Logo Passei Direto

A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
13 pág.
ASS I,2,3,4,5,6 Diversidade etnico cultural todas certas

Pré-visualização | Página 1 de 5

ASS I
Pergunta 1
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	  É o sistema integrado de padrões de comportamento aprendidos, os quais são característicos dos membros de uma sociedade e não o resultado de herança biológica. Não é geneticamente pré-determinada; é não instintiva. É o resultado da invenção social que é transmitida e apreendida somente através da comunicação e da aprendizagem (HOEBEL; FROST, 1976, p. 4).
Trata-se da
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	e. 
  cultura.
	
	
	
Pergunta 2
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	A linguagem, como instrumento maior de cumulação e difusão de experiências e trocas culturais inerentes ao humano, permite-nos identificar também sintomas de desumanização, no enfraquecimento da possibilidade de expressão, que revela graus decrescentes de consciência sobre os resultados das ações humanas, conformando identidades sociais vazias de sentidos, significados e de repertórios morais.
Considerando a linha de raciocínio acima, leia atentamente as seguintes assertivas:
I    Trata-se de um sintoma de desumanização, produzido pela sociedade de consumo de massa, aquela em que o psicólogo alemão Erich Fromm identificou, no livro Ter ou ser, como os valores do consumo determinando as identidades sociais. 
II    O capitalismo ocidental teria falhado em criar valores morais, aprofundando processos de desumanização que levam a constituições culturais mais de aparência do que de essência, na vigência dos valores acríticos das sociedades de consumo de massa e do espetáculo, onde se é aquilo que se tem. 
III    O capitalismo trouxe oportunidades para as culturas se diversificarem e criarem mais solidariedade e sentido de comunidade. 
É FALSO o que se afirma em
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	e. 
  III, apenas.
	
	
	
Pergunta 3
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	 Considerando que outra forma de se compreender a constituição cultural das sociedades é a partir de sua função transformadora do meio ambiente, do meio social e do próprio homem, leia as seguintes afirmativas, pontuando V para VERDADEIRO ou F para FALSO:
I    Já nos dissera Herbert Spencer que o homem não é tal qual aquele das pinturas chinesas, ou seja, solto no espaço, como se estivesse caindo no nada: o homem existe no meio geográfico. Mais do que isso, retira desse meio o necessário à sua sobrevivência. 
II    Pensemos, então, a dimensão cultural humana a partir das relações entre homem e meio ambiente. Verifiquemos no quadro que o homem, que é dotado de necessidades materiais, literalmente obedecendo a programações biológicas – comer, evacuar, beber, dormir, procriar etc. –, realiza-as essencialmente no meio ambiente.
III    Pensemos no homem que atende às suas necessidades de sobrevivência no meio ambiente. A caça e coleta, por exemplo, foram as atividades econômicas da maior parte do tempo de vida humana sobre a Terra, e nessas o homem retirava do meio aquilo que necessitava, infelizmente, interferindo no qual, muito gravemente, originando, assim, a agricultura, por pura necessidade. 
As afirmativas I, II e III são, RESPECTIVAMENTE:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
  V, V, F.
	
	
	
Pergunta 4
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	Indubitavelmente, viver em uma grande cidade é sinônimo, hoje, de alienação e dependência, pois, cada vez mais, distanciamo-nos da natureza, à qual exercemos domínio como grupo, nunca como seres isolados.
Considerando a linha de raciocínio acima, leia atentamente as seguintes assertivas:
I    Assim, tendemos a nos distanciar cada vez mais das relações primordiais geradoras de cultura, para assumir repertórios culturais gerados, em essência, pela indústria de consumo de massa.
II    O distanciamento do homem em relação à natureza é responsável por uma ilusão de falso domínio: seu isolamento nos centros urbanos constrói uma sensação de segurança em relação ao meio e de pleno domínio da natureza, que exaure não mais para sua sobrevivência, mas para atender aos fetiches da acrítica sociedade de consumo de massa.
III    O homem tanto se orgulha de suas grandes obras e monumentos, de sua pretensa superioridade com relação ao meio em que vive, que se esquece de que, por si só, não é detentor de conhecimento algum que possa garantir sua sobrevivência se deixado sozinho, desprotegido em meio a uma densa floresta, cercado por animais selvagens e predadores, precisando prover-se da caça e da coleta.
É VERDADEIRO o que se afirma em
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	b. 
  I, II e III.
	
	
	
	ASS II Diversidade Etnico Cultural
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
	
Pergunta 1
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	Considerando que foi o filósofo inglês Herbert Spencer (1820-1903), profundo admirador da obra de Charles Darwin, quem criou o darwinismo social, em sua busca por aplicar as leis da evolução em todos os níveis da atividade humana, leia atentamente as seguintes afirmações, pontuando V para VERDADEIRO ou F para FALSO:
I    Nesse esforço, a partir do darwinismo social Spencer erigiu uma teoria sobre as raças; estendendo critérios de comparação e diferenciação, utilizados para o estudo de animais, a fim de compreender as diferenças entre os homens. 
II    O darwinismo social foi uma teoria que buscou evidenciar a igualdade racial e que a sociedade deveria também lutar pela igualdade e o fim do racismo. 
III    Estabelecendo que, tal qual os animais, os homens se subdividiriam em raças e que, aplicando as teses darwinistas, poderiam ser qualificadas como mais ou menos aptas ou, ainda, primitivas ou civilizadas, de modo que estaria anulado o poder de livre arbítrio do homem, uma vez que suas escolhas estariam determinadas pelas características étnico-culturais que teriam herdado de seus antepassados. 
IV    Utilizando esses critérios, o cruzamento inter-racial, a miscigenação, levaria à degeneração das espécies, enquanto sua perpetuação seria garantida pela valorização das raças "puras", ou seja, intocadas pela miscigenação.
As afirmativas I, II, III e IV são, RESPECTIVAMENTE:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	d. 
  V, F, V, V.
	
	
	
Pergunta 2
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	 Sobre o funcionalismo, cujo expoente foi Malinowski, assinale a alternativa que NÃO tem relação com a concepção desse autor para compreender a cultura:
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	b. 
  Definia que os homens evoluíam de primitivos a civilizados e que os europeus deveriam ser considerados povos superiores. 
	
	
	
Pergunta 3
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	Pressupunha um caminho linear e finalista para o processo evolutivo, partindo sempre de um estágio menos evoluído – o patamar primitivo – para o mais evoluído – a civilização. Essa interpretação encontrava respaldo nas teses do filósofo suíço Jean-Jacques Rousseau (1712-1778) e sua defesa da perfectibilidade humana, como um estágio possível de ser alcançado na esperança que depositava no homem natural, essencialmente bom.
Trata-se
	
	
	
	
		Resposta Selecionada:
	c. 
  da interpretação monogeísta.
	
	
	
Pergunta 4
0,15 em 0,15 pontos
	
	
	
	 Considerando que comparativamente ao evolucionismo, o funcionalismo permitiu a adoção de uma postura diversa daquela de superioridade entre o estudioso e a cultura estudada, leia atentamente as seguintes afirmações, pontuando V para VERDADEIRO ou F para FALSO:
I    O desdobramento dessa postura consiste no relativismo que, por sua vez, distancia o investigador dos questionamentos valorativos sobre os nativos, que passam a ser meros comunicadores de suas práticas culturais.
II    Normas e valores, para os relativistas, não devem ser objeto de nenhuma ordem de questionamento e a postura do antropólogo em campo, portanto, é a de mero coletor e analista de informações.
III    O relativismo é radicalmente contrário à tendência universalista do evolucionismo; ou seja, contra seu ímpeto de estender um mesmo repertório
Página12345