Buscar

Relações Étnico.

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 3, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 6, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você viu 9, do total de 11 páginas

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Prévia do material em texto

Relações Étnico- Raciais no Brasil
1) O poder público brasileiro tem reconhecido que há uma necessidade urgente de incluir no currículo da educação básica a problemática das relações étnicos- raciais, inclusive na formação inicial e continuada dos professores. Esse reconhecimento político tem sua representatividade: ² 
A) No discurso demagógico partidário
B) Na Legislação, por meio das Leis nº 10.639/ 2003 e 11. 645/ 2008.
C) Nas articulações do movimento negro
D)Nas iniciativas isoladas das universidades e sistemas de ensino preocupados com a formação inicial e continuada dos professores
E) Nos documentos obrigatórios como as Diretrizes Curriculares Nacionais para as Relações Étnicos- Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro- Brasileira e Africana
Feedback (pg. 109): O poder publico brasileiro já reconheceu, a partir das Leis 10.639/2003 e 11.645/2008, que ha a necessidade urgente de incluir de uma vez por todas em nossos currículos a problemática das relações étnico-raciais, por meio do estudo da historia e da cultura africana, afro‑brasileira e indígena, em todos os níveis escolares, chegando também a formação universitária dos professores.
2) A Constituição Federal de 19888, em seu artigo 5º, determina: " A prática de racismo constitui crime inafiançável e imprescritível, sujeito a pena de reclusão, nos termos da lei". Sendo assim, a prática do racismo é crime que não é passível de fiança, ou seja ________________, não prescreve, quer dizer, ___________________
Assinale a alternativa que apresenta os trechos ade3quados para completar as lacunas: 4
A) só pode ser punido por prisão/ pode ser punido mesmo depois de passados muitos anos do ocorrido
B) a vítima poderá ser indenizada/ não há necessidade de testemunha
C) poderá ser paga multa ao Estado/ o réu poderá defender-se sem advogado
D) a pessoa denunciada poderá oferecer- se a serviços comunitários/ a denúncia deverá ocorrer por escrito
E) não é obrigatória a utilização de recursos pelo condenado/ a reeducação antirracista deverá ser objetivo de atenção por parte do denunciado. 
Feedback (pg. 66): Perceba que, segundo o texto, se trata de um crime que não e passível de fiança, ou seja, só pode ser punido por prisão; alem disso, não prescreve, quer dizer, pode ser punido mesmo depois de passados muitos anos do ocorrido. Isso, sem duvida, foi um importante instrumento para a ampliação do alcance das ações ate então desenvolvidas pelo movimento negro. A esse respeito, observam De Paula e Heringer
3) De acordo com os dados censitários do PNAD, em 2008 a soma entre pretos e pardos totalizou 51,1 % da população brasileira. No entanto, um dos dados que aponta para desigualdade social dessa população é a distribuição racial entre as regiões do Brasil: os negros concentram -se nas regiões menos desenvolvidas social e economicamente. De acordo com essas considerações, assinale a alternativa correta quanto á distribuição racial pelas diferentes regiões : ²
A) Os negros concentram se nas regiões Norte e Sul.
B) Os brancos concentram- se nas regiões Sul e Sudeste
C) Os indígenas distribuem- se nas regiões Norte e Centro- Oeste
D) Negros e brancos estão igualmente concentrados na região Sudeste
E) Os índios encontram-se em sua maioria no Norte do país
Feedback ( pg. 27): Quando verificamos a distribuição racial entre as diferentes regiões do Brasil, entretanto, os
dados nos mostram que os negros concentram‑se nas regiões mais pobres e menos desenvolvidas social e economicamente, como Norte e Nordeste. Já nas regiões Sul e Sudeste, onde as condições de vida são melhores e o desenvolvimento econômico é mais elevado, a maioria da população é branca, contrariando os dados nacionais, segundo os quais os brancos não chegam a 49% da população.
4) Os pressuposto do racismo são as perspectivas, pensamentos e atitudes que mantém intactas as estruturas de desigualdades sociais e econômicas no Brasil. São pressupostos do racismo: ²
l- Hierarquização: doutrina racialista que prevê a existência de raças humanas com diferentes qualidades e habilidades,
ll- Inferiorização: inferiorização de certos grupos dentro da ordem social
lll- Preconceito: crença internalizada que nem sempre é formalizada ou expressa logicamente.
lv- Discriminação: Atitudes ou Ações individuais concretas que diferenciam grupos ou pessoas segundo critérios raciais.
Assinale a alternativa correta:
A) somente as afirmativas l e ll são corretas, tendo em vista que um sistema social constituído por hierarquização pode ter como entendimento a inferiorização dos subordinados
B) Somente as afirmativas ll e lv são corretas, haja vista a definição do crime de racismo, sendo denunciado por práticas de preconceitos e discriminatórias.
C) A afirmativa v é incorreta, pois a desigualdade de oportunidades é regionalizada e está vinculada ao PIB de cada região do país.
D) As afirmativas l, ll, lll e lv são incorretas, pois racismo se traduz única e simplesmente em prática discriminatória
E) Todas as afirmativas são corretas 
Feedback (pg.21)- Hierarquização: existência de raças humanas com diferentes qualidades e habilidades. 
 Inferiorização: da hierarquização decorre em que uns são considerados superiores aos outros.
 Preconceito: crenças e expectativas de ação que não estão formalizadas.
 Discriminação: ações concretas que diferenciam grupos ou pessoas segundo critérios raciais.
 Desigualdade: desigualdade de oportunidades.
5) Afirma Paes ( 2005. p 458): " São diferentes as configurações dos mais de duzentos grupos indígenas espalhados pelo território brasileiro, sendo que um grande número destes vivem sob forma hídrica [...]. Assinale a alternativa incorreta sobre a vivência hídrica de grande número das famílias indígenas: ²
A) Utilizam utensílios domésticos industrialmente manufaturados e adquiridos no comércio das cidades.
B) As casas nas aldeias são construídas de madeira ou mesmo de tijolos 
C) Os aparelhos eletrônicos faze, parte do seu cotidiano
D) O vestuário da comunidade se assemelha ao vestuário comum da sociedade abrangente.
E) As únicas fontes de renda são a caça e a pesca, bem como a agricultura, base de sustentação das aldeias indígenas.
6) Os grupos eugenistas afirmavam que as mazelas sociais, o fracasso político e a dependência econômica brasileira eram resultados do processo de miscigenação ente as etnias branca, negra e indígena. No entanto, Gilberto Freyre, em sua obra clássica Casa Grande & Senzala, contrapõem- se a essa concepção ao apresentar a miscigenação como grande alavanca de formação da cultura brasileira. A obra de Freyre ( 1933) trouxe fundamentos para a criação:
A) De políticas públicas para a promoção da igualdade racial.
B) De ações de grupos sociais comprometidos com a superação do racismo
C) Do mito da democracia racial
D) Das datas comemorativas de 19 de Abril e 13 de maio.
E) De documentos pedagógicos que indicaram nas Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnicos- Raciais. 
Feedback ( pg 17)- Assim, é a partir da publicação de Casa‑grande & senzala que o racismo no Brasil toma outra configuração: a visão quase romântica de Gilberto Freire trouxe os fundamentos do chamado “mito da democracia racial”, apontando que, no Brasil, não teríamos nem a presença de conflitos raciais, tampouco de racismos, tendo em vista nossa longa história
de “harmonia” entre as três raças.
7) Quando se discute a qualidade de ensino oferecido á população, observa-se um grave problema chamado de analfabetismo funcional, onde o aluno aprende códigos linguísticos e numéricos mas não consegue compreender textos ou mesmo produzi- lós. Tendo em vista que os brancos tem em média 8 anos de estudo contra 6 anos dos negros, podemos afirmar que: 
A) O alfabetismo funcional é uma realidades das escolas bilíngues indígenas
B) O alfabetismo funcional é um investimento dos países da América do Norte e dos estados brasileiros
C) O alfabetismo funcional ocorre em sua maioria entre a população negrae parda , tendo em vista o tempo reduzido de escolarização
D) É nulo o índice de analfabetos funcionais na educação brasileira
E) O alfabetismo funcional ocorre quando a escolarização é oferecida com diferenciação segregacionista entre as etnias.
Feedback ( pg 33)- A população branca de 15 anos ou mais tem, em média, 8,4 anos de estudo. Enquanto entre negros e pardos a média é de 6,7 anos. Mais uma vez, observamos claramente que o acesso aos direitos mais fundamentais, como a
educação, ainda se apresenta como uma barreira para os negros e para os indígenas. Brancos estudam em média um ano e sete meses a mais do que pretos e pardos, e o analfabetismo entre os negros é mais que o dobro do observado entre os brancos.
8) Para que a educação pela igualdade das relações étnicos- raciais seja uma realidade no processo educacional brasileiro, faz- se necessário que os agentes envolvidos- professores, coordenadores, diretores, administradores- tomem uma decisão política e realizem mudanças estruturais no ensino. reformulando: ²
A) Os currículos
B) Os projetos pedagógicos
C) Os planos de aula
D) Os matérias didáticos e paradidáticos
E) Todas as alternativas anteriores são corretas
Feedback ( pg 109)- partir da instituição da Lei no 10.639/2003, todos esses agentes estão convocados a instituir mudanças estruturais no ensino, abarcando a reformulação dos currículos, dos projetos pedagógicos, dos planos de aula, de materiais didáticos e paradidáticos; enfim, de toda a pratica educativa de modo geral, a fim de promover o reconhecimento, o respeito e a garantia das diversidades culturais e, de forma especial, da população afrodescendente no Brasil
9) O conceito de " etnia" implica posicionamento, pertencimento, opção, escolha e autodeterminação do sujeito, tendo por referência determinado grupo étnico. Quando o próprio sujeito afirma pertencer a determinado grupo étnico, numa relação endógena de etnia, podemos afirmar que: ³
A) Essa decisão define a identidade étnica da pessoa. 
B) O pertencimento significa fidelidade aos princípios estabelecidos pela relação familiar.
C) A etnia limita-se ao conceito de individualidade da pessoa
D) Isso indica defender o grupo de pertencimento, impondo hábitos e valores a outros grupos étnicos.
E) A relação endógena por si só estabelece uma relação dialética de etnicidade.
Feedback ( pg 12)- etnia implica, por um lado, posicionamento, pertencimento, opção, escolha,autodenominação do sujeito tendo por referência determinado grupo étnico. Nesse sentido, a atribuição de pertença de determinada pessoa a determinado grupo étnico é, em primeiro lugar, endógena, ou seja, parte do próprio sujeito, devendo ser necessariamente a decisão de pertencimento dele, que se afirma como parte daquele grupo étnico. Entretanto, a definição da identidade étnica não é somente endógena, mas diz respeito também aos significados atribuídos por outros grupos, ou seja, também é exógena. Nesse sentido, afirmam Poutignat e Streiff‑Fenart (1998, p. 142): “É esta relação dialética entre as definições exógena e endógena da pertença étnica que transforma a etnicidade em um processo dinâmico sempre sujeito à redefinição e à recomposição”.
10) Um trabalho pedagógico que leve em conta a diversidade étnico- racial e cultura é uma das tarefas mais difíceis a serem enfrentadas pela escola e pelas as instituições brasileiras. Todos os envolvidos no processo educacional devem: 4
A) Estar atentos à desconstrução de estereótipos raça/ cor.
B) Desmistificar os mitos raciais existentes na sociedade brasileira.
C) Demonstrar relações não discriminatórias.
D) Ter atitudes equitativas em sala de aula.
E) Todas as alternativas anteriores são corretas.
Feedback ( pg 105)- Todos os envolvidos no processo educacional direta e indiretamente precisam estar atentos a desconstrução de estereótipos de raça/cor, para a desmistificação dos mitos raciais existentes na sociedade brasileira e para a
demonstração pratica, em suas atitudes com os alunos, de relações não discriminatórias e equitativas em sala de aula. Alem disso, atentemos para o fato de que, em muitos momentos, os próprios funcionários, professores e coordenadores afrodescendentes não se percebem como negros, e sim como brancos.
11) Estatuto é um regulamento ou código com significado e valor de lei ou de norma. " Incentivar as ações afirmativas, adotadas pelo Estado ou pela iniciativa privada, para a promoção da igualdade de oportunidades" é um dos objetivos de qual documento? ²
A) Estatuto do Idoso
B) Estatuto da Igualdade Racial.
C) Estatuto da Criança e do Adolescente
D) Estatuto do Índio
E) Constituição Federal de 1988.
Feedback ( pg 69/70)O estatuto, ja em seu artigo 1o, faz alusão aos principais focos dessa lei, a saber: (a) combater a discriminação racial ou étnico- racial; (b) promover a igualdade racial, nos campos político, econômico, social, cultural e outros da vida publica ou privada; (c) combater as assimetrias de gênero e raça, dando condições de inclusão às mulheres negras; (d) valorizar a autodefinição de cor ou raça às pessoas que se autodeclararem pretas e pardas, conforme critérios definidos pelo IBGE; (e) abrir caminhos para a implantação de políticas publicas adotadas pelo Estado com o objetivo da promoção da igualdade racial; (f) incentivar as ações afirmativas, adotadas pelo Estado ou pela iniciativa privada, para a promoção da igualdade de oportunidades.
12) A etnicidade apresenta uma intencionalidade na prática do sujeito, não podendo ser definida de maneira estática ou definitiva, mas dependendo sempre das inter-relações entre os sujeitos envolvidos. Sendo assim, a etnicidade é como um processo simbólico: ³
A) Na qual as experiências significativas da infância adquirem papel exclusivo na construção do sujeito
B) Que permeia a vivência em sociedade influenciada por grupo social dominante.
C) Que adquire valores, conteúdos significativos e compartilhados, a partir das experiências e inter- relações experiências pelos sujeitos. 
D) Construído na socialização das sala de aula, na interação professor- aluno.
E) Elaborado pelas experiências entre os atores sociais de determinada etnia.
Feedback (pg. 13)-Fica clara a definição de etnicidade como um processo simbólico, que adquire valores, conteúdos
significativos e compartilhados, a partir das experiências e inter-relações experienciadas pelos sujeitos
envolvidos
13) Nos estudos sobre a construção da identidade, alguns conceitos são de fundamental entendimento para a formação e reflexão do professor. Assinale a alternativa correta cujo contexto corresponda à conceituação citadas.²
I- O processo de construção da ideologia do branqueamento continua presente nas imagens e representações feitas sobre os negros e índios, seja na mídia, na literatura ou no ambiente escolar.
II- Estereótipos são assimilados como verdade pela criança, garantindo a eficácia da dominação social pela violência simbólica.
III- A identidade se constrói no plano simbólico, no conjunto de significações, valores, crenças e gostos que vão sendo assumidos em relação aos outros.
IV- A interculturalidade é uma prática devida que pressupõe a possibilidade de convivência e coexistência entre culturas e identidades ( BANIWA, 2006, Pp. 15).³
São corretas as afirmativas:
A) I, II e III
B) II e III
C) II, III e IV
D) I, III e IV
E) I, II, III e IV.
 (pg.103).
14) Observe a frase a seguir e aponte o instrumento pedagógico a que se refere:
"[...] Os resultados demonstram que a maioria _________ traz uma representação muito simplificada dos fatos históricos acabando por estigmatizar ou caricaturar segmentos sociais como mulheres, negros, idosos e trabalhadores [...]".
Esta contextualização analítica se trata: (pg. 106)
A) Dos documentos pedagógicos produzidos pelo MEC, como as Diretrizes Curriculares Nacionais.
B) Dos livros didáticos. 
C) Dos livros complementares de literatura infanto- juvenil: as obras paradidáticas 
D) Dos documentários produzidos pelos Institutosde Pesquisa.
E) Dos movimentos sociais de luta pela cidadania.
15) De acordo com os dados censitários do PNAD, em 2008 a soma entre pretos e pardos totalizou 51,1% da população brasileira. No entanto, um dos dados que aponta para a desigualdade social dessa população é a distribuição racial entre as regiões do Brasil: os negros concentram-se nas regiões menos desenvolvidas social e economicamente. De acordo com essas considerações, assinale a alternativa correta quanto á distribuição racial pelas diferentes regiões: ²
A) Os negros concentram-se nas regiões Norte e Sul.
B) Os brancos concentram-se nas regiões Sul e Sudeste.
C) Os indígenas distribuem- se na regiões Norte e Centro - Oeste.
D) Negros e brancos estão igualmente concentrados na região Sudeste.
E) Os índios encontram-se em sua maioria no Norte do País.
Feedback (pg. 27)-distribuição racial entre as diferentes regiões do Brasil, entretanto, os dados nos mostram que os negros concentram‑se nas regiões mais pobres e menos desenvolvidas social e economicamente, como Norte e Nordeste. Já nas regiões Sul e Sudeste, onde as condições de vida são melhores e o desenvolvimento econômico é mais elevado, a maioria da população é branca, contrariando os dados nacionais, segundo os quais os brancos não chegam a 49% da população.
 16) " Ao ingressarem nas escolas, as crianças são educadas para a reprodução de um conhecimento branco, uma língua que não lhe é conhecida, com tradições que não são do seu povo" (BANIWA, 2006, p. 51). A partir dessa afirmação e das análises do livro- texto, aponte o grupo étnico descrito nesse contexto: 4
A) Filhos de imigrantes que vivem no Sul do País, onde a maioria da população é descendente de europeus nórdicos.
B) Filhos de refugiados dos conflitos nas terras árabes.
C) Filhos de família exiladas, vitimas dos países em guerra.
D) Crianças indígenas brasileiras.
E) Filhos das famílias quilombolas.
Feedback (pg. 103)-Ao ingressarem nas escolas, as crianças são educadas para reprodução de um conhecimento branco, numa língua que não lhe e conhecida, com tradições que não são do seu povo. Por isso a urgente necessidade de fazer garantir o direito ao ensino bilíngue e o acesso a materiais didáticos específicos nas escolas indígenas. Pois, como afirma Baniwa (2006, p. 51)
17) A LDA 9394/96 estabelece a implementação de escolas bilíngues nas terras indígenas. Para tanto, faz- se necessária a produção de material específicos para estas escolas, garantindo: ²
A) Valorização, respeito e manutenção da diversidade cultural indígena.
B) A homogeneidade da população indígena.
C) Calendário escolar de acordo com as manifestações culturais das aldeias, em respeito aos ciclos da natureza.
D) Participação efetiva do líderes indígenas na elaboração do planejamento do ensino.
E) A inclusão das diretrizes apontadas no Estatuto do Índio.
Feedback (pg. 112)-Essa perspectiva e imprescindível para compreendermos a urgência da implementação das escolas
bilíngues nas terras indígenas, conforme estabelece a Lei de Diretrizes e Bases da Educação, já vista anteriormente, alem da produção de material especifico para as escolas que atendem aos alunos indígenas e seus descendentes, garantindo o respeito, a valorização e a manutenção de sua diversidade cultural.
18) Entre as estratégias para a educação e promoção da igualdade racial, cabe em especial aos professores, estarem mais próximos da realidade sociocultural de seus alunos, conhecendo:²
A) Sua família, seus parentes e amigos mais próximos.
B) As práticas religiosas da população local.
C) O entorno da escola e os principais problemas do bairro e da cidade, bem como a manifestação culturais da comunidade.
D) A liderança partidária da região.
E) O aluno líder da sala de aula, responsável pelas formas de organização da classe e pela socialização do grupo.
Feedback (pg. 109)-Isso significa conhecer a comunidade escolar, seu perfil socioeconômico, o entorno da escola, os principais problemas do bairro, da cidade, bem como as principais manifestações culturais da comunidade, arte, musica, religiosidade e outros aspectos que aproximem os educadores dos alunos e de seus familiares.
19)A lei nº10.639/2003 altera a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional de 1996 e inclui no currículo oficial da rede de ensino a obrigatoriedade da temática História e Cultura Afro- Brasileira. De acordo com essa lei, o conteúdo programático do ensino de historias e cultura afro- brasileira deverá incluir:
I- O estudo da História da África e dos africanos.
II- A luta dos negros e índios no Brasil.
III- A cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional.
IV- A contribuição do povo negro na área social, econômica e política pertinente à História do Brasil.
Assinale verdadeiro ou falso de acordo com a procedência das afirmativas:
A) V, F,F,V
B) V,V,V,V
C) F,F,V,V
D) V,V,V,F
E) F,V,V,V
Feedback (pg. 73)-§ 1o. O conteúdo programático a que se refere o caput deste artigo incluirá o estudo da Historia da África e dos Africanos, a luta dos negros no Brasil, a cultura negra brasileira e o negro na formação da sociedade nacional, resgatando a contribuição do povo negro nas áreas social, econômica e política pertinentes à História do Brasil.
 
20) O conceito de raça, de acordo com as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnicos- Raciais e para o Estado de História e Cultura Afro- Brasileira e Africana, aprovadas em junho de 2004 pelo Ministério da Educação, significa:²
I- A construção social forjada nas tensas relações entre brancos e negros.
II- Informar como as características físicas influem, interferem e determinam o destino e o lugar social dos sujeitos no interior da sociedade brasileira.
III- Reforçar preconceitos e discriminações de acordo com as concepções cientificas desenvolvidas a partir do século XVI.
IV- Demonstrar que a genética indica as diferenças biológicas, portanto a diversidade biológica determina as diferenças raciais.
Assinale a alternativa correta:
A) São corretas apenas as alternativas I, II e III.
B) Apenas a afirmativa IV é correta.
C) São corretas apenas as afirmações I e II.
D) Apenas a afirmativa II é incorreta
E) Apenas a afirmativa I está correta, pois o conceito raça indica conflitos sociais.
Feedback (pg. 10)-É importante destacar que se entende por raça a construção social forjada nas tensas relações entre brancos e negros, muitas vezes simuladas como harmoniosas, nada tendo a ver com o conceito biológico de raça cunhado no século XVIII e hoje sobejamente superado. Cabe esclarecer que o termo raça é utilizado com frequência nas relações sociais brasileiras para informar determinadas características físicas, como cor de pele, tipo de cabelo, entre outras, influenciam, interferem e
até mesmo determinam o destino e o lugar social dos sujeitos no interior da sociedade brasileira
21) Com o objeto de incentivar e promover a implantação da Lei nº 10.693/2003, o Ministério da Educação publicou no Diário da União, para ciência, acompanhamento e execução de toda comunidade educacional: ³
A) Portaria interministerial com ações efetivas entre o MEC e a Secretária de Promoção para a Igualdade Racial. 
B) A oferta de cursos de especialização em educação das relações étnico- raciais aos professores da rede pública de ensino.
C) As Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnicos- Raciais e para o Ensino de História e Cultura Afro- Brasileira e Africana.
D) A legalização das organizações não governamentais envolvidas com a temática racial. 
E) A reorganização curricular do ensino básico no país. 
Feedback (pg. 76)-podemos afirmar que pouca coisa avançou na direção de colocar em pratica o que determina a Lei no 10.639/2003, ou seja, poucas escolas de fato incluíram em seus currículos a temática da Historia e Cultura Afro-Brasileira e Africana. Por isso, mais uma vez, o Ministério da Educação (MEC), junto com a Subsecretaria de Políticas de Ações Afirmativas da Seppir(Subaa), tomou a iniciativa de publicar, em 13 de maio de 2009, o Plano Nacional de Implementação das Diretrizes Curriculares Nacionais para Educação das Relações Étnico‑raciais e para o Ensino de Historia e Cultura Afro‑brasileira e Africana.
22) A Lei nº 11.645/2008 insere no contexto curricular a matriz indígena, estabelecendo os conteúdos referentes à história e cultura afro- brasileira, bem como dos povos indígenas brasileiros, que serão ministrados no âmbito de todo currículo escolar, em especial nas áreas de: ²
A) História e Geografia
B) Literatura, História e Geografia.
C) Literatura e História.
D) História, Literatura e Educação Artística
E) História e Educação Artística.
Feedback (pg. 76)-Ainda em complemento a essa lei, foi promulgada em 10 de marco de 2008 a Lei no 11.645, que insere no texto anterior também a matriz indígena, estabelecendo, portanto, que “os conteúdos referentes à história e cultura afro-brasileira e dos povos indígenas brasileiros serão ministrados no âmbito de todo currículo escolar, em especial nas áreas de Educação Artística e de Literatura e Historia Brasileiras
23) Em se tratando da constituição dos livros didáticos e do saber produzido no fazer pedagógico da escola, podemos afirmar que: ³
A) A história do Brasil é contada sob a ótica dos minorizados, ou seja, os textos relatam a contribuição cultura, social e política dos grupos historicamente desfavorecidos.
B) A escravização do negro é explicada a partir do movimento de resistência dessa população durante os 300 anos de escravidão.
C) Os livros didáticos apresentam uma convivência pacífica e colaborativa entre bancos e índios no processo de colonização, omitindo as formas de luta dos povos indígenas que levou ao extermínio de diversos grupos.
D) O aluno apropria-se das análises sobre a condição social dos índios, refletindo e defendendo os direitos sociais das crianças e jovens indígenas.
E) Estudar o processo de miscigenação com o objetivo da promoção da igualdade racial é medida fundamental que permeia a produção didática do país.
24) A presença africana na formação do Brasil e na construção da identidade cultural brasileira é fato relevante não evidenciado na literatura didática no processo de escolarização. A influência africana revela- se: ²
I- No campo econômico, pela construção de riquezas que deram sustentação econômica à empresa colonial portuguesa. 
II- No campo demográfico, pelo trabalho de povoamento do novo país.
III- No campo cultural, pela influência linguística e pelas religiões de matriz religiosa.
IV- No campo de artes, por meio de instrumentos musicais, ritmos e danças.
São corretas apenas as afirmativas:
A) I e II
B) I, III, e IV
C) I e IV
D) II e lll
E) I,II,III e IV
Feedback (pg. 87)-no campo econômico, os negros serviram como forca de trabalho não remunerado, ajudando a construir as riquezas que deram sustentação econômica à empresa colonial portuguesa; no campo demográfico, sem duvida, esse elevado numero de africanos agora fazia parte da população brasileira, colaborando no trabalho de povoamento desse novo pais; e, no campo cultural, podemos destacar a influencia linguística, por meio de inúmeras palavras africanas incorporadas à língua portuguesa falada no Brasil, as religiões de matriz africana, entre as quais o candomblé e a umbanda, que atualmente compõem o campo religioso brasileiro, alem das inúmeras heranças deixadas no campo das artes, por meio de instrumentos musicais, ritmos, danças,entre tantos outros elementos que ajudaram a construir parte da identidade cultural brasileira.
25) A força do movimento negro contra todas as formas de discriminação por raça ou cor e pela garantia de direitos sociais fundamentais da população afro- brasileira acabou se traduzindo de duas formas: legislação penal e ações afirmativas. De acordo com o propósito de promoção de igualdade de oportunidades a grupos desfavorecidos socialmente, indiquem as especificidades da política de ações afirmativas: ³
I- Garantir cotas para afrodescendentes em universidades e empresas, visando à inclusão justa desse segmento populacional.
ll- Políticas públicas que pretendem corrigir desigualdades socioeconômicas procedentes de discriminação, atual ou histórica, sofrida por algum grupo de pessoas ( BERNARDINO, 2002, p. 256-257).
III- Medida paliativa, transitória para os grupos minorizados: negros, índios, mulheres etc.
IV- Denomina-se discriminação positiva, no sentido de proporcionar algumas vantagens aos grupos historicamente em desvantagem.
Assinale a alternativa correta:
A) Somente a afirmativa I é correta, pois ações afirmativas é sinônimo de cotas.
B) As afirmações I e II são corretas, tendo em vista que ambas indicam os negros como único ator docial beneficiário das políticas públicas.
C) Somente a afirmativa III é correta, na medida em que inclui negros, índios e mulheres no contexto dos excluídos e, portanto, foco de investimento das ações afirmativas.
D) A afirmativa IV é correta, pois, suas ações afirmativas beneficiando alguns grupos sociais reverte- se numa discriminação ao contrário.
E) Todas as afirmativas são corretas. pg 51/52
26) Passados 6 anos de criação da Lei nº 10.639/ 2003, poucas escolas incluíram em seus currículos a temática da História e Cultura Afro- Brasileira e Africana. Sendo assim, em 2009, o Ministério da Educação publicou um Plano Nacional de Implementação da igualdade de Implementação das Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico-Raciais. Este documento enfatizou problemáticas que justificavam a implementação da Lei, como: ³
I- Formação dos professores para o trabalho em sala de aula na perspectiva das relações étnicos - raciais.
II- Produção de material didático adequado, que desfaça os estereótipos de raça/ gênero.
III- Sensibilização de todos os agentes envolvidos nesse processo de implantação da igualdade racial na escola
IV- Desarticulação entre as esferas do poder público, no entendimento da necessidade de se trabalhar a educação para promoção da igualdade racial.
Nesse contexto, assinale a alternativa correta:
A) São corretas apenas as afirmativas I,II, e III
B) É correta apenas a afirmativa III
C) A afirmativa IV não corresponde à necessidade de implementação da lei
D) São corretas apenas as afirmativas III e IV.
E)Todas as afirmativas são corretas porque correspondem às necessidades de implementação da lei.
(pg. 76)- Esse e um documento que detalha cada uma das responsabilidades dos poderes públicos, seja no âmbito federal, estadual ou municipal, além de enfatizar três problemáticas principais em relação à implantação da Lei no 10.639/2003: a formação dos professores para o trabalho em sala de aula na perspectiva das relações etnico-raciais; a produção de material didático adequado, que desfaça os estereótipos de raça/ cor/gênero; e a sensibilização de todos os agentes envolvidos nesse processo para um compromisso efetivo com a implantação da igualdade racial na escola e em nosso pais.
27) O racismo cientifico empregou o conceito de raça como base de justificação das desigualdades, bem como de naturalização das hierarquias sociais. Esta concepção racionalista representada, por exemplo, pela teoria positivista, define que:
A) A diferença entre as raças explicavam naturalmente a organização social, com a superioridade de uns sobre outros.
B) Não havia diferentes raças, apenas uma: a raça humana
C) Somente as mulheres brancas eram semelhantes aos homens em inteligência, sendo as mulheres de outras etnias inferiores em capacidade.
D) As escolas deveriam ser segregadas, mantendo uma educação especial à elite.
E) Os índios, como cidadãos de direitos, precisavam ter sua cultura respeitada e apoiada pelo poder público.
Pg- 15- Uma vez que a ciência passou a definir uma ordem natural da realidade social, todas as diferenças dos traços exteriores, como cor de pele, cabelo, fisionomia, serviriam apenas para colocar homens e mulheres “naturalmente” como superiores uns aosoutros e, contra essa “verdade inquestionável”, nada nem ninguém poderia se contrapor ou fazer algo a respeito. Toda essa ideologia serviu para explicar, por exemplo, porque alguns indivíduos são pobres e outros ricos, a partir do raciocínio de que a uns são dadas qualidades e virtudes – que os colocam numa posição social privilegiada – e a outros, desprovidos dessas características, restam apenas as posições subalternas na hierarquia social. Toda essa ideologia serviu para explicar, por exemplo, porque alguns indivíduos são pobres e outros ricos, a partir do raciocínio de que a uns são dadas qualidades e virtudes – que os colocam numa posição social privilegiada – e a outros, desprovidos dessas características, restam apenas as posições
subalternas na hierarquia social.
Discursivas
1) Conforme analisado na disciplina Relações Étnico- Raciais no Brasil, torna- se fundamental o comprometimento de todos os envolvidos no processo educacional brasileiro: professores, coordenadores, diretores, gestores e administradores do poder público e do setor privado- no cumprimento da Lei nº 10.639/2003. Esses profissionais podem operacionalizar ações pela igualdade nas relações étnicos- raciais, propondo estratégias e articulações. Cite duas ações possíveis de serem executadas pelos profissionais do ensino.²
 2) Para a implementação das escolas bilíngues nas terras indígenas, é necessária a produção de material especifico, garantindo respeito, valorização e manutenção de sua diversidade. Explique como efetivar uma educação que atenda a essa concepção. 5
3) As Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação das Relações Étnico- Raciais e 1 para o Ensino de História e Cultura Afro- Brasileira e Africana, aprovadas em junho de 2004 pelo Ministério da Educação, preconizam que o conceito de raça deve ser entendido como uma harmoniosas, nada tendo a ver com o conceito biológico ( BRASIL, 2004) . Sendo assim, podemos definir raça simplesmente como um grupo de pessoas com características físicas semelhantes? Comente a indagação a partir das orientações das Diretrizes sobre Relações Étnico- Raciais, ²
4) A partir da publicação do Estatuto da Criança e do Adolescente, em 1990, as crianças e adolescentes passam a ser protegidos por lei, não podendo sofrer qualquer forma de negligência ou discriminação. Nesse contexto, as crianças afrodescendentes têm seus direitos assegurados? Comente a indagação.
5) Africanidades brasileiras: "[...] é um processo de valorização e resgate da história e cultura africana e afro- brasileira, a fim de desfazer os estereótipos raciais construído pelos os grupos dominantes [...[" ( SILVA, 2003, p. 26). Aponte as possibilidades de se trabalhar com o conceito de africanos no processo de escolarização.²
6) Os racismo brasileiro é medido pelo mito da democracia racial, onde o processo de miscigenação contribuiu para a construção da cultura brasileira e em decorrência, para a construção da suposta Identidade Nacional. No entanto, embora haja uma cultura brasileira miscigenada, a identidade nacional é segregada. Pergunta-se: quais as consequÊncias para a população negra na defesa do mito da democracia racial.
7) Segundo os estudos mais recentes da genética, não existem raças- somos uma única raça humana. No entanto, é comum encontrar formulários com perguntas sobre raça/ etnia da pessoa. O que é essa intencionalidade do Poder Público? ²
8) " No dia 9 de janeiro de 20003, foi sancionada a Lei nº 10.639, que altera a Lei de Diretrizes da Educação Nacional de 1996 e inclui no currículo oficial de ensino a obrigatoriedade da temática.
9) Nilma Bentes, militante do movimento negro, afirma que " É no contexto da cultura que nós aprendemos a enxergar as raças. Isso significa que aprendemos a ver negros e brancos como diferentes na forma como somos educados e socializados, a ponto de essas ditas diferenças serem introjetadas em nossa forma de ser e ver o outro, na nossa subjetividade, nas relações sociais mais amplas." ( apud MUNANGA; GOMES, 2006, p. 176). Nesse cenário, podemos entender o contexto escolar como um campo articulador tanto para o incentivo como para a amenização das práticas discriminatórias?
10) Quando nos referimos à qualidade do ensino oferecido à população, observamos um grave problema, que é o analfabetismo funcional, no qual o aluno aprende apenas os códigos linguísticos e numéricos. Explique esse analfabetismo e sua incidência na população negra/ parda.
11) A escravidão no Brasil do um das mais longas na historia moderna. 
12) Após aprofundar seus estudos no campo das relações étnico- raciais, quais análises você faria a partir da intersecção desses dois aspectos: os dados estatísticos oficiais levantados anualmente pelo IBGE e os órgãos de pesquisa; e o conjunto de leis e diretrizes nacionais antirracistas existentes em nosso país. Em outras palavras, apresente um texto dissetativo que discuta como esses dois aspectos se relacionam e revelam o teor das relações étnicas no Brasil, bem como a condição do negro na sociedade brasileira. 
13- Conforme estudamos em nossa disciplina, o nazismo praticado pelos alemães no contexto das grandes Guerras Mundiais, apesar de muito comentado, tendo em vista principalmente o seu impressionante poder de extermínio em massa, não é a única manifestação de racismo na história do século XX. Outras manifestações de discriminações e exclusão foram e continuam sendo praticadas em todas as regiões do planeta, a saber: a xenofobia, as políticas anti-migração, o fundamentalismo, o terrorismo, o sexismo, a homofobia, a islamofobia, entre outros. Em todos esses temas há um raciocinio comum, frequentemente usado para justificar tais práticas discriminatórias. Indique- os e discorra sobre ele.