A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
4 pág.
APOL 1 LOGISTICA REVERSA E GESTAO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS

Pré-visualização | Página 1 de 1

APOL 1 LOGISTICA REVERSA E GESTAO DA CADEIA DE SUPRIMENTOS – NOTA 100
Questão 1/5 - Logística Reversa
A área que estamos conversando é uma nova área da logística empresarial que tem como objetivo gerenciar e operacionalizar o retorno de bens e materiais após sua venda e consumo, às suas origens, agregando valor aos mesmos. Dentro do contexto econômico, ambiental e social, essa nova ferramenta vem contribuir de forma significativa para o reaproveitamento de produtos e materiais após seu uso, amenizando os prejuízos causados ao meio-ambiente pelo grande volume de bens fabricados pelos complexos produtivos.
Com base neste contexto, assinale a área correta da Logística empresarial que planeja, opera e controla o fluxo e as informações correspondentes ao retorno dos bens de pós-vendas e pós consumo ao ciclo de negócios ou ao ciclo produtivo por meio de canais de distribuição reversos, agregando-lhes valor de diversas naturezas.
	
	A
	Logística Reversa
	
	B
	Gestão ambiental
	
	C
	Marketing de serviços
	
	D
	Administração da produção
	
	E
	Cadeia de suprimentos
Questão 2/5 - Logística Reversa
Aprendemos na rota de aprendizagem e na aula online que os canais logísticos reversos podem ser de pós-venda ou de pós-consumo. A logística reversa de pós-venda trata do retorno do produto de pós-venda, sem uso ou com pouco uso que é devolvido por razões comerciais, por garantia ou substituição de componentes. O produto de pós-venda é aquele com pouco uso ou que não chegou a ser utilizado e que por diferentes motivos será reintegrado ao mercado.
Já a logística reversa de pós-consumo Leite (2009, p. 20), define “como a que planeja, opera e controla o fluxo de retorno dos produtos de pós-consumo ou de seus materiais constituintes, classificados, em função de seu estado de vida e origem, em condições de uso, fim de vida útil e resíduos industriais”. O bem de pós-consumo é aquele que já foi utilizado e que chegou ao fim de sua vida útil, mas que ainda poderá ser aproveitado para outros fins específicos.Com base nestes conceitos, podemos afirmar que:
	
	A
	Enquanto nos canais de distribuição reversos de pós-venda, os bens sofreram 
maior utilização, nos canais reversos de pós-consumo, os bens sofreram 
pouca ou nenhuma utilização.
	
	B
	Enquanto nos canais de distribuição reversos de pós-consumo, os bens não 
sofreram utilização, nos canais reversos de pós-venda, os bens sofreram
 muita utilização.
	
	C
	Enquanto nos canais de distribuição reversos de pós-consumo, os bens
 não sofreram utilização, nos canais reversos de pós-venda, os bens
 sofreram pouca ou nenhuma utilização.
	
	D
	Enquanto nos canais de distribuição reversos de pós-consumo os bens 
sofreram maior utilização, nos canais reversos de pós-venda os bens 
sofreram pouca utilização.
	
	E
	Enquanto nos canais de distribuição reversos de pós-venda, os bens 
sofreram nenhuma, nos canais reversos de pós-consumo, os bens 
sofreram pouca utilização.
Questão 3/5 - Logística Reversa
O mundo globalizado preocupa-se com as consequências dos sistemas produtivos sobre a vida. Face aos impactos causados ao meio ambiente, passou a apresentar uma dinâmica diferente em relação aos canais de distribuição, desenvolvendo os canais de distribuição reversos. Basicamente, os tipos de fluxos logísticos são os dois conhecidos e de maneira lógica são tratados como o de fluxos diretos e o de fluxos reversos, ambos tratam com as partes interessadas (clientes, fornecedores) de maneira direta, o que muda é apenas o fluxo do material e/ou da informação. 
Em se tratando de fluxos reversos, pode-se dizer que eles são assim identificados:
	
	A
	O retorno ao ciclo produtivo ou de negócios de parte dos componentes
 ou de seus materiais constitutivos para reaproveitamento no mesmo 
mercado original ou em secundários;
	
	B
	O retorno ao ciclo produtivo ou de negócios apenas das embalagens para
 reaproveitamento no mercado original;
	
	C
	O retorno ao ciclo de serviços de todos os materiais complementares 
não usáveis pelo consumidor industrial para o descarte adequado sem 
riscos de contaminação;
	
	D
	O retorno ao ciclo de serviços de parte dos componentes para reuso 
em novos projetos de produção;
	
	E
	O retorno dos materiais devido apenas a reclamação dos clientes.
Questão 4/5 - Gestão de Cadeias de Suprimentos
Por meio de seus amplos contatos, experiências e escala de operação, os intermediários disponibilizam produtos e os tornam acessíveis ao mercado-alvo, preenchendo a lacuna de tempo e espaço entre quem fabrica e quem quer comprar.
 Eles representam, distribuem e podem até mesmo vender o que é produzido. Assim, podem oferecer a uma empresa mais eficiência e eficácia na distribuição. Considerando as características de cada canal de distribuição numere a 2ª coluna 
de acordo com 1ª coluna.
1-Varejista                                (   ) Venda, armazena e dá assistêcnia
2-Atacadista                              (   )  Pessoa jurídica comissionada para vender
3-Distribuidor                             (   )  Vende diretamente ao cliente final
4-Agentes/Representantes          (   )  Revende para outros comerciantes
Marque a alternativa que representa a sequência correta da correlação acima:
	
	A
	3-4-2-1
	
	B
	4-3-2-1
	
	C
	3-4-1-2
	
	D
	4-3-1-2
	
	E
	2-1-3-4
Questão 5/5 - Gestão de Cadeias de Suprimentos
Toda empresa possui dois tipos de estrutura: Formal e informal
Estrutura formal: É a estrutura que todas as empresas possui, é a estrutura deliberadamente planejada, e formalmente representada  em organogramas.
Estrutura Informal: Essas estruturas são identificadas com a interação social estabelecidas entre as pessoas, desse modo, progride espontaneamente no momento que as pessoas se reúnem. Traduz as relações que habitualmente não surgem no organograma. São comportamentos sociais que não são documentados e reconhecidos oficialmente entre os membros organizacionais, aparecendo inevitavelmente em decorrência das necessidades pessoais e grupais dos empregados.
Considerando as características das estruturas organizacionais  marque ( F)  em se tratando de característica das estruturas formais e ( I ) em se tratando de características das estruturas informais 
(  ) Está sujeita a controle.
(  ) É representada pelo organograma da empresa e seus aspectos básicos.
(  ) É estruturada e organizada.
(  ) A autoridade flui na maioria das vezes na horizontal.
(  ) É instável.
(  ) Não está sujeita a controle.
(  ) Lider formal.
 
Em relação a sequência de respostas acima marque a alternativa correta.
	
	A
	I - I - F - F - F - F - F
	
	B
	F - F - F - I - I - F - F
	
	C
	F - F – I - I- F - F - F
	
	D
	F - F - F - I - I - I - F
	
	E
	I - F - I - F - I – F - I