asterísticos (*).Rim. Coloração: Hematoxilina-
Eosina. Objetiva: 40x
NN
NN
Fig.02: EPITÉLIO DE REVESTIMENTO CILÍNDRICO EPITÉLIO DE REVESTIMENTO CILÍNDRICO 
SIMPLESSIMPLES. 
A seta aponta para uma célula cilíndrica (Tracejado); 
os núcleos (N) elípticos são indicados pelas cabeças 
de setas. Estômago. Coloração: Tricrômio de Gomori. 
Objetiva: 40x
NN
NN
Tecido EpitelialTecido Epitelial
NN
*
*
EPITÉLIO
NN
EPITÉLIO
LÂMINA PRÓPRIA
VSVL
Fig.03: EPITÉLIO DE REVESTIMENTO PAVIMENTOSO EPITÉLIO DE REVESTIMENTO PAVIMENTOSO 
SIMPLESSIMPLES. 
As setas apontam para células pavimentosas 
(Tracejado).Rim (Cápsula Renal) Coloração: 
Hematoxilina- Eosina. Objetiva: 40x
Fig.04: EPITÉLIO DE REVESTIMENTO CILÍNDRICO EPITÉLIO DE REVESTIMENTO CILÍNDRICO 
PSEUDOESTRATIFICADO COM CÍLIOS E CÉLULAS PSEUDOESTRATIFICADO COM CÍLIOS E CÉLULAS 
CALICIFORMESCALICIFORMES. 
As setas apontam células caliciformes; os núcleos das 
células cilíndricas são indicadas pelas cabeças de 
setas;os cílios são marcados pelos asterísticos (*); 
podem ser visualizados no campo um vaso sanguíneo 
(VS)e um linfático (VL). Traquéia. Coloração: 
Hematoxilina- Eosina.Objetiva:40x
Tecido EpitelialTecido Epitelial
*
EPITÉLIOEPITÉLIO
EPITÉLIOEPITÉLIO
LÂMINA PRÓPRIALÂMINA PRÓPRIA
*
LÂMINA PRÓPRIALÂMINA PRÓPRIA
Fig.05: EPITÉLIO DE REVESTIMENTO ESTRATIFICADO EPITÉLIO DE REVESTIMENTO ESTRATIFICADO 
PAVIMENTOSO QUERATINIZADO PAVIMENTOSO QUERATINIZADO . 
As setas apontam a camada de células basais; a camada 
córnea (de queratina) é indicada pelos asterísticos (*). 
Pele Espessa. Coloração: Hematoxilina-
Eosina.Objetiva:10x
Fig.06: EPITÉLIO DE REVESTIMENTO EPITÉLIO DE REVESTIMENTO 
ESTRATIFICADO PAVIMENTOSO NÃO ESTRATIFICADO PAVIMENTOSO NÃO 
QUERATINIZADO QUERATINIZADO . 
As setas apontam o núcleo das células 
pavImentosas. Esôfago. Coloração: Hematoxilina-
Eosina.Objetiva:40x
CÉLULA CÉLULA 
PAVIMENTOSAPAVIMENTOSA
Tecido EpitelialTecido Epitelial
EPITÉLIOEPITÉLIO
LL
CgCg
Fig.07: EPITÉLIO DE TRANSIÇÃOEPITÉLIO DE TRANSIÇÃO
As setas apontam o núcleo da célula 
globosa (tracejado- binucleada)ou 
célula em raquete; a extremidade 
superior consiste na luz do órgão 
(L).Essa amostra foi obtida de uma 
LÂMINA PRÓPRIALÂMINA PRÓPRIA
(L).Essa amostra foi obtida de uma 
Bexiga vazia, relaxada, como 
indicado pelas células globosas (Cg). 
Coloração: Hematoxilina-
eosina.Objetiva:40x
Tecido Epitelial: Epitélios GlandularesTecido Epitelial: Epitélios Glandulares
LL
Fig.08: CÉLULAS CALICIFORMESCÉLULAS CALICIFORMES
(setas).Luz (L) Jejuno. Coloração: 
Hematoxilina-Eosina. Objetiva: 40x.
Fig.09: GLÂNDULAGLÂNDULA TUBULOSATUBULOSA SIMPLESSIMPLES
(glândula intestinal). Intestino delgado. Coloração:
Hematoxilina-Eosina. Objetiva: 40X.
Tecido Epitelial: Epitélios GlandularesTecido Epitelial: Epitélios Glandulares
L
LL
Fig.10: GLÂNDULAGLÂNDULA EXÓCRINAEXÓCRINA COMPOSTACOMPOSTA
ACINOSAACINOSA RAMIFICADARAMIFICADA (Pâncreas). Ácinos
Serosos Os núcleos esféricos e centrais são
indicados pelas setas; a luz é indicada pela letra
(L) . Coloração:Hematoxilina-eosina. Objetiva: 40X.
Fig.11: GLÂNDULAGLÂNDULA EXÓCRINAEXÓCRINA COMPOSTACOMPOSTA
TUBULOTUBULO ACINOSAACINOSA (glândula salivar lingual).
Ácinos Mucosos. Os núcleos achatados e
periféricos dos ácinos são indicados pelas setas.
Coloração:Hematoxilina-Eosina.Objetiva:40X
TC ÁCINO ÁCINO 
MUCOSOMUCOSO
Tecido Epitelial: Epitélios GlandularesTecido Epitelial: Epitélios Glandulares
DD
SS
SS
SS
Fig.13: GLÂNDULAGLÂNDULA EXÓCRINAEXÓCRINA SIMPLESSIMPLES
ALVEOLARALVEOLAR RAMIFICADARAMIFICADA (glândula sebácea).
Ducto (D) e Porção Secretora (S). Pele fina.
Coloração: Tricrômico de Gomori. Objetiva: 10X.
Esquema: Reproduzido de acordo com Junqueira
e Carneiro. Histologia Básica. 2004.
Fig.12:GLANDULAGLANDULA EXÓCRINAEXÓCRINA APÓCRINAAPÓCRINA:
Corte da porção secretora de uma glândula
mamária. A secreção apócrina (setas),
caracteriza-se pela eliminação do produto de
secreção acompanhado de parte do
citoplasma;as células mioepiteliais podem ser
observadas pela cabeça de seta.
Tecido Epitelial: Epitélios GlandularesTecido Epitelial: Epitélios Glandulares
FOLÍCULOSFOLÍCULOS** **
TIREÓIDETIREÓIDE
Fig.14: GLÂNDULAGLÂNDULA ENDÓCRINAENDÓCRINA VESICULARVESICULAR OUOU
FOLICULARFOLICULAR (tireóide). Colóide asterísticos (**)
GLÂNDULAGLÂNDULA ENDÓCRINAENDÓCRINA CORDONALCORDONAL (Paratireóide)
Coloração: Hematoxilina-Eosina.Objetiva 40X.
**
PARATIREÓIDEPARATIREÓIDE
Tecido ConjuntivoTecido ConjuntivoTecido ConjuntivoTecido ConjuntivoTecido ConjuntivoTecido ConjuntivoTecido ConjuntivoTecido Conjuntivo
Tecido Conjuntivo Propriamente DitoTecido Conjuntivo Propriamente Dito
N
**
**
**
**
Fig.15 TECIDO CONJUNTIVO MESENQUIMALTECIDO CONJUNTIVO MESENQUIMAL. 
Observa-se o núcleo das células mesenquimatosas 
(N),alguns vasos sanguíneos (VS) e o prolongamento 
do citoplasma característico dessas células (cabeças 
de setas).Coloração: Hematoxilina- Eosina. Objetiva: 
40x.
VS
Fig.16 TECIDO CONJUNTIVO FROUXOTECIDO CONJUNTIVO FROUXO. O núcleo 
dos fibroblastos é indicado pelas setas;alguns vasos 
sanguíneos são indicados pelos asterísticos. 
Coloração: Hematoxilina-Eosina. Objetiva:40x.
FIBRAS FIBRAS 
COLÁGENASCOLÁGENAS
**
**
Tecido Conjuntivo Propriamente DitoTecido Conjuntivo Propriamente Dito
F F
F
Fig.17: : TECIDO CONJUNTIVO DENSO NÃO TECIDO CONJUNTIVO DENSO NÃO 
MODELADO.MODELADO.
As fibras colágenas estão delimitadas pelo tracejado. 
Note que as fibras estão dispostas em direções 
distintas. Coloração:Tricrômio de Gomori. Objetiva:40x.
Fig.18: TECIDO CONJUNTIVO DENSO TECIDO CONJUNTIVO DENSO 
MODELADOMODELADO. Observam-se feixes espessos e 
paralelos de fibras colágenas que preenchem os 
espaços entre os fibroblastos (F).Coloração: Tricrômio 
de Gomori. Objetiva: 40x
Células do ConjuntivoCélulas do Conjuntivo
VSVS
VSVS
VSVS
Fig.19::FIBROBLASTOS FIBROBLASTOS (setas); 
vasos sanguíneos (VS). 
Coloração:P.A.S./Hematoxilina/ 
Fast Green. Objetiva: 40x
Fig.20::PLASMÓCITOS PLASMÓCITOS (setas); 
vasos sanguíneos (VS). Coloração: 
HE. Objetiva: 40x
Fig.21::MASTÓCITOS MASTÓCITOS (setas). 
Coloração: Tricrômio de Gomori. 
Objetiva: 40x
Fig.22::MACRÓFAGOS MACRÓFAGOS (setas). 
Coloração:Hematoxilina-eosina. 
Objetiva: 40x
Fibras do ConjuntivoFibras do Conjuntivo
Fig.23: FIBRAS COLÁGENASFIBRAS COLÁGENAS. Os 
feixes de fibras colágenas são 
indicados pelas setas.Coloração: 
Tricrômio de Gomori. Objetiva: 40x.
Fig.25: FIBRAS ELÁSTICASFIBRAS ELÁSTICAS. As 
lâminas elásticas são constituídas 
por fibras elásticas indicadas pelas
setas.Artéria Elástica.Coloração: 
Orceína. Objetiva: 40x
Fig.24: FIBRAS RETICULARES FIBRAS RETICULARES . 
As fibras reticulares são