A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
6 pág.
Apol 1 Motivação e satisfação no trabalho e qualidade de vida no trabalho

Pré-visualização | Página 1 de 2

Disciplina(s):
Motivação e Satisfação no Trabalho
Qualidade de Vida no Trabalho
	Data de início:
	06/06/2017 19:22
	Prazo máximo entrega:
	- 
	Data de entrega:
	18/06/2017 18:50
Atenção. Este gabarito é para uso exclusivo do aluno e não deve ser publicado ou compartilhado em redes sociais ou grupo de mensagens.
O seu compartilhamento infringe as políticas do Centro Universitário UNINTER e poderá implicar sanções disciplinares, com possibilidade de desligamento do quadro de alunos do Centro Universitário, bem como responder ações judiciais no âmbito cível e criminal.
Questão 1/5 - Qualidade de Vida no Trabalho
"Para que a  QVT seja, dentro das organizações, permanente e incessante, é preciso que ele faça parte de todas as bases da organização  - em sua estratégia e em sua arquitetura - , ou seja, precisa se parte da cultura da empresa, de sua essência."
Entendemos que existem alguns elementos que determinam vinculo entre o trabalhador e a organização que necessitam integrar com a missão da empresa.
Quando falamos do que significa fazer gestão de QVT entendemos que é fundamental compreender que são necessários determinados processos.
Assinale a alternativa que consta todos as ações dos processos para a gestão da QVT:
Nota: 20.0
	
	A
	Criar e nutrir a cultura organizacional.
	
	B
	Controlar, dirigir, tomar medidas e treinar.
	
	C
	Planejar, organizar, dirigir e controlar.
Você acertou!
A alternativa correta é a (C), pois é fundamental compreender que a gestão significa administrar e isso se refere a execução de alguns processos de planejamento, organização, direção e controle. Livro páginas 39 e 40.
LOTZ, E.; GRAMMS, L. Gestão da Qualidade de Vida no Trabalho. Curitiba: Intersaberes, 2017
	
	D
	Controlar, planejar, decidir e estruturar.   
	
	E
	Planejar, organizar, dirigir e permanecer.
Questão 2/5 - Qualidade de Vida no Trabalho
A Organização Mundial da Saúde – OMS, define qualidade de vida como a "percepção do individuo sobre a sua posição na vida, no contexto da cultura e do sistema de valores nos quais ele vive em relação aos seus objetivos, expectativas, padrões e preocupações"(WHOQOL Group, 2012, p.2).
A qualidade de vida pressupõe o bem-estar físico, funcional, emocional e mental do individuo, assim como em relação a elementos relevantes da vida das pessoas, como trabalho, família, amigos, entre outros.  
Considerando esse contexto as dimensões que compões a Visão Biopsicossocial são:
I - A dimensão da segurança e a saúde no ambiente físico de trabalho
II – A dimensão psicológica e a social.
III – A dimensão biológica.
É correto o que se afirma em:
Nota: 20.0
	
	A
	I, apenas
	
	B
	II, apenas
	
	C
	III, apenas
	
	D
	I e II, apenas
	
	E
	II e III, apenas
Você acertou!
A resposta correta é E. II e III, apenas.
De acordo com o capitulo 1 do livro conforme as dimensões que compõem essa perspectiva de Visão Biopsicossocial são as dimensões psicológica, biológica e social. Livro páginas 18 a 21.
LOTZ, E.; GRAMMS, L. Gestão da Qualidade de Vida no Trabalho. Curitiba: Intersaberes, 2017
Questão 3/5 - Motivação e Satisfação no Trabalho
Leia o texto a seguir, o qual aborda sobre as teorias motivacionais:
Conforme apontam Walger, Viapiana e Barbosa (2014, p. 52), "A partir da década de 1950, os conceitos relacionados à motivação do trabalhador começam a despertar". Nesse período foram formuladas três teorias, as chamadas teorias motivacionais tradicionais.
 
Tendo em vista o texto acima, identifique entre as afirmativas a seguir quais se referem as teorias motivacionais tradicionais:
I - Teoria da hierarquia das necessidades, proposta por Maslow, a qual classifica as necessidades em primárias, sendo estas as fisiológicas e as de segurança, e em secundárias, sendo estas as sociais, as de estima e as necessidades autorrealização.
II - Teoria das necessidades de McClelland, enfoca as necessidades em três grandes grupos: necessidades de realização, de poder e de associação/afiliação.
III - Teoria X e teoria Y, proposta por McGregor. A teoria X enfatiza o controle, entende que o homem não é motivado e que não pode se desenvolver. A teoria Y enfatiza a pessoa, entende que homem é motivado e quer se desenvolver.
IV - Teoria ERG, proposta por Alderfer. Este autor faz uma revisão da teoria da hierarquia das necessidades de Maslow. Para Alderfer existem três níveis de necessidades, estes são: a de existência, relacionamento e crescimento.
Assinale a alternativa correta.
Nota: 0.0
	
	A
	Apenas as afirmativas I, III e IV.
	
	B
	Apenas as afirmativas II e IV.
	
	C
	Apenas a afirmativa II.
	
	D
	Apenas a afirmativa III.
	
	E
	Apenas as afirmativas I e III.
As teorias motivacionais tradicionais são:
Teoria da hierarquia das necessidades, proposta por Maslow, a qual classifica as necessidades em primárias, sendo estas as fisiológicas e as de segurança, e em secundárias, sendo estas as sociais, as de estima e as necessidades autorrealização (Walger, Viapiana e Barbosa, 2014, p. 57).
Teoria X e teoria Y, proposta por McGregor. A teoria X enfatiza o controle, entende que o homem não é motivado e que não pode se desenvolver. A teoria Y enfatiza a pessoa, entende que homem é motivado e quer se desenvolver (Walger, Viapiana e Barbosa, 2014, p. 60).
Há uma terceira que não constas nas afirmativas, que é a teoria dos dois fatores de Herzberg (Walger, Viapiana e Barbosa, 2014, p. 63).
As afirmativas II e IV estão incorretas, pois se tratam das teorias contemporâneas sobre motivação, a saber: teoria das necessidades de McClelland e a teoria ERG de Alderfer (Walger, Viapiana e Barbosa, 2014, p. 69 - 70).
(A resposta está no capítulo 2 do Livro-base: WALTER, Carolina; VIAPIANA, Larissa; BARBOZA, Mariana M. Motivação e satisfação no trabalho: em busca do bem-estar de indivíduos e organizações. Curitiba: Intersaberes, 2014, p. 57 - 70).
Questão 4/5 - Motivação e Satisfação no Trabalho
Analise o caso a seguir, o qual apresenta o relato de duas empresas - a empresa Philos e a empresa Coimbra.
A Philos é uma editora de livro científicos, atua em todo o Brasil, tem cerca de 520 funcionários efetivos. Esta empresa tem como estratégia considerar que o trabalho dos colaboradores deve ser fonte motivadora, por isso, em suas políticas de gestão de pessoas, preocupam-se em despertar as variedades de habilidades das pessoas, proporcionam que estas se identifiquem com suas tarefas, dando-lhes autonomia e feedbacks constantes.
A Coimbra é uma empresa que atua no ramo reciclagem de lixos, com sede no sul Brasil, vem se despontando por sua moderna tecnologia. Hoje conta 650 funcionários. A Coimbra, ao estabelecer suas estratégias de gestão de pessoas, considera que o funcionário se sente motivado a despertar um alto grau de esforço quando acredita que isso vai resultar em boa avaliação de desempenho, por isso entende que há relação entre o esforço e o desempenho, entre  o desempenho e a recompensa e entre a recompensa e as metas pessoais.
Você, como um profissional de RH, após analisar as estratégias de gestão de pessoas destas duas empresas, identifica em quais das teorias motivacionais estas procuram atuam.
Após a sua análise, assinale a alternativa correta.
Nota: 20.0
	
	A
	A Philos considera a abordagem da teoria do planejamento do trabalho. A Coimbra considera a abordagem da teoria da expectativa.
Você acertou!
A  Philos ao se preocupar em despertar as variedades de habilidades das pessoas, ao proporcionar que estas se identifiquem com suas tarefas, dando-lhes autonomia e feedbacks constantes está considerando teoria do planejamento do trabalho (Walger, Viapiana e Barbosa, 2014, p. 77).
Já a Coimbra considera a abordagem da teoria da expectativa, pois entende que há relação entre o esforço e o desempenho, entre  o desempenho e a recompensa e entre a recompensa e as metas pessoais (Walger, Viapiana e Barbosa, 2014, p. 81).
As demais alternativas, portanto, não estão corretas,