A maior rede de estudos do Brasil

Grátis
39 pág.
ATENÇÃO FARMACÊUTICA

Pré-visualização | Página 2 de 18

que melhorem a qualidade de vida do paciente.
		
	
	Estão correta as afirmativas I, II, III
	
	Estão correta as afirmativas II, IV, V
	 
	Estão correta as afirmativas I, III, V
	 
	Estão correta as afirmativas II, IV
	
	Estão correta as afirmativas I, III
		
	 3a Questão (Ref.: 201503630076)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	São aqueles que não necessitam de receita médica para serem adquiridos, são internacionalmente reconhecidos pela sigla OTC: Over the Counter (sobre o balcão)
		
	
	Medicamentos genéricos
	
	Medicamentos similares
	 
	Medicamentos Isentos de Prescrição
	
	Medicamentos de referência
	
	Medicamentos dispensados somente com prescrição
		
	 4a Questão (Ref.: 201503301592)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Analise as afirmativas e assinale a alternativa CORRETA. 
I - A obtenção de consensos sobre conceitos e estratégias para a prática da Atenção Farmacêutica poderá contribuir para que os profissionais envolvidos adotem um conjunto de novas condutas em suas práticas diárias, baseadas nas diretrizes comuns, possibilitando a troca de experiências e avaliação dos resultados alcançados com esta nova prática. Além disso, este processo pode contribuir para que outros profissionais, que também proporcionam atenção à saúde, possam beneficiar-se desta prática e de forma sinérgica, contribuir para a melhora da qualidade de vida do usuário e da comunidade e, ainda, subsidiar outros processos de mudanças na educação, na prática, na pesquisa e na regulamentação da Farmácia e da área da saúde em geral. 
II - Os elementos identificados a partir dos entendimentos prioritários dos grupos de trabalho da I Oficina Nacional de Atenção Farmacêutica explicitam aspectos fundamentais da realidade, traduzida, entre outras, pela seguinte constatação: Deficiências na formação, excessivamente tecnicista, com incipiente formação na área clínica; Descompasso entre a formação dos farmacêuticos e as demandas dos serviços de atenção à saúde, tanto públicos como privados e nos diferentes níveis, bem como daquelas referentes ao setor produtivo de medicamentos e insumos necessários ao âmbito da saúde; Falta de diretrizes e escassez de oportunidades de educação continuada. 
III - Conjunto de ações desenvolvidas pelo farmacêutico, e outros profissionais de saúde, voltadas à promoção, proteção e recuperação da saúde, tanto no nível individual como coletivo, tendo o medicamento como insumo essencial e visando o acesso e o seu uso racional. Envolve a pesquisa, o desenvolvimento e a produção de medicamentos e insumos, bem como a sua seleção, programação, aquisição, distribuição, dispensação, garantia da qualidade dos produtos e serviços, acompanhamento e avaliação de sua utilização, na perspectiva da obtenção de resultados concretos e da melhoria da qualidade de vida da população. Este conceito retrata o conceito de assistência integrada a saúde promovendo o acompanhamento desde a pesquisa e produção do medicamento até o uso final deste pelo paciente. 
IV - O entendimento da prática da Atenção Farmacêutica é compreendido como modelo desenvolvido no contexto da Assistência Farmacêutica, na perspectiva da integralidade das ações de saúde. Há um consenso de que Assistência e Atenção Farmacêutica são conceitos distintos. Este último refere-se a atividades específicas do Farmacêutico no âmbito da atenção à saúde, enquanto o primeiro envolve um conjunto mais amplo de ações, com características multiprofissionais.
		
	
	Estão corretas as alternativas II, III e IV
	 
	Estão corretas as alternativas I, II e IV
	 
	Todas as alternativas estão corretas
	
	Estão corretas as alternativas I, II, III
	
	Estão corretas as alternativas I, III, IV
		
	 5a Questão (Ref.: 201503693553)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Na dispensação de medicamentos isentos de prescrição o profissional farmacêutico deverá fazer o encaminhamento do paciente para o médico, quando: 
I- Pacientes que fazem parte de grupo de risco, como gestantes, lactantes, recém-nascidos, crianças e idosos; 
II- Se o problema relatado pelo médico não puder ser tratado com a utilização de MIP; 
III- Se tiver ocorrendo reação adversa a outro medicamento que o paciente utiliza; 
IV- Se os sintomas estiverem associadas a outra patologia; 
V- Há necessidade de encaminhar o paciente para o médico, somente se o paciente for idoso. É (são) correta (s) a (s) afirmativa (s):
		
	
	I e II, apenas
	
	IV, apenas
	
	I, II, III, IV e V
	 
	I, II, III e IV
	
	II, IV e V, apenas
	 1a Questão (Ref.: 201503312384)
	Pontos: 0,1  / 0,1
	Analise as afirmativas abaixo e assinale a alternativa CORRETA: 
I - Define-se Intervenção Farmacêutica como a ação do farmacêutico que tem como objetivo melhorar o resultado clínico dos medicamentos, mediante a modificação da utilização dos mesmos. Esta Intervenção deverá acontecer por meio de um plano de atuação previamente acordado com o paciente. Pode-se definir Plano de atuação é o conjunto de intervenções que o paciente e o farmacêutico em comum acordo se comprometem a realizar para resolver os PRM detectados. Já o Plano de seguimento é o projeto de encontros acordado entre paciente e farmacêutico, para assegurar que os medicamentos que o paciente utiliza continuarão sendo somente aqueles que necessita, e, que continuarão sendo os mais efetivos e seguros possíveis. 
II - Dentre as principais funções e atividades da Assistência Farmacêutica pode-se destacar: Planejar, coordenar, executar, acompanhar e avaliar as ações; Articular a integração com os serviços, profissionais de saúde, áreas interfaces, coordenação dos programas, entre outras; Elaborar normas e procedimentos técnicos e administrativos; Elaborar instrumentos de controle e avaliação; Selecionar e estimar necessidades de medicamentos; Gerenciar o processo de aquisição de medicamentos; Garantir condições adequadas para o armazenamento de medicamentos; Gestão de estoques; além de distribuir e dispensar medicamentos. 
III - A Orientação farmacêutica ao paciente é o processo informativo referente ao tratamento, acompanhamento e avaliação farmacoterapêutica da prescrição. Para a execução do serviço é preciso conhecimentos, habilidades, técnicas de comunicação, metodologia para elaboração de programas. A orientação baseia-se num processo de informação e educação fundamental para o êxito da terapêutica indicada. Informar é dotar o indivíduo de conhecimentos a respeito do medicamento a ser utilizado. Educar é motivar e induzir mudanças para a prática de estilos de vida saudável, conscientizando o usuário da responsabilidade pela sua saúde. A informação deve ser prestada de forma clara, simples, compreensiva, em função das necessidades de cada indivíduo, do nível socioeconômico e cultural e do tipo de medicamento prescrito. 
IV - A filosofia da prática da assistência farmacêutica descreve um enfoque centrado no paciente que nos permite satisfazer a necessidade social de controlar a morbidade e mortalidade relacionada aos medicamentos, com um objetivo explicito de atender as necessidades relacionadas aos medicamentos e assumir a responsabilidade de garantir que todo o tratamento farmacológico do paciente é o mais efetivo disponível, o mais seguro possível e o mais indicado. 
V - No processo de orientação ao paciente, pode-se atribuir como responsabilidades do farmacêutico, dentre outras: Analisar a prescrição médica; Identificar as necessidades do paciente em relação ao uso dos medicamentos e prover as informações necessárias; Manter-se atualizado para uma adequada prestação de serviços de qualidade; Conhecer, interpretar e estabelecer condições para o cumprimento da legislação pertinente; Manter atualizados os registros referentes à dispensação; Coletar e registrar ocorrências de reações adversas e efeitos colaterais relativos ao uso de medicamento, informando à autoridade sanitária local; Orientar o usuário sobre os cuidados e guarda