Buscar

AV GERENCIA IMPORTAÇÃO

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes

Faça como milhares de estudantes: teste grátis o Passei Direto

Esse e outros conteúdos desbloqueados

16 milhões de materiais de várias disciplinas

Impressão de materiais

Agora você pode testar o

Passei Direto grátis

Você também pode ser Premium ajudando estudantes
Você viu 3, do total de 3 páginas

Prévia do material em texto

Fechar
	Avaliação: GST0619_AV_201307108482 » GERÊNCIA DE IMPORTAÇÃO
	Tipo de Avaliação: AV
	Aluno: 
	Professor:
	MARIA DA LUZ IRIA MELO
	Turma: 9001/AA
	Nota da Prova:  Nota de Partic.:    Av. Parcial   Data: 09/06/2017 18:10:23
	
	 1a Questão (Ref.: 201307172945)
	Pontos: 0,5  / 1,0
	Qual a importância do tratamento administrativo nas importações brasileiras?
		
	
Gabarito: É o tratamento admnistrativo que informará ao importador se a importação é permitida ou não e que tipo de licenciamento deverá ser utilizado.
	
	
	 2a Questão (Ref.: 201307172999)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	Relacione sequencialmente as etapas do despacho aduaneiro de importação.
		
	
Gabarito: Registro da DI; parametrização; a exceção do canal verde, recepção dos documentos pela Receita Federal; distribuição dos documentos para o fiscal designado; agendamento para conferência; conferência física e/ou documental; exigência ou desembaraço aduaneiro e emissão do CI.
	
	
	 3a Questão (Ref.: 201307292815)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	O território aduaneiro nacional é dividido em Zona Primária e Zona Secundária. Marque a única opção que caracteriza a ZONA PRIMÁRIA
		
	
	O restante do território aduaneiro, incluídas as águas territoriais e o espaço aéreo. Os serviços aduaneiros, ou seja, o controle é continuado desde que haja manuseio ou movimentação de mercadorias.
	
	O poder de aplicar o direito aduaneiro na esfera administrativa, em casos concretos, dentro de um território
	
	Demarcação na orla marítima ou na fronteira, na qual a existência de mercadorias ou a sua circulação e a de veículos, pessoas ou animais, ficarão sujeitos às exigências fiscais, proibições e restrições que forem estabelecidas.
	
	Todo o território nacional, incluindo a porção de terra delimitada pelas fronteiras internacionais, a faixa de 12 milhas de mar a ela contígua e o espaço aéreo sobre elas
	 
	Área terrestre ou aquática, contínua ou descontínua, ocupada pelos portos, e aeroportos alfandegados, área adjacente aos pontos de fronteira alfandegados. Ponto de passagem obrigatório e exclusivo para mercadorias e veículos entrarem e saírem do país com controle aduaneiro permanente e ostensivo.
	
	
	 4a Questão (Ref.: 201307175276)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	No Brasil, podemos importar na modalidade do Incoterm Ex Works?
		
	
	Sim, desde que seja somente mercadorias perecíveis.
	
	Não, somente é permitido na D.I. a modalidade CIF.
	
	Não, somente é permitido na D.I. a modalidade FOB
	
	Sim, desde que seja somente mercadorias perigosas.
	 
	Sim, sem restrições dentro do Siscomex brasileiro.
	
	
	 5a Questão (Ref.: 201307877596)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	As normas administrativas de importação estabelecem que a importação de bens usados pode ser feita sob autorização específica dos órgãos competentes. Qual é o motivo desse controle de importação de bens usados?
		
	
	Bens usados importados podem estar em mal estado de conservação, assim precisa de autorização previa.
	 
	Bens usados importados precisam de autorização previa, pois a intenção é proteger a indústria nacional.
	
	Bens usados somente podem ser importados por pessoas físicas, assim, precisam de autorização previa.
	
	Bens usados importados podem causar danos materiais ao consumidor final.
	
	Bens usados importados podem estar em péssima qualidade, assim, precisa de autorização previa.
	
	
	 6a Questão (Ref.: 201307173411)
	Pontos: 1,0  / 1,0
	No Brasil, a definição da alíquota do Imposto de Importação, quando da incidência deste, é feita com base no(a):
		
	 
	Tarifa Externa Comum do Mercosul
	
	Sistema Geral de Preferências (SGP)
	
	Sistema Geral de Preferências Globais (SGPG)
	
	Preferência Tarifária Regional
	
	Tarifa Aduaneira Brasileira
	
	
	 7a Questão (Ref.: 201307258483)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Quais as modalidades de credenciamento no Radar?
		
	
	Comercial, Jurídica e Física.
	
	Federal, Estadual e Municipal
	 
	Ordinária, Simplificada, Especial e Restrita.
	
	Especial, Cadastral e Anormal
	
	Simples, Pequena Porte e Médio Porte
	
	
	 8a Questão (Ref.: 201307175236)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	A tributação incidente sobre a bagagem acompanhada de um cidadão brasileiro que retorna do exterior, está baseada no límite do valor dos bens trazidos dentro da mala de viagem. Existe algum limite de valor?
		
	
	Somente existe um limite de quantidade, para produtos de uso comercial, sem levar em conta o valor.
	
	Não existe limite de valor e sim de quantidade de bens.
	
	Não existe limite, pois o comércio deve ser livre de barreiras, sem recolhimento de impostos.
	
	O viajante tem liberdade de trazer qualquer quantidade ou valor de mercadorias, de uso comercial, sem recolhimento de impostos.
	 
	Existe um limite de valor e quantidade de bens de uso próprio e acima dessa cota haverá tributação.
	
	
	 9a Questão (Ref.: 201307172987)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	O que é a conferência aduaneira?
		
	
	É o procedimento fiscal de conferir quantitativa e qualitativamente a mercadoria estrangeira comparando o conhecimento de embarque com a declaração de importação.
	 
	É o procedimento fiscal de conferir quantitativa e qualitativamente a mercadoria estrangeira com base na declaração de importação.
	
	É o procedimento fiscal de conferir o estado físico da mercadoria estrangeira no momento da chegada no país.
	
	É o procedimento fiscal de conferir o valor declarado da mercadoria para efeito de apuração dos tributos.
	
	É o procedimento fiscal de conferir quantitativa e qualitativamente a mercadoria estrangeira com base na fatura comercial.
	
	
	 10a Questão (Ref.: 201307175239)
	Pontos: 0,5  / 0,5
	Pode o importador desistir da compra de mercadorias no exterior, mesmo com a forma de pagamento na modalidade de crédito documentário irrevogável?
		
	
	Pode, porque o crédito documentário é revogável.
	
	Pode, o créditpo document;ario não indica se é revogável ou irrevogável.
	
	Pode, independentemente do crédito documentário, prevalece a vontade do importador.
	
	pode, pois a crédito documentário é um documento bancário e não aduaneiro.
	 
	Não pode, pois o crédito dpocumentário é automáticamente irrevogável.

Outros materiais