A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
2 pág.
Causas de exclusão da responsabilidade - Resumo

Pré-visualização|Página 1 de 2

1
Causas de exclusão da responsabilidade civil
Exclusão da responsabilidade
Regra: responsabilidade objetiva.
Possibilidade de inversão do ônus da prova.
Como o fornecedor pode se defender em uma ação?
Art. 12 § 3° do CDC
Fabricante, construtor, produtor ou importador:
(i) Não colocou o produto no mercado – o fornecedor comprova que não colocou o
produto no mercado:
Produtos que chegam ao mercado sem o consentimento do fornecedor.
Produtos não transferidos a terceiros.
(ii) Inexistência do defeito - o fornecedor comprova que não houve defeito no produto.
Considera-se a época de colocação do produto no mercado.
Deve ser averiguado o momento em que se tornaram defeituosos.
(iii) Culpa exclusiva do consumidor ou de terceiro.
Esse terceiro deve ser desvinculado das partes.
Culpa concorrente não afasta a responsabilidade, mas reduz a indenização.
Causas de exclusão da responsabilidade civil
Direito do Consumidor

2
Caso fortuito e força maior? 3 entendimentos:
1º entendimento: não é possível a excludente de responsabilidade ao caso fortuito e
força maior.
2º entendimento: o caso fortuito e a força maior são causas de exclusão da respon-
sabilidade sem restrições.
3º entendimento: é possível a excludente de responsabilidade nesse casos, no entan-
to de forma restrita, a eventos não relacionados à atividade do fornecedor.
Discussão relevante com relação aos eventos ocorridos antes da colocação do pro-
duto no mercado.
Três requisitos elencados por E. Frietsch:
O fato que resultou o defeito deve ser estranho à atividade do fornecedor.
O fato causador do defeito deve ser excepcional.
O evento causador do defeito deve ser inevitável.
Teoria do risco de desenvolvimento? Defeitos desconhecidos e imprevisíveis em ra-
zão do estado da ciência e da técnica à época da colocação do produto no mercado.
Doutrina diverge acerca da possibilidade de adota-la como causa de exclusão da
responsabilidade.
Entende-se que se o fornecedor atuou com diligência, cumprindo todas as normas
de segurança aplicáveis e disponíveis à época da colocação do produto no mercado,
não será responsabilizado.
Art. 14 § 3° do CDC
Hipóteses de exclusão da responsabilidade do fornecedor de serviços:
Inexistência do defeito.
Culpa exclusiva do consumidor ou de terceiro.